IMPORTANTE: O Banco de Séries não serve para assistir séries! Somos uma rede social onde os fãs de séries podem controlar os episódios que assistiram, dar notas, comentar, criar sua agenda, saber quando passa o próximo episódio. Somos totalmente contra a pirataria e não disponibilizamos conteúdo que fere direitos autorais.

Grey's Anatomy By Felipe





Episodio 1x1 - Nota 10 2012-07-30 21:42:23

Perfeito! Já amei de cara. ♥

Episodio 1x1 - Nota 10 2013-06-17 21:42:05

Acabei de rever o meu maior guilty pleasure <3
É tão perfeitinho, tem um roteiro tão objetivo e tão bem construído...
Personagens que te cativam de primeira... Simplesmente não tem como não amar!

Eu nem lembrava que o Alex não fazia parte do grupo da Bailey! E esse jeito todo arrogante dele que eu odiava hahahahaha

Derek e Meredith ♥
A amizade de Cristina e Mer awwwww

Recomendo muito pra todos que estão começando agora pois não vão se arrepender! A série é SENSACIONAL.

Episodio 1x1 - Nota 10 2014-09-20 19:07:06

Não entendi o motivo de ter comentado "guilty pleasure". Porque não sinto vergonha nenhuma de amar incondicionalmente essa série maravilhosa! <3

Episodio 1x2 - Nota 9 2012-07-31 20:59:26

Como não amar essa série? Nossa, perfeito! ♥

Episodio 1x2 - Nota 9 2013-06-18 22:07:34

Um dos inúmeros méritos de Grey's Anatomy é essa fantástica trilha sonora que cai muito bem em todas as cenas que é apresentada...

Esse episódio é muito bom!
Como a Cíntia disse, é esplêndida a forma como Shondanás (que era uma santa no começo haha) apresenta e constrói o lado humano de cada personagem, mesmo com suas ambições.

Derek ficando ao lado da paciente estuprada a noite toda, aw ♥

Episodio 1x2 - Nota 9 2014-11-24 09:25:52

Pois é né! haha

Episodio 1x3 - Nota 9 2012-08-01 20:58:46

Fiquei chocado com a frieza da Cristina... Que horror! Enfim, mais um episódio perfeito. ♥

Episodio 1x4 - Nota 8.5 2012-08-02 21:24:30

Izzie super fofa. <3

Episodio 1x5 - Nota 10 2012-08-03 20:02:03

Série ficando cada vez melhor. ♥

Episodio 1x6 - Nota 9 2012-08-04 19:51:39

Série perfeita. Envolvente. E esse episódio foi muito emocionante. Muito triste quando Annie morre... Nossa. :/

Episodio 1x7 - Nota 9 2012-08-06 12:02:21

Cristina grávida :ooooo

Episodio 1x8 - Nota 8.5 2012-08-06 12:02:36

Adorei! Meredith e Derek ♥

Episodio 1x9 - Nota 10 2012-08-07 12:05:21

As cenas do George foram hilárias demais! Ri muito!

Episodio 2x1 - Nota 10 2012-08-07 12:06:00

George é um dos melhores personagens, e de longe o mais engraçado. Ele e a Izzie! hahaha Muito bom! ♥

Episodio 2x2 - Nota 10 2012-08-08 11:54:08

Queria que aquele cara tivesse dito porque ingeriu as cabeças de boneca! D: hahaha

Episodio 2x2 - Nota 10 2015-03-22 21:31:24

Nossa! HAHAHAHAHAHA

Episodio 2x3 - Nota 9 2012-08-08 11:54:37

Cristina, sua linda :( Melhor ep da temporada até agora! :)

Episodio 2x4 - Nota 9 2012-08-12 14:03:00

Cristina perfeita. ♥

Episodio 2x5 - Nota 9 2012-08-12 14:03:17

Que tenso as cenas do elevador. E morri rindo com a Cristina e o porn guy! hahaha

Episodio 2x6 - Nota 10 2012-08-12 14:03:33

O MELHOR episódio da série. Mais emocionante. Mais triste. Nossa, chorei horrores com essas cenas finais! ♥

Episodio 2x7 - Nota 9 2012-08-14 21:14:11

MORRI COM O VELHINHO RINDO! "O coração dela pega fogo na QUINTA cirgurgia cardíaca, e ela sobrevive! hahahaha" Demais ♥

Episodio 2x8 - Nota 8.5 2012-08-14 21:14:34

"I'm pregnant, you blind moron." Baileeeey muito amorrrr E tô odiando o Derek sinceramente!

Episodio 2x9 - Nota 9 2012-08-14 21:14:52

Gosto muito dos episódios de ação de graça! ♥ Esse foi ótimo!

Episodio 2x10 - Nota 8.5 2012-08-15 12:11:57

Eu ACHO que a cena queria mostrar que a Meredith estava ficando com vários caras do bar, sabe? Não acho que houve mudança de ator, e sim surgiu um cara novo! E essa casa da Cristina? KKKKKKKK Alex ridículo :/

Episodio 2x10 - Nota 8.5 2013-07-15 21:58:06

As cenas da Meredith toda constrangida por causa do cara foram as melhores. Morri de rir com as caras e bocas dela! hahahaha

Minha relação com o Alex é de um amor e ódio tão profundo nesse início de temporada.... O que ele fez com a Izzie foi sacanagem pura... Ela não merecia!

A cena do parto é tão emocionante: ainda mais com essa trilha sonora maravilhosa!

Episodio 2x11 - Nota 9 2012-08-15 12:12:12

Bebês lindos! E o cachorro no final? Awww ♥

Episodio 2x11 - Nota 9 2013-07-16 22:03:37

A Izzie não merecia passar por aquilo.... Amo a Addison, mas foi uma atitude muito extrema.

A cena final da Mer com Izzie se divertindo com o cachorro, e o George correndo é tão bonita hahaha ♥

Episodio 2x12 - Nota 10 2012-08-15 12:12:26

Muito tenso esse ep de natal! Acho que o Alex deve correr atrás da Izzie novamente o quanto antes... E gostei da Bailey defendendo ele. E nossa, a família daquela mulher é uma coisa de LOUCO! Credo!

Episodio 2x13 - Nota 9 2012-08-16 13:03:01

Haaaaa John Winchester em Grey's! Muito amorrrr E a felicidade da Bex ao saber que podia escolher ser um menino? ♥

Episodio 2x14 - Nota 8.5 2012-08-16 13:03:15

Baileeeeeeeeeey ♥

Episodio 2x15 - Nota 9 2012-08-16 13:03:36

E esse final gente? Tadinha da Meredith. Deve ser uma coisa horrível! E minha cara quando revelou que Izzie tem uma filha! :ooo

Episodio 2x16 - Nota 10 2012-08-17 12:59:26

MELHOR EPISÓDIO DA SÉRIE, DE LONGE! Mil vezes melhor que o do acidente com o trem! Gente, que aflição! Que tensão! Meredith, sua LOUCA! Nooooossa muito bom! Sem palavras. Simplesmente perfeito!

Episodio 2x17 - Nota 10 2012-08-17 12:59:44

TOMEI UM SUSTO QUANDO A BOMBA EXPLODIU! Quase caí da cadeira. Mas eu já estava esperando que algo do tipo fosse acontecer... Certamente alguém iria morrer nesse episódio! Essa cena foi perfeita. Meredith caindo e tals... E Derek perdendo o marido da Bailey e todos em desespero... Esses dois episódios foram simplesmente SENSACIONAIS! Tô absolutamente sem palavras!

Episodio 2x18 - Nota 9 2012-08-17 13:00:04

O QUE FOI GEORGE SE DECLARANDO PRA MEREDITH?!?! Todos faleceee! E o Mark McSteamy! hahahaaaa Dianna então simplesmente decidiu que queria o Derek de volta? Porque se ela decidiu ficar com o McSteamy após a separação..... Que confusão!

Episodio 2x19 - Nota 9 2012-08-18 13:58:58

Nossa, como o George me irritou nesse episódio. Especialmente nesse final. Tá, aconteceu o que aconteceu na cama. Mas porra! Ele gosta dela, mas é de conhecimento até de uma anta que ela é louca pelo Derek. Ele se declarou e em vez de dar um espaço, ou um tempo, para ela refletir nas palavras dele.. Não! Já foi pra cama! Meredith pode ter cometido um erro terrível mas ele também cometeu. Ele aproveitou! Se eu fosse ela, tinha mandado ele ir pro inferno quando tava se mudando... Eu odeio esse tipo de personagem... Esse tipo de personalidade.

Episodio 2x20 - Nota 9 2012-08-18 13:59:31

MEU DEUS, DÁ PRA MATAR O GEORGE? Esse episódio, por mais perfeito que tenha sido, só não foi ainda melhor por causa da infantilidade dessa anta. Acho que pior mesmo é a Meredith querendo consertar algo que ele TAMBÉM cometeu... É como eu disse sobre o ep anterior... Ele sabia que ela é louca pelo Derek e ainda assim se aproveitou de um momento de fraqueza. Eu no lugar da Meredith já tinha esquecido que ele existe. Personagem idiota!

Episodio 2x21 - Nota 9 2012-08-18 13:59:50

AAAAAAAI QUE EPISÓDIO PERFEITO! Odiei o Alex o episódio inteiro, mas as palavras dele pro George foram tiradas da minha boca. E eu acho que ainda daria uma boa surra nele... George era mais interessante antes... Conseguiram destruir o personagem. Não suporto mais.

Episodio 2x22 - Nota 10 2012-08-19 15:19:34

Eu faria o mesmo se fosse a Cristina... Acho que o George ficou muito chato depois do que houve com a Meredith... E o que foi aquela cena com a mãe e a filha?? ♥

Episodio 2x23 - Nota 9 2012-08-19 15:19:47

Amooooo a Addison! E eu tinha dado uns box na cara daquela desgraçada, querendo ferrá-la. Addison não merece. :( Não gostei da atitude do Derek no final. Ele não tem direito de se achar ofendido. E que raiva do Alex... Antes eu tinha simpatizado mas ele voltou a ser o mesmo idiota de sempre.

Episodio 2x24 - Nota 10 2012-08-19 15:20:05

Antes eu tava estressado com o George, que finalmente voltou a si! E agora estou com raiva do Derek. Meredith acabou com ele apenas falando a verdade. E novamente ele diz "O que tínhamos acabou". Jura? ODEIO esse tipo de pessoa, sinceramente. Eu no lugar da Meredith, teria dito "F*CK YOU!" de vez! E o que dizer do episódio em si? Que lindo, que perfeito. Como não chorar junto da Meredith e do paciente quando ele se desculpa com o pai da mulher lá... :(

Episodio 2x25 - Nota 10 2012-08-20 12:51:00

QUE TENSÃO. Adorei a Bailey brigando com o cara kkkkkkk Ri muito. E esse final? PQP! Burke.... O coração. Denny! Nossa, que perfeito, como tudo nessa série. ♥

Episodio 2x25 - Nota 10 2016-01-25 10:37:25

Esse final da temporada é bem eletrizante mesmo. Uma loucura atrás da outra. Também lembro até hoje de quando vi pela primeira vez e o quanto fiquei desespero! hahahaha

Game of Thrones se enquadra perfeitamente no quesito "série pesada" mesmo! ADORO!! < 3

Episodio 2x26 - Nota 10 2012-08-20 12:51:16

FINALMENTE GEORGE ASSUMINDO RESPONSABILIDADE PELOS SEUS ATOS! Pensei que ia ficar com raiva da Meredith pra sempre, quando ele nem tem razão. Nem sei o que dizer do Burke... Tadinho, só falta ele não poder mais exercer a profissão. :( E Denny, que tensão eu fiquei por causa dele... Gosto muito do personagem. Enfim, PERFEITO. ♥

Episodio 2x27 - Nota 10 2012-08-20 12:51:34

MEU. DEUS. O que foi esse final? Primeiro episódio de Grey's que fiquei desidratado. Eu já estava pensando que Izzie ia mesmo se casar com Denny... Não esperava essa tragédia. E não quero que ela saia do programa... Ai gente, que lindo. Que perfeição. Me pergunto porque não assisti essa série antes. ♥

Episodio 3x1 - Nota 10 2012-08-21 13:01:01

Tadinha da Adele... Não merece alguém como o Richard! E a Izzie, meu Deus. Que dorr vê-la assim. :(

Episodio 3x2 - Nota 10 2012-08-21 13:01:15

Cristina, sua perfeita. Ri muito com ela nesse episódio. ♥ E deve ressaltar a atuação da Katherine Heigl nesse episódio, nossa. Que perfeita. Izzie e Bailey conversando no final, que cena linda!

Episodio 3x3 - Nota 9 2012-08-21 13:01:29

Quando penso que o George não pode ficar mais idiota, ele vai e faz isso com a Callie, INCRÍVEL.

Episodio 3x4 - Nota 9 2012-08-22 13:11:21

CHOCADO com os quase 9 milhões que a Izzie ganhou, meu Deusss! KKK Meredith drogada, HILÁRIO! Mas ainda bem que ela dispensou o Finn, tava na hora já.

Episodio 3x5 - Nota 10 2012-08-22 13:11:47

Callie escrotaaaa! E o Derek gente? PQP! É muita enrolação pra um personagem só! Coitada, ela não merece isso. :(

Episodio 3x5 - Nota 10 2013-08-09 22:39:24

Me dá agonia esse chove, não molha de Derek e Meredith. Ele me irrita muito com essas atitudes...
Outra coisa que me irrita é essa brutalidade como o Derek trata a Addison... Tudo bem que ela estava errada, não quero menosprezá-lo nessa parte.
Mas ela é bem mais sensata: Os dois cometeram erros. Nenhum deles deve ficar se martirizando ou culpando um ao outro. Tá bem claro que o casamento não deu certo pelos dois lados.

No meu comentário anterior, quando assisti ao episódio pela primeira vez, chamei a Callie de escrota. E agora estou quebrando minha cabeça tentando lembrar porque disse isso.
Eu não acho que o George deveria deixar as amigas de lado por causa da Callie, e era isso o que ela mais queria dele: Atenção. Mas por outro lado, talvez seja ele quem se encaixa um pouco nessa palavra porque é evidente que ela gosta dele. E o problema dele é o que ela exaltou: É exatamente não notar! E não valorizar.

Nunca fiquei com raiva da Izzie... Tá lidando com um trauma assim, agindo como se estivesse tudo bem quando não está.
O diálogo entre ela e o Burke é incrível. É verdadeiro. E não foi dado como uma “bronca”, apenas como um toque.

Eu tinha uma relação muito forte de amor e ódio com o Alex no início da série até a 5ª temporada, mais ou menos. Atualmente ele é um dos meus personagens preferidos. Mas rever a série me fez perceber que eu não o odeio em momento algum. Tudo bem que ele é bem arrogante às vezes, mas é muito humano (por mais que tente não ser).

Episodio 3x5 - Nota 10 2016-10-26 16:11:44

Eu adoro tanto a Callie! hahaha

Episodio 3x6 - Nota 9 2012-08-22 13:11:59

Minha Bailey não merece isso! :( IZZIE IS BACK! <3

Episodio 3x6 - Nota 9 2013-08-11 13:02:30

Muita pena da Bailey nesse episódio... E muito egoísmo de Burke e Cristina por deixá-la pensar que é incapaz, quando essa não é a verdade. Ela não merece isso!
Aliás, é bem explícito que à frente de tudo, o interesse da Cristina em ajudar o Burke é se “promover” como cirurgiã. Aliás essa obcessão chega a ser cansativa, porque ela começa a tratar mal os AMIGOS e isso não é legal.
É como disseram aí embaixo: Uma grande batalha de egos!

Izzie é linda demais, é muito amor por ela. Agora ela começa a voltar ao normal, tava na hora.

George imitando Cristina e Meredith imitando Izzie hahaha E eles fizeram direitinho, né? Muito bom!

Quanto ao George e Callie... O problema dele é que não sabe bem como se expressar, isso é fato. Foram praticamente duas temporadas inteiras com ele apaixonado pela Meredith e sem conseguir falar abertamente sobre isso, afinal, até com quem sabia (Izzie) ele não conseguia dizer com todas as letras que amava a Mer. Já a Callie é completamente diferente: É sincera, confiante, sabe o que quer. Já foi direta dizendo que amava ele. Então são problemas que eles NECESSITAM trabalhar como casal.
Horrível ele chamando a Callie de porca, por sinal! KKKKKKKKKKKKK

A irmã do Derek é engraçada.

Enfim, EXCELENTE episódio, como de costume! :)

Episodio 3x7 - Nota 9 2012-08-23 13:29:47

As cenas do acampamento foram as melhores KKKKKK Alex e George nos tapas, ri muito! Foi bem triste quando a grávida descobriu que perdeu o bebê, tadinha. :/ E não tô gostando dessa coisa aí entre Burke e Cristina.....

Episodio 3x7 - Nota 9 2013-08-12 22:05:55

Essa briga do Alex e George é épica, muito boa!
E eu gostei de modo geral de todas as sequências do acampamento... Serviu acima de tudo pra conscientizar alguns deles pra certas questões... Tipo o Richard finalmente sentindo falta da Adele... O Derek seguindo seu relacionamento com Meredith...

A cena da grávida dando à luz um filho já morto é uma das mais tristes da série... A expressão da Addison e da Callie depois... Que horror!
Aliás, adoro esse início de amizade entre Addison e Callie. Muito, muito amor!

Fiquei com pena da Cristina... Já disse anteriormente que o interesse maior dela nessas cirurgias “auxiliando” o Burke é poder fazer coisas que como interna ela não deveria. Mas ao mesmo tempo ela se preocupa em manter o segredo dele. Muito complicada essa situação!

Episodio 3x8 - Nota 8.5 2012-08-23 13:30:03

MIRANDA, É MUITO AMORRRRR ♥ E já chega, Cristina! Gosto muito dela, mas esse drama todo, esse segredo, está começando a me irritar! E tadinho do pai do George... Fiquei triste com a notícia. :/

Episodio 3x8 - Nota 8.5 2013-08-13 23:00:43

A expressão do George quando vai dar a notícia sobre a doença do pai é de cortar o coração!
Os irmãos do George são engraçados... Mas não demonstram respeito nenhum pelo irmão... Qualquer oportunidade é motivo pra desprezá-lo, seja o que for... E coitado, não merece isso.

Li no meu comentário anterior que Cristina já estava me irritando... Novamente ressalto que é incrível como certas coisas mudam quando você vê pela segunda vez. Por mais que sua ambição esteja envolvida nas cirurgias com o Burke, ela está se esforçando ao máximo pra manter o segredo dele.
E esse final, ela falando que o George é o melhor interno entre eles... Que linda <3

Izzie e Alex é amor demais! Lindos falando em terceira pessoa, sendo amigos de novo... Eles definitivamente foram feitos um pro outro <3

Bailey amor maior com esse final lindo cantando pro filho! Muito linda!

Episodio 3x9 - Nota 10 2012-08-23 13:30:19

ODIEI a atitude do Burke... Cristina pode ser ambiciosa, mas estava do lado dele em todos os momentos das cirurgias... Mesmo arriscando matar o paciente e tals. Ridículo. Mas ao menos esse maldito drama está chegando, ou chegou ao fim! E não gostei do George sendo rude com a Izzie... Ela não merecia! Enfim, episódio épico!

Episodio 3x9 - Nota 10 2013-08-14 22:10:36

Cristina e Burke estavam errados. Não tem ninguém inocente nessa história. Burke por estar com o problema na mão e fazer as cirurgias. Cristina por auxiliá-lo e ser cúmplice.
Porém, como eu disse no comentário anterior: Cristina é super ambiciosa, mas não merecia esse tratamento infantil do Burke porque esteve ao lado dele em todos os momentos. E outra: Ele já não estava indo contar ao Richard toda a verdade? Que diferença faz se a Cristina se viu sufocada com a mão dele tremendo e, sendo chutada de forma arrogante, decidiu contar primeiro? Mas enfim...

A cena inicial com Cristina correndo cheia de sangue é muito boa. Aliás, a narração dela é ótima. Muito bom os roteiristas terem dado esse espaço pra ela.

George tá insuportável. É até compreensível o medo dele pelo pai... Além do mais, descobrir um câncer em estágio 3 assim tão de repente deve ser muito chocante. Ele está desnorteado.
Porém não concordei com o modo rude e ridículo que ele tratou a Izzie, por motivo algum.

Cena da Callie partindo pra cima da “mini” Meredith foi engraçada.Izzie defendendo a Mer, awwww. Eu amo demais todos esses personagens.

Sem falar no caso da ER né... Coitada da moça grávida, com um caco de vidro daquele tamanho dentro do corpo...

Esse é um dos melhores episódios da temporada. Épico!

Episodio 3x10 - Nota 9 2012-08-24 12:28:25

Entendo que o George tem muita coisa na cabeça, mas nossa! CHEGA né! Entendi a Bailey... Não aconteceu, mas um paciente poderia SIM ter morrido nas mãos do Burke e Cristina... Eles estavam sendo irresponsáveis. Porém, odiei o tratamento dos outros com ela. Ela não merece. Ela pode ser fechada, fria, ambiciosa, egoísta, mas não ficou se vangloriando por ter feito cirurgias que eles nem sonhavam em fazer tão cedo! Tô do lado dela nessa história.

Episodio 3x10 - Nota 9 2013-08-15 22:04:43

Seguindo meu comentário anterior, ressalto novamente que Cristina tem meu total apoio nesse plot. E odeio a forma como os outros internos ficam tratando ela após os quase incidentes. Meredith muito linda defendendo-a nesse final e falando tudo o que ela fez por eles em momentos críticos (menos o George, aparentemente).
Cristina é fechada, fria, ambiciosa, egoísta: Nunca escondeu sua personalidade. E nunca saiu se vangloriando pelas cirurgias que fez auxiliando o Burke. Fim.

E é compreensível a Bailey estar com raiva... Afinal ela foi vítima de piadinhas e TVE suas habilidades duvidadas por conta do incidente com o Denny, o qual ela nem participou diretamente, detalhe. E muito boa a “lição” de palavras que o Richard deu pra ela.

George:Definitivamente essa fase do personagem é muito insuportável.Acho que até vence o grande “mimimi” dele após a noite de sexo com Meredith ter dado errado.
Não tem necessidade de ficar gritando com todo mundo toda hora... Sendo rude com as pessoas, com os amigos. Que é isso! Até a cara de bobo dele tá dando raiva.
E sim, ele tá passando por um momento complicado. Mas definitivamente não justifica.

Izzie ganhando o respeito do Mark ao enfrentá-lo, olha só. Finalmente, tava na hora dela sair desse “castigo”!

“You’re my sister. You’re my family. You’re all I’ve got.”
Meredith e Cristina, a melhor amizade da TV. <3

Episodio 3x10 - Nota 9 2013-08-15 22:25:25

“At the end of the day, when it comes down to it, all we really want is to be close to somebody. So this thing where we all keep our distance and pretend not to care about each other, it's usually a load of bull. So we pick and choose who we want to remain close to, and once we've chosen those people, we tend to stick close by. No matter how much we hurt them. The people that are still with you at the end of the day, those are the ones worth keeping. And sure, sometimes close can be too close. But sometimes, that invasion of personal space, it can be exactly what you need.”

Episodio 3x11 - Nota 10 2012-08-24 12:28:40

Os irmãos do George são retardados mas eu gosto muito deles, da família dele... Não quero que o pai morra! Izzie depositando o cheque chorando, KKKKKKKKK! Foi muito engraçado. E Alex e Addison, OMFG!

Episodio 3x11 - Nota 10 2013-08-19 22:29:34

A relação de Cristina e Preston é estranha, é uma batalha muito forte de egos. Eles são tão parecidos e tão diferentes ao mesmo tempo.

As encaradas da Callie foram ótimas, principalmente pro George!

Alex e Addison até são bonitinhos juntos, mas ninguém supera Alex e Izzie. Eles foram feitos um pro outro, mesmo com as mancadas do Alex...

A paciente da Izzie realmente trouxe um dos casos mais interessantes da série!

Aliás, essa cena da Izzie no banco depositando o cheque é engraçada... Coitada, ‘desabafou’ tudo, digamos, pro banqueiro! E a cara de choque dele? KKKKKK
“Esse cheque tá sujo de comida!”

Enfim, excelente episódio, como sempre.

Episodio 3x12 - Nota 10 2012-08-24 12:30:02

Desidratei. Não queria que o pai do George morresse. Que triste esse episódio, nossa. Izzie, sua linda perfeita. Não tem como não amá-la.

Episodio 3x12 - Nota 10 2013-08-19 22:44:59

Muito triste a morte do Pai O’Malley... As expressões do George, da mãe, dos irmãos... É tudo de partir o coração! Tudo muito triste :(

Não lembrava que a Addison tinha abortado o filho do Mark. Até fiquei chocado agora porque não lembrava MESMO!
A conversa dele com a Addison é muito boa também. Uns diálogos fortes!

Até então eu me sentia muito indiferente com a presença de Tatcher Grey na série. Mas devido a acontecimentos futuros, não consigo suportar ele em nenhuma cena... Com essa cara de bobão...

Cristina indo falar com George no final, que amor <3

Episodio 3x13 - Nota 9 2012-08-25 14:26:38

QUE CHOQUE ESSE FINAL! Não sei se a Cristina recusa. Tenho minhas dúvidas!

Episodio 3x13 - Nota 9 2013-08-19 22:58:02

Addison fugindo do Alex por conta do beijo KKKKKKKKKKKKKKKK
E depois ele coagindo-a também foi muito bom. E a surpresa dela quando ele disse que não estava interessado?

Bailey realmente daria uma boa chefe... Ela é tão sensata, tão determinada, objetiva...
Muito boa a cena dela praticamente obrigado os outros a assinarem o papel! Hahaha

Amo demais a amizade de George e Izzie. Eles são tão lindos, tão sinceros um com o outro...
Assim como Meredith e Cristina <3

E agora, esse final estrondoso! A expressão da Cristina, os olhos cheios de lágrimas... A troca de olhares! WOW, muito bom.

E a Callie toda chocada com o pedido do George também hahahaha

Adoro esse episódio.

Episodio 3x13 - Nota 9 2013-08-19 22:58:50

No one believes that their life will turn out just kind of okay. We all think we are going to be great. And from the day we decide to be surgeons, we are filled with expectation. Expectations of the trails we will blaze, the people we will help, the difference we will make. Great expectations of who we will be, where we will go. And then we get there.

We all think we’re going to be great and we feel a little bit robbed when our expectations aren’t met. But sometimes our expectations sell us short. Sometimes the expected simply pales in comparison to the unexpected. You got to wonder why we cling to our expectations, because the expected is just what keeps us steady. Standing. Still. The expected’s just the beginning, the unexpected is what changes our lives.

Episodio 3x14 - Nota 9 2012-08-25 14:26:57

Que tensão a paciente com o sangue tóxico, gente! E Cristina aceitou a propostaaaa! hahaha E a Meredith, tadinha... Além da mãe com aquela maldita doença, ainda escutando o que não queria escutar... E George e Callie já casados, fiquei chocado! KKK Enfim, episódio perfeito. ♥

Episodio 3x14 - Nota 9 2013-08-20 22:03:22

Eu também considero esse caso da mulher com sangue tóxico um dos mais interessantes da série.
George e Olivia ficando doentes... Ninguém atendendo o telefone na OR pois estão todos desmaiados. Preston e Derek com roupas especiais, ficando sem ar e desmaiando... E por fim Cristina, Izzie e Meredith correndo feito loucas pra salvar a vida da mulher e permanecerem bem. Muito bom!

Esse final com a Cristina dizendo sim e a explosão de felicidade do Preston é muito lindo! A risada dela, aw <3 Não tem como não amar!

Foi muito bom ver a Ellis lúcida, conversando normalmente... Mas nossa, que coisa! Descobre que está doente e desperdiça o pouco tempo em que está ciente das coisas criticando a Meredith daquele jeito? Chamando-a de medíocre?
Considero a cena que Mer diz todas aquelas verdades pra mãe uma das melhores cenas da série. A Ellen arrasa demais.

George e Callie casados foi um choque daqueles quando assisti pela primeira vez. Pra quem está fazendo maratona, é até estranho eles comentarem que o George deve “retornar das férias hoje”. Daí pensa que aconteceu rápido demais, mas nem é assim.
Se for parar pra pensar, aparentemente a Cristina levou no mínimo 15 dias pra aceitar o pedido do Burke! Hahaha

Izzie investiu 8 milhões de dólares pra clínica flopar à primeira vista. Foi engraçado ela e o Alex “sequestrando” pacientes do SG!

E essa tensão sexual que a Addison sente pelo Alex. OH! Hahahaha

Amo tudo <3

Episodio 3x14 - Nota 9 2013-08-20 22:04:53

As surgeons, we live in a world of worse case scenarios. We cut ourselves off from hoping for the best because too many times the best doesn’t happen. But every now and then something extraordinary occurs and suddenly best case scenarios seem possible. And every now and then something amazing happens, and against our better judgment we start to have hope.

As doctors, we’re trained to give our patients just the facts. But what our patients really want to know is: Will the pain go away? Will I feel better? Am I cured? What our patients really want to know is: Is there hope? But, inevitably, there are times when you find yourself in the worst case scenario. When the patient’s body has betrayed them and all the science we have to offer has failed them. When the worst case scenario comes true, and clinging to hope is all we’ve got left.

Episodio 3x15 - Nota 10 2012-08-25 14:27:17

Que roteiro espetacular. Que episódio sensacional! Nem tenho palavras. Simplesmente perfeito. Tenho que correr pro próximo! É perfeição demais pra uma série só. É emoção demais pra um episódio só!

Episodio 3x15 - Nota 10 2013-08-22 12:22:11

Ainda fico muito bobo quando assisto esse episódio porque é simplesmente espetacular. Repetindo meu comentário anterior: O roteiro é espetacular, tudo é incrível.

Meu coração para quando Meredith cai, e não tem ninguém por perto pra ajudar. O pior é a menina que está chocada demais com toda aquela situação pra falar alguma coisa. Dá até raiva, né? Ela dá às costas como se nada tivesse acontecido!

Essa situação da Izzie é muito, muito tensa! Como ajudar o cara se ele está preso debaixo do carro? Dá uma apreensão por ele e por ela também, que não tem muito o que fazer...

Cristina no começo tentando contar pra Meredith foi engraçado! A expressão dela, hahaha.

Alex não merecia ter sido tirado dos cuidados da paciente grávida... Não gosto quando essas coisas acontecem pois foi ele quem a tirou da água e etc...
Mas está em boas mãos com a Cristina, sem dúvidas.

Enfim, repetindo: É perfeição demais pra uma série só. É emoção demais pra um episódio só.

Grey’s é Grey’s ♥

Episodio 3x15 - Nota 10 2013-08-22 12:24:49

Disappearances happen in science. Disease can suddenly fade away, tumors go missing, and we open someone up to discover the cancer is gone. It’s unexplained. It’s rare, but it happens. We call it mis-diagnosis. Say we never saw it in the first place... any explanation but the truth. That life is full of vanishing acts. If something that we didn’t know we had disappears... do we miss it?

Episodio 3x16 - Nota 10 2012-08-26 12:24:09

Nossa, o Denny me assustou nesse final! KKKKKKKKK Enfim, QUE PERFEIÇÃO É ESSA? Como pode uma série reunir tanta emoção em um episódio só? Sem palavras! Izzie linda IS OFFICIALY BACK! E todo mundo tenso por causa da Meredith. Ai meu Deus! Perfeito demais!

Episodio 3x16 - Nota 10 2013-08-23 12:43:07

Esse episódio é nota 10 vezes 10,000 apenas.

Grey’s Anatomy ainda irá nos proporcionar muitos episódios de tragédia, tensos, e um terror psicológico que nunca vivi em outra série. Mas acho que no quesito “tragédia fora do hospital”, esse ganha: o número de mortos, o desespero dos familiares, dos médicos... Tudo é muito perfeito e muito bem conduzido.
E o Derek então, nem se fala. A cara da Addison quando vê Mer, e depois vê ele. A expressão da Bailey, do Richard... :(

Essa cena que eles tentam de todas as formas reanimar a Meredith me destrói por completo. Ainda mais quando mostra Cristina chegando e entendendo o que está havendo e não conseguir falar nada de tanto choque. Ainda George chorando, Alex se segurando pra não derramar lágrimas.

“She’s my person”, ai Cristina :(

Demorou pra garotinha falar, mas enfim fez a coisa certa. Você fica com raiva por ela dar às costas como se nada tivesse acontecido assim que Meredith cai, mas nem dá pra culpá-la. Pois primeiro de tudo ela é uma criança que se perdeu dos pais e está vivendo uma situação traumática sozinha. Além do mais, ver todo aquele caos, pessoas mortas, gente gritando, muito sangue, correria... O mínimo era ela ficar sem fala mesmo.

Izzie linda está de volta! Muito boa a cena em que ela salva o rapaz do carro.
“Nada de enlouquecer pois se você enlouquecer, eu enloqueço!” hahahaha

Alex tenta provar o contrário, mas comportou-se como perfeito humano nesse episódio. Ele também é um dos destaques. Desesperado querendo que a mulher grávida fosse esposa daquele rapaz.

E esse final... Não sei por qual motivo mas o Denny parece tão assustador quando aparece! A primeira vez que assisti tomei o maior susto! KKKKKKKKKK

Episodio 3x16 - Nota 10 2013-08-23 12:44:41

Like I said, disappearances happen. Pains go phantom. Blood stops running and people, people fade away. There’s more I have to say, so much more, but... I’ve disappeared.

Episodio 3x16 - Nota 10 2016-03-05 18:39:36

Não sei, agora que fui reparar isso.

Episodio 3x16 - Nota 10 2016-03-05 18:40:05

Migo Ian, que coisa feia kibar o meu comentário!!!

Episodio 3x16 - Nota 10 2016-03-07 10:15:53

Não sei. Acho que ele excluiu. Ele é meu amigo HAHAHA

Episodio 3x17 - Nota 10 2012-08-26 12:24:23

Preciso concordar com uma das tags. Sandra Oh merecia um Emmy pela atuação nesse episódio. Ela já é uma atriz espetacular em todos os eps, mas nesse em especial, fiquei de boca aberta. E como não chorar com a reação da Cristina linda? Ela não precisou chorar, nem fazer escândalo, pra demonstrar a angústia, o sofrimento, a tensão que estava sentindo. Tô sem palavras. E esse final foi lindo demais. Só essa série pra conseguir fazer tanta coisa linda, emocionante, chocante, em um episódio só. Perfeito. ♥

Episodio 3x17 - Nota 10 2013-08-24 09:58:05

Essa saga de episódios que “Grey’s Anatomy” apresentou certamente é uma das minhas preferidas da série. O turbilhão de sentimentos durante 40 minutos de cada episódio é inexplicável.

Sandra Oh me levou às lágrimas mais uma vez. Ela merecia muito ter ganho o Emmy de melhor atriz em série dramática só pela cena em que segura os pés da Meredith e fica olhando com os olhos cheios de lágrimas. E olha que ela tem vários momentos em Grey’s dignos de prêmio de melhor atuação.
“TRY AGAIN!”
Já pensou se o desespero “silencioso” dela não falasse mais alto? Eles iam desistir ali e... Adeus Meredith.
E ela contando que está noiva assim que Mer abre os olhos! Hahahaha
“Oh... Hi! I’m getting married to Burke! Not that that should be anywhere on your list of thoughts right now, but just in case you slip it in the hall later... you are the one person I wanted to tell.” ♥

Aliás, toda essa situação da Meredith me fez chorar. Mesmo sabendo que ela não morreria porque como Izzie disse, ela é imortal... Mas é muito complicado ver uma pessoa que você gosta, mesmo que seja um personagem, naquela situação. Mais ainda se você já viveu algo parecido.

Muito linda e destrutiva para nós a cena de Izzie e Denny nesse final.
Só não gostei da cena da briga dela com a Callie... Acho que a Izzie estava errada e Callie não merece esse desprezo todo (mesmo que tenha pego pesado ao insinuar que todos que Izzie gosta, morrem).

Enfim... Só essa série pra conseguir fazer tanta coisa linda, emocionante, chocante, em um episódio só. Perfeito. ♥

Episodio 3x17 - Nota 10 2013-08-24 10:01:04

There are medical miracles. Being worshippers of the alter of science, we don’t like to believe miracles exist. But they do. Things happen. We can’t explain them, we can’t control them, but they do happen. Miracles do happen in medicine. They happen everyday, just not always when we need them to happen.

At the end of a day like this when so many prayers are answered and so many aren’t, we take our miracles where we find them. We reach across the gap and sometimes against all odds, against all logic, we touch. Against all odds it happens.

Episodio 3x17 - Nota 10 2016-03-05 18:40:35

Eu amo demais!!!

Episodio 3x18 - Nota 9 2012-08-26 12:24:41

Nossa, eu fiquei os minutos finais assim pro George e Izzie: "NÃO SE BEIJEM! NÃO SE BEIJEM POR FAVOR" e me deparo com esse final horrendo! Esse episódio teve uma queda brusca comparado ao anterior... Uma pena! :(

Episodio 3x18 - Nota 9 2013-08-25 13:45:39

Novamente tive a mesma reação na cena em que George e Izzie possivelmente iriam se beijar: “POR FAVOR, NÃO SE BEIJEM! NÃO SE BEIJEM!”
Eu não gosto desse casal... Acho esse um dos piores plot que Grey’s já apresentou.
George e Izzie funcionam melhor como os melhores amigos que sempre foram. Sem falar que é muita sacanagem com a Callie, que realmente gosta dele e não merecia passar por isso.
George não sabe expressar, usa muito mal as palavras... Callie tem toda razão de se irritar com o que ele diz. E olha que eu até gosto dos dois juntos!

E Izzie e Alex são tão lindos juntos! Ela combina muito mais com ele. <3

Não adianta pois nunca mais irei sentir algo pelo Thatcher além de puro ódio. Tenho muita raiva dele, dessa cara de idiota dele. Confundir a filha que abandonou na foto com a outra filha... Afff.
Essa pequena inclusão da Meredith na família dele só vale pela Susan, que é um amor de pessoa.

Cristina e Meredith no final ♥
Como eu amo a amizade dessas duas!

Episodio 3x18 - Nota 9 2013-08-25 13:47:22

People have scars. In all sorts of unexpected places. Like secret roadmaps of their personal histories. Diagrams of all their old wounds. Most of our wounds heal, leaving nothing behind but a scar. But some of them don’t. Some wounds we carry with us everywhere and though the cut’s long gone, the pain still lingers.

What’s worse, new wounds which are so horribly painful or old wounds that should’ve healed years ago and never did? Maybe our old wounds teach us something. They remind us where we’ve been and what we’ve overcome. They teach us lessons about what to avoid in the future. That’s what we like to think. But that’s not the way it is, is it? Some things we just have to learn over and over and over again.

Episodio 3x18 - Nota 9 2016-03-10 11:01:51

Eu passei a odiá-lo muito após um evento que ainda vai acontecer nessa temporada, se não me engano. Não aceito até hoje. HAHAHA

Episodio 3x19 - Nota 9 2012-08-27 12:30:52

Tô achando um horror esse plot Izzie/George... Não podiam fazer uma coisa melhor não? Já cansei de colocarem dois grandes amigos em uma série, e no fim eles acabarem "se apaixonando".

Episodio 3x19 - Nota 9 2013-08-26 22:04:02

Mark foi muito inteligente...
Na realidade, Burke, Derek e Addison é que foram muito burros com esse negócio de “plano de 10 anos”. Bailey realmente daria uma excelente chefe, uma pena ela ainda não poder concorrer :(

Desejando como nunca que o plot Izzie e George termine logo e que eles voltem a ser amigos (mesmo que agora seja muito estranho pra eles).
A conversa da Izzie com a Addison foi engraçadinha, haha. “Sou uma consultora de adultério?” KKKKKKKKK

Eu não sou muito fã da Ava, mas concordo que a entrada da personagem contribui e muito na apresentação da humanidade do Alex.

E também gostei muito da Cristina dizendo ao Burke como deseja o casamento. Ela tava fazendo praticamente tudo somente pra agradar o Burke... Tem que se impor um pouquinho mais já que não está totalmente confortável.

Derek lindo se preocupando com Meredith, awwww.

Episodio 3x19 - Nota 9 2013-08-26 22:25:18

Surgeons always have a plan. Where to cut, where to clamp, where to stitch. But, even with the best plans complications can arise, things can go wrong. And suddenly, you’re caught with your pants down.

The thing about plans is they don’t take into account the unexpected, so when we’re thrown a curve ball, whether it’s in the OR or in life, we have to improvise. Of course, some of us are better at it than others. Some of us just have to move on to plan B and make the best of it. And sometimes what we want is exactly what we need. But sometimes, sometimes what we need is a new plan.

Episodio 3x20 - Nota 9 2012-08-27 12:31:13

Gostei bastante desse episódio, melhor que os dois últimos. Eu acredito que a Ava seja filha daquela mulher... E achei hipocrisia da parte dela não levá-la pra casa porque a mulher teve o rosto desfigurado e perdeu a memória. Lamentável. Porém não gostei quando ela gritou com o Alex no final. Entendi o lado da Susan com a Meredith... E acho que Mer deve deixar a Susan entrar na vida dela sim! E eu tenho um pé atrás com a Callie porém não acho que ela mereça o George... Ela é boa demais pra ele, sinceramente.

Episodio 3x20 - Nota 9 2013-08-27 21:54:35

Ava foi tão ridícula, mas tão ridícula nesse final... Falar que ela foi ridícula nem é o bastante.
Tudo bem que a rejeição daquela velha foi uma coisa muito forte... E deve ser muito triste você não lembrar se tem família, nem qual seu próprio nome, obviamente vai querer sair dessa realidade o quanto antes.
PORÉM, nunca irei concordar com ela dizendo que o Alex quer mantê-la no hospital, e humilhando ele dizendo que ela é tudo o que ele consegue e etc. Outra, ele não deu o nome Ava pra ela. Ele nomeou três gráficos que ela deveria escolher pra ter um rosto parecido. A própria falou “me chame de Ava”. Então hipocrisia demais da parte dela. Não gosto dessas coisas... E nem sou muito fã dessa personagem também. A única coisa boa é que ela conseguiu mostrar certo lado humano do Alex e isso é importante.

Derek vai começar com as palhaçadas dele com a Meredith. “Ela me atrapalha” MEU. Até onde chega a ambição né? Como pode?
Bailey não precisou nem pensar: “Escolha a pessoa que ama e ponto”, mas não. Derek gosta de drama na vida dele. Mas se irrita com o drama que ele mesmo cria.

George e Callie definitivamente são muito diferentes e o George não merece ela.
Ele é muito frágil, se deixa levar muito facilmente... Se comporta de uma maneira com ela, de outra diferente com a Izzie, com os amigos... Realmente parece que ele não tem uma personalidade.
E a Callie tá ali, sempre tentando manter o casamento deles de pé. Tentando manter um relacionamento com ele, e ele nem aí...
Não que eu ache que só porque casou, deve deixar os amigos de lado. Mas ele “menospreza” muito a Callie e ela não merece.

Aliás, achei tão estranho aquela cena que o George ajuda a Izzie a se vestir... Realmente até nós, fãs, precisamos daquele “um tempo” pra isso passar e começar a vê-los novamente como os grandes amigos que são.

Adoro essa apresentação da filha da Izzie... Precisava mesmo trazer essa história à tona novamente. Muito linda a atitude dela <3

Episodio 3x20 - Nota 9 2013-08-27 21:57:59

A patient’s history is as important as their symptoms. It’s what helps us decide if heart burn’s a heart attack... if a head ache’s a tumor. Sometimes patients will try to re-write their own histories. They’ll claim they don’t smoke, or forget to mention certain drugs... which in surgery can be the kiss of death. We can ignore it all we want, but our history eventually always comes back to haunt us.

Some people believe that without history, our lives amount to nothing. At some point we all have to choose: do we fall back on what we know, or do we step forward to something new? It’s hard not to be haunted by our past. Our history is what shapes us... what guides us. Our history resurfaces time after time after time. So we have to remember sometimes the most important history is the history we’re making today.

Episodio 3x21 - Nota 9 2012-08-27 12:31:32

Nossa.... Que coisa mais sem graça esse motivo do Derek pra afastar a Meredith. ODIEI. Ele tinha que estar lá para apoiá-la, independentemente do problema o qual esteja passando. Será que ele esqueceu que ela teve uma enorme perda recentemente? Falando do peixe no pênis, na hora que vi o raio-x, entendi o que tinha acontecido. Ele já tinha dito antes sobre o Rio Amazonas e lembrei de uma aula de biologia onde minha professora falou sobre esse peixe. Que coisa horrível! KKKKKKK Não quero que o George saia do Seattle Grace, porém JÁ CHEGA desse triângulo! Callie tem que perceber que não adianta ficar correndo atrás do George, ele sempre vai ser bobão... Eu queria que George e Callie dessem certo, mas nossa... E Izzie, please, você consegue algo melhor.

Episodio 3x21 - Nota 9 2013-08-29 13:27:51

Acho muito interessante o caso do diretor do conselho do hospital... Lembro demais da aula que tive em 2010 ou 2011, de Biologia, e a professora explicou sobre ele. Até fiquei surpreso na primeira vez que assisti, quando falaram do Rio Amazonas e tal. Matei na hora que o peixe tinha entrado nele, haha

Vai começar a fase do Derek que me irrita PROFUNDAMENTE. Ele devia aprender algumas coisinhas com o Burke, ou com a Bailey... Que motivo mais escroto, ridículo, pra terminar com a Meredith. Respirando por ela? Como assim?!
O pior foi a Meredith sem contestar isso. Dá uma raiva!

Cristina, Burke e o dilema do bolo! Hahaha
O engraçado foi ele colocando todos aqueles pedaços na mesa e todo mundo indo comer aos poucos. No fim a Cristina não provou nenhum no hospital e sobraram apenas restos!

George bobão ao extremo com essa história de ir para o Mercy West. De modo geral eu adoro o George, ele é uma boa pessoa... Mas o fato é que o personagem não me agrada em nada nessa temporada. Principalmente por causa do tratamento que ele dá a Callie. Não me conformo com isso porque ela simplesmente não merece.
E essa tensão entre Izzie e George também não dá. Colocar os dois como um casal foi um dos maiores erros de Shondanás.

Alex muito idiota no final com Addie... Não teve motivo pra fazer aquilo com ela, tadinha...
Eu sou muito shipper de Mark com aquela que ainda está por vir na próxima temporada, mas confesso que ele e Addison formavam sim um ótimo casal. Só ela que não viu isso. Que pena :/

Episodio 3x21 - Nota 9 2013-08-29 13:29:27

As interns, we know what we want, to become surgeons. And we’ll do anything to get there. Suffer through killer exam, endure one-hundred hour weeks, stand for hours on end in operating rooms, you name it, we’ll do it.

Too often, the thing you want most is the one thing you can’t have. Desire leaves us heartbroken, it wears us out. Desire can wreck your life. And as tough as wanting something can be, the people who suffer the most are those who don’t know what they want.

Episodio 3x22 - Nota 7.5 2012-08-28 13:18:13

Não quero que a Addison saia, e fiquei triste por ela não poder ter filhos, tadinha. Esse episódio foi morninho, apenas. Nem de longe faz jus ao que a série realmente é.

Episodio 3x22 - Nota 7.5 2013-08-29 22:08:34

Addison começa a se despedir do Seattle Grace e estou voltando a ficar triste. Reassistir a série me lembrou o quanto eu amo essa personagem e o quanto ela faz falta :(
Falando de “Private Practice”, ainda não assisti um episódio dessa série. E até que tenho vontade. Vou acabar assistindo em breve, espero que seja boa.

Mas de modo geral nem tem muito a comentar desse episódio... As cenas em Seattle foram pouquíssimas!
O que valeu foi a Cristina provando mais de 100 vestidos de noiva, uma verdade que não é dela, só pra agradar o Preston. A cara dela quando levanta e vê a mãe e a sogra é impagável!

E introduzir PP em Grey’s não foi a melhor das ideias...

Episodio 3x23 - Nota 7.5 2012-08-28 13:18:32

Venho aqui registrar minha revolta com esse ser que se chama Thatcher. Eu, todo sentimental, com pena dele por ter perdido a esposa, e ele vai e dá um TAPÃO na cara da Meredith? Gente, sinceramente, não sei como ela aceitou isso calada. Porque eu, no lugar dela, juro que no mínimo teria devolvido! Não sou a favor da violência, ainda mais contra os pais. Porém esse Thatcher não participou da vida da Meredith. Não a procurou. Não interessa qual a história por trás disso. Ele simplesmente não estava nem aí! Aliás, quem estava fazendo um grande esforço pra fazer parte da vida da Meredith era apenas a Susan. Ele não estava movendo um dedo! Então, quem ele pensa que é pra dar um tapa na cara dela? Pior mesmo foi os amigos dela, o Richard, a Bailey, e até o Derek, assistindo aquela cena horrível, e nem ao menos chamando a segurança para contê-lo ou expulsá-lo do hospital. Tá, ele tinha acabado de saber que a mulher faleceu. MAS NÃO JUSTIFICA!

Episodio 3x23 - Nota 7.5 2013-08-30 21:45:33

Vou basicamente repetir meu comentário anterior em relação ao Thatcher: QUE FILHO DA PUTA!
Não consigo me controlar nessa cena porque fico com muita raiva. Acho que é porque eu gosto muito da Meredith e ODEIO demais esse velho babão!
Quem ele pensa que é pra dar um tapa desses na cara da Mer? Queria muito que ela tivesse devolvido porque ele merecia, mesmo com a dor por ter perdido a esposa.
Aliás, Susan participou da vida de Meredith desde que apareceu bem mais que esse nojento. Então nunca irei aceitar esse tapa. Não teve motivo, a Meredith não é Deus pra decidir quem vai e quem fica. PORRA, ele não conseguiu diferenciar uma filha da outra no episódio anterior. Ele é um estranho na vida da Meredith, e nunca devia ter aparecido!!!
Outra: o fato do Derek nem se mexer quando ela recebe esse tapa também me irrita. Independentemente dela ser filha ou não, Thatcher a agrediu dentro do hospital! O mínimo era chamar a segurança para contê-lo. Que coisa!! Ele perder a esposa não justifica!!
PS: No meio da revolta toda nem comentei que fiquei triste com a morte da Susan. Gostava dela :/

Agora mudando o foco, a apresentação de “Private Practice” nesse episódio nem está tão estranha como no anterior, mas ainda acho que não foi uma boa ideia apresentar a série assim...

George e Izzie se beijando: WHY GOD?? WHY????

Episodio 3x23 - Nota 7.5 2013-08-30 21:47:21

The dream is this – that we’ll finally be happy when we reach our goals – find the guy, finish our internship, that’s the dream. Then we get there. And if we’re human, we immediately start dreaming of something else. Because, if this is the dream, then we’d like to wake up. Now, please!

Maybe we accept the dream has become a nightmare. We tell ourselves that reality is better. We convince ourselves it’s better that we never dream at all. But, the strongest of us, the most determined of us, holds on to the dream or we find ourselves faced with a fresh dream we never considered. We wake to find ourselves, against all odds, feeling hopeful. And, if we’re lucky, we realize in the face of everything, in the face of life the true dream is being able to dream at all.

Episodio 3x24 - Nota 9 2012-08-28 13:18:50

Mais uma vez registro minha revolta contra esse Thatcher: QUEM ESSE MERDA PENSA QUE É? Meredith, por mais chocada que estivesse, não deveria ter ouvido esse maldito velho babão calada! Eu, como disse no episódio anterior, teria revidado o tapa, e no momento que ele apareceu BÊBADO no hospital pra falar daquele modo com a filha que ele ABANDONOU e NUNCA PROCUROU, eu teria cuspido na cara dele e exigido sua expulsão daquele hospital. Qur nojo dele, meu! Juro. Velho babaca, babão! Mas enfim, tirando isso, esse episódio foi ESPETACULAR. Subiu muito comparado com os dois ou três últimos. Acredito que a Callie entendeu o que tá acontecendo entre Izzie e George, por causa do "discurso" da Izzie nesse final... Ri com a Cristina: "Você vai tirar nota alta. Não mais alta que a minha, mas vai" hahaha como não amar? Season Finale promete muito! E Thatcher, MORRA! :)

Episodio 3x24 - Nota 9 2013-09-02 15:40:35

Também me pergunto como conseguem falar mal da Meredith... Tudo de ruim acontece com ela, coitada. E não merece.
Esse lixo do Thatcher, além de dar aquele tapão na cara dela no episódio passado, ainda vem causar nesse humilhando-a na frente de todo mundo. “Não quero saber de você, não quero ouvir de você” hahahaha é pra rir né? A vida inteira ele não soube nem ouviu nada dela, e agora faz questão de jogar isso na cara?
Meredith devia ter dito umas verdades pro velho babão... Mas coitada, toda chocada, sem reação. E ninguém ali pra defendê-la. Nem o Richard! :/
Anyway, o que sinto pelo Thatcher é o que já expressei em comentários anteriores: Nada além de profundo nojo, ódio, e todos esses sentimentos...

De modo geral o episódio foi muito bom. Mesmo com a inclusão de “Private Practice” nos últimos dois fugindo do padrão da temporada, conseguiram equilibrar bem todos os plots nesse aqui.

Já falei antes que não sou o maior fã da Ava devido a acontecimentos futuros, também... Acho um egoísmo absurdo ela ficar se privando da própria verdade. Ainda mais depois daquele espetáculo que ela deu com o Alex por não lembrar de onde era. Que feio, dona Rebecca!

Izzie muito louca dando aquele discurso/indireta monstruosa! Callie definitivamente percebeu tudo... A expressão dela já diz. E Meredith, mesmo sem saber o que se passa entre ela e o George, ainda tentou contornar a situação colocando o Denny no meio.
Aliás, Cristina linda: “Fale devagar pra eu anotar!” hahahaha

Burke pedindo pro Derek ser o padrinho de casamento, que lindos KKKKKKK

Final surpreendente com a chegada do alpinista que supostamente tinha morrido na montanha e Adele desmaiada no banheiro!

Aliás, muito irônico mesmo assistir pela segunda vez e perceber aquela “garota do bar” dando em cima do Derek. Até me senti assistindo pela primeira vez pela surpresa hahaha

Episodio 3x24 - Nota 9 2013-09-02 15:42:06

A surgeon’s education never ends. Every patient, every symptom, every operation... is a test. A chance for us to demonstrate how much we know. And how much more we have to learn.

Episodio 3x25 - Nota 10 2012-08-29 12:48:24

Nossa. INACREDITÁVEL o que o Burke fez com a Cristina gente, meu Deus. Que ódio. Ela simplesmente não merece. Fez todo aquele esforço, mudou sua personalidade por ele. Foi contra a própria vontade para agradá-lo, e ele faz isso? Afff. Mais uma revolta: Meredith, QUE PALHAÇADA DO CARALHO É ESSA? PQP, é como disseram aí embaixo, os personagens estão ficando loucos! Enfim, eu amei esse episódio. E já quero ver a quarta temporada! Que tem tudo pra ser way better!

Episodio 3x25 - Nota 10 2013-09-02 22:14:10

Eu até gostava do Burke. Mas é impossível continuar nutrindo esse sentimento por ele após essa sacanagem monstruosa que ele fez com a Cristina. O motivo que ele deu foi o mais escroto possível. Então não importa todo aquele esforço que ela fez pra ficar com ele, só porque foi um ESFORÇO? Me poupe.
A cena final, com ela desesperada tirando o vestido, a Meredith abraçando-a... É simplesmente de partir o coração. Mas Cristina ficará bem sem ele. Ele claramente não a merecia, caso contrário não teria feito isso. :)
Aliás, Sandra Oh mais uma vez destacando-se em atuação. Foi um show à parte!

Quando não é o Derek dando o louco pra cima de Meredith querendo se afastar porque “respira por ela”, é a Meredith que quer dar um tempo com ele... Vai entender, né? Quando ambos tem o caminho livre e aparentemente nenhum obstáculo, algum deles dá pra trás. Me dá agonia esse relacionamento tão instável, e olha que eu amo MerDer!

George reprovado D:
Muito triste por ele... Ele tava numa certeza, teve a Callie como ajudante... Realmente surpreendente ele não passar.

Muito legal a forma como conduziram a entrega do cargo pra chefe de cirurgia... Primeiramente o Richard falando e um a um mostrando os médicos concorrentes... A atitude do Derek no final foi divina também.
Eu amo o Richard, de verdade! <3
E ele com a Adele também foi lindo. Ela percebendo o tipo de homem que ele realmente é. Triste pelo aborto mas já era previsível isso acontecer...

Alex correndo atrás da Rebecca no final, muito lindo. É ótimo o fato da personagem trazer esse lado sentimental dele, deixando evidente para o público.
E acho muito incrível que quando assisti pela primeira vez, não gostei do Alex até 5ª ou 6ª temporada mais ou menos... E voltei a ver amando-o desde o piloto! Hahaha

E eis Lexie Grey, meu amor <3

Episodio 3x25 - Nota 10 2013-09-02 22:15:23

Being chief is about responsibility. Every single surgical patient in a hospital is your patient, whether you’re the one who cut them open or not. The scalpel stops with you. You need to be able to look at a family and to tell them your team did everything they could to save someone's child... their husband... their wife... You get caught up taking care about the people’s families. And the responsibility... it makes you... you take care of the people’s families... and you sacrifies your own.

Episodio 3x25 - Nota 10 2016-03-19 20:32:49

Sandra é maravilhosa demais!

Eu sempre AMEI a Meredith, desde o piloto. Sempre fui muito protetor com ela. HAHAHAHAHAHA.

Episodio 4x1 - Nota 10 2012-08-29 12:49:18

Gostei muito desse episódio, porém não me senti confortável com os novos internos... Senti um pouco de ciúmes, sei lá! KKKKK Ri muito com Cristina no começo, parecendo a Miranda no piloto! Awww ♥ E achei a Lexi uma fofa! Muito boa essa estreia.

Episodio 4x1 - Nota 10 2013-09-04 16:16:41

Cristina é a melhor como residente, de longe. Chega a ser até melhor que a Bailey com os apelidos que dá e o tratamento hahahaha

Que bom ver meu amorzinho novamente, Lexie Grey. Toda fofa falando com o George e fazendo-o se sentir menos pra baixo por conta do parto.
Só não gosto muito desse tratamento que a Meredith dá pra ela, mas é compreensível se levarmos em conta todos os acontecimentos entre ela e a família Grey na temporada passada.

Eu jurava que a Addison aparecia nesse episódio dizendo que estava indo embora, ou algo do tipo. Não sei de onde tirei isso porque me enganei feio. Só notei uma menção do Mark, naquela cena hilária que ele diz que veio a Seattle pra “reconquistar” o DEREK!

Aliás, falando em Derek e Meredith: Como sofro sendo shiper desse casal nessas primeiras temporadas, ein. Sofro demais. Pra que terminar gente? Não entendo!!!

Amo demais a Izzie mas não aguento esse plot dela com o George. Já contando os episódios pra terminar porque não dá. Acho que essa foi a pior coisa que Grey’s já apresentou.
Ainda mais ele casado com a Callie, que cada vez mais se sente impotente com tudo que a cerca... Como ele tem coragem de fazer uma coisa dessas com uma pessoa que só o apoiou? PQP!

Quanto a Bailey, realmente o título de Residente-Chefe não consta o nome dela, mas é como se fosse! Porém concordo com o Richard, sempre muito sábio. E eu adoro a amizade dos dois <3

Episodio 4x1 - Nota 10 2013-09-04 16:17:28

In the practice of medicine, change is inevitable. New surgical techniques are created, procedures are updated, level of expertise increase. Innovation is everything. Nothing remains the same for long. We either adapt to change... or... we get left behind.

Change... We don’t like it. We fear it. But we can’t stop it from coming. We either adapt to change, or we get left behind. It hurts to grow. Anybody who tells you it doesn’t is lying. But here’s the truth: sometimes the more things change, the more they stay the same. And sometimes... oh, sometimes change is good... sometimes change... is everything.

Episodio 4x2 - Nota 8.5 2012-08-29 12:50:06

Acho que Lexie não merece, mas é totalmente compreensível o lado da Meredith... Ainda mais depois que aquele nojento do pai dela fez tudo aquilo no fim da temporada passada.....

Episodio 4x2 - Nota 8.5 2013-09-04 23:33:39

Apenas sofrendo junto da Callie... Muita maldade com ela tudo o que tá acontecendo, principalmente por parte do George. É imperdoável ele não ter a mínima consideração por ela...

Nem vou mais alongar meus comentários falando de Izzie e George. Apenas sou muito contra esse casal e acho muito forçado. Acabe logo. Fim!

Que dó da Lexie chorando... Mas é o que eu disse no meu comentário anterior: A relação da Meredith com a família Grey terminou tragicamente quando houve aproximação. Meredith levou tapa na cara e foi humilhada na frente de todo o hospital por aquele nojento chamado Thatcher. Não fico com raiva dela por isso...

Essa cena da Bailey com o Alex foi uma das melhores do episódio. Bailey é demais!
Dando bronca nele e ao mesmo tempo desabafando com os socos.
Aliás, o que foi o traficante deixando o Alex desmaiado? Filho da mãe!!! Não encostem no Alex!!

Cristina linda. Ótima a cena dela com a mãe do Burke também... Ao menos recebeu o pedido de desculpas que merecia.

Enfim, ótimo episódio!

Episodio 4x2 - Nota 8.5 2013-09-04 23:34:47

In the hospital, we see addiction every day. It’s shocking how many kinds of addiction exist. It would be too easy if it were just drugs and booze and cigarettes. I think the hardest part of kicking a habit is wanting to kick it. I mean, we get addicted for a reason, right? Often, too often, things that start out as just a normal part of your life at some point cross the line to obsessive, compulsive, out of control. It’s the high we’re chasing, the high that makes everything else fade away.

The thing about addiction is it never ends well, because eventually, whatever it is that was getting us high stops feeling good and starts to hurt. Still, they say you don’t kick the habit until you hit rock bottom. But how do you know when you’re there? Because no matter how badly a thing is hurting us... sometimes letting it go hurts even worse.

Episodio 4x3 - Nota 8.5 2012-08-29 12:50:20

Acho que essa temporada tá superando muito a anterior! E sinceramente, acho horrível o que os roteiristas fazem com o Alex... Ele fica uns episódios conquistando o respeito de todos que assistem, e de repente faz algo como isso no final. Que raiva. Super desprezível! Só espero que os outros internos são tratem o George com desprezo! E como eu amo a Miranda, nossa. ♥

Episodio 4x3 - Nota 8.5 2013-09-05 22:17:28

Essa atitude do Alex no final é um daqueles momentos que odeio tanto ele que dá vontade de matar. Dessa vez não teve justificativa nenhuma. Será que ele não pensa que está acima do George e que os internos DEVEM e IRÃO respeitá-lo?
Não precisava fazer o George se sentir ainda mais rebaixado. Por mais que o Alex tenha um ótimo desenvolvimento e que eu ame esse personagem, nada justifica essa atitude mesquinha.

Bailey meu amor <3
A cena dela ‘aconselhando’ o Alex de modo severo foi ótima.
E depois ela com a Callie dizendo que irá ajudá-la. Concordo que ela seria uma chefe melhor, e concordo com o Richard que o lugar dela é na sala de cirurgia... Mas independentemente disso, a Callie tá um caco e não merece. Por parte do trabalho que é muita pressão e um casamento desmoronando ao seu redor.

Aliás, que tenso o George contando que dormiu com a Izzie.

Gostei muito mais do “Really Old Guy” agora que tô vendo pela segunda vez... E tadinho, percebendo que esse mundo não serve mais pra ele. Essa determinação em morrer foi engraçada. E fiquei com pena. :/

Cristina hilária! Muito bom ela fingindo devastação pra roubar as cirurgias da Mer.
Adorei ela no começo entendendo que Meredith e Derek estavam fazendo sexo.
E no final, dizendo que está lidando com o que houve da melhor maneira. Aw.

Episodio 4x3 - Nota 8.5 2013-09-05 22:23:48

Doctors give patients a number of things. We give them medicine, we give them advice and, most of the time, we give them our undivided attention. But, by far, the hardest thing you can give a patient is the truth. The truth is hard. The truth is awkward and very often the truth hurts. I mean, people think they want the truth. But do they really?

The truth is painful. Deep down nobody wants to hear it, especially when it hits close to home. Sometimes we tell the truth because the truth is all we have to give. Sometimes we tell the truth because we need to say it out loud to hear it for ourselves. And sometimes we tell the truth because we just can't help ourselves. Sometimes, we tell them because we owe them at least that much.

Episodio 4x3 - Nota 8.5 2015-04-29 10:36:06

Obrigado, Amanda! <3

Episodio 4x4 - Nota 9 2012-08-30 12:18:57

Acho que a Izzie merecia ao menos um tapa... Muito triste a história da sobrinha do Richard, nossa... :( E o Derek sendo perfeito dizendo tudo aquilo pra Meredith? Não entendo porque ela não quer comprometimento com uma pessoa que diz tantas coisas perfeitas pra ela.

Episodio 4x4 - Nota 9 2013-09-06 22:39:55

Volto a dizer que a Izzie merecia sim levar pelo menos um tapinha pelo que fez... Mas realmente e felizmente, Callie está acima disso.
Aquilo que ela disse pro namorado da paciente que faleceu, lá na porta do hospital, é basicamente o que o George fez com ela. Casou-se pra se sentir melhor, ela foi como um prêmio pra ele. E ele não soube valorizar.
A cena da Callie falando as verdades pra Izzie também foi muito boa.

Alex mais uma vez me deixando super confuso... Claro que é de se surpreender que Izzie tenha dormido justamente com o George. Mas não por ser o “O’Malley”, como ele diz... E sim por ser o melhor amigo dela.
Nunca entendi essa birra que o Alex tem com o George. Não tem motivo pra aparentemente odiá-lo tanto... Mas enfim.
Ele acaba compensando tudo, como nesse final indo deixar os lenços. Que amor <3

Concordei com o Derek naquela guerra entre Cristina e Lexie. A Bailey era (e ainda é) muito rigorosa, mas nunca a vi tratando os internos daquele jeito, dizendo que não devem se aproximar da cama do paciente e etc. Como é que a Lexie vai aprender assim?
Ainda bem que ela se tocou no final. Não precisa amar os internos, mas também não precisa humilhá-los desse jeito. Bailey sabia muito bem como treiná-los sem ‘humilhar’ ninguém.
ALIÁS: “I was great, you were good.” CRISTINA REINA <3

E por fim: Temos o Derek lindo fazendo aquela declaração magnífica pra Meredith e ela sem dizer nada... Realmente, não dá pra entender. Todo mundo em Grey’s sofre de bipolaridade (no bom sentido porque amo todos).
“Pick me, choose me, Love me.” Meredith tá se esquecendo disso? Que ela pediu pro Derek amá-la? Que coisa!

Episodio 4x4 - Nota 9 2013-09-06 22:41:19

In life only one thing is certain, apart from death and taxes: No matter how hard you try, no matter how good your intentions, you are going to make mistakes. You are going to hurt people. You are going to get hurt. And if you ever want to recover, there’s really only one thing you can say...

Forgive and forget. That’s what they say. It’s good advice, but it’s not very practical. When someone hurts us, we want to hurt them back. When someone wrongs us, we want to be right. Without forgiveness old scores never settle. Old wounds never heal, and the most we can hope for is that someday we'll be lucky enough to forget.

Episodio 4x5 - Nota 8.5 2012-08-30 12:19:12

QUE HORROR o homem cortando o pé e os médicos tentando impedir! KKKKKKKK E morri rindo da Callie e Cristina durante a cirurgia, muito bom! Esse ep foi ótimo!

Episodio 4x5 - Nota 8.5 2013-09-07 22:55:25

Chegou uma das personagens que eu simplesmente odeio na série: Erica Hahn. Não vou com a cara dela e odeio esse tratamento que dá a Cristina, que ainda vai ‘sofrer’ nas mão dela, digamos... Muito chata.

Quanto ao George... Não concordo com esse negócio de que Izzie e ele só aconteceu porque a Callie insistiu. Ela só falou nisso uma vez, nas outras vezes ficou com ciúmes por ele dar prioridade a ela do que pra esposa. Nada justifica o que o George fez. Por isso não gostei da Bailey dizendo aquilo pra ele se sentir menos culpado, ou colocando a Callie com uma parcela de culpa, porque isso simplesmente não existe.

A cena da Callie com Cristina na cirurgia foi ótima. Ambas desabafando, rindo pra não chorar hahahaha

O que foi o menino chamando o Mark de “Daddy”? O susto dele foi hilário!
E adorei o plot das orelhas... O menino é fofinho. Ainda bem que conseguiram a cirurgia gratuita.

Sinto uma agonia fortíssima com esse cara cortando o próprio pé. Mas que loucura colocar na cabeça que o pé não é dele gente... Como assim!

E Ava is back. Aqui vai aquele “yay” super empolgado: Yay.

Ótimo episódio!

Episodio 4x5 - Nota 8.5 2013-09-07 22:58:52

There’s a reason surgeons learn to wield scalpels. We like to pretend we’re hard, cold scientists. We like to pretend we're fearless. But the truth is we become surgeons because somewhere deep down we think we can cut away that which haunts us. Weakness, frailty, death.

It isn’t just surgeons. I don’t know anyone who isn’t haunted by something... or someone. And whether we try to slice the pain away with a scalpel or shove it in the back of a closet - our efforts usually fail. So the only way we can clear out the cobwebs is to turn a new page or put an old story to rest - finally, finally to rest.

Episodio 4x6 - Nota 8.5 2012-08-30 12:19:28

Esse foi o mais fraquinho da temporada, mas ainda assim foi bom! Destaque pra Izzie, é claro. Perfeita. ♥

Episodio 4x6 - Nota 8.5 2013-09-09 21:36:28

Oh my dear God... Vamos acabar logo com Izzie e George, sim? Casal sem química, simplesmente não combinam. É muito estranho ver os dois se curvando pra se beijar e etc. Um dos piores plots que Grey’s já apresentou, de longe.

Não suporto Erica Hahn, não dá!
E já disse antes que esse descaso com a Cristina é absurdo. Só leva a acreditar que ela é extremamente carente, e o fato da Cristina ter uma vida amorosa e sexual ativa deve irritá-la muito, né? Pois só isso justifica.
Sem contar que todo aquele espetáculo por Richard querer fazer uma noite só com os homens foi o cúmulo do ridículo.
Porém confesso que a cena em que ela pergunta se Mark e Derek são um casal foi engraçada! Hahaha

George segurando o vestido também foi ótimo. A expressão de raiva e cansaço dele hahaha
“Você soltou o vestido, não foi?”
“Não.” TODO SÉRIO! KKKKKKKKKKKK

Eu amo o Alex, mas a Lexie foi muito idiota por cair na conversinha dele, né? Ele foi muito esperto, aliás.

Acho que eu ficaria que nem aquele senhor numa cirurgia acordado, com pessoas observando... Deve ser muito constrangedor. E perturbador.

Aliás: O que foi Cristina fazendo uma “dança com os dedos”, acompanhando os movimentos da Erica? HAHAHAHA

Meredith, volta pro Derek logo pelo amor de Deus!

Episodio 4x6 - Nota 8.5 2013-09-09 21:38:07

There’s this thing about being a surgeon. Maybe it’s pride or maybe it’s just about being tough. But a true surgeon never admits they need help unless absolutely necessary. Surgeons don’t need to ask for help because they’re tougher than that. Surgeons are cowboys. Rough around the edges. Hardcore. At least, that’s what they want you to think.

Deep down, everyone wants to believe they can be hardcore. But being hardcore isn’t just about being tough – it’s about acceptance. Sometimes you have to give yourself permission to not be hardcore for once. You don’t have to be tough every minute of every day. It’s okay to let down your guard. In fact, there are moments when it’s the best thing you can possibly do - as long as you choose your moments wisely.

Episodio 4x6 - Nota 8.5 2016-03-24 18:59:00

Não lembro exatamente do plot, preciso rever o episódio pra ver se sustento minha primeira opinião!

Episodio 4x7 - Nota 8.5 2012-08-31 12:25:43

Gostei bastante desse episódio... Miranda, sua linda! Merece ser chefe! ♥

Episodio 4x7 - Nota 8.5 2013-09-10 21:42:55

George e Izzie precisaram fazer sexo três vezes mais pra entender que eles definitivamente não tem química: Já estava na hora. Eles não funcionam como casal... Nem a imagem, nem na prática... Muito nada a ver!
Agora é muito triste mesmo você parar pra pensar em tudo o que a Callie passou por causa do George e no fim, o que ele tanto buscou nem valeu tanto a pena. Patético!

Cristina tá muito mole por não ir logo contar pro Richard o que a Hahn tava fazendo... E a Bailey não devia ter dito pra ela procurar outra especialidade. Tudo bem que a intenção foi boa, mas né. Nada a ver ela desistir daquilo que decidiu fazer desde sempre por causa de uma atendente revoltada com a vida.
É como a Cristina disse: É um hospital de ensino, Hahn deve ensiná-la. Não expulsá-la dos casos com toda aquela arrogância.

Finalmente Bailey recebeu o cargo que tanto almejou! Tava na hora mesmo do Richard perceber que ela devia ter sido nomeada Residente-Chefe desde sempre, né? Muito fofo ela chorando no final hahaha

E no início eu até tava com pena da Callie, mas ela realmente abusou nesse episódio... Queria o cargo mas jogou tudo nas costas da Bailey, procurando uma válvula de escape nas cirurgias...

Outra coisa: Já está na hora, também, da Meredith começar a se relacionar com a Lexie. Continuo achando que ela querer se manter afastada da família Grey é bastante compreensível, por causa do nojento da Thatcher (aliás, que patético nesse final: Escrotíssimo!), só que a Lexie tava levando muito tapa sem merecer.

Também achei muito bom as cenas do Mark, Derek e Richard! Hahaha
Mark muito amor falando que o Derek é a “namorada do chefe”!

Enfim, excelente episódio! :)

Episodio 4x7 - Nota 8.5 2013-09-10 21:45:51

Before we were doctors, we were med students, which meant we spend a lot of time of studying chemistry. Organic chemistry, biochemistry, we learned it all. But when you’re talking about human chemistry only one thing matters: either you’ve got it or you don’t. Chemistry, either you’ve got it or you don’t.

Episodio 4x8 - Nota 8.5 2012-08-31 12:25:58

Miranda, perfeita! Destaque do episódio, muito amorrrr! ♥

Episodio 4x8 - Nota 8.5 2013-09-12 19:48:54

Simplesmente adoro essa cena em que a Miranda desabafa com o Derek. Aliás, muito interessante trazerem essa antiga paixão e mostrarem esse “ponto fraco” da personagem. O fato é que o cara nunca mereceu e nem vai merecer a Bailey. Ela é demais pra ele.

Outra cena interessante foi o Alex conversando com a Lexie no elevador, falando sobre o momento que se tornou o “homem da casa” aos 7 anos.
Também gostei do “sermão” que Lexie deu na Meredith. Eu odeio muito o Thatcher, não me importo se ele se cortar inteiro, nem se ele pedir desculpas pelo tapa e palavras horríveis ditas a Meredith umas mil vezes. Vou sempre odiá-lo.

Muito triste o plot do rapaz com o lápis no olho... Nem lembrava mais que terminava daquele jeito. A amiga dele partiu meu coração.

Hahn continua na minha lista de “detestáveis”, não adianta. Pensei que podia começar a gostar da personagem assistindo tudo pela segunda vez mas estava enganado.

Amo a amizade de Derek e Mark! Acho uma das melhores da série. Essas brincadeiras que eles tem um com o outro é muito amor. Hahaha
Ah, e o que foi a menina dizendo pro Mark que ele parecia o pai dela?!

Derek e Meredith, que complicação. É uma agonia esse relacionamento dos dois!

Odiei a Sydney “terminando” com o Derek... Muito bobinha!

E enfim, George e Izzie voltando a ser os amigos que deviam ter sido desde sempre. Já estava na hora pois todo o drama de “temos que ficar juntos” e “o sexo é ruim” tava chato.

O fato é que até agora a temporada tá mesmo muito repetitiva, mostrando os mesmos plots em todos os episódios...

Episodio 4x8 - Nota 8.5 2013-09-12 19:52:18

There comes a point in your life when you’re officially an adult. Suddenly, you’re old enough to vote, drink and engage in other adult activities. Suddenly, people expect you to be responsible, serious... a grown-up. We get taller, we get older. But do we ever really grow up?

In some ways we grow up: we have families... we get married, divorced... but for the most part we still have the same problems that we did when we were fifteen. No matter how much we grow taller, grow older... We are still forever stumbling... forever wondering, forever... young.

Episodio 4x8 - Nota 8.5 2013-09-12 19:52:32

Muito divina a narração desse episódio <3

Episodio 4x9 - Nota 10 2012-08-31 12:26:11

MUITO BOM! O melhor da temporada até agora. Que tensão e agonia esse episódio INTEIRO. Fiquei com muita pena do Stan, tava torcendo pra que ele conseguisse... E esse final? Nunca senti tanta agonia na minha vida!

Episodio 4x9 - Nota 10 2013-09-12 22:34:42

Esse episódio é excelente demais. Lembro que na primeira vez que assisti, estava acompanhando pelo Netflix. Fui assistir a segunda parte no outro dia, e meu computador apresentou um problema. Fiquei uma semana sem internet e quase morrendo por não continuar minha maratona, e principalmente por não ver o desfecho desse episódio incrível!

Esse cliffhanger do final é de matar! É uma agonia sem limites todo esse sangue jorrando!
A cara da Lexie também! O sangue jorrando nela, nossa que horror! Deve ser muito chocante presenciar uma coisa assim.

O caso dos paramédicos da ambulância é extremamente emocionante. Fala se tem como não descer lágrimas com a despedida da funcionária do hospital pro Stan? E o Ray todo apreensivo mas tentando permanecer positivo sobre o estado do amigo. Muito triste quando o Stan morre... :(

Bailey é muito linda, gente. Só que eu no lugar dela não sei se conseguiria salvar a vida de um homem que se recusou a ser tocado por ela por ser negra. Gente, que é isso? Mas é verdade: Bailey está acima dele. Ela apenas quer provar que seu caráter está muito acima do dele.
Porém, que dá um nojo desse Shane, ah isso dá. E muita raiva, vontade de socar também.

E o Derek com a cabeça da mulher aberta e de repente o computador para de funcionar?

Enfim, não só o gancho estrondoso do paciente da artéria, mas os outros... Fazem deste e do próximo um dos melhores episódios da série e o melhor da temporada até agora. Só amor.

Episodio 4x9 - Nota 10 2013-09-12 22:35:45

We go into medicine because we want to save lives. We go into medicine because we want to do good. We go into medicine for the rush... for the high... for the ride. But what we rememeber at the end of most days are the losses. What we lay awake at night replaying is the pain we caused or failed to cure. The lives we ruined or failed to save. So the experience of practicing medicine rarely resembles the goal. The experience too often is ass backwards and upsidedown.

Some days the whole world seems upside down. And then somehow... improbably and when you least expect it... the world rights itself again.

Episodio 4x10 - Nota 10 2012-09-06 14:03:17

Que cena final maravilhosa! Adorei. O episódio já foi perfeito e já havia ganhado cinco estrelas, mas pela dancinha do final, é +10000. ♥

Episodio 4x10 - Nota 10 2013-09-13 22:52:30

Esses dois episódios são excelentes. Acho que os melhores dessa temporada que é a mais “fraquinha” da série, por assim dizer.

Meredith estava espetacular no meio de toda aquela situação aterrorizante com o Ray (?). Ellen Pompeo em um de seus melhores momentos, sem dúvida. Tava estampado no rosto dela o medo de perder o paciente, de fazer algo errado... E ainda assim lidou com tudo como uma guerreira! Eu amo muito a Mer, de verdade <3
Aliás, o que foi ela mandando a Erica calar a boca? hahaha

Não gosto muito desse marido da Bailey... Acho ele muito bobo, retardado... O cúmulo do absurdo ele ser casado com uma cirurgiã e não entender a rotina de trabalho da mesma. No meio de todo aquele negócio de “sempre tem uma cirurgia, uma complicação”, o que eu mais achei graça foi o fato dele querer, sem realmente dizer, que a Bailey saísse da cirurgia pra ir almoçar com ele e deixar o paciente pra morrer (independente de ser um nazista nojento ou não).
Dá pena dela porque tá na cara que ela ama ele e que se esforça pra manter o casamento de pé. Mas de que adianta se o marido deseja o mesmo, mas é o primeiro a forçar a queda dos dois?

George dando a sambada que todos estávamos esperando na cara do nojentinho. Palmas de pé pra ele, por favor.

Fala se não dá vontade de chorar com a Lexie decepcionada pela morte do rapaz da artéria? Ela tem uma carinha que... Simplesmente não tem como não amar!
E quando ela chega toda sem graça, tímida, assustada, na casa da Meredith? Muito linda. Quero abraçá-la.
Rever a série só tá me fazendo amar ainda mais essa personagem, incrível.

E por fim temos aquela cena final maravilhosa. A vontade que dá depois de vê-los dançando é assistir todos os episódios de uma vez pra sempre. Eu amo demais Grey’s.

Episodio 4x11 - Nota 8.5 2012-09-06 14:03:41

Acho o Derek muito apressado e a Meredith muito lenta... Mas entendo os dois lados. Só não queria que eles se separassem! :(

Episodio 4x11 - Nota 8.5 2013-09-15 18:43:02

Essa narração da Bailey é incrível. Sem falar que esse episódio é dele, né gente.
O plot muito bem construído e magistralmente conduzido até o final... Não podia ser diferente! A cena dela chorando nos braços do Derek, e tentando lembrar se era ou não a culpada por deixar a cerca do bebê aberta... Miranda Bailey é simplesmente incrível e definitivamente uma das melhores personagens já criadas.
O Tucker é muito chato... Ele faz drama demais quando não é necessário. Tudo o que ele diz é que ela nunca tem tempo pra isso, que sempre tem alguma coisa, e etc... Ele quer que a Bailey desista da carreira de cirurgiã, só pode. Ainda bem que foi pra um hotel, uma relação assim, com um cara tão negativo, só faz mal ao bebê...

Gostei muito do plot da mulher curandeira. E muito bonita a cena em que ela vai curar o bebê da Bailey e todos estão observando ansiosos.
E também uma das senhoras dizendo pro Alex que a Izzie o ilumina, awwww. Voltem a ficar juntos por favor! :)

E voltando a Bailey... Aplaudi a sambada incrível que ela deu na cara da Hahn... Muito ridículo ela berrar que não ia continuar a cirurgia enquanto Bailey não saísse da OR. Hahn se acha muito superior e já ‘humilhou’ a Bailey anteriormente, por assim dizer. Precisava daquela sambadinha básica.

Repetindo o meu comentário anterior: Derek é muito apressado e a Meredith é muito lenta. Eles não tem o mesmo ritmo e isso complica demais a relação. E por mais que seja angustiante esse chove não molha entre os dois, não queria que terminassem porque gosto demais deles juntos.

E também curti muito o retorno da mãe do George, adoro ela! :)

Episodio 4x11 - Nota 8.5 2013-09-15 18:43:35

In the beginning, God created the Heaven and the earth, at least that’s what they say. He created the birds of the air and the beasts of the fields, and he looked at his creation and he saw that it was good. And then God created man, and it’s been downhill ever since. The story goes on to say that God created man in his own image, but there’s not much proof of that. After all God made the sun and the moon and the stars, and all man makes is trouble. And when man finds himself in trouble, which is most of the time, he turns to something bigger than himself. To love or faith or religion to make sense of it all. But for a surgeon, the only thing that makes any kind of sense is medicine.

As doctors, we know more about the human body now than at any point in our history. But the miracle of life itself; why people live and die, why they hurt and get hurt is still a mystery. We want to know the reason, the secret, the answer at the back of the book… because the thought of our being all alone down here is just too much for us to bear. But at the end of the day, the fact that we show up for each other, in spite our differences, no matter what we believe, is reason enough to keep believing.

Episodio 4x12 - Nota 9 2012-09-06 14:04:01

Ri horrores com a Meredith gritando TUMOR! KKKKKKKKKK Eu gostei bastante desse episódio... Lexie dando uma de ladra foi ótimo haha.

Episodio 4x12 - Nota 9 2013-09-16 21:29:45

Agora sim a temporada começa a andar, já que não está focando naqueles plots da primeira parte e etc...

A proposta desse episódio é muito boa. Adoro eles competindo! O que foi Cristina acelerando o passo e derrubando a Izzie no início? Muito engraçado!
A cena da Meredith descobrindo que o cara tem um tumor é ótima! HAHAHAHAHA

E aquela sambada que o paciente dá na Izzie no final? KKKKKKKKK Muito engraçado o surto dele, mas né... Tadinho! Izzie foi muito louca submetendo um paciente a um monte de exame desnecessário...

O plot do urso foi muito bom também... Fiquei com pena da mulher acreditando que o amado só casou com ela por efeito do tumor. Triste!
Sem falar que aquela cena do homem chegando com os intestinos pra fora é muito chocante.

Adoro Lexie roubando as coisas do hospital! Hahahaha

E adoro muito Derek e Mark. Mark esse que não sabe se expressar direito né! HAHAHA Tudo o que ele diz dá a entender que ele deseja loucamente o Derek!

Episodio 4x12 - Nota 9 2013-09-16 21:31:24

We like to think that we are rational beings. Humane. Conscientious. Civilized. Thoughtful. But when things fall apart even just a little, it becomes clear we’re no better than animals. We have opposable thumbs, we think, we walk erect, we speak, we dream. But deep down, we’re all still rooting around in the primordial ooze, biting, clawing, scratching out an existence in the cold, dark world like the rest of the tree toads and sloths.

There’s a little animal in all of us, and maybe that’s something to celebrate. Our animal instinct is what makes us seek comfort, warmth, a pack to run with. We may feel caged, we may feel trapped. But still, as humans, we can find ways to feel free. We are each other’s keepers. Still we are the guardians of our own humanity. And even though there’s a beast inside all of us… What sets us apart from the animals is that we can think, feel, dream, and love. And against all odds, against all instinct… we evolve.

Episodio 4x13 - Nota 9 2012-09-06 14:04:19

Quero a Addison de volta! Acho que vou começar a ver Private Practice ein! Acho que a Callie só não se descobriu ainda. Ela tem jeito de lésbica sim! Adoro a amizade do Derek com o Sloan! hahaha Muito engraçado!

Episodio 4x13 - Nota 9 2013-09-17 21:50:59

É uma sensação tão boa desfrutar da presença de Addison Montgomery em Grey’s Anatomy. Cada vez que ela aparece só nos faz desejar mais o retorno da personagem... Dá vontade de assistir “Private Practice” só por causa dela. ♥

Ava/Rebecca é tão zzzzzzzzz. Odeio demais essa personagem e essa coisa de dizer que está grávida, sem estar. Ainda mais por mentir pro Alex, né. Muito escrota...

Fiquei com muita pena mesmo do paciente com o tumor agressivo... Não consegui lembrar se ele morria ou não e torci muito (de novo!) pra que isso não acontecesse... :(

Agora tá bem mais evidente a tensão sexual da Erica... Mesmo achando que a Callie tem um jeito de lésbica sim, não acho que ela estava gostando da Hahn...
O comentário da Addie só fez a Callie perceber que Erica talvez esteja nutrindo esses sentimentos por ela...

Mark é o personagem mais cômico da série! Adoro todas as expressões dele, o timing... Demais! Hahahaha
Aquela cena do elevador foi muito boa e constrangedora... Que horror!

Acho que já tá na hora da Cristina parar de se humilhar. Continuo pensando que ela deveria ter ido ao chefe comunicar que a Hahn praticamente se recusa a lecioná-la e tá tudo certo. Onde já se viu? Ter que mudar o foco de carreira porque a pessoa que deveria te incentivar, simplesmente não o faz? Mais uma vez penso que a Addison tinha que ficar no SG pra dar umas aulas pra Hahn viu... Pois ela conseguiu colocar o Alex na pediatria rapidinho e nem era o real objetivo dela. :)
Ah! A cena da Cristina no almoço, tentando falar a língua de “menininha” foi muito boa! Hahaha

Enfim, episódio muito gostosinho de assistir. <3

Episodio 4x13 - Nota 9 2013-09-17 21:53:07

Great surgeons aren’t made. They’re born. It takes gestation, incubation, sacrifice. A lot of sacrifice. But after all the blood and guts and gooey stuff is washed away... that surgeon you’ve become? Totally worth it!

Giving birth may be all intense and magical and stuff, but the act itself is not exactly pleasant. But it’s also a beginning of something incredible, something new, something unpredictable, something true, something worth loving, something worth missing, something that will change your life... forever.

Episodio 4x14 - Nota 9 2012-09-07 20:09:22

Adoooorei o David Giuntoli (Nick de Grimm) como um soldado gay nesse episódio. Que história linda. Queria que o rapaz tivesse sobrevivido. ♥

Episodio 4x14 - Nota 9 2013-09-19 13:56:50

Eu simplesmente adoro essa participação do David Giuntoli em “Grey’s Anatomy”. Principalmente a história que vem junto com ele. Fico muito triste com a morte do soldado, queria tanto que sobrevivesse! Shondanás mata os pacientes que mais simpatizam com a gente, essa capeta!

Cristina cantando “Like a Virgin” foi hilário. Ainda mais a Lexie: “Hey! Like a virgin, touched for the very first time! Like a vir… I’ll just go upstairs and chart.” Muito engraçado!
Cristina reina muito nesse episódio… Sandra Oh é demais, uma das minhas atrizes preferidas de longe. Ela não precisa falar pra mostrar ao público os sentimentos da Cristina. Adoro a atuação silenciosa dela. E o final, com ela dizendo aquelas coisas pro Richard, que não deseja o melhor pro Burke. Muito bom!
E o Burke só se prova mais escroto ainda, mesmo após deixar o Seattle Grace.

Tá estampado na cara da Erica que ela tá louca pela Callie. E aquela risada após a Callie dizer a desconfiança da Addison foi de vergonha por ter sido pega! Hahahaha
E a Callie já tá se sentindo atraída também, caso contrário não iria querer fazer sexo toda hora com o Mark... E é sempre depois de alguma tensão sexual entre ela e Erica. É engraçado haha

Morrendo de pena do Alex, ele tá todo preocupado com a paternidade e nem faz ideia que a ridícula absoluta da Rebecca não está grávida... E o pior de tudo é que a Izzie não pode contar... Isso deve ser péssimo, né?
E agora Alex tá com raiva dela pois pensa que ela não aprova e... :((

Adoro todos os “barracos” que a Bailey arruma e todas as verdades que ela diz. Sem dúvida uma das melhores personagens já criadas EVER.
Ela chamando o Mark de “whore”. HAHAHAHA E depois dando AQUELA bronca no Richard, muito amorzinho.
Aliás, o Richard com o maior sorrisinho no rosto pra Bailey dizendo “não quero nem que você segure esse formulário”, achando que fez uma coisa muito boa HAHAHA

Esse episódio é muito amor.

Episodio 4x14 - Nota 9 2013-09-19 14:04:08

There’s this person in my head. She is brilliant, capable, she can do chest tubes and craniotomies, she can run a code without freaking out. She’s a really good surgeon, maybe even a great surgeon. She’s me. Only so much better.

It was a good day, maybe even a great day. I was a good doctor even when it was hard. I was the me in my head. There was a moment when I thought “I can’t do this, I can’t do this alone”. But I closed my eyes and imagined myself doing it. And I did. I blocked out the fear. And I did it. It was a really good day.

Episodio 4x15 - Nota 10 2012-09-07 20:11:50

MEU. DEUS. Erica e Callie! KKKKKKKK Adorei esse episódio! Muito bom!

Episodio 4x15 - Nota 10 2013-09-20 12:44:57

Essa agressividade do Alex quando o assunto é a Rebecca, é explicada nos próximos dois episódios, se não me engano... Mas mesmo assim, acho muito ridículo ele ficar destratando a Izzie desse jeito... Em primeiro lugar ela tá se comportando como a médica da Rebecca... E depois como amiga dele. Não merecia esse tratamento, ela só tá demonstrando o quanto se preocupa...

A primeira vez que assisti, tava certo que o Andre não existia... Ainda mais depois da cena que Meredith e Derek afirmavam pra paciente que o cara era apenas uma consequência do subconsciente, por conta do tumor. Fiquei muito surpreso quando ele aparece. E enchi os olhos de lágrimas, como a Meredith, por ela ter morrido pensando que o amor da vida não existia. Muito triste.

Terapia da Meredith tá excelente, muito ousada! Tanto ela, como a psicóloga. Aquele primeiro embate, com a médica dizendo que a Meredith tá no muro entre a vida e a morte apenas esperando o vento pra derrubá-la pra um dos lados, foi muito boa. E o final também, com Mer fazendo aquela revelação. “Fix me.”

Erica beijou a Callie porque tava com muita vontade de fazer isso, nem foi pra atiçar o Mark! E Callie toda balançada depois? Em choque, e balançada! É engraçado essa descoberta dela sobre sentir atraída pelo mesmo sexo.

Lógico que Cristina ainda está revoltada com a papelão do Burke: Não é à toa. Ele conseguiu o prêmio mais cobiçado da medicina, “Harper Avery”, com a ajuda da Cristina e agiu como se ela nunca tivesse existido. Eu estaria até pior se fosse ela, porque não sei mesmo como lidar com essas situações. Talvez tivesse quebrado todo o apartamento, ao invés de organizá-lo. Haha

Tá na hora mesmo do George ter o trabalho reconhecido.

Enfim, episódio incrível e muito tocante!

Episodio 4x15 - Nota 10 2013-09-20 12:46:40

The problem with being a resident is... you feel crazy all the time. You haven’t slept in years. You spend every day around people in massive crisis. You lose your ability to judge what’s normal... in yourself or anyone else. And yet people are constantly asking you to tell them how they’re doing. How the hell are you supposed to know? You don’t even know how you’re doing!

Don’t wonder why people go crazy. Wonder why they don’t. In the face of all we can lose in a day... in an instant... wonder what the hell it is... that makes us hold it together.

Episodio 4x16 - Nota 10 2013-09-20 22:50:37

Esse caso de “really big trauma” também é um dos mais interessantes da série. Lembro que fiquei boquiaberto quando assisti pela primeira vez, pois nunca esperei ver algo assim.
Muito boa a cena da Bailey repetindo tudo o que eles fizeram com o menino e lembrando da bexiga.

Rebecca foi a responsável, na temporada anterior, de trazer o lado mais humano da Alex. Porém agora é a responsável por colocar a vida dele de cabeça pra baixo. Não suporto essa vadia, nem esse plot dela. E tenho muita pena do Alex por ter que lidar com uma coisa assim.

Lexie e George são lindos COMOAMIGOS. Nada a ver eles como um casal, adeus. Até porque só consigo ver a Lexie com uma outra pessoa aí, que ainda vai ser apresentado como par romântico dela. Porém muito legal ela roubando as fichas dos médicos do hospital e descobrindo que o George repetiu o ano como interno por apenas 1 ponto. Aliás, que coisa, ein!

Fofíssimo o casal do tumor. E extremamente triste o final, com o rapaz morrendo e ainda mais a reação da menina. Esses últimos casos de Grey’s me fizeram ficar com lágrimas nos olhos de tão bons e tocantes.

Episodio 4x16 - Nota 10 2013-09-20 22:51:49

My mother used to say that, for a surgeon, a day without death is a rare gift. Every day, we face death. Every day, we lose life. And every day, we’re hoping for a stay of execution... We’re attached to death. Chained. Like prisoners. Captives.

Episodio 4x17 - Nota 10 2012-09-07 20:12:37

Olha, quando o Derek diz coisas como "Não quero mais te ver, nem falar com você. Acabou", eu tenho vontade de dar um tiro na testa dele. É uma relação de amor e ódio. Mas definitivamente a cena final do episódio ganhou de todas Deredith da série. Muito amor! Fiquei com muita pena do Alex chorando... Tadinho. Não imaginava que ele já tinha "tratado" uma pessoa com problema mental, no caso a própria mãe. Mas bem que deu pra estranhar, ele vendo a Rebecca se comportar de modo absurdo e dizer que ela estava bem...

Episodio 4x17 - Nota 10 2013-09-22 20:52:57

Odeio muito o Derek quando ele diz aquelas coisas fortíssimas e desnecessárias pra Meredith porque não acho que ela mereça. Odeio muito mesmo. Só que no mesmo episódio esses dois conseguem contornar a situação me fazendo amá-los mais do que nunca. Esse final com as velas, Meredith dizendo o que é cada cômodo... Gente!
Eles são lindos demais juntos. Nunca vi uma pessoa que não shipasse MerDer mas se existir, apenas um recado: NÃO TE ENTENDO!

Essa season finale é uma das melhores da série, e olha que ainda tem MUITA finale boa por vir (5ª, 6ª, 8ª e 9ª são as mais notáveis, não desmerecendo a 7ª, claro!).

É muito chocante o Alex chorando, ainda mais após a revelação que ele tratou da própria mãe com problemas mentais quando ainda era uma criança. Dá uma dorzinha!
E eu torço tanto, mas tanto, pra que eles fiquem juntos. Eles combinam demais.

Não me importo tanto com a relação de George e Lexie como me importei com ele e a Izzie... Mas novamente não consigo vê-lo com ela em um relacionamento sério. Achoq que a única pessoa que adorei com o George foi a Callie mesmo, e coitado... Ele merece encontrar a pessoa certa o quanto antes.
E também acho que não consigo vê-los juntos agora (nem lembro mais o que achava da primeira vez que assisti) porque a alma gêmea da Lexie é outra pessoa. Então...

Sambada magnífica, incrível, merecidíssima, que Richard deu na Erica. E já tava na hora dele tomar uma atitude, né? Erica trata principalmente a Cristina como o maior lixo desde o primeiro segundo que pisou no hospital como chefe cardiotorácica... Levou muito tempo pro Richard tomar uma atitude porque Cristina sofreu muito nas mãos dela. Só faltou mesmo desistir da carreira na cardio.

Mas enfim, ótimo a Callie finalmente reconhecendo o que sente pela Erica e se entregando.

Richard e Bailey dando grandes passos foi ótimo também. De modo geral esse finale foi um grande passo na vida de todos os personagens. Foi muito bonito.

E concordo com o Lucas: A trilha sonora dos beijos caiu muito bem durante as cenas. Ficou excelente. Deu uma emoção a mais.

E vamos rever a Season 5 agora! :)

Episodio 5x1 - Nota 9 2012-09-08 15:32:01

Alex não merece a amizade de ninguém, sinceramente. Muito menos da Izzie. Como pode um ser humano tão seco como ele? Gostei bastante desse retorno!

Episodio 5x1 - Nota 9 2013-09-23 22:00:21

Olha o spoiler sobre a Izzie, Gláucia!!

Episodio 5x1 - Nota 9 2013-09-23 22:03:04

Quando decidi assistir todas as temporadas de Grey’s esse ano, não odiei o Alex como odiava na primeira vez que assisti. Acho que comecei a gostar dele a partir dessa temporada. E como comentei: isso mudou reassistindo a série. Me fez compreender mais o personagem.
Quero ver se isso vai acontecer com o Owen também. Porque eu só fui simpatizar um pouco mais com ele em meados da 9ª temporada. E inacreditavelmente, fiquei contente quando ele apareceu, até porque essa entrada dele foi excelente. Quero ver se o personagem consegue mudar minha opinião agora, pela segunda vez...

Agora essa season premiere foi de trollada, né?
Primeiro com aquele sonho da Meredith com o Derek que quase me matou.
E depois, com a Rosie dizendo que tava esperando um filho dele. Ela falou com uma certeza, uma seriedade... Que nunca deu pra imaginar que ela tava brincando! KKKKKKK
E a cara do Derek?? Hahaha

Muito tenso esse negócio do Seattle Grace cair pra 12°. Erica tava toda se sentindo culpada e ainda usou o fato da Cristina não saber realizar aquele procedimento pra pisar um pouquinho mais nela. Eita inveja, ein?

Esse caso dos pacientes da meia-idade até que é interessante... Com essa amiga “falsa” traindo o marido, com o marido da melhor amiga.

Lexie mandando o Mark calar a boca, que amorzinho. ♥

E por fim, esse final bombástico!
Eu amo muito Meredith e Derek mas realmente... Chega uma hora que cansa. Meredith só fala disso, não troca o disco. E olha que a Cristina ouve demais ein. Se não fosse ela estar em um “dia ruim”, com a quase morte de um paciente em suas mãos, talvez nem tivesse falado tudo aquilo.
E depois cai aquela ‘pedra de gelo’ na barriga dela. OH GOD!!!

PS: Vi no meu primeiro comentário que quebrei o pau no Alex. Provavelmente por alguma coisa que ele faz na próximo episódio e eu não consigo me lembrar.

Episodio 5x1 - Nota 9 2013-09-23 22:05:48

We all remember the bedtime stories of our childhoods: the shoe fits Cinderella, the frog turns into a prince, Sleeping Beauty is awakened with a kiss... Once upon a time... and then they lived happily ever after. Fairy tales - the stuff of dreams. The problem is fairy tales don’t come true. It’s the other stories, the ones that begin with dark and stormy nights and end in the unspeakable... It’s the nightmares that always seem to become reality... The person who invented the phrase “happily ever after” should have his ass kicked so hard.

Once upon a time... Happily ever after... The stories we tell are the stuff of dreams. Fairy tales don’t come true. Reality is much stormier... much murkier... much scarier. Reality – it’s so much more interesting than living happily ever after.

Episodio 5x1 - Nota 9 2016-04-02 19:20:08

Eu demorei muuuuuito a gostar dele hahahaha

Episodio 5x2 - Nota 9 2012-09-08 15:32:14

Taylor Swift na trilha sonora, adorei! Cristina, sua liiiiiinda! ♥ E Denny, ai meu Deus! Muita emoção. Izzie, te amo!

Episodio 5x2 - Nota 9 2013-09-24 22:41:47

Que amor dos amores esse início com Cristina e Meredith velhas, essa cena é muito memorável. Cristina mostrando onde estão os óculos da Mer HAHAHAHA

Eu amo demais esse figurino da Izzie. Essa é outra cena memorável da série e adoro quando trazem de volta. E por mais que eu torça por ela e Alex, também gosto muito do Denny.

Mais uma vez o Owen me agradando! Tô ficando surpreso. Mas até agora o personagem não teve AQUELA participação. Quero ver mais pra frente se ele vai conseguir reverter minha antiparia.

Essas atitudes do Alex me irritam muito. Izzie não faz nada além de se preocupar com ele, ajudá-lo sempre que precisa... Não precisa dele ficar tentando provar que não se importa com nada. Que coisa.
Daí a gente fica balançado porque nesse episódio, ele vai e “menospreza”, sem dizer uma palavra, a Izzie com esse final... E ainda mostra seu lado humano com a preocupação acerca do seguro do paciente. Alex Karev definitivamente é um dos personagem mais complexos já criados, e que ainda assim eu amo! Hahaha

Ainda bem que Rosie se transferiu. Acho que ela cortou a mão do Derek de propósito, boba.

Enfim, excelente episódio!

Episodio 5x3 - Nota 10 2012-09-08 15:32:27

Gostei MUITO desse episódio! A inundação! Quando a água entrou no elevador, eu falei: "TITANIC!" haha. Izzie, sua perfeita. Você não está sozinha. Eu estou aqui! ♥

Episodio 5x3 - Nota 10 2013-09-26 15:33:20

Muito amor pra esse episódio de Grey’s. Muito amor mesmo.

A inundação do hospital é chocante! Já pensou você se ver naquela situação? Corredores completamente alagados, tetos desabando em cima de pacientes abertos na mesa de cirurgia (muito chocante essa cena, com Alex e Erica se curvando em cima dele pra impedir danos).
O Richard realmente irritou, porque agora ele quer absolutamente tudo sobre controle e não tá querendo aceitar ideias. Olha aí o que deu. Se tivesse ouvido a Bailey desde o início, talvez tivesse poupado alguma parte do prejuízo que vão ter.

Izzie linda. Fiquei muito tocado com esse final, ela dizendo que não sabe como isso aconteceu, mas que não tem ninguém... Meredith linda também, se impondo ao Derek e brigando pela família.
E achei muita mancada da Cristina fazer aquilo com o apartamento, porque tava claro que Izzie tinha dado a ideia pra elas morarem juntas. Cristina sabia que a possibilidade dela sair da casa da Mer estava lançada.
E o pior foi a Callie rindo como se tivesse sido muito engraçado. Tudo bem que as duas não se gostam pelo que houve com o George, mas né? Rir da desgraça alheia na cara dela ainda? Achei pesado.
Além de tudo, ela recebe aquele gelo todo do Alex. Deus, até quando? Tá na hora deles assumirem de vez o sentimento um pelo outro e ficarem juntos, por favor!

Lexie amorzinho ♥
Ela ditando a tabela periódica pro Mark, que amor! Adoro essa aproximação dos dois.

E que sofrimento pro George fazer essa prova, ein? 0% de concentração antes da prova, coitado.

Todos os pacientes que eu me apego nessa série estão com os dias contados. Também fiquei com o coração na mão pela paciente da Meredith. Que triste. “Not fair”. :(

Episodio 5x3 - Nota 10 2013-09-26 15:34:00

As surgeons we are trained to fix what’s broken. The breaking point is our starting line... at work. But in our lives the breaking point is a sign of weakness and we’ll do everything we can to avoid it.

Bones break. Organs burst. Flesh tears. We can sew the flesh, repair the damage, ease the pain. But when life breaks down... when we break down... there’s no science. No hard and fast rules. We just have to feel our way through. And to a surgeon there’s nothing worse, and there’s nothing better.

Episodio 5x4 - Nota 9 2012-09-08 15:32:41

Acho a Erica uma insuportável como médica, nossa. E adorei a Cristina na dermatologia, kkkkkk Hilário!

Episodio 5x4 - Nota 9 2013-09-26 21:44:04

O método de ensino da Erica é dizer aos residentes que eles irão suturar o próximo coração pois ela irá arrancá-lo com uma faca do peito deles. E depois se perguntam porque o Seattle Grace caiu pra 12°. Nem imagino o motivo. Ridícula, escrota, enfim... Como médica-professora, Erica Hahn ultrapassa o nível HORRENDO.

O que foi a expressão da Bailey quando a Callie começou a falar da relação dela com a Erica? KKKKKKKKKK quase morro de rir. E mais ainda da Bailey observando as duas, e depois a Erica ficando sem graça.
Bailey é uma linda. Mesmo nunca conversando sobre sexo com ninguém, foi lá dar uma luz pra Callie.

Essas cenas da dermatologia são excelentes. A Cristina chocada com a rotina de trabalho de todos os envolvidos naquele setor é muito engraçado.
Porém a própria Cristina seria a primeira a ficar louca e morrer se trabalhasse lá. Do jeito que ela é... hahaha

Izzie vendo o Derek pelado! Hahahaha
E nossa, enfim Alex desabafando um pouco. Já tava me cansando por tratar a Izzie assim sem ela merecer. Tem que dar um pouco de crédito pra ela.
Mas foi engraçado ele roubando a cirurgia... Ela manipulando o paciente e conseguindo a cirurgia de volta... Derek ameaçando expulsá-los do programa HAHA

George é fofíssimo nível ao extremo. É em episódios como esse que você vê a importância desse personagem na série. Muito bom o que ele faz com o menino, tirando o próprio sangue e levando-o pra cirurgia. Aliás, aquela cena do menino vendo a cirurgia do cara sem rosto é épica!

Peninha da Lexie no final, mas acho que ela podia ter se juntado a eles no bar.

Enfim, esse episódio é excelente. Tão leve e engraçado ♥

Episodio 5x4 - Nota 9 2013-09-26 21:45:55

In 6500 BC, a man looked for the sick friend and said: “I have an idea. Why do not I do a hole in your skull?” “You will feel better!” It was the surgery. It must be half crazy to take the idea to pierce a human skull. But surgeons have always been a people confident. Usually we know what we’re doing. And when we do not know, even pretend it is. Entering into uncharted territory with courage, finca a flag and pass in order to give people. It is invigorating and scary.

We like to think that we are fearless. Eager to explore unknown lands and have new experiences. But in fact, we are always scared. Perhaps the fear is part of the attraction. Some people watch film of terror, we cut. Diving into dark waters. And at the end of the day is not what you prefer listening? If you have a drink, a friend and 45 minutes... Travel stories are flat calm. A bit of calamity, it is worth talking about.

Episodio 5x5 - Nota 10 2012-09-09 13:15:39

Amei esse episódio! hahaha Às vezes acho que o Alex não merece a Izzie, mas eles são fofos juntos! <3

Episodio 5x5 - Nota 10 2013-09-27 22:44:58

Mais um plot apresentado em Grey’s que considero um dos mais interessantes: A cirurgia simultânea de transplante de rins!

E curti as histórias que vieram junto com esses transplantes. Principalmente a do pai com o filho rebelde e revoltado. Adorei demais o Alex falando o que aquele rapaz tava merecendo escutar.

E também teve o caso da vagabunda amante daquele vagabundo, né? Não fiquei triste por ela, achei muito bem feito. A relação do dois provou-se ser “apenas sexo”, como esposa tinha dito que pensava ser. Ela ficou sem o amante, e o amante ficou sem a esposa.
Achei linda a cena que Bailey a leva pra conhecer a mulher a qual ela doou o rim. Aw.

Bailey essa que tá reinando cada vez mais. Personagem forte, brilhantemente interpretada por Chandra Wilson. O que foi ela “classificando” os ex-internos dela?
“You, you’re lazy. You’re whiney. Butter fingers over there... downright depressing. You, Yang, you’re just annoying.”
O melhor foi a cara da Cristina quando ela disse “you, Yang”, toda iluminada pensando que ia sair uma coisa boa hahahaha

Não curti o Derek dizendo que Meredith não merecia o crédito por ser uma “residente do 2° ano”, e daí? O fato dela ser nova na profissão não devia interferir aqui, ainda mais por ele. Não seria interessante ver que essa “residente do 2° ano” contribuiu pra um avanço na medicina?
E falando na Mer: O QUE FOI ELA DERRUBANDO O RIM? Meu coração parou na hora! E a Bailey gritando “5 SECOND RULE! 5 SECOND RULE!” hahahaha

Adorei muito Mark e Callie! “OH FOR THE LOVE OF GOD!” hahahaha
Erica não vai gostar nada se souber que Callie treinou com ele pra conseguir chegar “abaixo da linha do equador” dela, ein?

Fofinho o George com uma carinha de inocente enquanto os outros escolhiam os “piores” internos pra ele. Tadinho.
E que pena da Lexie no final... George parece ser incapaz de perceber o sentimento que as pessoas nutrem por ele. Foi assim com a Callie, agora Lexie. Que pena.

E olha só: Fiquei contente de novo por ver o Owen! Agora que ele está de volta, quero ver se vou odiar profundamente o personagem como antes, ou se agora que eu já simpatizo com ele, isso vai mudar nessas suas primeiras temporadas.

Ah, e claro: Que amor aquele final de Alex e Izzie ♥♥♥
“I care about you.” Já tava na hora deles assumirem esse sentimento, meu coração de shipper já tava ficando louco!

Episodio 5x5 - Nota 10 2013-09-27 22:46:57

I am a rock… I am an island… That’s the mantra of pretty much every surgeon I’ve ever met. We like to think we’re independent, loners, mavericks... That all we need to do our jobs is an OR, a scalpel and a willing body. But the truth is, not even the best of us can do it alone. Surgery, like life, is a team sport. And eventually, you’ve got to get off the bench and decide... What team are you batting for?

The thing about choosing teams in real life, it’s nothing like it used to be in gym class. Being first pick can be terrifying and being chosen last... Isn’t the worst thing in the world. So we watch from the sidelines, clinging to our isolation... Because we know as soon as we let go of the bench... Someone comes along and changes the game completely.

Episodio 5x6 - Nota 9 2012-09-09 13:16:05

Detestei esse Owen Hunt. Muito chato!

Episodio 5x6 - Nota 9 2013-09-30 20:18:38

Parece que assim como o Alex, o Owen vai conseguir mudar minha opinião sobre ele nessas primeiras temporadas, agora assistindo pela segunda vez.

Horrível demais os porcos sendo usados como cobaias... Mais ainda por terem que sacrificá-los no final para aliviá-los da dor, quando eles não deveriam estar sentindo dor em primeiro lugar. Também sou team Izzie nisso e ela enfrentando o Owen toda digna foi muito bom!
Mas a intenção do Owen foi muito boa porque realmente fez com que eles aprendessem bem mais pra lidar com traumas... Sem falar que no final, ele dizendo pro Derek e Mark dizerem no que ele pode melhorar também...
Comecei a desgostar desse personagem a partir desse episódio e ele conseguiu mudar isso. Então vamos ver...

Cristina linda. Não queria que chamassem os porcos por nomes carinhosos e no fim ela própria tava fazendo isso. Foi triste a situação em que foi colocada, tendo que sacrificá-los :(
E o que foi o começo, ela vendo o Owen e correndo dois corredores levando a Meredith junto? Hahaha

Erica como sempre um porre. Ela ainda usou a Callie como desculpa por seu humor, como se ela exercesse a profissão com um humor diferente. Essa é a segunda vez que a Miranda samba na cara dela e a coloca em seu devido lugar, e eu adorei tudo. Merece muito mais pra deixar de ser tão insuportável.

Aliás, Miranda merecendo aplausos não só pela sambada na Erica, mas por conseguir magistralmente ser “a chefe” por um dia. Muito legal o Richard colocando essa responsabilidade em cima dela, só provou que está à altura para o cargo futuramente.
A cirurgia da menina foi muito interessante também.

Ai, Izzie e Alex seus LINDOS. Finalmente juntos. Os shippers agradecem eternamente.

Anatomy Jane ♥ hahaha

Episodio 5x6 - Nota 9 2013-09-30 20:20:13

For a surgeon, every patient is a battlefield. They’re our terrain, where we advance, retreat... try to remove all the land mines. And just when you think you’ve won the battle, made the world safe again... Along comes another land mine.

Some wars are never over. Some end in an uneasy truce. Some wars result... in complete and total victory. Some wars end with a peace offering. And some wars... end in hope. But all these wars are nothing... Compared to the most frightening war of all... the one you have yet to fight.

Episodio 5x7 - Nota 9 2012-09-09 13:16:22

O casal de velhinhos foi a coisa mais linda do episódio. E Danny de volta, awwww! ♥

Episodio 5x7 - Nota 9 2013-09-30 22:45:12

Tive que mudar minha nota após assistir esse episódio pela segunda vez, porque tudo é tão perfeito. E tem tanto pra comentar...

Dra Erica Hahn: Uma das pessoas com espírito mais podre e seco que já passou por essa série. Acho que ela ocupa o 1° lugar dessa lista. Ridículo a forma como ela GRITOU com o Richard, e depois aquela discussão com a Callie...
Callie essa que deu uma sambada na cara dela dizendo que naquele hospital, mesmo com todas as rivalidades e competições, um apoia o outro. Certíssima!
Daí agora veio com essa história de “denunciar pra UNOS”. Essa mulher tem uma vida tão medíocre e infeliz que todos os objetivos dela desde que entrou na série foi privar as outras pessoas de sentimento de felicidade. Deus me livre!

Eu gosto demais de Izzie e Alex juntos e tô adorando o relacionamento dos dois agora. Mas não odeio o Denny porque toda aquela história entre ele e Izzie lá na 2ª temporada foi muito bonita. Independente de como ela nutriu esse sentimento (muita gente alega que não era real porque foi muito rápido) ela amou ele SIM.
E existe um motivo pro Denny aparecer pra Izzie agora, que vai ser explicado um pouquinho mais pra frente.

As cenas do George e o boneco foram excelentes. Ele comemorando após a parada cardíaca foi muito engraçado.
Richard trollou legal!
“Não sei como você passou no exame de interno.”
“MEU DEUS!”

Lexie e os corpos foi muito bom também... Porém acho que Bailey ou Richard tinham que ver que Cristina não deixa eles praticarem... Ter que esperar a residente responsável chegar por não saber realizar um procedimento que a mesma aprendeu na primeira semana como interna é o cúmulo. E olha que Lexie tá no segundo ano como interna, ein.

Owen tava certíssimo em colocar todo mundo em seu lugar, aquilo que ele disse é verdade. Mas o método dele me irrita, acho que ainda mais por ele ser novo no hospital e achar que todo mundo deve seguir à risca o que ele fazia no Iraque. Vamos continuar vendo...

Mark dando em cima da Cristina. Cristina rindo quando ele contou ♥ HAHAHAHAHA
Ia ser até interessante se ele conseguisse algo com ela.

E por fim o casal de velhinhos, que coisa mais linda. Beijo de despedida, o Ed (?) persistindo com o coração. Miranda emotiva <3

Amo esse episódio! ♥

Episodio 5x7 - Nota 9 2013-09-30 22:49:04

If you’re a normal person, one of the few things you can count on in life is death. But if you’re a surgeon... even that comfort is taken away from you. Surgeons cheat death. We prolong it, we deny it. We stand and defiantly give death the finger.

We’re born, we live, we die. Sometimes not necessarily in that order. We put things to rest... Only to have them rise up again. So if death is not the end, what can you count on anymore? Because you sure can’t count on anything in life. Life is the most ragile, unstable, unpredictable thing there is. In fact, there’s only one thing about life we can be sure of... It ain’t over till it’s over.

Episodio 5x8 - Nota 9 2012-09-09 13:16:36

Não entendi como aquilo que aconteceu entre Izzie e Denny foi possível. Ela deve estar ficando louca! Detestando cada vez mais o Owen Hunt....

Episodio 5x8 - Nota 9 2013-10-01 22:32:09

Adeus Erica Hahn. Vá infernizar a vida de outras pessoas bem longe do Seatte Grace Hospital. Todos nós te agradecemos.
Só ficou triste porque a Callie desmoronou né. Coração na mão por ela após a cirurgia, coitada. Ainda mais com a Cristina dando apoio, linda. ♥

Definitivamente a coisa que mais me irrita no Owen é esse tom de superior, se achando acima de todo mundo. “Minha ER”, “caiam fora daqui”. Isso é jeito?
Mas realmente, ele é mil vezes melhor que o Burke, que já perde toda a credibilidade só por ter abandonado a Cristina no altar e excluído o nome dela naquele negócio do prêmio Harper Avery. E ele tem uma pegada, que vou te contar viu... hahaha

É realmente a maior loucura de Grey’s essa fase de Izzie e Denny... Você fica se perguntando: “mas como isso é possível?”
Mas vai ser explicado e é muito tocante tudo o que vem depois disso.

Big Sloan e Little Grey hahahaha ♥
Derek pedindo pra ele se manter afastado foi engraçado.

Cristina devia ajudar mais os internos dela sim, em tudo o que ela sabe realizar. Agora eles não deviam ficar se auto mutilando pra aprender. Não tô lembrado do que acontece com eles por causa disso, mas acho que acabam se ferrando...

Morte e Morra, super apelidos né? Hahahaha
Mas eu não gosto muito dessa Sadie não... E foi bom ver a Cristina com ciúmes. Aw :)

E o George completamente apagado. Apareceu bem rápido quando foi expulso pela Lexie daquela sala onde eles estão treinando...

Enfim, ótimo episódio!

Episodio 5x8 - Nota 9 2013-10-01 22:33:27

It’s intense, what happens in the O. R. When lives are on the line... And you’re poking at brains like they’re silly putty. You form a bond with the surgeons right next to you... An unbreakable, indescribable bond. It’s intimate, being tied together like that... Whether you like it or not, whether you like them or not, you become family.

The ties that bind us are sometimes impossible to explain. They connect us even after it seems like the ties should be broken. Some bonds defy distance... And time... And logic... Because some ties are simply... Meant to be.

Episodio 5x9 - Nota 10 2012-09-10 13:13:44

Adooooooorei!

Episodio 5x9 - Nota 10 2013-10-03 22:30:50

Tirando as cenas de Izzie e Denny, que é a maior loucura de todos os tempos, esse episódio é simplesmente incrível.

Não acho que a Izzie tá parada na 2ª temporada, ela passou por coisas muito interessantes após o luto do Denny e deu uma evoluída sim como personagem. O problema é que de fato ela está vendo o Denny, então...
Esse plot, junto daquele relacionamento sem pé nem cabeça dela com o George foram os piores que Grey’s já apresentou.

Claro que o plot dos internos não é um 2x16 e 2x17, mas achei excelente. Muito bem conduzido, com a dose certa de tensão... Com tudo aquilo que Grey’s tem de melhor e que Shondanás nos tem a oferecer.
E eles foram muito loucos, influenciados pela retardada da Sadie... Esse desespero dela em fazer parte de algo “grandioso” é o que mais me irrita.
O final é muito bom, com os residentes dando a bronca que os internos merecem. Engraçado o Alex dizendo que todos perderam o respeito dele hahaha. E muito fofo ele defendendo a Izzie ♥
PORÉM, os residentes têm culpa pelo fato de não supervisionar os próprios internos... Imagina se a Bailey tivesse feito isso com eles?

Briga da Cristina e Meredith me destrói porque é inimaginável essas duas brigando.
Porém acho que a Cristina exagerou só um pouquinho, porque aquele negócio na sala do Richard foi coisa do momento. A Meredith não sabia que a Cristina tinha descoberto sobre os internos fazendo suturas e responder a pergunta do Richard foi instinto: Ela não sabia, portanto não fazia parte. Cristina podia ter entendido isso... E devia saber que Meredith não a deixaria na mão se tivesse sido premeditado...

Hilária a cena da Meredith gritando DEREK enquanto escuta o prazer da Izzie no quarto hahahaha E a cara de surpresa dela ao ver que não é o Alex que tá lá dentro?

O caso da menina sem dormir pra cuidar do pai, que fofura. ♥
“Você cuida tão bem de mim pelo dia, o mínimo que posso fazer é cuidar de você à noite.” Que fofa.

Episodio 5x9 - Nota 10 2013-10-03 22:33:21

When you’re little, nighttime is scary. Because there are monsters hiding right under the bed. When you get older, the monsters are different... Self-doubt... Loneliness... Regret. And though you may be older and wiser, you still find yourself scared of the dark.

Sleep... It’s the easiest thing to do. You just... Close your eyes. But for so many of us, sleep seems out of our grasp. We want it, but... We don’t know how to get it. But once we face our demons... Face our fears... And turn to each other for help... Nighttime isn’t so scary because... We realize we aren’t all alone in the dark.

Episodio 5x10 - Nota 9 2012-09-10 13:14:00

Fiquei com pena da Cristina, porém quero ela e Meredith como BFF o quanto antes, por favor! :(

Episodio 5x10 - Nota 9 2013-10-03 22:48:27

Eu que tô assistindo a série pela segunda vez, tô ficando extremamente agoniado com o Denny e a Izzie fazendo sexo toda hora. Tá me incomodando, ainda mais porque sendo intencional ou não, ela tá deixando o Alex de lado. E ele não merece isso. ALÔ, IZZIE! ALEX KAREV DISSE QUE TE AMA!

Mas pra compensar ele ganhou a cirurgia-solo, e foi realmente muito merecido. Afinal o atendentes usaram as habilidades médicas pra decidir quem merecia entre os residentes, nada mais justo que Cristina usar o mesmo método de avaliação.
E a Meredith toda fofa falando que ele tem que arrasar na cirurgia, dando incentivo. Amo demais a forma como ela se preocupa e gosta dele. ♡

E falando na Cristina, fiquei com muita pena mesmo por ela ser colocada na situação de escolher entre os residentes pra realizar uma cirurgia que ela ganhou. Muito chato ela estar pagando por todo mundo, todos os residentes foram irresponsáveis com os internos...
E essa frieza dela com a Meredith tá me matando. Quero as duas dizendo “you’re my person” uma pra outra, por favor. PRA ONTEM.

Slexie, aguardei ansiosamente que vocês dois acontecessem. Agora se amem para todo o sempre, por favor. Eles são lindos demais juntos, combinam muito. Um dos meus shipps favoritos de todas as séries que assisto.

Cristina e Owen ♡
Até agora não senti ódio do Owen como sentia da primeira vez que assisti. Bom sinal pro personagem, já que ele só conquistou meu afeto lá na 9ª temporada.

E por fim, tivemos o caso das meninas que foi extremamente emocionante. Deve ser muito difícil mesmo ver uma menina de 16 anos, que tinha uma vida toda pela frente, simplesmente morrer assim... Muito triste o final, com a irmã pedindo desculpas. E Meredith dizendo aquelas coisas, aw.
E fiquei incomodado com a Doutora Dixon falando com os pais sobre doação de órgãos... Ela é muito extrema, muito fria.

Enfim, muito amor pra esse episódio.

Episodio 5x10 - Nota 9 2013-10-03 22:49:13

My mother called it the greatest and most terrifying moment in her life. Standing at the head of the surgical table, knowing that a patient’s life depends on you and you alone... It’s what we all dream about. Because the first person that gets to fly solo in the O.R... Kind of a badass.

We enter the world alone and we leave it alone. And everything that happens in between? We owe it to ourselves to find a little company. We need help, we need support. Otherwise we’re in it by ourselves... strangers... Cut off from each other. And we forget... Just how connected we all are. So instead, we choose love...we choose life... and for a moment...we feel just a little bit less alone.

Episodio 5x11 - Nota 9 2012-09-10 13:14:16

Amizade de Cristina e Meredith de voilta pra ontem, please! :(((

Episodio 5x11 - Nota 9 2013-10-04 22:32:00

É natural você brigar com seu melhor amigo, revirar o olho, ignorar e etc... Mas não dá com Cristina e Meredith. Não aguento ver essas duas deixando o ar gelado quando estão na mesma sala. Precisam falar “you’re my person” uma pra outra o quanto antes, por favor!

Já estava começando a me perguntar quando Arizona ia dar as caras. Que amor. Nem lembrava mais que era com o caso tristíssimo do Jackson que ela ia aparecer. E tampouco lembrava dessa implicância da Bailey no início... Mas foi tudo porque ela é apegada ao menino.

Aliás, Alex fofíssimo nesse episódio inteiro. Com a Izzie e com o Jackson. Ele ajudando a classificar quais “passeios” são legais ♥

Tô desejando desesperadamente que o plot de Izzie e Denny tenha a resolução logo. É legal ver ela toda feliz falando que tem tudo o que deseja, mas acontece que incluiu o Denny nisso e alô: Ele morreu!
Não lembro mais quando as coisas começam a ficar claras mas espero que não demore muito. Fica chato ver o Denny em praticamente todas as cenas dela.

Owen aparenta ser aquele tipo que não mistura relacionamento pessoal com profissional. Ele não tinha um segundinho pra questões pessoais no meio de questões profissionais, foi isso o que deu a entender na cena que ignora a Cristina. Acho que ele estava lendo um prontuário, não? Mas enfim... Adorei ela dando um fora nele no elevador, mesmo gostando desse casal hahaha

Essa amizade de Callie e Mark é tão saudável. Eles formam uma dupla impagável. Adorei ela dando a ideia de serem mentores um do outro.

Lexie e Mark ♥♥♥
Adoro ele não conseguindo se controlar por ela. Fofíssimos esses dois.

E essas cenas finais tão leves e tão bonitas me deixam com um sorriso de ponta a ponta. Seja quem for que esteja dançando vai me deixar amando Grey’s ainda mais, se é que isso é possível.

Episodio 5x11 - Nota 9 2013-10-04 22:35:23

We all get at least one good wish a year over the candles on our birthday. Some of us throw in more... On eyelashes...Fountains... Lucky stars. And every now and then... One of those wishes comes true. So what then? Is it as good as we hoped? Do we bask in the warm glow of our happiness? Or... Do we just notice we’ve got a long list of other wishes waiting to be wished?

We don’t wish for the easy stuff. We wish for big things... Things that are ambitious… Out of reach. We wish because we need help... And we’re scared... And we know we may be asking too much. We still wish, though... Because... Sometimes... They come true.

Episodio 5x12 - Nota 9 2012-09-10 13:14:34

Gostei muito desse episódio. Definitivamente dez estrelas!

Episodio 5x12 - Nota 9 2013-10-06 10:36:14

Adoro esse plot do serial killer por dividir opiniões. O jeito como o cara fala e implora pra morrer, dá até pra você ficar com pena. Mas aí você lembra que ele assassinou sem motivos 5 mulheres e sentiu felicidade ao cortar a garganta delas. Então... Tô com o Derek nessa.
PORÉM Meredith encontrou uma forma de trazer felicidade pra todo mundo: Pra ele e pro pobre do menino à beira da morte na ala pediátrica. E o final foi muito tenso, com o assassino batendo a cabeça contra a cabeceira da cama. Que horror!

Meredith com o rabo de cavalo HAHAHAHAHAHA
E no fim parece que a mãe do Derek gostou da Mer. Ela pareceu ser uma pessoa bem divertida de conviver, gostei.

Fiquei com pena do Owen nesse final, deve ser muito frustrante ficar não sei quantas horas em posições desconfortáveis pra impedir um cara de falecer, e um tempo depois o cara tirar a própria vida. “Foi minha melhor e pior cirurgia”, imagino.
E é evidente que ele tem alguns problemas, a cena que a mãe do Derek pergunta como ele está dormindo deixa isso bem claro.

Izzie Stevens, já estava na hora mesmo de você “terminar” com o Denny.
Mesmo sabendo que esse plot tem uma resolução muito tocante, não dá pra não ficar incomodado com a quantidade de episódios que o Denny esteve presente caminhando ao lado da Izzie, porque chega uma hora que cansa. Afinal, ele morreu! E ela finalmente tá com o Alex. Então...

Arizona ♥
Pra ela que é especializada na pediatria, deve ser muito difícil sempre participar desse tipo de coisa, remover órgãos de crianças... Ver pacientes morrendo sem poder fazer nada. E gostei muito dela falando aquelas coisas pro Alex, não quer dizer que ela não esteja sentida com o que aconteceu... Você simplesmente tem que pensar na próxima criança.

Mark louco pela Lexie, cada vez mais. Tô amando! Ele contando pra mãe do Derek e ela pensando que ele estivesse dormindo com a Meredith hahaha Já pensou?

Episodio 5x12 - Nota 9 2013-10-06 10:38:13

My mother used to say this about residency. It takes a year to learn how to cut... It takes a lifetime to learn not to. Of all of the tools on a surgical tray... Sound judgment is the trickiest one to master. And without it, we’re all just toddlers running around with 10-blades.

We’re human. We make mistakes. We misestimate... We call it wrong. But when a surgeon makes a bad judgment call, it’s not as simple. People get hurt. They bleed. So we struggle over every stitch. We agonize... Over every suture. Because the snap judgments, the ones that come to us quickly and easily, without hesitation... They’re the ones that haunt us forever.

Episodio 5x13 - Nota 10 2012-09-11 13:41:09

Esse sem dúvida foi um dos episódios mais emocionantes da série. Chorei com o Jackson, pensando que ele ia morrer. Roteiristas souberam chocar e surpreender!

Episodio 5x13 - Nota 10 2013-10-08 13:32:19

Olha o spoiler!

Episodio 5x13 - Nota 10 2013-10-08 13:44:31

Me desidratei com esse episódio, é de longe um dos meus favoritos de toda a série e olha que Grey’s tem MUITOS episódios que faz a gente desidratar!

Tá aí... Era óbvio que esse retorno do Denny ia ter uma explicação. Shonda nunca que ia colocar um fantasma na trama de uma das personagens principais simplesmente por colocar e pra nos fazer pensar que ela estava ficando louca. Os roteiristas dessa série merecem todos os prêmios por preparar as grandes reviravoltas sem chamar atenção. Afinal, quem imaginou que o motivo do Denny aparecer seria a Izzie estar doente?
Me arrepiei demais quando ela disse pra mãe do Jackson “você está aqui pra ele” e entrou todos os flashbacks do Denny dizendo a mesma coisa pra ela.

Comecei a chorar quando a Bailey entrou em desespero e foi pedir pro Derek não operar o serial killer. Gente, Chandra Wilson deu um de seus maiores espetáculos desde o início da série nesse episódio. O tom dramático e desesperador que ela deu a personagem caiu como uma luva! E depois quando o Jackson já está indo, e ela diz “fique aqui com ele e diga que ele pode ir” com os olhos cheios de lágrimas. E a mãe abraçada ao filho. NOSSA. É difícil uma série conseguir me fazer chorar de verdade mesmo.

E depois aquela cena da Meredith assistindo a execução do serial killer... Desabei mais uma vez porque a carga dramática foi muito intensa, ainda ajudada por uma excelente trilha sonora. E depois ela indo falar com o Derek chorando, e ele pedindo ajuda pra Crisitina... Dá até vontade de chorar de novo assistindo o episódio.
Quero uma Meredith e uma Cristina na minha vida como BFFs por favor. Obrigado, de nada.

Além de tudo, os roteiristas se destacam ainda mais por conseguirem equilibrar o drama com a situação cômica do Mark e seu Little Sloan “quebrado”. As expressões da Lexie foram muito boas e esse foi o primeiro episódio que gostei mesmo da Sadie pela atitude que tomou pra ajudar a Lexie.

Aliás, a cena final Slexie é muito linda. ♥

Enfim, um dos melhores episódios da série e que já assisti na vida. Me fez chorar MESMO. Só “Grey’s Anatomy” consegue esse feito grandioso em mim.

Episodio 5x13 - Nota 10 2013-10-08 13:45:31

I believe in Heaven... I also believe in Hell. I’ve never seen either but I believe they exist. They have to exist. Because without a Heaven, without a Hell, we’re all just heading to limbo.

Heaven... Hell... Limbo... no one really knows where we’re going... Or what is waiting for us when we get there. But the one thing we can say for sure, with absolutely certainty... It’s the moments that takes us to another place. Moments are Heaven on Earth. And maybe, for now, that’s all we need to know.

Episodio 5x14 - Nota 9 2012-09-11 13:41:21

Que coisa mais linda Derek planejando propôr pra Meredith. Só quero ver o que a Addison fez pra que desse errado... :/

Episodio 5x14 - Nota 9 2013-10-08 22:27:47

Derek é um lindo mesmo. Todo fofo contando pro Mark que vai propor, depois pra Lexie... E o Richard todo animadinho com a ideia? Hahahaha
Mas alguma coisa sempre tem que dar errado né... Essa ligação da Addison pro Derek foi uma coisa muito séria, pra ele desfazer tudo o que tinha preparado às pressas daquele jeito.
E a Meredith falando dos bebês? Gente, que fofura. Sou muito apaixonado por MerDer, de verdade. Em momentos grandiosos como esse, nem lembro do monte de coisa ruim que eles já passaram juntos.

Arizona finalmente trocando seu primeiro diálogo e primeiro beijo com Callie. QUE FOFURA! Arizona não perde tempo mesmo, já foi meio que “marcando território” pra Callie hahahahaha

Slexie ♥
Adoro Lexie dizendo pro Mark que quer assumir o relacionamento. Adoro Mark se sentindo balançado e percebendo que não é apenas sexo. Adoro esses dois juntos, um dos melhores casais dessa série.

A crise do Owen é muito chocante. Nem lembrava mais que junto dele também chegava um monte de problemas... E esse é só um dos primeiros, viu.
Porém adoro Cristina toda caidinha, sorrindo abobada. Que amor ♥
Aquela primeira cena em que eles andam lado a lado com o instrumental de fundo foi linda.

Miranda <3
Se eu estivesse no lugar dela provavelmente me sentiria do mesmo jeito em relação à criança... Deve ser muito horrível pra um médico ver crianças com doenças terminais, precisando de transplante urgente, e etc. E a Bailey ainda tem o filho pra ficar se espelhando, né.

Aquele ataque da Dixon foi tenso e ao mesmo tempo muito engraçado. Principalmente na hora do abraço. As expressões da Cristina sempre são as melhores, ninguém supera KKKKKKKKKK Nunca é o suficiente dizer que Sandra Oh é uma excelente atriz.

Episodio 5x14 - Nota 9 2013-10-08 22:31:22

Any first year med student knows that increased heartbreak is a sign of trouble. A raising heart could indicate anything… From a panic disorder... To something much, much more serious. A heart that flutters, or one that skips to beat… Could be a sign of a secret affliction… Or... It could indicate romance... Which is the biggest trouble of all.

It seems we have no control whatsoever over our own hearts. Conditions can change without warning. Romance can make the heart pound… Just like panic can. And panic… Can make stop cold in your chest. It’s no wonder doctors spend so much time trying to keep the heart stable. To keep it slow... Steady... Regular. To stop the heart from pounding out of your chest… From the dread of something terrible... Or the antecipation of something else entirely.

Episodio 5x15 - Nota 9 2012-09-11 13:41:41

Saudades Addison! Adorei o jogo da Izzie, uma fofa. E não consigo gostar do Owen, não dá. Não sei porque. E não quero que Cristina entre num relacionamento sério com ele. Ela consegue coisa melhor.

Episodio 5x15 - Nota 9 2013-10-10 15:12:41

É sempre muito bom ver a linda da Addison de volta, adoro as visitas dela. Uma pena que desta vez tenha sido em circunstâncias tão desagradáveis.
A cirurgia do Archie foi muito interessante, e ainda bem que deu tudo certo pra eles.
A música do Derek no final foi muito engraçada HAHAHAHA

Sadie é muito boba... George ofereceu ajuda pra ela melhorar as técnicas como médica e preferiu bancar a rebelde superior. Já vai tarde mesmo. Durante 80% do tempo que passou no SGH só me irritou, então...

Adoro esse jogo da Izzie. Fico tão contente com ela toda animada dizendo que eles estão apenas se divertindo. Mas começo a me preocupar ainda mais com a visão dela, não enxergando a tesoura, não segurando a fita... Vai começar um dos maiores dramas de Grey’s.
Quanto ao jogo, deviam fazer isso mais vezes, pois é um ótimo estímulo para os internos.
Alex e Richard gritando na linha de chegada HAHAHAHAHA

Indiferente ao Owen nesse episódio, não tive a mesma reação da primeira vez que assisti. Acho que o personagem conseguiu mesmo mudar minha opinião graças ao ótimo desempenho durante a 9ª temporada.
E como shipper Crowen, tô adorando todas as cenas deles juntos. Mesmo achando o Owen um canalha por terminar um noivado através de um email de duas linhas.

Realmente, George tá tão mal aproveitado nessa fase da temporada... Mal aparece, quase não fala... Muito triste ver um personagem importante como ele perder espaço aos poucos desse jeito. Ainda mais agora que ele é Residente e devia ter o mesmo espaço que os outros.

Episodio 5x15 - Nota 9 2013-10-10 15:14:32

Every patient’s story starts the same way... It starts with them being fine. It starts in the before. They cling to this moment, this memory of being fine, this before... As though talking about it might somehow bring it back. But what they don’t realize is that the fact at they’re talking about it to us, their doctors... Means… There’s no going back. By the time they see us... They’re already in the after.

And while every patient’s story starts the same way... How the story ends depends on us, on how well we diagnosis and treat. We know the story hinges on us... And we all want to be the hero.

Episodio 5x16 - Nota 9 2012-09-11 13:41:55

Super compreensível a dor do rapaz que perdeu a esposa, mas não acho certo culpar o médio, ainda mais chamando-o de assassino. Derek foi muito, MUITO paciente. E não consigo odiar o Derek, porém fiquei chocado com as cenas finais, aquela briga toda. Acho que não era necessário!

Episodio 5x16 - Nota 9 2013-10-10 21:47:32

É aqui que eu disse no episódio anterior: O familiar entrar em choque, não aceitar a perda do ente querido é compreensível. Ninguém está preparado pra enfrentar esse tipo de situação... Mas o marido exagerou MUITO dizendo: “Você a matou. Você é um assassino”. Gente? Acho um absurdo esse tipo de situação e sei que acontece muito por aí. Derek ficou persistindo na mulher até quando não dava mais mesmo, ainda com o apoio do Richard, Meredith, Addison...
O que os familiares tem que ver é que os médicos também são humanos e estão ali para salvar o máximo de vidas possíveis. Nem sempre isso vai acontecer e não quer dizer que não assassinos...
Acho que se eu fosse médico, perdesse um paciente e um familiar me chamasse de assassino, eu provavelmente entraria em depressão. Coisa mais horrível de se dizer.

Daí olha o que causou: Derek depressivo ainda protagonizando aquela briga horrível com o Mark... Desabafou mas da maneira errada e o Mark não merecia levar aquela surra... Poxa, eles são amigos. Que é isso! :/

Izzie descobrindo que tem câncer... Me parte o coração a cara de decepção e choque quando a paciente anuncia que está “apenas amênica”. Meu Deus... Agora começa um dos maiores dramas da série e eu vou ficar destruído pela segunda vez. PQP! :(
E ainda assim ela tá preocupada com a incompetência dos internos e vai usar o próprio caso pra estimulá-los... Não me destrói, Izzie! Por favor.

Mas falando das partes boas: Slexie cada vez mais lindo. Que amor ♥
E foi legal a Bailey conseguindo cartas de recomendação... Mas não acho que o lugar dela seja lá... E sim na cirurgia geral. Vai ver é o costume, não sei...

Tenso Cristina com aquele embate com “uma das cirurgiãs mais importantes do SG”... Mas acho que se não concorda com o procedimento e o paciente está sendo colocado em risco, tem que se impor mesmo. Certíssima!

Fica Addison! :(

Episodio 5x16 - Nota 9 2013-10-10 21:49:19

There’s this thing that happens when people find out you’re a doctor. They stop seeing you as a person and begin to see you something bigger than you are. They have to see us that way, as gods, otherwise we’re just like everyone else, unsure, flawed, normal. So we act strong, we remain stoic. We hide the fact that we’re all too human.

Patients see us as gods or they see us as monsters. But the fact is, we’re just people. We screw up, we lose our way. Even the best of us, have our off days. Still we move forward. We don’t rest on all the rules or celebrate the lives we’ve saved in the past. Because there’s always some other patient that needs our help. So we force ourselves to keep trying, to keep learning. In the hope that, maybe someday we’ll just come a little bit closer to the gods our patients need us to be.

Linda narração ♥

Episodio 5x17 - Nota 9 2012-09-12 12:43:28

Ai Izzie, por quê? DDD: Coração na mão por causa dela. Derek agindo como idiota. Odiei ele jogando o anel no mato, aff. Ao menos dessa vez a Meredith se mostrou compreensiva. Já estava pensando que ela daria as costas.

Episodio 5x17 - Nota 9 2013-10-11 23:03:12

Me revolto com esse povo dizendo que a Izzie tá tendo destaque só agora, depois de três temporadas péssimas. Oi? Acho que não assistimos a mesma série então. Por isso faço das palavras da Pollyana Macedo, as minhas!
Izzie é acima de tudo uma batalhadora. Já passou por muita coisa. Foi vítima de preconceito no início da série pelas fotos sensuais na revista, teve que abrir mão da própria filha por conta das condições, apaixonou-se pelo Denny, ficou noiva do Denny, ficou em luto pelo Denny, saiu do hospital, entrou em depressão, se reergueu, retornou ao hospital, foi proibida de fazer cirurgias, seguiu nos prontuários naquela política “não toque”, ganhou o respeito novamente naquele procedimento da barca na terceira temporada e agora está com câncer. Além disso, usou a própria condição pra estimular os internos a serem médicos melhores. Concordando ou não, a Izzie tem um histórico consideravelmente positivo em “Grey’s Anatomy” e dizer que ela não foi aproveitada nas temporadas anteriores é apenas UM CRIME!
Anyway, tô sofrendo já com toda essa condição... Muito triste as expressões no rosto dela, quando os internos dizem que é um caso com apenas “5% de sobrevivência”, nossa... Já tá me destruindo. DE NOVO. E a cena final com ela e Cristina? Gente!

Episodio 5x17 - Nota 9 2013-10-11 23:07:04

Every surgeon I know has a shadow. A dark cloud of fear and doubt that follows even the best of us into the O.R. We pretend the shadow isn't there. Hoping that if we save more lives, master harder techniques, run faster and farther, it’ll get tired and give up the chase. But like they say, you can’t outrun your shadow.

Every surgeon has a shadow. And the only way to get rid of a shadow. Is to turn off the lights. To stop running from the darkness. And face what you fear head-on.

Episodio 5x18 - Nota 9 2012-09-12 12:43:41

OK, CHOREI HORRORES COM IZZIE. Ai eu não quero que nada de ruim venha acontecer com ela. :( A personagem mais hilária da série. Izzie muito amor ♥

Episodio 5x18 - Nota 9 2013-10-13 23:30:41

Esse episódio é tão lindo e tão triste. Essa doença da Izzie começa a me destruir novamente aos pouquinhos.

Excelente a cena em que a Cristina conta pro Alex e Bailey sobre o estágio do câncer. A expressão do Alex é simplesmente de partir o coração. E a da Bailey? Ótimas atuações.
Mais ainda Cristina dizendo pra ela que quer que ela lute. Linda. Era tudo o que Izzie precisava ouvir. ♥
A cena final com todos eles ao redor dela já admitida como paciente é linda e triste. Mas estamos com você, Izzie. Vai dar tudo certo! ♥♥♥

O caso do homem desfigurado é mais um que entra pra lista dos mais interessantes da série. Dá muita pena do rapaz quando os amigos chegam pra vê-lo e ele os rejeita.
Mas linda a cena do reencontro e a senhora dizendo que ele é um sobrevivente. Incrível como certas situações de pacientes se encaixam perfeitamente nos dramas dos médicos que participam do caso. Dessa vez foi crucial pra Izzie entender que precisa dos amigos.

Os internos são tão inconsequentes... Tenho muita raiva deles, é anti ético, parece que não estudaram... Me lembrou uma das vezes que fiquei com raiva do Alex lá na 1ª temporada, que ele soltou uma piada a respeito de uma mulher com um tumor enorme. A diferença é que na época ele não sabia que o microfone estava ligado. Aqui os internos estavam tirando com a cara do paciente bem na frente dele.

Slexie ♥
Adorei o beijo da Lexie e ela dizendo que eles são lindos. Que amor.

Episodio 5x18 - Nota 9 2013-10-14 13:08:01

Surgeons aren’t known for being warm and cuddly. They are arrogant, impatient, mean as often as nugget. You think they wouldn’t have friends ‘cuz who could stand them. But surgeons are like a bad cold, nasty but persistent. Surgeons, nasty, aggressive, unstoppable. Just the kind of people you want on your side when you are really screwed.

Practicing medicine, doesn’t lend itself well to making friends. Maybe because life and mortality are in our faces all the time. Maybe because in staring down death every day. We’re forced to know that life. Every minute. Is borrowed time. And each person we let ourselves care about. Is just one more loss somewhere down the line. For this reason, I know some doctors who just don’t bother making friends at all. But the rest of us. We make it our job to move that line. To push each loss. As far away as we can.

Episodio 5x19 - Nota 10 2012-09-12 12:43:53

Izzie :( Os últimos episódio se resumem à ela. Meu Deus. Não sei qual o problema do Owen, mas nunca gostei e tô desgostando ainda mais dele. AINDA BEM que Cristina decidiu se afastar. Mesmo que ele não tivesse apresentado esse problema "agressivo", eu não queria eles como casal e agora não quero mesmo!

Episodio 5x19 - Nota 10 2013-10-15 21:13:46

Essa reta final da 5ª temporada é tão tocante. Não tem como não amar, não ficar apreensivo, não morrer de medo, não chorar!

Esse episódio já começou com o maior nível de tensão que poderia ter pela chocante cena do Owen tentando matar a Cristina. GENTE!
Já deu pra entender que ele tem sérios problemas por conta da grande temporada que passou no Iraque, e não senti tanta raiva dele aqui como na primeira vez que assisti... Mas a Cristina fez bem em se afastar, porque realmente... Enquanto ele não tiver esse problema controlado, quem garante que não vai acontecer de novo? Afinal, ele só parou no começo porque a Callie entrou no quarto e fez com que ele parece. E se eles estiverem totalmente sozinhos? Não quero nem pensar!

Agora o foco mesmo tá na Izzie. A cena que ela tá na mesa de cirurgia e troca aquelas palavras com o Derek fizeram meus olhos encherem de lágrimas, nossa. Não aguento ver ela nessas condições porque é uma das minhas personagens favoritas de todos os tempos. É tudo muito triste.
E deu pra ficar com um pouco de raiva de todos ali por não darem companhia pra ela enquanto esteve no quarto... Mas realmente, é muito pra digerir. Muito chocante saber que sua amiga jovem, cirurgiã, está com um câncer avançado no cérebro. Acho que eu entraria em total choque no lugar deles, assim como aconteceu com o George.
PORÉM, falando no George, por mais que esteja chateado por ela não ter contado, tinha que entender porque ela escolheu justamente a Cristina, né. Não foi pessoal.

E achei engraçado o rápido dilema do Alex com o “copinho”. Especialmente a cena que ele entrega pro chefe no momento do lanche! Hahahaha

MERDER ♥
Esse pedido no elevador é TÃO lindo e tão perfeito, e ainda um pouco mais. Logo no elevador, onde eles já viveram TANTA coisa, né? Hahaha
Tudo o que Derek mostrou, e disse. “Eu quero passar o resto da minha vida com você”. DEUS.
Adoro eles noivos, adoro os dois juntos. Adoro tudo! Tô muito apaixonado por esse casal e rever a série só está me fazendo ficar in love cada vez mais.

Senti pena da velhinha que estava pra subir há 3 anos e nada... E no fim a família sentiu a perda, né? Eles pareceram (e foram, actually) TÃO frios durante o episódio inteiro...

Enfim, sem estruturas com essa reta final que vai me destruir ainda mais com tudo o que está por vir... :(

Episodio 5x19 - Nota 10 2013-10-15 22:04:09

Surgeons are all messed up. We’re butchers, messed-up knife-happy butchers. We cut people up. We move on. Patients die on our watch. We move on. We cause trauma. We suffer trauma. And here it comes. We don’t have time to worry about how all the blood, and death, and crap really makes us feel.

Doesn’t matter how tough we are. Trauma always leaves a scar. It follows us home. It changes our lives. Trauma messes everybody up. But maybe that’s the point. All the pain and the fear and the crap... Maybe going through all of that is what keeps us moving forward. It’s what pushes us. Maybe we have to get a little messed up before we can step up.

Alex ♥♥♥

Episodio 5x20 - Nota 10 2012-09-12 12:44:06

IZZIE, SUA LINDA. :( Roteiristas acabando com a gente com esse plot. Acho que o caso da menininha de 6 anos foi até agora o mais triste de toda a série. Chorei horrores. Tenho uma relação de amor e ódio com o Alex. Muitas vezes fico: "AWWWWW ALEX" e muitas fico "VSF ALEX". Mas achei o cúmulo do ridículo ele dizer pro George que TENTOU respeitá-lo. Por favor, alguém me diga em que episódio e temporada isso aconteceu? Alex sempre menosprezou o George, sempre se sentiu superior à ele. E isso SEMPRE me irritou. E Owen, pode sumir já!

Episodio 5x20 - Nota 10 2013-10-16 18:20:09

Atualmente o Alex é um dos meus personagens preferidos e passei a amá-lo ainda mais quando voltei a assistir a série desde o início. Mas uma coisa que eu nunca entendi e que me irrita profundamente é essa raiva toda que ele sente pelo George sem motivos. Poxa... Seria tão legal ver o dois como amigos mesmo, tipo o Mark e o Derek. Acho que o Alex deve se sentir ameaçado ou alguma coisa do tipo, porque sério... Não tem explicação. Mas tudo bem...

Izzie quase me matou com todas aquelas brincadeiras pela segunda vez. Mas foi engraçado ver a cara da Cristina quando Izzie começou a rir, hahaha.
E depois desses momentos que são pura descontração, a gente volta pra “vida real”, por assim dizer... Izzie me destrói muito doente assim. Ela vomitando, desmaiando... A médica dizendo “em algumas horas, ela vai desejar estar morta”. Que horror. Ela já passou por TANTA coisa nessa série, não merecia isso.

Meredith toda linda em todos os vestidos de noiva, que amor dos amores!
E a Lexie comendo por conta do nervosismo? Hahahaha

Sobre o caso da menina que faleceu: Gente, como assim o pai dela é “tosco”?
É um pai que tinha uma filha de 6 anos com uma doença terminal que não queria aceitar o fato de que ela iria morrer, e estava correndo atrás de algo que pudesse fazê-la melhorar pelo menos por mais algumas semanas. Cadê a tosquisse nisso?
Todo o desespero dele, e a Bailey segurando a menina nos braços me emocionou tanto! É um dos casos mais tristes da série, de longe.

Ridículo o pai da Callie querendo levá-la para outro hospital só porque ela namora com uma mulher... Claro que deve ter sido um “BAM” dos maiores, porque até onde ele sabia, ela era hetero! Mas antes de tudo tinha que conversar, entender o lado dela e o que ela quer da vida. Simplesmente decidir que ela tem que ir embora foi absurdo.
Porém a cena que ele coloca George e Mark contra a parede foi excelente! A cara de susto do George foi a melhor! Hahahaha

Também muito chocante o caso do homem atropelado e em seguida se atirando pela janela! Achei a cena muito bem feita.
E fiquei com pena do motorista... “Eu apenas estava indo ao banco”. Pra você ver como as coisas são...

Episodio 5x20 - Nota 10 2013-10-16 18:21:43

Defeat isn’t an option, not for surgeons. We don’t back away from the table till the last breath’s long gone. “Terminal’s” a challenge. “Life-threatening’s” what gets us out of bed in the morning. We’re not easily intimidated, we don’t flinch, we don’t back down and we certainly don’t surrender... Not at work anyway.

To do our jobs we have to believe defeat is not an option, that no matter how sick our patients get. There’s hope for them. But even when our hopes give way to reality and we finally have to surrender to the truth, it just means we’ve lost today’s battle, not tomorrow’s war.

Episodio 5x21 - Nota 9 2012-09-13 12:31:23

Verdade, impossível não chorar com as aparições da Izzie, tadinha. Ela não merece! :(

Episodio 5x21 - Nota 9 2013-10-18 11:52:54

Nem lembrava mais desse caso do pai que levou 17 tiros da filha. E fiquei boquiaberto mais uma vez, porque né! Muita sorte mesmo desse cara chegar vivo no hospital e sobreviver. Mas foi castigo, apenas pra ver a família que desprezava ir embora.
Foi legal a tensão acerca desse caso porque você meio que fica na dúvida se a menina foi mesmo capaz. Daí tem a mãe em cima falando por ela, aparentemente desesperada pra fazer todos entenderem que ela atirou, não que está arrependida. Até que no fim você percebe que a menina foi mesmo a autora. Muito bom!

Discussão entre Meredith e Richard foi excelente! A conversa final entre os dois foi ótima, não sei como podem chamar uma cena daquelas de ‘zzzzz’. Grey’s Anatomy é bem mais que uma série médica e cenas como aquelas deixam isso bem claro. Muito lindo ver a Meredith ouvindo com lágrimas nos olhos e depois se “aconchegando” no Richard. Esse tipo de emoção é apenas um dos motivos dessa série ser a minha favorita de todos os tempos.

Quanto ao Thatcher... Não adianta, ele pode aparecer arrependido um milhão de vezes nesse hospital que sempre vou sentir nojo das atitudes dele. Jamais vou perdoar aquele tapa que deu na Meredith. Sou muito revoltado com isso. Que vá pro inferno!
Porém curti a cena final, dele conhecendo o Mark, que estava transpirando nervosismo. Slexie é uma das coisas mais fofas ever ♥

Adoro a atriz que faz a mãe da Izzie.
E a personagem em si é muito engraçada, excelente. Muito boa a cena que Izzie explica por alto qual o real problema dela e a mãe diz: “mas a vovó morreu” e começa a chorar. E ainda mais a atitude da Izz depois, combinando com a Bailey de dizer que o câncer sumiu mesmo que não tivesse mesmo acontecido.
Meus olhos enchem de lágrimas nas cenas dela, é tudo muito triste. Não dá pra aceitar a Izzie passando por isso... Ela já viveu tanta coisa :(

Episodio 5x21 - Nota 9 2013-10-18 11:56:51

Remember when we were little and we would accidentally bite a kid on the playground? Our teachers would go: “say you’re sorry”. And we would say it, but we wouldn’t mean it, because the stupid kid we bit? Totally deserved it. But as we get older, making amends... Isn’t so simple. After the playground days are over, you can’t just say it, you have to mean it. Of course, when you become a doctor, “sorry” is not a happy word. It either means “you’re dying and I can't help” or it means “this is really gonna hurt”.

As doctors, we can’t undo our mistakes and we rarely forgive ourselves for them, but it’s a hazard of the trade. But as human beings, we can always try to do better, to be better, to right a wrong even when it feels irreversible. Of course “I’m sorry” doesn’t always cut it. Maybe because we use it so many different ways, as a weapon, as an excuse. But when we are really sorry, when we use it right, when we mean it... When our actions say what words never can, when we get it right, “I’m sorry” is perfect. When we get it right “I’m sorry” is redemption.

Episodio 5x22 - Nota 10 2012-09-13 12:31:58

EPISÓDIO 100!

DESIDRATADO POR COMPLETO! Que episódio maravilhoso, sensacional. Como podem fazer uma coisa TÃO perfeita? Ainda me surpreendo! ♥

Episodio 5x22 - Nota 10 2013-10-18 12:11:36

Ruim no sentido de "odiei a finale" ou no sentido de "eventos ruins acontecem com os personagens"?

Episodio 5x22 - Nota 10 2013-10-18 12:17:20

Esse 100° episódio de Grey’s Anatomy é tão perfeito em tantos níveis diferentes. A série reuniu tudo o que tem de melhor em um episódio só.

Começando pela narração da Izzie que me deixou arrepiado da cabeça aos pés. A primeira cena dela já com o lenço na cabeça comentando sobre o casamento te deixa contente e muito triste por vê-la debilitada daquela forma.
A primeira vez que assisti, nunca esperei que Meredith e Derek fossem dar o casamento deles pra Izzie, que planejou tudo praticamente sozinha. Atitude linda dos dois pois ela merece.
E ainda tivemos o Alex concordando, aparecendo todo lindo com o terno pra casar, o sorrido da Miranda... A surpresa da Izzie. ♥
Ela entrando na igreja sorrindo, o George levando-a ao altar. Cristina como dama de honra. Meredith como ‘padrinho’. Tudo funcionou tão bem, foi tão bem conduzido e tão emocionante que dizer tudo isso várias vezes nem vai fazer jus a tudo o que esse episódio representa.
E depois, no fim, ainda vemos a Izzie de cabeça raspada, que partiu meu coração. Mas com um enorme sorriso no rosto por estar casada com o Alex. Realmente, todas essas cenas se tornam ainda mais intensas e tristes quando você assiste pela segunda vez, principalmente por conta dos eventos que estão por vir. But I can’t, amo Alex e Izzie. Sempre será um dos meus casais favoritos dessa série.

E a narração dele?
“Today is the day my life begins,. All my life I’ve been just me, just a smart-ass kid. Today I become a man. Today I become a husband. Today I become accountable to someone other than myself. Today I become accountable to you, to our future, to all the possibilities that our marriage has to offer. Together no matter what happens I’ll be ready for anything, for everything... To take on life, to take on love, take on possibility and responsibility. Today, Izzie Stevens, our life together begins… And I for one can’t wait.” ♥

E ainda falando da Izzie... Triste demais ela descobrindo o novo tumor. Derek dizendo que não poderá extraí-lo porque é muito pequeno e que não pode mais fazer nada por ela. Alex chorando e Meredith consolando. Denny de volta, “estou aqui por você, Izzie”. Sem estruturas pra lidar com todo esse drama na vida dela. :(

Além de tudo, ainda teve aquele caso triste dos jovens da formatura. Caramba... Era pra ser o melhor dia da vida deles. Não tem como não ficar comovido com todos eles morrendo e apenas uma sobrevivendo. E a Lexie segurando as lágrimas quando cuida dela? Nossa... Tudo muito triste.
E o George depois dizendo que a única que sobreviveu foi a que ele não tocou. :/
Gosto da atitude do Owen com ele. Realmente, George é um médico de “trauma”. Ele tá sempre na dele mas evolui como médico como qualquer outro. Uma pena o personagem não ter tido o destaque que merecia nessa temporada.

Enfim, perfeito. Esse episódio é memorável e definitivamente tá no meu TOP 5, e olha que considero MUITO, mas MUITO difícil mesmo classificar meus episódios favoritos de Grey’s.

Episodio 5x22 - Nota 10 2013-10-18 12:20:07

You never know the biggest day of your life is going to be the biggest. The days you think are going to be big ones, they’re never as big as you make them out to be in your head. It’s the regular days, the ones that start out normal, those are the days that end up being the biggest. And today was the wedding. It was beautiful... Perfect.

You don’t recognize the biggest day of your life. Not until you’re right in the middle of it. The day you commit to something or someone. The day you get your heart broken. The day you meet your soul mate. The day you realize there’s not enough time because you want to live forever. Those are the biggest days... The perfect days.

Episodio 5x23 - Nota 10 2012-09-13 12:32:15

CHOQUEI com George se alistando no exército, nossa! Tudo culpa do idiota do Owen, que cara insuportável. Ele devia sumir que nem a idiota da Erica!

Episodio 5x23 - Nota 10 2013-10-19 15:32:34

Essa reta final da 5ª temporada de Grey’s Anatomy é simplesmente perfeita. A gente se emociona de uma forma que nem tem como descrever, de tão perfeito e triste que é.

Izzie e o dilema de operar e não operar é tão triste. Alex se enfurecendo porque ela decidiu não fazer a cirurgia. Depois entrando em desespero porque ela assinou uma DNR. Entendo o lado dela porque acho que faria a mesma coisa. Ela já passou por TANTA coisa nessa vida, a gente sabe por tudo o que ela comentou e tudo o que pudemos acompanhar. Agora vem um câncer, a possibilidade de esquecer tudo, de ficar presa à uma máquina para sobreviver... É tudo muito triste. Mas compreensível a decisão dela. Por mais que me doa.
E ainda com isso, tem o Alex chorando pedindo pra ela rasgar e ficar com ele pois eles tem uma vida juntos pela frente e etc. Gente, como não chorar um oceano? Não agüento!

E a cena dela sem conseguir falar uma palavra durante aquele “experimento”? Meu Deus!

A Bailey tava hilária nesse episódio, toda abobada com as novas máquinas que o Richard comprou.
E foi muito bom ver a Arizona competindo com ele pela Bailey, hahaha.

Mark convidando Lexie pra ir morar com ela. Será que ela não entendeu o que ele quis dizer ou simplesmente quis fugir da responsabilidade?! Acho que a primeira opção, já que nos episódios anteriores ela disse que ama ele, que eles são lindos juntos, que é louca por ele... Tudo bem que é cedo mesmo pra uma mudança como essa, but Who cares? É Slexie! ♥

Finalmente o Owen foi ver a coitada da mãe dele que provavelmente estava morta de preocupação com o filho no Iraque. Entendo que ele tem os problemas deve que precisa superar mas foi muito egoísmo deixar a mãe sem saber que ele estava em Seattle.

“Eu não quero mais passar um dia sem estar casada com você.” MERDER ♥♥♥

Esse final com o George é tão chocante! Se alistar pra ser médico do exército, que loucura! Ele tava tão bem no SGH, não precisava dessa mudança tão radical pra ter um propósito na vida. Estaria salvando vidas de qualquer maneira, seja no hospital ou no Iraque.

Sem estrutura nenhuma pra assistir a season finale! PQP!

Episodio 5x23 - Nota 10 2013-10-19 15:33:30

When something begins, you generally have no idea how it’s going to end. The house you were going to sell becomes your home, the roommates you were forced to take in become your family. And the one-night stand you were determined to forget becomes the love of your life.

We spend our whole lives worrying about the future, planning for the future, trying to predict the future. As if figuring it out will somehow cushion the blow. But the future is always changing. The future is the home of our deepest fears and our wildest hopes. But one thing is certain... When it finally reveals itself, the future is never the way we imagined it.

Episodio 5x23 - Nota 10 2016-05-12 11:57:59

MUUUUUUUUUUITO.

Episodio 5x24 - Nota 10 2012-09-13 12:32:30

Eu sabia que o George iria sofrer um acidente nesse episódio, que resultaria em sua morte, porém em momento algum passou na minha cabeça que ele era o desconhecido. Eu imaginava que ele sofreria esse acidente saindo do hospital, e que iríamos ver! Acho que essa foi a revelação mais chocante, que pegou todos desprevenidos nessa série, e olha que já vimos muita coisa. Chorei oceanos. A cena final, Izzie encontrando ele no elevador... Meu Deus. Não sei como estou vivo. Por muito tempo achei o George um bobão, e um crianção, mas acho que isso era o melhor no personagem: A humanidade. Não quero que ele morra. :(

Episodio 5x24 - Nota 10 2013-10-19 22:44:48

Taí um dos episódios mais emocionantes, intensos, gritantes, angustiantes de Grey’s Anatomy. É impossível assisti-lo sem desmoronar no final. E mais ainda quando você assiste pela segunda vez e sabe tudo o que vai acontecer, e a coisa fica ainda mais tensa e inaceitável.

Meu coração dispara quando Meredith sai gritando “007! It’s George!” pelo hospital. De verdade. Parece que estou ali dentro com ela vivendo aquela situação. Porque tudo parece tão irreal... Quando assisti pela primeira vez, fiquei boquiaberto de verdade. Levei semanas pra acreditar nisso... Eu já sabia que o George ia morrer, mas felizmente não tinha pego o spoiler que ele entraria no hospital como um desconhecido e depois seria reconhecido... Aliás, não só o fato do George estar naquela situação entre vida e morte, mas o motivo! Pular na frente de um ônibus pra salvar a vida de uma mulher, tão típico dele. Mais triste ainda quando ela diz que ele deu um sorriso e não o retribuiu porque não o achou muito atraente. PENSE numa pessoa de coração partido.

Além de tudo, temos aquela cena memorável da Izzie no elevador e as portas se abrindo pra ela dar de cara com o George, que estava lindo. Simplesmente te despedaça!
Os dois se encontrando na “pós-morte”, por assim dizer... Que estiveram juntos desde o início como grandes amigos... Cruel demais! Ainda mais quando você para pra pensar que num segundo antes, a Izzie estava sorrindo, feliz por não ter mais perdido a memória, no outro já estão falando que ela assino uma DNR e então já estão gritando pelo carrinho de parada. Deus! Você precisa ter uma estrutura monstra pra não desabar tipo com tudo no chão junto com eles.

E voltando na Izzie e nas suas cenas iniciais, a gente já começa com o coração na mão por conta da memória dele... O Alex tendo que escrever tudo e ela fazendo as mesmas perguntas. Depois ele dizendo aquelas coisas na esperança que ela vá esquecer... Tudo que foi apresentado nesse episódio funciona perfeitamente bem porque mexe com o psicológico dos fãs e do público em geral, porque é tudo muito cruel.

Shondanás pode ser a maior assassina da televisão, mas também é uma das maiores mestras do drama. É simplesmente incrível a narrativa não só desse episódio, mas de toda a temporada... Como ela coloca elementos simples que dão a entender que é o George ali naquela cama entre todos os médicos, mas que não dá realmente a chance de você perceber, porque é uma coisa que você simplesmente não espera.

Mas agora falando dos momentos leves, adoro esse casamento de “post-it” de Meredith e Derek, esses lindos! Depois ele colando o papel no armário (esqueci o nome daquele negócio), aw. São lindos demais ♥

Callie e Bailey orientando os outros médicos como deveriam fazer na intervenção do George foi ótimo. Bailey dizendo pro Alex dar uma surra hahahaha
Quem podia imaginar que aquela tragédia estava por vir?

Slexie simplesmente lindos demais.

Cristina Yang dizendo “I Love you” pro Owen! Awww!
E depois encontrando ele no corredor e dizendo “sim”, adorei.

Outro momento excelente da Cristina é a cena que ela diz que vai abraçar a Mer.
“I love you Cristina Yang.” A melhor amizade da TV, como eu amo essas duas. ♥

Essa 5ª temporada de Grey’s é simplesmente excelente. É difícil escolher uma favorita porque eu gosto muito de todas, mas essa tem momentos tão divinos, com episódios que juntam tudo o que a série tem de melhor... É apenas mais um dos vários motivos de Grey’s Anatomy ser minha série favorita. <3

Episodio 5x24 - Nota 10 2013-10-19 22:46:11

Doctors spend a lot of time focused on the future, planning it, working toward it. But at some point you start to realize, your life is happening now, not after med school, not after residency, right now. This is it, it’s here. Blink and you’ll miss it.

Did you say it? I love you. I don’t ever want to live without you. You changed my life. Did you say it? Make a plan, set a goal, work toward it, but every now and again, look around, drink it in, ‘cause this is it. It might all be gone tomorrow.

Episodio 6x1 - Nota 10 2012-09-14 20:05:51

Nossa.... Sem palavras! O impacto que eles tem no início, quando confirmam que é realmente o George ali... E quando a Izzie vai até o quarto? Ai, chorei oceanos! Que episódio triste. E todos chorando no funeral e rindo por causa da Izzie. hahaha Essa série é espetacular! ♥

Episodio 6x1 - Nota 10 2013-10-22 12:22:32

Grey’s Anatomy provando-se mais uma vez ser uma série espetacular.

Muita gente diz que por se tratar da despedida de George O’Malley, o episódio peca por não trazer a carga emocional esperada em torno disso... Eu já discordo.

A forma como apresentaram o impacto da morte do George em cada um dos personagens é divina. E ainda mais como eles lidam com isso após “aceitarem” que ele se foi.

Quando declaram morte cerebral e a Callie entra em choque, eu quase morro. Sara deu um show imenso de atuação naquela cena, não precisou nem dialogar. Apenas lutando desesperadamente contra a bomba que estava lançada sobre ela, lutando pra respirar. Cena linda. Muito bem escrita e executada.
Quanto a cena que ela vai conferir a marca do Texas na mão dele, realmente esperava um pouquinho mais. Imaginei que ela fosse berrar muito, ou se jogar em cima do corpo dele. Mas ainda assim achei ‘bonita’, principalmente a reação de todos quando ela começa a chorar... Todos ignorando os pagers...

Uma das cenas que mais de destacam é quando a Izzie vai ver o corpo do George. As lágrimas nos olhos e em seguida aquele choro super angustiante. Mas antes a expressão de profundo choque porque além de ver o melhor amigo morto, ele está desfigurado, morrendo de forma horrível. Não consegui me segurar naquela cena.

E a cena do velório é incrível. É aquela coisa: “rir pra não chorar”, sem mostrar que mostra ao público a amizade fortificada que existe entre todos eles, Mer, Cristina, Izzie e Alex. Mesmo eles, em geral, não demonstrando isso 100% do tempo.

E também mostrar os estágios do luto avançando dias após a morte foi interessante.
Não me segurei com a mãe dele. Perdeu o marido há tão pouco tempo, agora o filho... Nossa :/

E agora falando do George, ele não merecia. Foi uma morte trágica, cruel, horrível pra uma pessoa como ele. Todos os personagens tem um histórico de altos e baixos e grandes superações nessa série e George talvez seja um dos principais. Já começou sendo apelidado como “007”... Reprovou na prova dos internos por apenas 1 ponto, se sentiu humilhado, deu a volta por cima. Casou com a Callie, traiu com a Izzie, não teve uma vida amorosa satisfatória. Mas acima de tudo, ele era um excelente médico. Mesmo não tendo o destaque que merecia na temporada passada, é evidente que o personagem evoluía no profissional, como o próprio Owen descreveu. Ele sempre foi muito na dele, não era aquele de ficar competindo por tudo como a Cristina. Mas sempre atraiu os olhos dos atendentes por seu brilhantismo e competência.
George O’Malley é inesquecível e vai fazer uma falta tremenda pra série. Estou na 10ª temporada, e por mais que os roteiristas tenham habilidade de escrever de forma que você consiga meio que “esquecer” os eventos que aconteceram, de vez em quando você se depara com uma situação ou outra que diz: “O George se daria bem com isso aí”, ou “lidaria melhor que qualquer outro”. Porque além de médico, ele era humano.

Sobre os outros casos: Triste a menina com os braços e a perna decepados. Ainda mais aquelas “amigas” nojentas abandonando-a no hospital pra sobreviver.
Gostei da Lexie virando amiguinha dela. Mas detestei a paciente gritando no hospital que Lexie “não devia se meter”. Claro que é compreensível ela estar revoltada dentro daquela triste situação, mas... Enfim.

Episodio 6x1 - Nota 10 2013-10-22 12:26:25

According to Elisabeth Kubler-Ross, when we’re dying or have suffered a catastrophic loss, we all move through five distinct stages of grief. We go into denial because the loss is so unthinkable we can’t imagine it’s true. We become angry with everyone, angry with survivors, angry with ourselves. Then we bargain. We beg. We plead. We offer everything we have, we offer our souls in exchange for just one more day. When the bargaining has failed and the anger is too hard to maintain, we fall into depression, despair, until finally we have to accept that we’ve done everything we can. We let go. We let go and move into acceptance.

In medical school, we have a hundred lessons that teach us how to fight off death, and not one lesson on how to go on living.

Episodio 6x2 - Nota 10 2012-09-14 20:06:06

Acho que o Alex é bipolar, sinceramente. E esse certamente foi um dos melhores da série! A narração dos personagens: Que pefeição. Como eu amo GA, apenas! ♥

Episodio 6x2 - Nota 10 2013-10-23 14:25:27

Esse episódio consegue ser ainda melhor que a primeira parte, que eu gosto muito.
Só que nesse o luto dos personagens é mais aprofundado porque aos poucos, após muitos dias, eles percebem que George O’Malley morreu e que eles nunca mais poderão vê-lo.
Todos eles passaram pelas 5 fases do luto, talvez sem nem perceber.
A reação da Meredith foi de partir o coração quando esvaziaram o armário dele. Nossa.
Cristina depois de fazer sexo... A expressão dela quando diz que ele morreu é de choque absoluto.

Sobre o Alex, na primeira vez que assisti, à essa altura, eu já estava começando a gostar dele. E pela segunda vez como já comentei 1 milhão de vezes, toda aquela raiva pela agressividade dele sumiu. Mas gente, de verdade, eu não consigo entender porque ele não gosta do George. E me dá muita raiva essa cena que ele fica com ciúmes. Eles não eram muito próximos, mas seria interessante mostrar o Alex sentindo a morte do colega de trabalho, e tirassem essa “birra” que ele tem com ele ao menos agora. Mas tudo bem. As cenas dele com a Izzie no trailer lá no fim do episódio foram excelentes... À primeira vista parece que ele tá nervoso, revoltado por Izzie colocá-lo naquela vida. Quando na verdade ele está com medo de perdê-la novamente. As palavras dele são agressivas, mas ao mesmo tempo muito bonitas, quando ele diz que está apaixonado e que ela fez ele ficar assim. Dá até pra relevar um pouco o comentário bobo sobre o George.

Aliás, Izzie também protagonizou um ótimo momento quando foi confrontar a moça que o George salvou. E as palavras dela foram belas. A mulher tem mesmo que dar um propósito pra vida já que uma pessoa morreu para salvá-la. Ficar sentada na porta do hospital se lamentando infelizmente não vai trazê-lo de volta.

As cenas do Owen e Cristina na terapia também foram muito boas. Aquela terapeuta é ótima. Lembro daqueles momentos que teve com a Mer lá na 4ª temporada e como tudo foi intenso...

É um choque quando o Richard anuncia a fusão do Mercy West e do Seattle Grace. Na primeira vez eu senti um ciúmes tremendo, nem sei bem explicar o motivo. Mas as coisas vão esquentar ainda mais agora! Imaginem: Se entre os médicos do SGH já existia muita competição, imaginem agora que vão entrar outros desconhecidos? Prevejo muito sangue! Hahahaha

“How gay are you?” HAHAHAHA
Coitada da Lexie. Tem que ficar desconfiada… Mesmo a Callie sendo lésbica, não deve ser muito legal ver a ex-parceira do seu atual namorado trocando de roupa na frente dele e entrando no banheiro enquanto ele toma banho, né.
Mas adorei a resposta da Callie. Que lindos ♥

E a narração é simplesmente fantástica. Uma das minhas preferidas de toda a série.

É gente, George se foi. Descanse em paz, sempre sentiremos sua falta.

Episodio 6x2 - Nota 10 2013-10-23 14:32:54

The dictionary defines grief as keen mental suffering or distress over affliction or loss; sharp sorrow; painful regret. As surgeons, as scientists, we’re taught to learn from and rely on books, on definitions, on definitives. But in life, strict definitions rarely apply. In life, grief can look like a lot of things that bear little resemblance to sharp sorrow.

Grief may be a thing we all have in common, but it looks different on everyone. It isn’t just death we have to grieve. It’s life. It’s loss. It’s change. And when we wonder why it has to suck so much sometimes, has to hurt so bad. The thing we gotta try to remember is that it can turn on a dime. That’s how you stay alive. When it hurts so much you can’t breathe, that’s how you survive. By remembering that one day, somehow, impossibly, you won’t feel this way. It won’t hurt this much. Grief comes in its own time for everyone, in its own way. So the best we can do, the best anyone can do, is try for honesty. The really crappy thing, the very worst part of grief is that you can’t control it. The best we can do is try to let ourselves feel it when it comes. And let it go when we can. The very worst part is that the minute you think you’re past it, it starts all over again. And always, every time, it takes your breath away. There are five stages of grief. They look different on all of us, but there are always five. Denial. Anger. Bargaining. Depression. Acceptance.

Episodio 6x3 - Nota 8.5 2012-09-14 20:06:29

Izzie lembrando e falando do George, todos chora junto! Ele faz MUITA falta, realmente era único! E fiquei chocado com as demissões, coitados.

Episodio 6x3 - Nota 8.5 2013-10-25 15:14:18

Comparado aos outros dois foi mesmo muito leve, e a série estava precisando disso. Não podia continuar naquele clima pesado de luto, mesmo que os personagens continuem sentindo a perda...

E mesmo pra um episódio leve, ainda teve bastante movimentação!

Achei interessante o caso do rapaz esquizofrênico... Aquele diálogo com a mãe dele e a Bailey foi muito bom. “Tenho um filho com problemas mentais. Não posso me dar ao luxo de pensar só em mim há muito tempo.” Deve ser uma luta muito complicada, né. Mas de verdade, eu não acho que tenho a paciência necessária. Como naquela cena que ele joga a Lexie contra a parede, depois derruba no chão e sai correndo. Não é culpa dele, claro, mas sei lá. Acho que eu não conseguiria controlar a situação como a Lexie.

Izzie com a peruca <3
Muito bom ela voltando ao trabalho, adorei. E o Alex indo levar os remédios, a água e a banana? Awwww que amor esses dois.
E ela lembrando do George? Ai meu Deus :(

E a Cristina desesperada indo parar na pediatria? KKKKKKKKKKKKK
A cara da menina quando ela resolveu “encontrá-la” de vez embaixo do lençol foi hilária! E a voz de urso dela? HAHAHAHAHAHA
Não dá pra imaginar Cristina em nenhuma outra especialidade a não ser cardiologia.

Tenso demais as cenas de demissões... E a Olivia? Apareceu novamente só pra ser demitida... Será que a atriz estava trabalhando em alguma outra série?

E toda a tensão dos médicos temendo pelos empregos... A cena da Lexie caindo em cima do sangue foi ótima hahahaha

Eu simplesmente ADORO esses finais lights que alguns episódios apresentam. Muito bom eles jogando baseball e a felicidade da Cristina por acertar a bola.

Como eu amo Grey’s <3

Episodio 6x3 - Nota 8.5 2013-10-25 15:16:43

Paranoia gives you an edge in the OR. Surgeons play out worst-case scenarios in their heads. You're ready to close, you got the bleeder. You know it but there's that voice in your head asking. What if you didn't? What if the patient dies and you could have prevented it? So you check your work one more time before you close. Paranoia is a surgeon's best friend.

We're all susceptible to it, the dread and anxiety of not knowing what's coming. It's pointless in the end, because all the worrying and the making of plans for things that could or could not happen, it only makes things worse. So walk your dog or take a nap. Just whatever you do, stop worrying. Because the only cure for paranoia is to be here, just as you are.

Episodio 6x4 - Nota 9 2012-09-15 12:37:32

Morri rindo com o grito do Alex, nossa. KKKKKKKKKKK Não consigo gostar do Thatcher, não adianta. Não perdoei aquele tapa que ele deu na Meredith. E morri com a cirurgia da Cristina!

Episodio 6x4 - Nota 9 2013-10-25 15:24:31

O grito do Alex é memorável e definitivamente tá marcado nos momentos mais constrangedores do personagem hahahahaha que amor ele assustado <3
E ele com o carrapato? Credo!

Cristina continua toda louca aceitando tudo! Bem feito hahahaha
Quem mandou se intrometer só porque ouviu que era “complicado”. Mas adorei ela dizendo no final que é uma profissional e etc. Tem que ser assim mesmo.
Aliás, interessante o caso desse idoso, e adorei a lição de moral que o Mark deu no filho do velho!

Lexie pedindo pra Meredith doar o fígado <3
Meredith dizendo que é muito bom ter uma irmã <3

Sobre o Thatcher, é o que disse anteriormente: Não perdoei e nunca vou perdoar o tapa que deu nela e não merecia receber o fígado. Mas...
Acho engraçado o esforço da direção pra esconder a barriguinha de grávida da Ellen nessa época da série ♥

Izzie no final se assustando com o urso também, muito bom. E fiquei com pena do paciente. Que coisa, viu.

Episodio 6x4 - Nota 9 2013-10-25 15:25:05

We begin life with few obligations. We pledge allegiance to the flag. We swear to return our library books. But as we get older we take vows, make promises, get burden by commitments, to do no harm, to tell the truth and nothing but, to love, to cherish till death do us part. So we just keep running up the tap 'til we owe everything to everybody and suddenly ... what the.

The thing about being a surgeon, everybody wants a piece of you. We take one little oath, and suddenly we're drowning in obligations. To our patients, to our colleagues, to medicine itself. So we do what any sane person would do. We run like hell from our promises, hoping they'll be forgotten. But sooner or later, they always catch up. And sometimes you find the obligation you dread the most isn't worth running from at all.

Episodio 6x4 - Nota 9 2014-08-25 21:38:25

Obrigado!! :DD

Episodio 6x5 - Nota 10 2012-09-15 12:37:59

Malditos médicos do Mercy West. Que ódio! Izzie demitida por causa daquele merda, ai meu Deus! Primeiro o George, e agora a personagem mais hilária? Não quero que a Izzie vá embora! Que merda viu. Essa nova política do Seattle Grace é uma PORCARIA. Agora minha revolta maior é com esse desgraçado do Owen, excluindo a Cristina de tudo! Puta que pariu, vai pro inferno! Nunca gostei dele, sempre o achei insuportável. Mas agora ele conseguiu conquistar meu ÓDIO. Maldito!

Episodio 6x5 - Nota 10 2013-10-28 21:36:41

O engraçado é que se você for analisar esse episódio e comparar com a 10ª temporada, você percebe o quanto passou a amar alguns dos personagens novos.
Mas esse início deles é muito intragável.

Sinto TANTA pena da Izzie nesse episódio porque simplesmente não é justo. Aquele médico ridículo falando aquelas coisas horrendas, super nada a ver. Ela lá na maior boa vontade fazendo amizade e depois ele vai e trata assim. A sambada que ela deu dizendo que os médicos do SGH apóiam uns aos outros é simplesmente divina.
E o final com ela implorando pro Richard não demiti-la é de partir o coração. E dá mais raiva ainda daquela anta lá pressionando o chefe... Aff.

Coitada da Callie. Atitude ridícula a do pai de trazer um padre pro hospital pra exorcizá-la. Adorei ela citando passagens da Bíblia ao mesmo tempo que o pai fazia. Ainda bem que ela enfrentou e não se entregou fácil, tem que lutar mesmo pra ser feliz e pra defender sua verdade.
E a conversa da Arizona com ele é ótima.

Odeio muito a Reed, e o fato dela ignorar o pedido da Izzie pra não ocupar o armário... Ridícula. Muito mesquinha pra quem acaba de chegar.

Fiquei com pena da April, mas as atitudes dele, mesmo que não fosse intencionais, davam a entender que ela estava mesmo querendo apagar a Lexie aos pouquinhos...

A nova política do hospital é péssima, tá tudo uma bagunça... Ainda temos o Owen em um de seus momentos que eu simplesmente o odeio muito... Excluindo não só a Cristina, mas todos os outros médicos, praticamente, dos procedimentos. Quis priorizar os novos residentes querendo mostrar que o trabalho lá é “justo”, mas sem enxergar que os próprios estavam jogando sujo. Não agüento isso.

Aliás, a Cristina desabando é muito tenso... Realmente, nós estamos tão acostumados a vê-la lidando com as mais diversas situações sempre com muita força, que ver ela chorar é simplesmente real. Deve ser ridículo se sentir deslocado desse jeito no ambiente de trabalho...

Enfim, ótimo episódio!

E gente: Essa não é a última vez que a Izzie aparece!

Episodio 6x5 - Nota 10 2013-10-28 21:37:25

When you get sick, it starts off with a single infection. One lone nasty intruder. Pretty soon the intruder duplicates. Becomes two. Then those two become four. And those four become eight. Then, before your body knows it, it’s under attack. It’s an invasion. The question for a doctor is, once the invaders have landed, once they’ve taken over your body, how the hell do you get rid of them?

What do you do when the infection hits you, when it takes over? Do you do what you're supposed to and take your medicine? Or do you learn to live with the thing and hope someday it goes away? Or do you just give up entirely and let it kill you?

Episodio 6x5 - Nota 10 2015-01-15 19:27:06

Magina! É que muita gente tava dizendo que esse era o último e não é. Mas não se anime muito, pois a "despedida" da personagem é frustrante de qualquer maneira.

Episodio 6x5 - Nota 10 2016-01-10 10:57:36

HAHAHAHAHAHA muito obrigado, Aline!

Episodio 6x5 - Nota 10 2016-05-18 10:46:23

Querendo entender onde meu comentário possui spoiler. Não sabia que comentar que passei a gostar dos personagens novos era considerado spoiler sendo que isso é uma OPINIÃO MINHA. :)

Episodio 6x5 - Nota 10 2016-05-19 13:28:45

Nossa, eu tava! hahaha

Episodio 6x6 - Nota 10 2012-09-15 12:38:20

AMEI esse episódio. Que tensão, mal consigo respirar. Eu reparei no início que aquela médica não tinha checado a garganta da paciente, porém não percebi que ela era a culpada... Tava com medo de ser algum dos meus preferidos do Seattle Grace. Queria que a culpa fosse do Charles. Causou a demissão da Izzie, devia ser demitido também!

Episodio 6x6 - Nota 10 2013-10-28 21:45:44

A temática desse episódio é simplesmente incrível, tornou tudo um dos momentos mais memoráveis de toda a série. Lembro da primeira vez que assisti e como fiquei roendo as unhas tentando descobrir quem era o culpado, mesmo tendo notado que a April não verificou a garganta da paciente...

A forma como foi conduzida, dando ênfase principalmente aos procedimentos médicos, deixando um pouco de lado os dramas rotineiros dos personagens... Nossa, excelente.

Interessante ver, durante o interrogatório, como os residentes do Mercy West, mesmo que intencionalmente, empurravam tudo contra o Seatte Grace e vice-versa. E durante as cenas de ação principal do episódio, todos eles, mesmo com as rivalidades super acirradas, estavam trabalhando juntos.
Sem falar que a direção do episódio foi muito boa, deixou o roteiro ainda mais forte.

Daí você fica naquela apreensão com a paciente, que morreu de forma horrível... E toda aquela confusão em cima dela. Alex no telefone tentando falar com a Izzie, o Almofadinha andando pelo hospital com a cabeça rasgada...

A parte do Alex foi a que mais me deixou com medo, de longe, principalmente porque ele estava distraído no telefone. Aliás, quando ele repete que “desligou o telefone” pro Richard é simplesmente de partir o coração. Nossa :(

Enfim, um dos melhores episódios da série, de longe. Amor demais ♥

Episodio 6x6 - Nota 10 2013-10-28 21:46:20

In order to get a good diagnosis, doctors have to constantly change their perspective. We start by getting the patients point of view, though they don't often have a clue what's going on. So we look at the patient from every possible angle. We rule things out. We uncover new information trying to get to what's actually wrong. We're asking for second opinions hoping we'll see something others might have missed. For the patient, a fresh perspective can mean the difference between living and dying. For the doctor, it can mean your picking a fight with everyone who got there before you.

When we're heading towards an outcome that's too horrible to face, that's when we go looking for a second opinion. Sometimes, the answer we get just confirms our worst fears but sometimes, it can shed new light on the problem. Make you see it in a whole new way. After all the opinions have been heard and every point of view has been considered, you finally find what you were after, the truth. But the truth isn't where it ends , that's just where you begin again with a whole new set of questions.

Episodio 6x6 - Nota 10 2016-05-25 19:48:57

Eu lembro perfeitamente que notei que ela não olhou a garganta!! Amo esse episódio.

Episodio 6x7 - Nota 10 2012-09-15 19:16:07

AMEI esse episódio, muito perfeito. Tô achando ridículo o Richard, pqp! Cristina, Lexie e a frauda foi super hilário! KKKKKKKKK Enfim, demais!

Episodio 6x7 - Nota 10 2013-10-29 14:10:56

Sheperd’s Anatomy. <3

O interessante nesses primeiros episódios da 6ª temporada foi como os roteiristas conseguiram contornar vários contratempos que sofreram...
Tudo bem que a estrutura envolvendo a Meredith e o afastamento da personagem dos holofotes já estava programado desde o início... Mas é legal ver como esses últimos roteiros foram construídos praticamente às pressas por conta da rebeldia da Katherine Heigl e ainda assim ficaram incríveis, sem problema nenhum. Lidando super bem com a ausência completa de uma e parcial da outra.

Eu gosto muito do Richard, mas realmente... O personagem está simplesmente intragável nessa temporada. Mais chato que naquele início da 5ª, quando ele ficou revoltado pelo hospital ser 12° lugar.

O caso do Derek foi MUITO bom. Toda a tensão acerca desse grande e arriscado passo, a trilha sonora instrumental muito bem alinhada com os momentos, nossa... Simplesmente perfeito. O melhor de tudo foi ele conseguindo remover o tumor e o paciente não ficando paraplégico. A gente até se emociona com o rapaz quando acorda e começa a chorar por estar sentindo as pernas, acreditando que deu errado.

Lexie enfrentando o Jackson foi muito bom, dizendo que vai usar a fralda. Esse plot foi engraçado, especialmente quando a Cristina também embarcou! Hahaha
Coitada, quando ia conseguir a cirurgia, foi chutada de novo!

E a Arizona chorando depois de enfrentar o Richard? Muito bom!

Notável episódio <3

Episodio 6x7 - Nota 10 2013-10-29 14:12:21

Ask most surgeons why they became surgeons and they usually tell you the same thing. It was for the high, the rush, the thrill that comes from cutting someone open and saving their life. For me it was different, maybe it was because I grew up in a house with four sisters. No, definitely because I grew up in a house with four sisters because it was the quiet that drew me to surgery. The operating room is a quiet place. Peaceful. It has to be in order for us to stay alert, anticipate complications. When you stand in the OR, your patient open on the table, all the worlds noise, all the worry that it brings disappears. A calm settles over you, time passing without thought. For that moment, you feel completely at peace.

Ask most surgeons why they became surgeons and they usually tell you the same thing. The high, the rush, the thrill of the cut. For me it was the quiet. Peace isn’t a permanent state. It exists in moments. Fleeting. Gone before we knew it was there. We can experience it at any time, in a stranger’s act of kindness, a task that requires complete focus or simply the comfort of an old routine. Everyday we all experience these moments of peace. The trick is to know when they’re happening so that we can embrace them, live in them. And finally let them go.

♥♥♥

Episodio 6x7 - Nota 10 2016-01-10 10:56:59

Ela assinou um novo contrato no fim da 5ª temporada, pra ficar na série por mais três anos. Se não me engano, até a 8ª. Mas aí durante as gravações da 6ª, ela começou a faltar muito e deu muita dor de cabeça pra produção. Pelo o que sei, roteiros tiveram que ser reescritos às pressas, tramas tiveram que ser mudadas porque ela não estava aparecendo pra ir trabalhar.

Teve também uma ocasião em que ela disse que não merecia indicação ao Emmy (ela ganhou o prêmio pela atuação na 5ª temporada), porque não achava que tinha recebido um material bom o bastante. E depois alegou que queria passar mais tempo com a família e a série impedia isso.

Episodio 6x8 - Nota 10 2012-09-15 19:16:48

Como não amar Arizona? Muito amorrr ♥ Não tô mais suportando olhar pra cara do Owen... E acho que a Cristina é uma idiota por continuar com um desgraça como ele! Morri quando o Avery beijou ela e vou torcer pra que eles fiquem juntos... Acho que teve muito mais química.

Episodio 6x8 - Nota 10 2013-10-30 11:33:54

Durante minha primeira maratona, foram esses episódios que me fizeram mudar de opinião completamente sobre o Alex. Ele já tinha conquistado meu respeito no fim da temporada anterior, mas aqui as coisas começaram a mudar consideravelmente. Já comentei que toda aquela raiva que eu sentia dele nas primeiras temporadas simplesmente desapareceu fazendo a segunda maratona, mas mesmo já amando ele há tempos, não tem como não reparar o crescimento positivo que ele vem sofrendo, e tudo por causa da Izzie, digamos de passagem.
As cenas dele segurando o bebê são um amor só. E engraçado os outros médicos indo perguntar se tá acontecendo sessão de fotos pra calendário, hahaha. Como eu amo esse hospital <3

O destaque do episódio de longe vai pra Arizona com aquele paciente... Fico com o coração na mão quando ela anuncia silenciosamente a morte dele. E a atitude com os pais no final foi linda, tocante. Sambou demais na cara do Richard e daquele Jennings, mereciam escutar aquilo... Ridículo o Jennings dizendo que eles podem ajudá-los a fazer qualquer coisa, até a empacotar as coisas do menino. Afff. Bem feito que foi ignorado.
“Bad dreams, bad dreams go away.. Good dreams, good dreams here to stay.” Como não desabar com o desespero da mãe no final? :(

O Owen é um caso à parte. Assim como o Alex, o meu ódio por ele desapareceu UM POUCO comparado com a primeira vez que assisti. Mas esses ataques que ele dá, como nesse episódio, só me fazem desejar que ele volte com urgência pro Iraque e fique por lá. NADA A VER aquele escândalo na cirurgia com a Cristina. Que coisa, por que ela não podia realizar o procedimento? Ele deve ter esquecido que o SGMW é um hospital-escola, e que o próprio realizou “aulas práticas” nos primeiros dias de trabalho. Muito ridículo.
Cristina sambou na cara dele dizendo que o Richard autorizou ela fazer o procedimento anteriormente e que a estava incentivando. Esse instinto de “liderança” que o Owen tem me irrita DEMAIS. E aquele negócio de dizer que ela teve SORTE? Que coisa feia de se dizer, ainda mais por ele ser o médico que é.

Eu não gosto muito da Reed, e mesmo achando que o Alex precise de uma aproximação além da Meredith, não consigo vê-lo com outra pessoa além da Izzie, por mais que ela não esteja merecendo ele a essa altura.

Jackson beijando Cristina! Taí uma coisa que poderia funcionar, ou não!

Episodio 6x8 - Nota 10 2013-10-30 11:35:32

It’s impossible to describe the panic that comes over you when you’re a surgeon and your pager goes off in the middle of the night. Your heart starts to race. Your mind freezes. Your fingers go numb. You’re invested. There’s someone’s mum, someone’s dad, someone’s kid. And now it’s on you because that someone’s life is in your hands. Surgeons, we’re always investing in our patients. But when your patient’s a child, you’re not just invested, you’re responsible. Responsible for whether or not that child survives, has a future. And that’s enough to terrify anyone.

They say the bigger your investment, the bigger your return. But you have to be willing to take a chance. You have to understand, you might lose it all. But if you take that chance, if you invest wisely the pay off might just surprise you.

Episodio 6x9 - Nota 8.5 2012-09-17 12:06:05

Adooooorei a Teddy! hahaha E esse episódio foi ótimo! Izzie <3 Super verdade aquilo que ela cobrou do chefe! Ela deu 8 milhões pro hospital e ele aceitou de braços abertos. E não pensou duas vezes em demiti-la. Pior mesmo é aquele ridículo dizendo que não causou a demissão dela. MAGINA! E afff Cristina e Owen ainda?!?! Não aguento mais!!

Episodio 6x9 - Nota 8.5 2013-10-31 11:57:01

Izzie estava tão fria com todos que dói. Especialmente quando se trata do Alex, que definitivamente não merece depois de tudo o que fez e sofreu por ela na temporada passada. Izzie devia ter duvidado da palavra do Richard, devia ter ido conversar com o marido ao invés de deixar um mero bilhete... Foi muito vaca, verdade. Uma pena a rebeldia da Katherine Heigl colocar essa personagem tão amada em uma situação tão desconfortável com todos.
Entendo o lado dela de não querer entrar no hospital, foi demitida sem consideração nenhuma. Cometeu um erro médico, qual médico já não o fez? E o erro do Derek na 5ª temporada, pesado o bastante para refugiá-lo na floresta? Sem falar que ela sambou bonito no Richard dizendo que deu 8 milhões ao hospital e ele aceitou de braços abertos. Disso ninguém lembra na hora de julgar e demitir, né? Hipócritas.

Outra coisa que me deixou P da vida, ainda no plot da Izzie, foi aquele ridículo do Almofadinha com um sorriso sádico dizendo que ela provocou a própria demissão. PQP, por que não ele, ein? Que raiva!

Quanto ao Alex... Muito triste vê-lo daquela forma... Ainda bem que ele tem uma amiga linda como a Meredith do lado dele. ♥

Eu adorei a Teddy, e por mais que ame a Cristina, essa provocação dela me irritou bastante durante todo o episódio, ainda mais quando ela foi dizer pro Richard que a ATENDENTE não era competente. Gostei das palavras da Bailey pra ela.
Já fica evidente que Teddy tem sentimentos por Owen e ele ficou balançado no final, tava escrito na cara dele!

Muito engraçado a Adele perguntando pra Bailey se ela tinha um caso com o Richard KKKKKKKKKK e a expressão da Bailey em seguida? Hilário!
De verdade, Grey’s Anatomy em seus momentos descontraídos consegue ser muito mais engraçada que várias séries de comédia superestimadas que existem por aí.

O final com todos aqueles flashbacks mostrando que o Richard voltou a ser dependente é muito bom. Dá até pena dele, por mais que estivesse intragável durante esses 9 episódios.

Episodio 6x9 - Nota 8.5 2013-10-31 11:57:41

Doctors live in a world of constant progress and forward motion. Stand still for a second, and you'll be left behind. But as hard as we try to move forward, as tempting as it is to never look back, the past always comes back to bite us in the ass. And as history shows us again and again, those who forget the past are doomed to repeat it.

Sometimes the past is something you just can't let go of. And sometimes the past is something we'll do anything to forget. And sometimes we learn something new about the past that changes everything we know about the present.

♥♥♥

Episodio 6x10 - Nota 8.5 2012-09-17 19:38:54

Gostei! Achei bem interessante. O que foi o Owen "atacando" a Cristina?! KKKKKKKKKK Eu ainda não suporto ele, mas nossa! Não gostei da atitude do pai da Miranda, ridículo! Repreende ela na frente de todos e depois fica todo "Não vamos discutir isso aqui", bitch please.

Episodio 6x10 - Nota 8.5 2013-11-01 10:27:43

Tive até que mudar minha nota pra 10 porque esse episódio é tão bonito e simbólico, mostrando os médicos nessas importantes datas comemorativas. Que amor <3

Acho engraçado a expressão e reação do Mark quando a menina de 18 anos que coincidentemente está grávida anuncia ser filha dele. De repente, ele descobre que já vai ser vovô! Hahahahaha
Também achei engraçado a Lexie meio com ciúmes... E nossa, cortando um pedaço do dedo fora, que tenso. Sorte a dela que é uma médica e que estava em um lugar com outros médicos mais especializados, né!

Adoro esses episódios que a Chandra Wilson pode mostrar esse talento irrefreável dela. A cena do jantar é excelente, é um ótimo momento não só pra atriz, mas pra personagem de modo geral. Ridículo demais a idéia de “vida” que o pai exerce, fazendo aquele comentário escroto durante um jantar numa mesa repleta de médicos que adoram falar sobre suas cirurgias. O pior foi ele se sentindo com vergonha quando ela começou a falar e dizendo que aquele “não era o lugar”. BITCH, PLEASE.
Não é o lugar, então pra que começou a falar? Só para envergonhá-la? Mas Bailey sambou mesmo, então...

Teddy virando meu amorzinho cada vez mais. Ela é muito linda, fofa, carismática... Impossível não se apaixonar já à primeira vista. Achei triste a cena que ela e o Owen se enfrentam e ele assume que sentiu “tudo” por ela por muitos anos, não mais. Nossa, ela deve ter sentido como se recebeu uma facada, né?

E depois teve aquele final bonitinho entre Owen e Cristina. E devo comentar também sobre essa pegada dele, que vou te contar viu... KKKKKK

E o Richard com aquela dançinha do final? Coitado! Mas achei engraçado hahahaha

Senti falta do Alex, quase não apareceu. :/

Episodio 6x10 - Nota 8.5 2013-11-01 10:28:47

The best gift I ever got was for Christmas when I was ten – my very first suture kit. I used it until my fingers bled, and then I tried to use it to stitch up my fingers. It put me on the path to becoming a surgeon. My point is sometimes the best gifts come in really surprising packages.

Everyday we get to give the gift of life, it can be painful, it can be terrifying, but in the end it’s worth it. Every time. We all have the opportunity to give. Maybe the gifts are not as dramatic as what happens in the operating room, maybe the gift is to try and make a simple apology, maybe it’s to understand another person’s point of view, maybe it’s to hold a secret for a friend. The joy supposedly is in the giving, so when the joy is gone, when the giving starts to feel more like a burden, that’s when you stop. But if you’re like most people I know, you give till it hurts, and then you give some more.

♥♥♥♥

Episodio 6x11 - Nota 9 2012-09-17 19:39:11

Amei ver a Addison de volta, porém acho que ela apareceu pouco! :( Isso Cristina, pode trocar o Owen por cururgia. Sábia escolha!

Episodio 6x11 - Nota 9 2013-11-02 13:03:51

We assume the really serious changes in our lives happen slowly, over time. But it's not true. The big stuff happens in an instant. Becoming an adult, becoming a parent, becoming a doctor: one minute you're not and the next, you are. Ask any doctor and they can point to the one moment they became a physician. It usually isn't med school graduation day. Wherever it is, nobody forgets it. Sometimes you don't even know anything is changed. You think you're still you and your life is still your life, but you wake up one day and look around, and you don't recognize anything, not anything at all.

You never forget the moment you became a doctor. A switch flips. Suddenly you are not playing dress up anymore. You own the white coat. What you may not notice is the moment that being a doctor changes you.

Episodio 6x11 - Nota 9 2013-11-02 13:05:16

Essa participação da Addison foi bem rápida porque ACHO que teve mais a ver com um cross-over dentro de Private Practice do que Grey’s. Mas acho que nesse episódio ela apareceu muito pouco, podiam tê-la aproveitado um pouco mais. Inclusive podiam ter contado sobre a Izzie e a morte do George, mesmo que ela não fosse tão colega deles. Enfim...

Mark já apresentando seu desejo de construir uma família, que lindo. Todo preocupado com a filha recém-encontrada e com o futuro neto, muito amor.
E eu amo demais ele com a Lexie, considero-os como um dos melhores casais da série. Mas foi MUITA mancada dela aquela discussão acabar com um: “Você escolheria ela ou eu?” Por favor Lexie, menos. Entendo o lado dela de não querer ser uma avó tão cedo mas podia conversar, tentar consertar as coisas... Que pena. Odeio quando eles terminam, tipo, MUITO.

Cristina num momento irracional divulgando quais são suas verdadeiras motivações de vida. Ficou bem evidente o quanto ela é dependente de cirurgia, entregando o Owen do nada só pra ter a deus da cardiologia que tanto sonha... Essa personagem simplesmente não existe de tão incrível que é. I can’t.

Reed é tão mesquinha... A forma como ela falou com a Meredith na galeria foi tão escrota. Ainda mais quando comentou da Cristina “ferrando a cirurgia”. Credo, esse povo do Mercy West... E não gosto muito dessa idéia dela com o Alex e adorei ele dizendo aquelas coisas pra ela no final.
E o Almofadinha? HAHAHAHAHA “como me tornei o vilão aqui?” não só nessa parte, Charlie, mas se tornou a partir do momento que chamou a Izzie de vadia e causou a demissão dela, um beijo.
De todos, o único que me desce mais rápido nesse início é o Jackson.

Episodio 6x12 - Nota 9 2012-09-17 19:39:32

Última aparição de Izzie, chorei oceanos. Já estava sentindo falta nos anteriores, agora então.... Não suporto o Owen, meu Deus. Não dá! Cristina, chuta logo ele e vai com tudo no Avery, pfvr.

Episodio 6x12 - Nota 9 2013-11-02 13:28:42

Eu amo Alex, e amo Izzie... E fico tão irritado quando vejo as pessoas rotulando a Izzie como vilã, que vou te contar. Izzie é o fator responsável principal por praticamente transformar o Alex em outra pessoa. Através dela, o Alex permitiu a si próprio se abrir e aos poucos revelar seus sentimentos e humanidade. Ao longo dessas 6 temporadas e 114 episódios, ele cometeu muitos erros e ela também. E um dos erros dela foi não duvidar da palavra do Richard dizendo que o Alex a “denunciou”. Também cometeu erro não conversando com ele e simplesmente ignorando as ligações. Alex não merecia, mas por todo o histórico da Izzie, não acho que ela mereça esse julgamento tão maldoso. Vale lembrar que essa Izzie apresentada nos últimos episódios tem uma diferença de personalidade da Izzie que realmente conhecemos... Medidas drásticas causadas pela rebeldia da Katherine Heigl. Foi tudo a favor do roteiro, simples assim. Tentaram fazer as coisas funcionar da melhor maneira possível, mesmo que trouxesse o pior da personagem.
E a cena final é de partir o coração. Porque mesmo após os erros que ela cometeu, ela demonstrou novamente que o Alex é o amor da vida dela e estava disposta a recomeçar. Confesso que chorei durante aquele abraço. Então garanto que ao mesmo tempo que defendo o Alex de todas as pedras, também defendo a Izzie. Nenhum dos dois merece levar o rótulo de vilão. FIM.
BTW: Quem está na 10ª temporada sabe muito bem o quanto a Izzie (e o George) fazem falta...

Agora falando no Richard... Complicada a situação. Não consigo mais ficar com TANTA raiva dele como no começo da temporada.
E sinceramente? Odeio muito a atitude que o Derek toma porque é tudo em base na própria ambição. Quando ele “dilacerou” o cérebro daquela paciente na 5ª temporada e simplesmente decidiu parar de exercer a profissão, o Richard não demitiu ele, não foi atrás de um outro chefe pra neurocirurgia... Inclusive o incentivou a retornar ao hospital. Então acho muito escroto da parte do Derek denunciá-lo não visando na melhora e tratamento, mas sim em assumir a cheia de cirurgia. E ainda manipula a Meredith dizendo que ia recontratar a Izzie daquela forma... Aff, sério.

Callie com catapora <3
Aquele momento final, com a Arizona abraçando-a dizendo que “vai pegar catapora” é um dos meus momentos preferidos de Calzona. Amo demais.

Slexie se resume em: tristeza absoluta.
No episódio passado, Lexie perdeu pontinhos por levar a discussão até a pergunta: “sua filha ou eu”. TIPO, OI?
Mas aí nesse episódio vem o Mark com essa atitude EXTREMAMENTE machista pra cima dela... “Eu posso transar após o término, sou homem, e você não.” AFFF, praticamente disse isso.
Nada a ver ele dizer que Lexie o abandonou porque não foi isso que aconteceu, por mais que eu ache que ela devia ter conversado um pouco mais pra eles chegarem em algum acordo.

Owen e sua pegada! HAHAHAHA Mesmo morrendo de raiva da Cristina.
E Cristina com os olhos cheios de lágrimas... Meu coração

Episodio 6x12 - Nota 9 2013-11-02 13:30:53

Number one rule of surgery is limit exposure. Keep your hands clean, your incisions small, and your wounds covered. Number two rule of surgery is when rule number one stops working, try something else. Because sometimes you can't limit exposure, sometimes the injury is so bad you have to cut, and cut big.

In surgery, the healing process begins with a cut, an incision, the tearing of flesh. We have to damage the healthy flesh in order to expose the unhealthy. It feels cruel and against common sense, but it works. You risk exposure for the sake of healing, and when it's over, once the incision has been closed, you wait. You wait and hope that your patient will heal. That you haven't in fact, just made everything worse.

:(((((

Episodio 6x13 - Nota 9 2012-09-18 10:45:54

Ainda me surpreendo com a atuação da Sandra, PQP! Que mulher talentosa! Acho que o Mark tá sendo muito infantil... Eu particularmente não gostei da Lexie ter ido pra cama com o Alex momentos depois de terminar o namoro, porém ele também errou... Cristina com a bunda assada KKKKKKKKKK ri horrores! E também tô com pena do Richard, coitado. :(

Episodio 6x13 - Nota 9 2013-11-05 12:45:05

PLEASE DON’T CRY ON MY ASS.
Cristina e suas quotes memoráveis <3
Aliás, a Lexie chorando relembrando do Mark deixando-a com a bunda assada foi muito bom!

Desde que comecei a segunda maratona e o Owen entrou, esse deve ser o 3° ou 4° episódio que fico com um ódio mortal dele (na minha maratona inédita, eu desejava que ele morresse em todos os episódios, diga-se de passagem). Ridículo da parte dele ter que “dominar” a Cristina dessa forma e ela acabar deixando porque “é bom”. A cena que ele pede pra ela ignorar o chamado da Teddy foi de uma escrotice sem limites. Então as palavras dela no final, dizendo que nunca mais vai deixar que alguém a influencie dessa forma, foram dignas de aplausos do mundo todo. Ela já foi influenciada, manipulada, humilhada e abandonada por um homem antes. Tem mais é que mostrar sua independência.
Sem falar na atuação da Sandra Oh >>>>>>>>>>>>>>>

Mais um caso que considero dos mais tensos da série é essa mulher acordando no meio da cirurgia. E nem a culpo, nem julgo, por não querer que a Bailey não a toque mais. Já pensou? Você acordar no meio da cirurgia, seu coração dispara e a médica enfia a mão dentro de você procurando sangramento e você sentindo TUDO? Sério, que horror.

Voltando na Lexie... Esses momentos do Mark são tão detestáveis. Acho que é a fase dele na série que eu mais odeio. Só falta sair gritando: “Eu posso transar depois de terminar o namoro, a Lexie não pode.” Callie chamando ele de machista foi muito bom, porque é isso o que ele tá sendo. Uma pena que não escutou realmente as palavras dela.

Alex na pediatria é muito amor. Adoro a cena que ele defende o menino pro pai e o sorrisinho da Arizona de canto... E o sorriso dele dizendo que “se sente ótimo” por ter salvado a vida do jovem? <33
Arizona e os patins e ainda defendendo a pediatria ♥
Tenho que ressaltar aqui que acho MUITO, mas MUITO escroto esse negócio de rebaixar médicos dependendo da área de especialização. Então não era pra existir pediatria, já que os médicos de lá são “otários”? Aff Jackson, me poupe.

Episodio 6x13 - Nota 9 2013-11-05 12:46:01

We ask a lot of our patients. We put them to sleep. Cut them open. Poke around in their brain and guts with sharp instruments. We ask for their blind trust. Irony is, trust is hard for surgeons, because we're trained from day one that we can't trust anyone but ourselves. The only instincts you can count on are your own. The only skills you can count on are your own. Until one day, you leave the classroom and step into the O.R. You're surrounded by others, a team of others. A team that you have to rely on whether you trust them or not.

I know it's been a long day, and you're all anxious to get home. But I feel like we got off on the wrong foot this morning. I don't expect to win your trust overnight. But I want each of you to know you have mine. Which is why I felt it was important to personally come in here and apologize. I am neither pro nor anti merger. From this point on, everyone has a clean slate. I am not focused on the past. I'm looking to the future to all the promise this hospital has to offer. I plan to honor Richard Webber and his legacy, not undo it, which is why I'm both humbled and honored to be your new Chief of Surgery.

Episodio 6x14 - Nota 9 2012-09-18 10:46:20

Tadinho do Mark gente, ai :( Tô achando ele com uma aparência tão estranha... Acho que é a barba. Parecia que estava doente... Achei linda a história do Emilie (acho), que ficou observando a amada durante longos 15 anos e nunca falou nada... Enfim, ótimo episódio!

Episodio 6x14 - Nota 9 2013-11-06 13:38:14

Sloan conseguiu se tornar uma das personagens mais ridículas, detestáveis, que a série recebeu ao longo dessas 6 temporadas. Não dá pra perdoar. Mark acolheu, fez tudo por ela. E ela vai embora sem ao menos se despedir dele. Merece tudo de ruim e a criança certamente necessita de uma mãe e pai melhor do que ela.
Já que a bosta do interesse dela era apenas moradia e dinheiro e o bebê iria atrapalhar, entregasse mesmo pro Mark e simplesmente desaparecesse. Não tinha vínculo emocional com o Mark mesmo. Que diferença ia fazer? Deixasse ele ser feliz.
E Callie uma linda assumindo responsabilidade junto com ele. A amizade deles é tão bonita.

Deve ser mesmo MUITO estranho acordar de uma cirurgia e ver seu braço colocado em um lugar inimaginável. Mas sei lá, se é pra manter vivo pra depois colocá-lo no lugar certo... Então acho que tudo ok. Creio que se fosse eu, não conseguiria deixar aquela parte do corpo em um lugar visível, pois provavelmente entraria em pânico.

Bailey toda fofa dizendo pro Ben que gosta dele no final. Engraçado ela não conseguindo falar claramente o que queria, haha.
E o sorrisinho da Arizona de satisfação <3 Adorei ela e a Callie estimulando-a a ir atrás dele. Mesmo neste momento sendo inimaginável a Bailey saindo com alguém, ela precisa disso após todos esses anos vivendo com ultimatos e ameaças desnecessárias de um Mané escroto.

E mais uma vez o Owen me estressa. Eu adoro muito a Teddy e odeio esse tratamento de merda que ele tá dando. Aliás, eu odeio sempre que ele se invoca e fica gritando com as pessoas e jogando os braços pra todos os lados. Tenho vontade de encher de tapa essa cara dele.
E a Teddy foi linda dizendo que retira o “eu te amo”. Quem sabe assim ele aprende a tratá-la melhor, né?

Lexie fica bonitinha com o cabelo loiro. E nem tenho nada contra ela com o Alex. Só acho que a alma gêmea é o Mark e fim. Outros casos são apenas conseqüências...haha

Episodio 6x14 - Nota 9 2013-11-06 13:39:18

The surgical scalpel is made of sterilized, carbonized stainless steel. This is a vast improvement over the first scalpel, which was pretty much a sharp stick. Medicine is constantly reinventing itself, that means surgeons have to keep reinventing themselves too. There's constant pressure to adapt to changes. It can be a painful process. But without it, you'll find yourself moving backwards instead of forwards.

We have to keep reinventing ourselves almost every minute because the world can change in an instant, and there's no time for looking back. Sometimes the changes are forced on us, sometimes they happen by accident, and we make the most of them. We have to constantly come up with new ways to fix ourselves. So we change, we adapt, we create new versions of ourselves. We just need to be sure that this one is an improvement over the last.

Episodio 6x14 - Nota 9 2017-04-18 09:52:04

Pelo o que eu li do meu comentário (escrito há mais de três anos) e pelo seu ponto de vista, acho que a minha visão para toda a situação do Mark x Sloan é que a atitude dela soou, no mínimo, como vingança por ter sido completamente deixada de lado por ele no passado, quando sua mãe engravidou. E como acredito que nós, como seres humanos, estamos sempre em constante evolução (e a série mostra isso), também não vi motivo para dar razão a ela. Claro que não há nada errado em pensar no próprio futuro e muito menos no que decidir fazer com o próprio filho. A vida é dela. Mas pelo o que entendo, se ela não criou vínculo, ele criou. E por mais que os erros do passado não sejam apagados, acho que tentar compensá-los é melhor do que ignorá-los por completo. E ela simplesmente fugiu mesmo com esse esforço.

Quanto ao tom da fala: acho que a raiva que tive no momento falou mais alto, mas não tive intenção de pintá-la como uma vilã ou algo do tipo. Por fim, preciso ressaltar que eu NÃO concordo com a atitude dele de "dar uns trocados" e deixar que as duas se virassem sozinhas no mundo. Jamais faria isso.

Episodio 6x15 - Nota 10 2012-09-18 10:46:45

MORRI com a Bailey interna, que fofa! E a Callie, KKKKKKKKK. Parecia eu quando tinha que fazer seminário na escola! Meredith criança, coisa mais fofa. Escalaram os atores certos pra Richard e Ellis. Até as expressões eram idênticas. Enfim, SENSACIONAL!

Episodio 6x15 - Nota 10 2013-11-07 12:27:17

De longe esse é um dos melhores episódios de Grey’s Anatomy. Tudo funciona tão bem aqui, é difícil não se envolver e dar uma nota abaixo de 10.

Começando pela Bailey como interna, uma fofa. Aquele cabelo e os óculos, hahahaha engraçado o jeito dela.
E aquela residente infeliz? Bailey era severa com os internos dela lá nas primeiras temporadas, mas não torcia pelo fracasso deles e muito menos se saía na frente aos olhos do chefe pegando idéias de tratamento alheias. Tanto que essa praga nunca fez parte do corpo docente do hospital desde que a série começou. Hahahaha
Aliás, todo o incentivo do Richard sobre ela, que amor. <3

Me identifico demais com a Callie nesse episódio. O problema dela é um pouco mais grave que o meu, porque ela praticamente não conseguia falar, a tremedeira é muito evidente. Mas basicamente, a Callie desse episódio sou eu quando tenho que fazer algum tipo de apresentação. Quando um professor falava a palavra “seminário” eu simplesmente entrava em pânico (inclusive perdi muita nota porque na maioria das vezes dava um jeito de não fazer). Ao menos a Callie teve ajuda da própria platéia, Arizona a Alex incentivando-a... No fim deu tudo certo.
Só acho bizarro e muito aleatório mostrarem que ela transou com o Alex antes mesmo de ser apresentada formalmente ao público. Mas enfim...

O grande destaque mesmo do episódio vai pra palestra do Richard, acompanhado pelos flashbacks de 1982. Os atores escalados para interpretá-los foi uma escolha certeira (oi Lana Banana!), principalmente o que fez o Richard. Parecia um tanto com ele, sem falar as expressões e modo de falar exato.
Além do mais, o caso deles foi extremamente interessante justamente por mostrar a reação dos médicos diante da AIDS naquela época. Fiquei com pena do rapaz, mas infelizmente não tinha mesmo como sobreviver. Linda a cena que eles seguram as mãos.
Ridícula a atitude do médico atendente dizendo que o Richard nem estaria naquele programa há 10 anos pela cor da pele. Mas infelizmente as coisas eram (e ainda são, mesmo que indiretamente) assim...
Gente, e a menininha que fez a Meredith criança? Que amorzinho. <3

Episodio 6x15 - Nota 10 2013-11-07 12:28:55

I’ve seen a lot of surgery residents come and go in my time and they’re all addicted to surgery. It comes before food, before sleep. It becomes the most important thing, the only thing. What they don’t know is that living on that high can eat them alive. Some make it through they come out on the other side. They survive with their sanity intact. They become better doctors and stronger people. I didn’t. I broke it. I didn’t kill anybody and I give thanks for that every day. But I hurt people. Scared the hell out of myself. I am 45 days sober today. I am Richard and I am a grateful and recovering alcoholic.

I solemnly pledge to consecrate my life to the service of humanity. I will give to my teachers the respect and gratitude that is their due. I will practise my profession with conscience and dignity. The health of my patients will be my number one first consideration. I will respect the secrets that are confided in me, even after my patient has died. I will maintain by all the means in my power, the honour and the noble traditions of the medical profession. My colleagues will be my sisters and brothers. I will not permit considerations of age, disease or disability, creed, ethnic origin, gender, race, political affiliation, nationality, sexual orientation, social standing or any other fact to intervene between my duty and my patient. I will maintain the utmost respect for human life. I will not use my medical knowledge to violate human rights and civil liberties, even under threat. I make these promises solemnly, freely and upon my honour.

Episodio 6x16 - Nota 9 2012-09-18 18:59:24

MORRI RINDO com a Cristina tirando foto com o Dr. Avery hahahaha ♥

Episodio 6x16 - Nota 9 2013-11-08 13:03:06

YOUR HEART LIVES IN YOUR VAGINA!
Coitada da Lexie tendo que escutar essas coisas, hahahaha. Achei legal a cena dela na sala do café com o Alex, e ele convidando-a a “não sentir nada” nos 20 minutos vagos que ele tinha hahaha Eu já disse que a meu ver, Lexie pertence ao Mark e vice-versa. Mas não tenho nada contra ela e o Alex, acho até bonitinho. ALIÁS, Lexie não tá saindo com qualquer um, e nem com vários. Tá saindo apenas com o Alex e ele não é um qualquer. E muito menos é vadia por isso, fica a dica.
Já o Mark perde TANTO o meu respeito nessa fase da série, não consigo me conformar com o machismo dele. Ele expõe como se fosse natural, como se ele estivesse com a razão. Transando com todas as mulheres e contando pra todo mundo, e ainda se acha no direito de ficar com raiva por Lexie também estar se divertindo. Ai, me poupe. Não suporto essa coisa de “eu posso, ela não”.
E tenho que comentar: A primeira cena em que o Derek flagra o Mark com aquela mulher foi de longe a mais ousada da série!

Fico com tanta pena do Richard por estar rebaixado agora. O Derek aparentemente está com boa índole em relação a ele, querendo ajudá-lo. Mas tem umas olhadas que ele dá que me deixa com tanta raiva, porque aí me lembro que as atitudes anteriores dele foram em base da ambição e não consigo me livrar do pensamento que ele apenas quer provar pro Richard que é melhor que ele. Que pena.

Cristina tirando foto com o Dr. Avery é uma cena simplesmente sensacional. Tão espontânea hahahaha

Aliás, falando no Dr. Avery... A primeira vez que assisti, não desconfiei em nada que ele fosse parente da pessoa que originou o prêmio mais cobiçado da medicina. Lembro até que fiquei boquiaberto quando foi revelado haha
E a sambada que o Derek deu nele foi ótima, dizendo que ele manda no hospital. Fou um dos momentos que mais gostei dele como chefe.

Também já comentei antes que adoro essas cenas finais que mostram eles fora do hospital em algum tipo de comemoração ou momento mais leve e divertido. ♥
E a cena da bola 3D ficou ótima.

Episodio 6x16 - Nota 9 2013-11-08 13:04:41

Surgeons are detail-oriented. We like statistics and checklists and operating procedures. Our patients live because we enjoy following the steps but as much as we love to always rely on the numbers, the plan we also know that some of the greatest medical discoveries have happened by accident. Mold: Penicilin. Poisonous tree bark: a cure for Malaria, a little blue pill for high blood pressure, impotence be damned. It’s hard for us to accept that it’s not always the hard work or attention to detail that will get us the answers we are looking for. Sometimes we just have to sit back, relax and wait for happy accident.

No matter how many plans we make or steps we follow, we never know how our day is going to end up. We’d prefer to know, of course, what curveballs will be thrown our way. It’s the accidents that always turn out to be the most interesting parts of our day, the people we never expected to show up, a turn of events we never would have chose for ourselves. All of a sudden you find yourself somewhere you never expected to be and its nice, or it takes some getting used to. Still, maybe you’ll find yourself appreciating it somewhere down the line. So you go to sleep each night thinking about tomorrow, going over your plans, preparing for them, and hoping that whatever accidents come your way will be happy ones.

Episodio 6x16 - Nota 9 2016-10-11 18:59:48

Também estou me perguntando isso, Natascha.

Episodio 6x17 - Nota 9 2012-09-18 18:59:53

Quero Mark e Lexie juntos novamente, já! :( Miranda, sua linda!

Episodio 6x17 - Nota 9 2013-11-09 12:44:08

Em comparação a praticamente todos os anteriores dessa temporada, esse aqui cai um pouco. Mas é um episódio leve e divertido, ideal pra passar o tempo com a série da vida que é minha preferida.

Acho hilário o medo da Bailey de embarcar em um relacionamento a essa altura, ainda mais quando descobre que pode rolar sexo com o Bem no 3° encontro. Callie aconselhando é ótimo. Adoro as expressões dela e da Bailey, ainda mais quando a última pede pra pegar as camisinhas na clínica porque está com vergonha, hahahaha

Como não desabar junto da Lexie no banheiro?
Por mais que eu fique do lado dela em relação ao machismo obsessivo do Mark, é aquela: Quando a Sloan ainda estava em cena, ela devia ter conversado direito com o Mark e expressado claramente os sentimentos dela sobre ele e sobre a situação. Dar às costas e ainda levar a discussão pra dentro do “ou sua filha, ou sua namorada” foi muito abusivo da parte dela.
Eu adoro esse Mark querendo construir uma família, ter filhos... Ter uma vida estabilizada e nem o culpo por começar a procurar isso em outras pessoas. Mas tudo o que eu quero é vê-lo com a Lexie de novo porque eles nasceram um pro outro.

Quero cada vez mais lições do Richard em cima do Derek.
A expressão do Derek naquela cena que o Richard diz que ele tem que ampliar a visão se quiser ser chefe é o que me irrita e que coloca na minha cabeça que tá menosprezando o Richard de propósito, mesmo que depois ele prove o contrário.

Quanto à competição, achei bem irrelevante. Mas a Cristina de X9 foi engraçado hahaha

E gente: Meredith defendendo a Cristina e ameaçando o Owen. QUE AMOR. ♥

Episodio 6x17 - Nota 9 2013-11-09 12:45:58

Surgeons aren’t complacent people. We don’t put our feet up. We don’t sit still. Whatever the game is, we like to win. And once we win, we get a new game. We push ourselves; residents, attending. It doesn’t matter how much we achieve. If you’re a climber there’s always another mountain.

They take pictures of mountain climbers at the top of a mountain. They’re smiling, ecstatic, triumphant. They don’t take pictures along the way cos who wants to remember the rest of it. We push ourselves because we have to, not because we like it. The relentless climb, the pain and anguish of taking it to the next level. Nobody takes pictures of that. Nobody wants to remember. We just wanna remember the view from the top. The breathtaking moment at the edge of the world. That’s what keeps us climbing. And it’s worth the pain. That’s the crazy part. It’s worth anything.

Episodio 6x18 - Nota 9 2012-09-18 19:00:14

Os flashbacks do Owen foram fortes. Aquela situação foi realmente muito delicada. Mas desculpem, não suporto mais o Owen, de jeito nenhum. E não consegui compreender o drama dele. A mulher doente, em fase terminal, apenas querendo dar um fim ao seu sofrimento, e ele querendo interferir? O pior é que ele quer sempre estar certo! E isso me irrita DEMAIS. O episódio só não foi melhor por isso!

Episodio 6x18 - Nota 9 2013-11-10 20:20:13

É inegável que os flashbacks e toda a trajetória do Owen no Iraque é forte e bastante complicada. E por mais que, assistindo pela segunda vez, o Owen não tenha provocado tanto ódio em mim como quando tudo em Grey’s era inédito, eu não consigo gostar nem um pouco dele nesse episódio porque ambas as situações não tem ligação nenhuma.

Nunca vou defendê-lo nem entender o lado dele porque não tem como. O caso no Iraque com o capitão (?) foi uma coisa. Como ele pôde ligar uma mulher com câncer em fase terminal que apenas se cansou de lutar, que sabe que já é tarde pra tentar outros tratamentos com um acidente fatal na estrada? O pior de tudo nem é ele a reclusão dele no início. E sim acusar Teddy de matar a mulher e ficar interferindo, e o pior: Sempre se colocando no alto como a única pessoa que tem razão. Aqueles casos não tiveram nada a ver com o outro e o mínimo que ele podia fazer é: “não gosto, mas não me oponho”, como o Mark. Fim.
A sambada da Teddy no refeitório foi magnífica porque ele merecia ouvir aquelas coisas, pra deixar de ser tão estúpido a ponto de acreditar que o mundo gira ao redor das coisas que ele sofreu. Dá licença.
E por conta disso, a história dele não ficou assim tão chamativa, a meu ver. Os flashbacks foram introduzidos em momentos errados...

Ainda falando na Teddy, é aquela... Eu acho bonitinho a relação dela com o Mark da mesma forma que gosto do Alex com a Lexie. BUT, Slexie é vida e tem que voltar logo. Obrigado, de nada.

Derek infantil demais roubando a cirurgia da Meredith. Não gosto NADA dele como chefe... E olha que fiquei muito ansioso quando ele assumiu o cargo na primeira vez que assisti.

Achei engraçado o Richard falando como pegaria a enfermeira hahahahaha

Episodio 6x18 - Nota 9 2013-11-10 20:31:01

Dying isn’t easy. The body was design to stay alive; thick skull, strong heart, keen senses. When the body starts to fail, medicine takes over. Surgeons are arrogant enough to think there's no one they can’t save. Like I said dying isn’t easy.

Living is better than dying... until it's not. But even if letting a person die is the right thing to do, it's not what surgeons are built for. We are arrogant and competitive. We don’t like to lose and death feels like a lost even when we know it’s not. We know it’s time. We know it’s right. We know we did everything we could. It is hard to shake that feeling that you could of done more.

Episodio 6x19 - Nota 9 2012-09-19 10:15:15

MORRE OWEN! Inferno, que cara insuportável. Alex é muito amorrr ♥

Episodio 6x19 - Nota 9 2013-11-12 14:35:53

Juro que desde que o Owen entrou lá no começo da 5ª temporada, eu ainda não tinha sentido tanta raiva dele. Definitivamente o 6° ano de Grey’s é o pior momento desse personagem, pois mesmo mudando uns 80% da minha opinião sobre o caráter dele, conseguiu trazer o meu antigo ódio de volta à essa altura da trajetória dele.
Não suporto e honestamente não entendo de forma alguma quem diz que “adora o Owen” e que “acha incrível a história dele”. O que ele passou é forte sim, mas gente?
As atitudes dele com a Cristina no hospital, gritando que ela fez coisa errada, humilhando-a na frente dos outros médicos. Praticamente dando soco na cara dela e depois fica com cara de cachorro arrependido perguntando o que fez, e o pior: se ela está com medo dele? Imagina.
Eita fase chata e que já dura há um bom tempo. Tá na hora dele começar a ver aquela psicóloga mesmo, que é excelente, e largar a mão de ser TÃO bipolar.

Agora falando do que realmente importa nesse episódio: Alex.
A relação que ele teve com o pai não está ainda 100% em claro e eu adoraria MUITO que fosse mais explorado daqui pra frente. Mas é mesmo muito interessante conhecer as condições onde ele cresceu, passando de família adotiva pra outra, sustentando os irmãos e a mãe doente e ainda assim conseguiu se formar em medicina.
Todas as cenas com o Aaron foram excelentes. A cena da briga foi muito tensa mas ao mesmo tempo muito engraçada por motivos de: Bailey dando uma pranchetada na cabeça do Alex. Hahahahaha
Sem falar na Meredith que se comportou como uma amiga invejável, que todo mundo adoraria ter ao seu lado. Adoro essa aproximação super digna dela com o Alex. Ele é a Cristina de calças. <3

E a crise sobre bebês chega a Grey’s! hahaha muita gente querendo passar longe de crianças, ein? Arizona com Callie, Meredith e Derek.
E agora vem o Owen com essa aí também... Todos estão carecas de saber que Cristina não quer filhos e que os acha um atraso...

Sloan, por que você voltou mesmo? Não sabia ir sozinha a um hospital?
Só pra trazer mais esperanças pro Mark, que já estava bem recuperado da desilusão que sofreu com essa ingrata. ARGH.

Gente, e a April? Eu não tinha absolutamente nada contra ela e juro que nem lembrava que ela começava a ter um interesse pelo Derek nessa temporada. E claro que a partir disso só posso desejar que ela morra. As olhadas que ela dá me irritam TANTO, mas TANTO... Menina imprestável.

E o caso da mulher dos aparelhos? TENSO.

Episodio 6x19 - Nota 9 2013-11-12 14:36:42

Psychologists believe that every aspect of our lives, all our thought processes & behavior patterns, are the direct result of our relationship to our parents. That every relationship that we have is really just another version of that first relationship. It's just us trying over & over again to get it right.

It's the most important job in the world. You probably should need a license to do it, but then most of us wouldn't even pass the written exam. Some people are naturals. They were born to do it. Some have other gifts. But the good news is biology dictates you don't have to do it alone. You can waste your whole life wondering, but the only way to find out what kind of parent you'd be is to finally stop talking about it and just do it.

Episodio 6x19 - Nota 9 2014-10-15 18:42:22

Ele é meio intragável mesmo nessa temporada, mas vai mudando aos poucos! Vai na fé! hahaha

Episodio 6x19 - Nota 9 2016-10-02 20:30:07

Sim!!! Depois melhora! HEHE

Episodio 6x20 - Nota 9 2012-09-19 10:15:34

Owen ridículo, falso, o pior personagem que essa série já recebeu em diversos aspectos. Tiraram o George e a Izzie e deixaram essa praga dos infernos. Cristina consegue algo bem melhor, por favor.

Episodio 6x20 - Nota 9 2013-11-13 13:39:25

Essa temporada é a pior do Owen e esses últimos episódios foram os principais responsáveis pra eu desejar a morte lenta dele por muito tempo. E mais uma vez são responsáveis pra colocar à tona o ódio que eu senti por ele durante 4 anos da série.
A atitude dele indo incentivar o Derek, indiretamente, a contratar outra pessoa pra vaga da Teddy foi ridícula, falsa, e o mais sem caráter possível. Owen é muito pobre de espírito e é MUITO egoísta. É até irônico dizer isso de uma pessoa que aparentemente preza tanto a vida e amizades, e vai e apunhala a melhor amiga desde sempre pelas costas dessa forma. E PIOR: Apunhala a Cristina indo fazer exatamente o contrário do que ela deseja.
Lá na 9ª e 10ª temporada eu comecei a gostar dos dois como um casal, mesmo com os vários problemas que já tiveram e que vão ter. Mas no momento agora, tudo o que eu posso dizer é: Cristina, você consegue um homem melhor.

Falando no Owen e Teddy: Tenho que ressaltar minha raiva pelo Derek. Deus, como pode ele ser TÃO escroto como chefe? Nunca chegará aos pés do Richard, muito ridículo. E muito bem feito pelo Evans recusar o contrato, espero que tenha sido pela incompetência da chefia.

Todo o plot do Mark é emocionante. Fiquei com os olhos cheios de lágrimas quando teve que dar o bebê pros pais adotivos (aliás, fiquei contente por eles também, não estavam conseguindo conter a felicidade!). E é incrível a evolução do Mark durante esses 4 anos que está no Seattle Grace. E nossa gente, eu achei o bebê fofinho.

Também entendo a Arizona, ela já deixou claro o motivo de não querer filhos. E não tá misturando a vida pessoal com profissional. Mas a situação dela não querer e Callie estar chorando por querer é bastante complicada.

Episodio 6x20 - Nota 9 2013-11-13 13:40:30

We're doctors - we're trained to care for human beings and we're pretty sure we know what to look for.

As doctors we have an arsenal of weapons after any. Antibiotics to kill infections. Narcotics to fight pain. Scalpels and retractors to remove tumors and cancers - to eradicate the threat. But just the physical threat, for every other threat - you are on your own.

Episodio 6x21 - Nota 9 2012-09-19 10:15:55

Callie e Arizona, por quê?!?!?! D: Continuo sempre a me impressionar com a incrível atuação da Sandra, pqp! Como pode ser TÃO talentosa? Owen falsoooo! Meredith devia ter contado. Derek deu um ultimato à ela pra contar sobre o Richard, e primeiramente ele apenas estava preocupado com o cargo, e não com a saúde do amigo. Já Meredith e Cristina são praticamente irmãs. Eu contaria.

Episodio 6x21 - Nota 9 2013-11-14 12:32:47

Achei hilária a capacidade do Derek de exigir que Meredith não contasse a Cristina que seu grande amor é um falso mau caráter e que apunhalou não só a ela, mas também a amiga de longa data pelas costas.
Ainda no início dessa temporada, Meredith confidenciou ao marido os problemas do Richard e ele a manipulou o suficiente (inclusive oferecendo emprego pra Izzie) pra ela deixá-lo contar pro comitê e assim assumir o cargo. Por favor, quem é ele pra falar de valores, quem é ele pra dizer que aparentemente não pode confiar em ninguém e quem é ele pra pedir segredo de uma coisa tão séria?
Meredith devia ter contado sim. Cristina tem que saber o tipo de homem que está do lado dela. Eu não pensaria duas vezes em contar e se a situação fosse inversa, gostaria de saber. Desejo tudo de ruim pro Owen nessa temporada, tudo.

Quanto ao caso principal, acho um dos melhores da série esse cara com 678 kilos.
Adorei muito a rigidez da Bailey com os médicos, não poupando ninguém das piadinhas de mau gosto. No momento não me recordo o nome da matéria, mas sei que existe algo que eles estudam na faculdade de medicina que diz respeito ao psicológico do paciente, algo assim. E a maioria desses médicos deve ter faltado nessa aula. Aliás, fiquei decepcionado com a Bailey no fim ter participado das apostas, porque foi de uma hipocrisia sem tamanho. A diferença é que ela não fez piadas perto ou olhando pro paciente, mas foi tão tosca quanto.

Adorei muito o Alex nesse episódio também. Primeiro com o paciente, dizendo pra parar de fazer piadas com si próprio e jogando a real. E depois com a Lexie. Acho que eu não tinha gostado tanto de ver esses dois juntos na primeira vez que assisti. Obviamente ainda sou Slexie até o fim, mas eles são tão fofinhos juntos que dá pra perdoar.

Também gostei demais da Cristina com aquela menina, preparando-a para o pior e se preocupando. E ela chorando? Não que o Owen seja a melhor pessoa pra dar o ombro pra ela, diga-se de passagem. Mas Cristina chorando é simplesmente destruidor. Não tem como não se sentir quebrado junto com ela.

Voltando no Derek, tenso demais todo o plot com o Sr. Clarke. E o pior é que a defesa dele durante aquela reunião dá a entender que sua atitude foi mesmo precipitada, mesmo a mulher estando com o mínimo de atividade cerebral possível. Caramba... :/

E por fim temos Arizona e Callie terminando: I CAN’T. I JUST CAN’T. Elas formam um dos melhores casais da série, já as quero de volta. LOGO.

Episodio 6x21 - Nota 9 2013-11-14 12:33:36

The skin is the largest organ in the body. It protects us. Holds us together. Literally lets us know how we’re feeling. The skin can be soft and vulnerable. Highly sensitive. Easy to break. Skin doesn’t matter to a surgeon, we’ll cut right through it, go inside, find out the secrets underneath. It takes delicacy and sensitivity.

No matter how thick-skinned we try to be, there’s millions of electrifying nerve endings in there. Open and exposed and feeling way too much. Try as we might from feeling pain. Sometimes it’s just unavoidable. Sometimes, that’s the only thing left: just feeling.

Episodio 6x22 - Nota 9 2012-09-19 18:39:23

DEMIIIIIIIII ♥ Fiquei com raiva do Ben no início mas foi um fofo no final. Acho que ele gosta mesmo da Miranda! ATÉ QUE ENFIM, Cristina! Deixa esse chato do Owen pra lá!

Episodio 6x22 - Nota 9 2013-11-15 11:09:19

Adoro a participação da Demi e essa personagem. Gostei muito que deram esse caso pro Alex e que ele se empenhou ao máximo pra chegar ao diagnóstico certo, que lindo. Aliás, o exame que ele fez, com os olhos dela virando daquela forma me deixaram com MUITA agonia.

O caso dos velhinhos foi muito amor. A Betty aceitando morar com ele (esqueci o nome! Haha) após quase perdê-lo uma segunda vez, que lindeza.

Slexie tá próximo de voltar, finalmente. Porém ao mesmo tempo que fico feliz, fico com o coração na mão pelo Alex porque ele finalmente tá se importando de verdade com alguém depois da Izzie. E não tinha gostado tanto de Alexie na primeira vez que assisti como agora.

Não sei nem o que dizer sobre a Arizona e Callie, porque não tem como uma pessoa de fora argumentar nessa situação. Uma quer, outra não, ponto. Mas é muito triste ver a Callie assim, quero as duas juntas de novo, por favor.

Cristina fez uma sábia escolha não aceitando morar com Owen Hunt. “Não tenho que me explicar pra você nem pra Meredith Grey”, ah vai pro inferno, nojento. Meredith falou por mim quando disse que estava com vontade de dar um soco na cara dele.

Episodio 6x22 - Nota 9 2013-11-15 11:09:54

It's a common belief that positive thinking leads to a happier healthier life. As children we are told to smile, be cheerful, and put on a happy face. As adults we are told to look on the bright side, to make lemonade, and see glasses as half full. Sometimes reality can get in the way of our ability to act the happy part though. You’re hope can fail, boyfriends can cheat, friends can disappoint. It's in these moments, when you just want to get real, drop the act, and be your true scared unhappy self.

Ask most people what they want out of life and the answer is simple - to be happy. Maybe it's this expectation though of wanting to be happy that just keeps us from ever getting there. Maybe the more we try to will ourselves to state's of bliss, the more confused we get - to the point where we don't recognize ourselves. Instead we just keep smiling - trying to be the happy people we wish we were. Until it eventually hits us, it's been there all along. Not in our dreams or our hopes but in the known, the comfortable, the familiar.

Episodio 6x22 - Nota 9 2013-11-15 11:10:29

Agora é me preparar psicologicamente pra uma das melhores season finale que o mundo das séries já viu.

Episodio 6x22 - Nota 9 2016-07-24 10:15:46

HAHAHAHAHAHA nossa, foi um ódio muito maior que eu nessa época!

Episodio 6x23 - Nota 10 2012-09-19 18:39:42

Já vi inúmeros episódios, muitas séries dramáticas com episódios tensos, mas nenhum nunca chegou aos pés desses dois últimos. Nunca vi um um episódio tão chocante. Nunca prendi tanto minha respiração, e fiquei tão apreensivo. Simplesmente perfeito e sensacional. Como pode essa série ser TÃO perfeita? Não me conformo. Fiquei chocado quando aquele desgraçado atirou na Reed, e com aflição demais do Alex no elevador e ninguém encontrando ele. Ainda bem que apareceram Lexie e Mark, lindos. E o Charles... Eu tinha ficado com raiva dele no começo por causar a demissão da Izzie mas foi só isso. Meu, que pesadelo! Que episódio aterrorizante. Absolutamente sem palavras. Derek! :(

Episodio 6x23 - Nota 10 2013-11-17 12:22:10

Essa de longe é a season finale mais memorável da minha vida e considero, de longe, a melhor e mais torturante de Grey’s. Terror puro, desesperador, chocante. De um terror psicológico inimaginável e que eu NUNCA tinha sentido antes.
É por isso que digo que Grey’s Anatomy vai ALÉM de um drama médico. É uma série real, só que de ficção. Esse roteiro incrível, com essa direção impecável a interpretação simplesmente brilhante de todos os atores. Simplesmente fico sem palavras.

Juro pra vocês que a Reed não me importava em basicamente nada. Não gostava dela desde o primeiro dia, quando já arrumou briga por causa do armário do George. Menos ainda quando mandou a Meredith calar a boca e prestar atenção na cirurgia que a Cristina estava “destruindo”, por assim dizer. Mas não preciso dizer o quanto fiquei boquiaberto e chocado quando o desgraçado do Sr. Clarke deu aquele tiro na testa dela. Que coisa mais horrível. Não me conformo com uma coisa dessas, com essa atitude.
Em seguida, o filho da puta vai e acerta aquele outro tiro no Alex. PRONTO, agonia formada pra sempre. A cena dele se arrastando pro elevador, e todo aquele sangue. Tudo é tão tenso e inimaginável. Fiquei tão apreensivo, tão chocado e desesperado que ficar repetindo isso nem vai conseguir demonstrar o quanto eu realmente fiquei dessa forma durante a execução do ep.

Depois o desgraçado vai e atira um monte de vezes naquela enfermeira e “anuncia” o pânico no hospital. Lexie e Mark encontrando o Alex...

Cristina e Meredith discutindo a gravidez, passeando tranquilamente no hospital... Meu, que agonia.

E a cena da Bailey com o Charles “Almofadinha”? Tensa demais ele levando aquele tiro. Eu não era fã do personagem assim como não era da Reed, mas sério, não tem como não se sentir penalizado com uma situação dessas. Esse Clarke infeliz entrando no hospital decidindo acabar com a vida de todos os cirurgiões. Tanto falou do Derek, alegando que ele queria ser Deus e que não tinha o direito de decidir quem vive e quem morre, mas ele vai e toma essa decisão.

Aí veio a cena final com o Derek. Gritei silenciosamente com a Meredith naquele disparo. QUE ÓDIO. Agora vou correndo pro próximo episódio sofrer um pouco mais com esse terror psicológico pela segunda vez.

Episodio 6x23 - Nota 10 2013-11-17 12:24:13

For most people, the hospital is a scary place. A hostile place. A place where bad things happen. Most people would prefer church, or school, or home, but I grew up here. While my mom was on rounds, I learned to read in the OR gallery, I played in the morgue, I coloured with crayons on old ER charts. Hospital was my church, my school, my home; hospital was my safe place, my sanctuary. I love it here. Correction: loved it here.

:((((

Episodio 6x23 - Nota 10 2016-07-24 10:17:55

Nossa, não creio!!! Isso aconteceu comigo uma vez, mas foi com outra maratona que estava fazendo. Pulei um episódio, fiquei sem entender algumas coisas do que eu tava vendo e só depois que acabei o ep completo, é que fui ver o que tinha pulado... HAHA

Mas nada se compara a você começando essa SF pela parte 2!

Episodio 6x24 - Nota 10 2012-09-19 18:39:58

Esses dois últimos episódios de Grey's foram definitivamente os melhores da série, e acredito que os melhores que já vi na minha vida. Os mais tensos, mais apreensivos, e mais chocantes! Grey's já tinha apresentado Season Finales de deixar a gente com a boca no chão, mas nada comparado a isso. Que choque quando o Owen entra na SO e o Clark está apontando a arma pra Cristina, e que coragem! Ela se recusa a deixar o Derek simplesmente morrer. Maravilhosa. Eu já gostava muito do Avery, mas isso aumentou ainda mais com a inteligência dele. Chorei oceanos com a Miranda desesperada, e com a morte do Charles... Tadinho, não merecia isso. Não queria que Clark morresse. Queria que ele fosse preso! Ele assassinou VÁRIAS pessoas. Acabou com vidas de méditos, e de várias famílias. Richard, muito corajoso e um dos grandes destaques do episódio, apenas com a cena final. E a Meredith em desespero quando o Derek "aparentemente" morre? E ela perdendo o bebê? Aaaai. Eu poderia falar MUITO sobre essa Season Finale. Não há palavras que descrevam.

Episodio 6x24 - Nota 10 2013-11-19 13:06:22

É mesmo muito difícil conseguir escrever um comentário após uma season finale tão incrível, tensa, aterrorizante como essa. Shondanás conseguiu reunir tudo em um episódio só, fazendo o público sentir um milhão de coisas num único segundo, por cada um dos personagens que esteve dentro do hospital durante todo aquele momento de terror.
Repetindo aquele meu primeiro comentário, óbvio que Grey’s já tinha apresentado finales incríveis, como o da 5ª e sabemos a capacidade desses roteiristas (vulgo episódio da bomba no hospital, do acidente da barca, do acidente de ambulância...), mas nunca se comparou a isso e nunca em outra série senti tanta coisa assim. É por isso que classifico esses dois episódios os melhores da série e definitivamente os melhores que já vi até hoje, nenhuma outra finale de nenhuma outra série chegou até os pés dessa aqui.

Aquela cena da Cristina com a arma na cabeça, chorando desesperada e simplesmente se recusando a permitir que Derek morra é de arrepiar porque reúne UM TURBILHÃO DE SENTIMENTOS. Inteligente da parte do Jackson desligar os fios e fazer aquele desgraçado do Gary Clark recuar (depois de atirar no Owen, ainda!).

Aquela morte do Charles foi uma das coisas mais tristes ever. É aquela... Eu não gostava dele desde o episódio que chamou a Izzie de vadia e CAUSOU SIM a demissão dela, mas não tem como não ficar penalizado. É muito triste ele no colo da Miranda e a trilha sonora simplesmente impecável e condizente com a cena de fundo. Como não chorar? Desabei.

Também entrei em desespero quando o Mark disse que já não podia mais fazer nada pelo Alex e que ele iria morrer. MEU. DEUS. Já pensou? Ainda bem que a SWAT conseguiu tirá-los a tempo. Fiquei com tanta pena deles, da Lexie sendo deixada na rua... Do Mark também saindo, dizendo que “o Alex estava estável, a Lexie não”. Que lindo. ♥

Meredith sofrendo aborto espontâneo foi a coisa mais triste ever. E pensar que no início do episódio passado ela descobriu essa gravidez e estava toda contente por ir contar pro Derek. Menos de 12 horas depois acontecer isso... :/

Eu só não gostei muito do final do Gary Clark. Covarde, deu um tiro naquele cara no meio do trânsito por nada. Assassinou vários médicos a sangue frio, destruindo várias famílias. Ele merecia ser preso e passar o resto da vida preso, não merecia uma escapatória rápida como a morte. Tinha que sofrer muito, a consciência tinha que arder. Tinha que ser enfrentado pelas esposas, maridos, filhos, pais, parentes de todos aqueles que ele simplesmente decidiu matar.

Assistindo pelo DVD, vi o episódio ampliado e reparei na cena da Bailey encontrando o corpo da Reed e dizendo as últimas palavras do Charles pra ela. Que triste. A tremedeira, reação dela é de te deixar no chão. :(

Enfim, simplesmente incrível e angustiante.

Episodio 6x24 - Nota 10 2013-11-19 13:07:18

Yes or no. In or out. Up or down. Live or die. Hero or coward. Fight or give in. I'll say it again to make sure you hear me. The human life is made up of choices. Live or die. That's the important choice. And it's not always in our hands.

Episodio 7x1 - Nota 10 2012-09-20 10:02:17

PQP! Reforço minha opinião sobre o Alex: ELE É BIPOLAR! Eu sinceramente amo todos os personagens e com o Alex não é diferente. Quase morro de aflição pensando que algo sério aconteceria com ele no Season Finale, mas nossa... Ele é muito idiota! KKKKKKK E eu adorei esse episódio. Eles mostraram como cada um dos personagens lidou com aquele terrível evento do massacre. Amo a amizade da Cristina e Meredith, lindas demais. E PQP CRISTINA, CASAR COM O OWEN? Ai não é possível. Eu torcendo pra ele ir embora da série e ela vai e CASA com ele.

Episodio 7x1 - Nota 10 2013-11-19 13:22:47

Eu amo o Alex gente, muito. Mas esse momento dele eu não gosto. Entendo que essa foi a forma de tentar superar o trauma e os momentos de terror que viveu no hospital durante aqueles momentos (fico com agonia só de ver no flashback a cena dele se arrastando pro elevador e aquela poça de sangue ao seu redor). E eu não lembrava mais que era dessa forma que o relacionamento dele com a Lexie terminava.
Lexie esteve ao lado dele em todos os momentos, segurando a mão dele... Se arriscou pra conseguir o necessário pro Mark realizar procedimentos cruciais e quase foi morta pelo Gary Clark... Ela não merecia de forma alguma esse tratamento. Não que por conta disso o Alex deveria ficar pra sempre com ela, claro... Mas ele dar às costas e ficar se achando um deus por causa do tipo foi muito tosco mesmo.

De modo geral eu amei a premiere, acho que foi bastante condizente com tudo o que aconteceu na finale... Mostrando os personagens lidando com o trauma, trazendo flashbacks de pouco tempo após o massacre. Estranho mesmo seria se eles tivessem operando e dando risadas à toa como se nada tivesse acontecido e não tivessem sofrido grandes perdas... Por isso nem entendo quem dá notas baixas.

Na época eu não gostava do Owen então fiquei chocado com essa coisa do casamento da Cristina, porque É precipitado. Agora que tô assistindo pela segunda vez, já tive uma reação um tanto diferente. O Owen foi um saco na temporada passada então aquele ódio que eu sentia por ele voltou moderadamente, mas fico contente pela Cristina, porque ela gosta mesmo dele e acho que ela merece ser feliz na vida amorosa, já que teve fortes desilusões com o lixo do Preston Burke.
E Cristina estava linda. Meredith estava divina. E a amizade das duas é simplesmente espetacular, amo. ♥

Adoro Richard de volta, principalmente aquela dancinha no escritório! Hahahahah muito engraçado a cara dele quando vê a Mer parada na porta. Simplesmente hilário.

O Derek sendo preso e acelerando o carro ao máximo também foi bom (se bem que acho que foi uma homenagem ao “amor maior” do próprio Patrick Dempsey essa forma do Derek lidar com o trauma, em relação ao carro).

E a Bailey? :(

Episodio 7x1 - Nota 10 2013-11-19 13:23:37

Every cell in the human body regenerates on average every seven years. Like snakes, in our own way we shed our skin. Biologically we are brand new people. We may look the same, we probably do, the change isn't visible at least in most of us, but we are all changed completely forever.

When we say things like "people don't change" it drives scientist crazy because change is literally the only constant in all of science. Energy. Matter. It's always changing, morphing, merging, growing, dying. It's the way people try not to change that's unnatural. The way we cling to what things were instead of letting things be what they are. The way we cling to old memories instead of forming new ones. The way we insist on believing despite every scientific indication that anything in this lifetime is permanent. Change is constant. How we experience change that's up to us. It can feel like death or it can feel like a second chance at life. If we open our fingers, loosen our grips, go with it, it can feel like pure adrenaline. Like at any moment we can have another chance at life. Like at any moment, we can be born all over again.

Episodio 7x2 - Nota 9 2012-09-20 10:02:40

Cristina é a mais afetada pelo trauma... Tô adorando o modo como estão explorando esses medos e receios... Muita pena dela. Quase chorei naquela cena dela caída na cirurgia. Ainda odeio o Owen, mas me surpreendi quando ele foi falar com ela naquela sala. Pensei que ele ia gritar porque ela podia ter colocado a vida do paciente em risco, porque isso é bem típico dele, digamos. E Mark, tão lindo fisica e interiormente. Quero ele e Lexie juntos pra ontem!

Episodio 7x2 - Nota 9 2013-11-20 12:47:34

Sandra Oh, sua linda. Todas as palmas e elogios do mundo pra você e sua brilhante atuação. A cena da Cristina caída é uma das melhores da série, a meu ver. E um dos momentos mais memoráveis da personagem, mesmo nessas circunstâncias...
Eu não curto muito a relação dela com o Owen até a 9ª temporada, mas gosto desse momento que ele oferece ajuda e estende a mão pra ela. Porque como falei anteriormente, é típico dele dizer primeiramente que ela colocou a vida do paciente em risco e blá blá blá. Então legal da parte dele. E a Meredith linda também, elogiando.

Aliás, adoro a Mer nesse episódio. Comentando o quanto teme receber uma ligação informando a morte do Derek... Acho forte a cena que ela revela da gravidez, e depois vai e conta pro terapeuta... Aw :(

Também adoro Bailey colocando juízo na cabeça do Alex, quem já se viu ficar carregando uma bala por orgulho. Adorei a cena que ela diz que ele é o paciente e que é pra ir se deitar o quanto antes, hahaha.

Mark é muito lindo, gente. Esse dilema sobre pedir ou não a Lexie em casamento por não achar que ela está apta, depois optando ao perceber como é a vida, aw.
Uma pena ela ter sido tão tosca com ele no final. Podia ter deixado ele falar. E eu honestamente não agüento eles separados. São feitos um pro outro, precisam voltar o quanto antes.

Episodio 7x2 - Nota 9 2013-11-20 12:48:17

They say lightning never strikes twice, but that's a myth. It doesn't happen often. Lightning usually gets it right the first time. When you're hit with 30 amps of electricity you feel it. It can make you forget who you are, can burn you, blind you, stop your heart and cause massive internal injuries. It can change your life forever.

Lightning doesn’t often strike twice. It’s a once in a lifetime thing. Even if it feels like the shock is coming over and over again. Eventually the pain will go away, the shock will wear off. And you start to heal yourself. To recover from something you never saw coming. But, sometimes the odds are in your favor. If you’re in just the right place at just the right time you can take a helluva hit. And still have a shot at surviving.

Episodio 7x3 - Nota 8.5 2012-09-20 10:02:51

Nossa... Não sei como a Lexie conseguiu lidar com aquele homem. E quando sai uma aranha de dentro da "pele" dele? Aai.... Ri muito da Miranda! E passei a gostar da April também. Adorei o que ela disse sobre cada um deles no final. Excelente episódio! Tudo sendo conduzido e apresentado de forma satisfatória!

Episodio 7x3 - Nota 8.5 2013-11-21 12:41:48

Most surgeons grew up as freaks. While other kids played outside, we hold up in our rooms memorizing our periodic table, hovering for hours over our junior microscopes, dissecting our first frogs.

Nobody chooses to be a freak. Most people don't realize they're a freak until it's way to late to change it. No matter how much of a freak you end up being, chances are there's still someone out there for you. Unless of course, they've already moved on. Because when it comes to love, even freaks can't wait forever.

Episodio 7x3 - Nota 8.5 2013-11-21 12:42:55

As más línguas odeiam essa temporada de Grey’s e reclamam porque tá tudo “muito simples” se comparado a season finale. E é isso o que eu mais acho engraçado. Os roteiristas de Grey’s são incríveis e estão conduzindo tudo de forma satisfatória e esplêndida comparada ao final da temporada anterior. Seria um erro não explorar os traumas dos personagens, ou se apenas apresentassem e acabasse por aí.
Alô gente. Esses médicos levaram tiros. Sofreram o maior terror psicológico ever. Viram membros de sua equipe, pessoas inocentes, morrendo por nada. Sem nem saber o motivo. É ÓBVIO que eles vão estar traumatizados e é óbvio que isso deve ser tratado. Particularmente não entendo o que uma pessoa faz na 7ª temporada dessa série se ainda não conseguiu compreender que Grey’s Anatomy vai além da medicina.

Começando pelo trauma da Cristina que é o que mais chama atenção. Interessante e muito triste vê-la se afastando dessa forma do lugar que sempre chamou de “lar”. Apenas torço pra recuperação o quanto antes, já que ela tem excelentes pessoas ao seu lado pra reconfortá-la.

Achei tosco a Arizona e Callie... E não entendi porque elas devem ficar com aquele apartamento se Cristina e Callie alugaram juntas. Mas whatever.
Muito bom Meredith dando aquela bronca na Callie e fazendo-a cair na real. No começo do episódio tava votando contra o retorno da Cristina às salas de cirurgia por conta do trauma, mas não estava medindo esforços pra tirá-la do apartamento. Engraçado.

À primeira vista você pensa que o Derek é mesmo muito insensível com família. Achei exagerado como ele tratou a irmã no primeiro encontro. Mas odiei ela chamando a Cristina de “bobona”. Claro, você não ficou sob a mira de uma arma enquanto tentava salvar a vida de alguém. E achei tocante a conversa deles no final.

Episodio 7x3 - Nota 8.5 2013-11-21 12:43:18

Eu não conhecia essa doença do “homem-árvore”. Achei interessante apresentá-la em Grey’s. Mas gente, de verdade... Eu acho que não teria estômago pra fazer o que a Lexie fez e é MUITO triste dizer isso de uma pessoa.
Achei engraçado a Bailey dando sermão, dizendo que precisamos aceitar o que vem do corpo humano, mas surtando e mandando matar aquela aranha. Triste ver que tinha uma aranha dentro dele, e surpreendente ao mesmo tempo. Olha o tamanho daquilo! Que horror.

Tadinha da April. Ficou toda sem graça quando o povo comentou sobre a primeira vez (fiquei surpreso com a Cristina perdendo aos 19! Haha) e depois assumindo que era mesmo virgem. Aliás, mesmo achando-a muito irritante nesse início, eu adoro o sermão que ela dá em cada um deles. É chato mesmo ficarem usando a virgindade dela em contextos de conversas que nada tem a ver... Arrasou, apenas.

Alex com medo dos elevadores :(
E muito bom o Richard se comovendo e ajudando-o. Que amor. <3

E por fim aquela cena destruidora do final... Quando é a Lexie que decide ir atrás do Mark, se depara com aquela cena. WHY, WRITERS? WHY, SHONDANÁS? WHYY???

Episodio 7x4 - Nota 8.5 2012-09-20 19:15:20

Lexie e Meredith, muito amorrr ♥

Episodio 7x4 - Nota 8.5 2013-11-22 12:47:04

Eu não consegui entender a mulher dizendo “você tem uma camisinha” em português... Se ela não explica pra Meredith o que tinha perguntado, eu ia ficar boiando hahahaha mas eu adoro essas menções que fazem ao Brasil. Que amor <3

Acho engraçado esse tanto de gente morando na casa da Meredith. Pode ser muito sufocante porque a casa não é realmente uma mansão, mas ao mesmo tempo deve ser legal conviver não só profissionalmente, mas pessoalmente com essas pessoas. Eu adoro isso. <3

Adorei Lexie com ciúmes, porque tava mesmo dando a entender que Meredith estava preferindo April a ela. E eu estava começando a me irritar. Mesmo com aquele discurso fofíssimo da Mer no final, com direito a “You’re not crazy, Lexie. You’re a Grey”, eu sinto muita falta de ver essas duas agindo como irmãs mesmo. Não existe muita interação na tela, aquela coisa que devia ter entre elas. Exploram melhor a amizade do Mark com Derek do que as duas, por exemplo. Mas tudo bem.

Eu gosto da Arizona, mas acho tosco essa raiva que ela tem do Mark. Ele é tão legal, não vejo como uma pessoa consegue ficar com raiva dele, ou simplesmente odiá-lo.
Gostei de ver o Alex defendendo e dizendo que ela tem peitos legais e que ele também olha. E felizmente Arizona deixou esse orgulho de lado. ♥

Cristina aos poucos se recuperando. O caso do homem com aqueles vermes caiu como uma luva pra ela. Cristina Yang fora da cirurgia não é Cristina Yang, mas continuo achando mais do que compreensível e satisfatório esse plot.
Aliás, a casa dos bombeiros que eles compram <33 hahaha

E por fim, Frances Conroy! ♥♥♥
Eu amo demais essa atriz. A participação dela foi mesmo rápida, mas roubou a cena de muitos atores somente naquele momento que assumiu que tentou matar o ex-marido por ciúme. Que atriz!

Episodio 7x4 - Nota 8.5 2013-11-22 12:48:02

Biology determines much of the way we live. From the moment we're born we know how to breathe and eat. As we grow older new instincts kick in. We become territorial. We learn to compete. We seek shelter. Most important of all, we reproduce. Sometimes biology can turn on us though. Yeah, biology sucks sometimes.

Biology says that we are who we are from birth. That are DNA is set in stone. Unchangeable. Our DNA doesn't account for all of us though, we're human. Life changes us. We develop new traits. Become less territorial. We start competing. We learn from our mistakes. We face our greatest fears. For better or worse, we find ways to become more than our biology. The risk of course is that we can change too much to the point where we don't recognize ourselves. Finding our way back can be difficult. There's no compass, no map. We just have to close our eyes, take a step, and hope to God we get there.

Episodio 7x5 - Nota 9 2012-09-20 19:15:33

Tô com muita pena da Cristina... Quero que ela volte ao normal. E tadinho do Derek. :(

Episodio 7x5 - Nota 9 2013-11-23 12:48:36

Ai gente, que coisa esse negócio de dizer que esse plot da Cristina “já deu”. Claro que todos nós queremos ela competitiva, focada na profissão como era antes... Grey’s Anatomy pode ser ficção, mas ao mesmo tempo é uma série real. Cristina pode aparentar ser um robô às vezes, mas não é. E isso que é o mais interessante em todo esse trauma dele. Não me conformo com esse povo dizendo isso depois do que ela passou naquela OR. Deixem os roteiristas explorarem e fazerem a personagem se recuperar de forma adequada, e não simplesmente colocando um sorriso no rosto dela e já decidindo que quer voltar pra cirurgia a qualquer custo.

De todas as propostas, a do Owen realmente era a melhor e achei que foi merecido ele ganhar o dinheiro. Mas eu também gostei da proposta do Derek, aliás, estremeço só de cogitar esse negócio da Meredith vir a ter Alzheimer. Why Shondanás, why?
A proposta da Bailey também foi ótima.

Agora o momento do episódio vai pro Alex e Meredith. Aw gente, que amor. Que orgulho desses dois, e da Cristina também. Lindo vê-los conduzindo uma cirurgia sem enfrentar problemas, seguros de si mesmos. ♥

E até fiquei com pena do Jackson, eu gosto dele. Foi engraçado ele trollando a Meredith, até eu pensei que ele estivesse mesmo com dificuldades. A Mer escreve “MG” e ele vai e escreve “Avery” com uma caligrafia invejável até, levando em conta a forma como ele escreveu.
E gostei muito do Derek no final. “Eu gritei com você porque esse é meu trabalho, mas erros acontecem. Agora vamos entrar lá sorrindo e dizer que a cirurgia foi um sucesso, porque foi.” Aw.

Excelente episódio.

Episodio 7x5 - Nota 9 2013-11-23 12:49:26

They train doctors slowly. They watch us practice on frogs and pigs and dead people and then live people. They drill us relentlessly, they raise us like children and eventually they take a cold, hard boot and they kick us out of the nest.

We all want to grow up. We’re desperate to get there. Grab all the opportunities we can to live. We're so busy trying to get out of that nest that we don't think about the fact that it's going to be cold out there...really freaking cold. Because growing up sometimes means leaving people behind. And by the time we stand on our own two feet, we are standing there alone.

Episodio 7x6 - Nota 8.5 2012-09-20 19:16:06

Muito bom o episódio, e devo ressaltar: Eu já amava o Alex, apesar de estabelecer uma relação de amor e ÓDIO muito forte, porém meu amor aumentou com ele cantando "Wouldn't change a thing" hahaha muito lindo! E o Avery no começo, sem graça diante da câmera?! KKKKKKKKKKK Adorei!

Aliás, esse episódio é de Karev. Ninguém toma. [2]

Episodio 7x6 - Nota 8.5 2013-11-24 20:59:20

Esse episódio é muito memorável pela temática até então inédita pra mim. Adorei esse negócio do documentário e não achei muito tarde, veio no momento certo. A intenção não era mostrar o trauma dos médicos e o funcionamento do hospital uma semana depois do massacre, e sim como os médicos estavam lidando com isso após esse determinado tempo, e como o hospital de modo geral estava fazendo o mesmo.

Mais uma vez é necessário ressaltar que o episódio é do Alex e ninguém tira dele mesmo. Achei engraçado ele dizendo pra menina abaixar a música da “bieber fever”, o engraçado é que ela nem estava ouvindo o Bieber! Haha
E achei fofíssimo demais ele cantando “Wouldn’t Change a Thing” pra menina ficar calma ao realizar o exame. E a cara daquele enfermeiro olhando pra ele? HAHAHAHA muito bom.

Lexie também protagonizou um dos melhores momentos do episódio com a barragem na entrada. “Eu só mudei a cor do cabelo! Chefe, venha aqui e diga que sou eu!” hahahahha
Mas achei essa segurança um tanto tosca. Primeiro porque a Lexie é uma residente do hospital, e se o cartão estava dando problemas, tinham que trocá-lo imediatamente. E já que esses médicos vivem naquele hospital, eles deviam saber quem ela é e já saber desse probleminha aí. Daí ela correu e o alarme disparou e aparentemente aquele paciente do Avery faleceu. Olha só...

E falando no Avery, achei engraçado ele ficando com vergonha por causa da câmera no início, hahaha.

Juro pra vocês que não lembrava que isso acontecia com a Mary. Quando mostraram ela respirando pelos aparelhos, e a Bailey contando que estava em coma e que não ia sair dessa, eu fiquei chocado. Foi como se estivesse vendo pela primeira vez, de novo! Tadinha. “Sobreviveu a um massacre, mas se foi em uma cirurgia simples”, que coisa. :/

Calzona na África: WHAT!!!

Episodio 7x6 - Nota 8.5 2013-11-24 21:00:58

Seattle Grace Mercy West Hospital, home to some of the finest, most influential doctors in the country. Several months ago a gunman roamed these halls, leaving eleven people dead and even more injured. Today we visit the survivors, their patients, their triumphs, and their disappointments. This is Seattle Grace Mercy West, road to recovery.

Episodio 7x7 - Nota 8.5 2012-09-21 11:21:41

Meu Deus, que CHOQUE a Cristina se demitindo. Mas é verdade, muito em breve ela vai perceber que não pode ficar longe das cirurgias...

Episodio 7x7 - Nota 8.5 2013-11-27 12:47:18

Acho que todos os episódios em que Cristina estiver traumatizada, eu vou me irritar com os comentários aqui. O ponto não é ela ser fantástica, ter potencial, ser melhor cirurgiã que os outros, e etc. Gente, isso não tem nada a ver. Quando vocês vão colocar na cabeça que, durante uma cirurgia complicada dentro da área dela, ela ficou com uma arma apontada pra cabeça? Ela que viu o Derek ser baleado à sangue frio e viu tantas outras pessoas mortas pelo hospital? O que eu acho errado nesse plot foi ela colocar a culpa em cima da Meredith e fico rindo da cara de quem concorda. Mas acho o cúmulo o povo dizer que ela tá com frescura e o plot já deu. O TRAUMA da Cristina não é simplesmente “um plot”, estão dando o destaque que esse tipo de situação merece. Não acho que uma pessoa se recupere com essa facilidade, ainda mais ela.
E claro que a demissão é uma surpresa, mas não vai durar muito tempo. Ela logo logo vai começar a se recuperar do TRAUMA. :)

Mas enfim... A April me irrita muito nessas primeiras temporadas dela, mas esse episódio é dela. Muito engraçado entrando na ambulância e levando os bonecos pro hospital, muito bom. Hahaha
Mas sei lá, entendo a intenção do Owen com aquele treinamento, mas achei muito abusivo. Ainda mais forçando o Jackson no final... Não curti muito essa atitude.

Devastado com o término de Calzona, mas de verdade? Eu fiquei do lado da Arizona nessa. Tudo bem que a Callie estava se esforçando ao máximo, mas gente... Ficar mentindo dizendo que estava super feliz saindo do país quando sente exatamente o contrário ia acabar com a animação do companheiro mesmo. Sei lá, complicadinho esse plot.

Episodio 7x7 - Nota 8.5 2013-11-27 12:48:29

Question: When was the last time a complete stranger took offer clothes in front of you, pointed to a big purple splotch on her back, and asked, "What the hell is this thing?" If you're a normal person, the answer is, hopefully never. If you're a doctor, the answer is, probably, about 5 minutes ago. People expect doctors to have all of the answers. The truth is, we love to think that we have all of the answers. Basically, doctors are know-it-alls until, something comes along to remind us that we're not.

We're all looking for answers...in medicine...in life...in everything. Sometimes the answers we're looking for are hiding just below the surface. Other times we find answers when we didn't even realize we were asking a question. Sometimes the answers can catch us completely by surprise. And sometimes, even when we find the answer we've been looking for, we're still left with a whole hell of a lot of questions.

Episodio 7x7 - Nota 8.5 2014-03-02 10:58:21

Exatamente: Todos reagem de uma certa forma a um trauma.

Cristina não fica traumatizada "pra sempre", como você comentou. E não, não é forçado. Um dos pontos mais positivos de Grey's Anatomy é que ela aprofunda o psicológico de todos os esses personagens, e eles nada são além de HUMANOS.

Ora, não é porque outros personagens conseguiram lidar com o que aconteceu com mais facilidade que ela também tenha. Ela teve uma arma apontada pra cabeça sob constante ameaça, sem falar que viu o Derek levar o tiro, viu o Owen tomar o tiro, viu a Meredith se oferecendo pra morrer no lugar do Derek...

Cristina apenas tem o emocional frágil demais, talvez seja até por isso que ela construiu essa barreira fria que tanto conhecemos. O hospital, que era seu refúgio desde sempre, simplesmente não é mais aquele lugar seguro, aquele "paraíso". Com a demissão, ela tá simplesmente buscando maneiras de conseguir passar por cima desse peso.

Acho que "forçado" seria se no primeiro ou segundo episódio dessa temporada, todos os personagens e ela estivessem rindo à toa, como se pessoas não tivessem morrido e como se eles não tivessem vivido o maior terror de suas vidas até aqui.

Mas isso é só a minha opinião... Respeito o que você pensa.

Episodio 7x7 - Nota 8.5 2016-10-08 10:05:58

Sim!!!!

Episodio 7x8 - Nota 8.5 2012-09-21 11:22:02

Relação de amor e ódio com Alex mais forte que nunca. Me senti realizado quando Avery deu aqueles socos nele, mereceu! Deveria ter levado mais. April não merecia ouvir aquelas coisas...

Episodio 7x8 - Nota 8.5 2013-11-27 12:59:12

Na primeira vez que assisti, fiquei com muita raiva do Alex e aplaudi os socos que o Jackson deu nele. Agora pela segunda vez, tudo se inverteu: Fiquei com ódio mortal da April!
Claro que não justifico as palavras do Alex, foram pesadas mesmo, mas ele evoluiu muito da 1ª temporada até aqui. Sem falar que ele foi ao apartamento e ia conversar com a April porque estava arrependido. Depois ainda contou pra Meredith todos aqueles problemas que tem em casa, deu pra entender o lado dele em não querer “mais um problema” em relação à virgindade da April.
BUT, eu simplesmente detesto essas pessoas que usam essa fórmula que a April usou pra se aproximar intimamente de outro alguém, tipo “você fez tudo certo, você arrasou, a idéia era sua, você foi o melhor”. Acho que não precisa disso... Daí quando mostrou a cara de sonsa dela conversando com o Jackson me deu uma raiva... Mas enfim.

O novo pediatra é um babaca. April me deu raiva no final, mas ao menos deu o crédito da idéia pro Alex na frente do Richard.

A cena da Cristina cortando o cabelo da Callie foi muito engraçada, ri demais. A cara que a Callie fez KKKKKKKKKKK E depois elas no shopping, haha.
Eu prefiro o cabelo de antes, mas a Callie ficou linda com o novo corte também, e aquelas mexas azuis...

“mimimi Cristina chata, mimimi não agüento mais, mimimi plot insuportável.”
Nem falo mais nada. Ainda bem que os roteiristas dessa série são incríveis e conduzem tudo em perfeita sintonia com os personagens. Acho que o povo falando mal dela tinha que aprender um pouco mais com o Derek e com todos os outros personagens, que demonstram preocupação e entendem que Cristina está TRAUMATIZADA. Enfim.

Bom episódio! :D

Episodio 7x8 - Nota 8.5 2013-11-27 13:00:17

The human body is a highly pressurized system. The blood pressure measures the force of blood pulsating through the body. It's important to keep this pressure regulated. Low or inadequate pressure an cause weakness or failure. It's when the pressure gets too high that problems really occur. If the pressure continues to increase, a closer examination is called for because it's the best indicator that something is going terribly wrong.

Episodio 7x8 - Nota 8.5 2014-02-03 19:29:41

Hahahaha eu que agradeço :D

Episodio 7x9 - Nota 9 2012-09-21 11:22:24

MORTO com a Cristina, HAHAHA. ODEIO o Stark, ridículo. Porém adorei o Richard sorrindo pro Alex e Mer, haha ♥

Episodio 7x9 - Nota 9 2013-11-27 20:04:07

Nossa, esse episódio foi mesmo uma das maiores ironias da série. De vez em quanto eu me lembro das palavras do Richard no primeiro episódio da série, que muitos iriam desistir, que o hospital seria como uma arena e só os mais fortes iam sobreviver. Todo mundo já sabe que a Sandra vai deixar a série, então é irônico mesmo ver que os dois sobreviventes são Meredith e Alex. E triste ao mesmo tempo.

Agora falando neles dois, mais uma vez orgulho absoluto conduzindo a cirurgia e salvando a vida do menino, aw. O Stark é muito escroto e eu torci muito pro Richard entrar na sala e dar uma bronca nele, já que ignorou todos os chamados. Também me lembro de um episódio que alguém fala que jamais deve ignorar o Pager, em hipótese alguma. Então se o menino morresse, o que felizmente não ocorreu, a culpa seria dele MESMO.

Quanto a Cristina, é aquela: “é só uma fase”. É realmente muito bizarro e decepcionante vê-la chegando nesse ponto, dançando no colo de homens desconhecidos dentro de um bar. Mas não fico com raiva dela, é só uma forma de esquecer por algumas horas tudo o que viveu na sala de cirurgia com Gary Clark.

Os atendentes bêbados foi muito bom. Principalmente a Bailey, muito engraçado toda a conversa dela com a April, hahaha.
E a Callie? Eu gosto dela com o Mark também, gente. Mas prefiro Calzona e Slexie mil vezes.

Avery não está de “mimimi”. Ele também viveu um momento traumático e ainda não conseguiu por pra fora, não desabafa. Uma hora esse acúmulo de sentimentos vai fazê-lo ter um ataque nervoso ou algo assim, e isso começou nesse episódio.

É agora que a April começa a me conquistar. Ela tem uns momentos chatinhos mas é engraçada.

Episodio 7x9 - Nota 9 2013-11-27 20:04:45

We doctors take pride in the fact that we can basically sleep standing up, anytime, anywhere. But it's a false pride because the truth is after about 20 hours without sleep, you might as well come to work drunk, doctor or not. It's no wonder that fatal medical errors increase at night when we doctors are, proudly, sleeping on our feet. Recently, our communal pride has been shatter and our egos have been wounded by new laws that require that we sleep all day before we work all night.We are not happy about it, but as someone who may one day need medical care, you really should be.

Under the cover of darkness, people do things they'd never do under the harsh glare of day. Decisions feel wiser, people feel bolder but when the sun rises, you have to take responsibility for what you did in the dark and face yourself under the cold, harsh, light of day.

Episodio 7x9 - Nota 9 2013-11-27 20:09:37

Não é por nada não, sei que todo mundo tem direito a se expressar da forma que quiser, tem sua opinião e etc. Mas gente, se uma pessoa chega na 7ª temporada de Grey’s Anatomy e continua achando que é apenas uma série médica, tá na hora de abandonar.

Não acho que esses plots dos personagens, principalmente da Cristina, sejam “mimimi, tá de frescura”. Alô: O hospital foi vítima de um massacre. Esses médicos tiveram perdas. Viram a própria vida por um fio. Alguns – Cristina – tiveram uma arma apontada pra cabeça durante uma cirurgia complicada pra salvar o médico da melhor amiga. Todos eles viveram momentos traumáticos, e obviamente afetou grande parte do psicológico. Não é todo mundo que tem capacidade de se ver livre de uma coisa série como essa e sair sorrindo à toa como se nada tivesse acontecido. Queria só ver se tivesse acontecido com um de vocês e o povo dissesse que era tudo “mimimi”.
A série simplesmente tá mostrando como cada um deles lida com o trauma, e de forma satisfatória e coerente.

Então, entendam: Grey’s Anatomy é uma série médica? É. Mas acima de tudo é uma série HUMANA, que explora os comportamentos e sentimentos de todos os personagens. Não é apenas ser fodão nas cirurgias, ser melhor que os outros e etc. Que coisa.

Episodio 7x9 - Nota 9 2014-09-03 22:34:13

Exato, Acsa! :)

Episodio 7x10 - Nota 10 2012-09-21 18:42:29

Owen, por favor, faça um favor para todos nós: SE MATE! Que cara mais chato, pqp! Não suporto mais, sinceramente. E adorei as cenas da pescaria! Cristina é muito hilária! ♥

Episodio 7x10 - Nota 10 2013-11-28 21:29:03

Eu não suporto essa arrogância do Owen dentro da sala de cirurgia, gente. Chega a ser irônico quando você pega os dois ou três primeiros episódios dele como médico do SGH e vê ele dizendo que quer ensinar os residentes, que o hospital também é uma escola, e faz isso dentro da sala de cirurgia. Se não me engano na temporada passada fez com a Cristina quando ela salvou aquele paciente (ou a Teddy ou a Hahn estavam demorando pra chegar) e agora com a Meredith sem necessidade. E verdade: Se bobear, ele já pediu pra todo mundo sair da sala de cirurgia dele.
E por favor, isso é modo de falar com a Meredith? Eu ODEIO muito quem levanta a voz pra ela gente, de verdade. Ela é tão pequena e fofinha que me sinto no dever de protegê-la.

Derek sambando bonito na cara dele, fazendo o que realmente é certo pra Cristina. As cenas da pesca até foram engraçadas, Cristina falando direto, querendo mudar o barco de lugar... E depois não se contendo quando pegou aquele peixe, e se entregando às lágrimas. Derek sabia exatamente o que estava fazendo e agora as portas se abriram novamente pra Cristina Yang competidora e foda retornar. NO MOMENTO CERTO, sem esse tal de “mimimi” que esse povo cisma em dizer que ela tá fazendo.

Mark é muito esperto, né? Fez todo aquele showzinho com o Eli só pra sair com a Lexie. E aliás, já estava na hora deles voltarem, por favor. Slexie é muito amor, só quero que eles fiquem juntos pra todo o sempre. Obrigado, de nada.

E falando no Eli, eu odiei muito a forma como ele falou com a Lexie. “Estou aqui há 12 anos”, e daí? Lexie também conquistou o direito de estar naquele hospital como ele. Ser mais velho lá não faz diferença.

MEU CORAÇÃO com Calzona, gente. Triste a Callie batendo a porta, mas honestamente eu não sei quem está mais certa. Difícil argumentar aqui.
O importante agora é que Arizona deixou a bolsa pra trás por causa da Callie e retornou da ÁFRICA, cara!

E a Teddy é uma LINDA. Atitude extrema, mas humana. E eu adoro o Henry <3

Episodio 7x10 - Nota 10 2013-11-28 21:30:16

The first 24 hours after surgery are critical, every breath you take, every fluid you make, is meticulously recorded and analyzed, celebrated, and mourned. But what about the next 24 hours? What happens when that first day turns to two, and weeks turn into months? What happens when the immediate danger has passed, when the machines are disconnected, and the teams of doctors and nurses are gone? Surgery is when you get saved, but post-op, after surgery, is when you heal. But, what if you don't?

The goal of any surgery is total recovery, to come out better than you were before. Some patients heal quickly and feel immediate relief, for others, the healing happens gradually and it's not until months or even years later that you realize you don't hurt anymore. So the challenge after any surgery is to be patient. But if you can make it through the first weeks and months, if you believe the feeling is possible, then you can get your life back...but that's a big if.

Episodio 7x10 - Nota 10 2014-10-19 19:16:06

Pois é! Eu odiei muito o Owen quando estava acompanhando a série pela primeira vez, até a 8ª temporada. Na 9ª, simpatizei com ele.

Daí assistindo tudo de novo, felizmente ele conseguiu reverter minha antipatia. Mas tem uns momentos que olha, difícil relevar.

Episodio 7x10 - Nota 10 2016-10-09 20:00:51

Quem sabe ele vai conseguir mudar sua opinião como mudou a minha! haha

Episodio 7x11 - Nota 10 2012-09-21 18:42:42

Que episódio sensacional! Acho que foi o melhor da temporada até agora. YANG IS BACK! Thank God.

Episodio 7x11 - Nota 10 2013-11-29 21:10:47

O episódio é o melhor da temporada, de longe. Mas essa season tá boa sim, esse povo que não entende o que Grey’s Anatomy apresenta nesse ano.

Cristina voltou no tempo certo. Não estava achando o plot arrastado, por mais que estivesse sentindo falta dela. Bastou ela vivenciar aquele de terror de novo, agora sob uma nova visão, pra conseguir superar o trauma. Como não chorar com ela segura dentro da OR? Linda.

Aliás, todo esse caso do tiroteio na escola foi muito tenso e muito triste. Só não consegui entender se eles de fato conseguiram salvar todo mundo que foi atingido nesse massacre, ou se salvaram apenas os que foram para o hospital, mas houve vítimas fatais...

O melhor de tudo foram as risadas espontâneas do final, nos momentos inoportunos. Que momento lindo, eu também ri junto com eles. Todos os personagens avançando e talvez deixando certa parte daquele peso que carregavam nas costas por conta do Gary Clarke. Só odiei o Stark estar na cena com aquela cara de bobão. Foi bem feito ser tirado da cirurgia e ainda receber bronca do Richard.

Não sei quais foram os motivos desse atirador, geralmente nesses casos envolve bullying, depressão e etc... Mas eu fiquei com os olhos cheios de lágrimas com a mãe dele. Não me segurei com o desespero dela após descobrir que o filho era responsável, e naquela cena sentada sozinha sem receber nenhuma notícia também foi de matar. Coitada, não imagino a dor que ela estava sentindo e o quanto provavelmente estava se culpando pela tragédia. Ainda bem que o Jackson foi conversar com ela.

Callie e Arizona: Continuo achando complicado e não sei qual lado ficar. Por um lado a Callie estar certa, mas sei lá. Não fiquei contra os motivos da Arizona por optar ir pra África sem ela. O mais importante é que ela voltou: Callie devia levar isso em conta.

“I Love you.” AI QUE AMOR SLEXIE SEUS LINDOS AMO VOCÊS. <3

Episodio 7x11 - Nota 10 2013-11-29 21:11:57

To a degree, medicine is a science...but I would argue that it's also an art. The doctors who see medicine as a science only, you don't want them by your side when you're bleeding won't stop or when your child is screaming in pain. The clinicians go by the book. The artists follow their guts. The artists feel your pain and they go to extremes to make it stop. Extreme measures. That's where science ends and art begins.

Surgery is extreme. We cut into your body, take out pieces, and put what's left back together. Good thing life doesn't come with a scalpel because if it did, when things started to hurt, we would just cut and cut and cut. The thing is what we take away with a scalpel we can't ever get back. So, like a said, good thing.

Episodio 7x11 - Nota 10 2014-01-03 15:54:06

Verdade, acho que é porque muitos fãs da série não gosta da Arizona então tudo o que ela fizer, consequentemente vão usar contra ela. Infelizmente :/

Episodio 7x11 - Nota 10 2015-07-20 10:53:49

Obrigado, Rachel! Por ler e comentar! ;)

Episodio 7x12 - Nota 9 2012-09-21 18:42:57

MORTO com a revelação da Callie! Imaginem quando o Mark descobrir e especialmente quando a Lexie descobrir... Tenho certeza que ao menos da parte dela, o relacionamento deles vai acabar. Cristina linda, é muito bom ter você de volta! ♥

Episodio 7x12 - Nota 9 2013-11-30 21:50:58

A gravidez da Callie é uma GRANDE surpresa, que vem com reações boas e ruins. É ótimo pra ela, que tanto queria um filho. É ótimo pro Mark que também estava desejando uma família e foi obrigado a entregar o próprio neto. Talvez seja bom pra Arizona, porque ela também tinha concordado em ter filhos com a Callie, mas ruim porque vai ser concebido em um momento complicado entre as duas. E péssimo pra Lexie, que certamente não vai aceitar o Mark se tornando vovô e não vai querer se envolver. Complicado!

Eu gosto desses alunos de medicina sendo internos por um dia antes de terminarem os estudos. Aliás, TODOS os residentes foram arrogantes, e o Alex não escapa. Mesmo eu amando o personagem e a melhora dele ter sido consideravelmente de 100% desde o piloto até aqui, ele sabe ser bem arrogante quando quer e acredito que se outro aluno tivesse sido designado pra ele, no fim a avaliação seria péssima.
E realmente, de todos ali, a mais “estável” pra esse cargo de Residente-Chefe é a April.

Tô achando hilário a Bailey com o Eli, a cara de safadinha e envergonhada dela... hahahaha

Henry e Teddy ♥♥♥
Tinha esquecido o quanto gosto desse personagem e da idéia dele ficar com a Teddy.

Episodio 7x12 - Nota 9 2013-11-30 21:51:38

People are really romantic about the beginnings of things. Fresh start. Clean slate. A world of possibility. But no matter what adventure you're embarking on, you're still you. You bring you into every new beginning in your life, so how different can it possibly be?

It's all anybody wants, right? Clean slate. A new beginning. Like that's gonna be any easier. Ask the guy pushing the boulder up the hill. Nothing's easy about starting over. Nothing at all.

Episodio 7x13 - Nota 8.5 2012-09-22 12:46:02

Cristina linda, a melhor pqp! Muito bitch mesmo! E que posição desconfortável a Lexie se encontrou com essa revelação do Mark... Dá pra entender o lado dos dois e é difícil escolher um...

Episodio 7x13 - Nota 8.5 2013-12-03 20:45:53

Sabia que Lexie não ia suportar essa nova bomba. Mas eu entendo o lado dela, é uma posição muito desconfortável MESMO. E entendo o lado dele também, já que tanto quer começar uma família.

Cristina arrasou demais com o Jackson. Fiquei com a mesma expressão da Meredith quando ela levantou satisfeita e mordeu a maçã: evil bitch! Hahaha
Mas sei lá, ela relevou o que o Jackson disse, mas realmente foi golpe baixo, como se ela tivesse se ausentado da OR nos últimos meses por opção.

“What the hell is a twitter?”
HAHAHAHAHAHA Richard tava hilário. Muito bom ele procurando os tweets da Bailey e o Owen ajudando. E achei bem legal esse negócio de “transmitirem” a cirurgia pelo twitter.

Também entendo o lado da Callie, achei compreensível o desespero dela em relação ao bebê porque realmente, poucas coisas deram certo pra ela desde que entrou na série. Ela é tipo uma “Maria do Bairro”, sofredora demais.
PORÉM foi mesmo um tanto irritante ela sufocando aquela médica e chamando 911 pro Mark e Arizona.

Episodio 7x13 - Nota 8.5 2013-12-03 20:46:35

Doctors practice deception all the time. We give vague answers to hard questions. We don't talk about post-op pain. We say you'll experience some discomfort. If you didn't die, we tell you the surgery went well, but the placebo has to be the doctor's greatest deception. Half of our patients we tell the other truth ... the other half, we pray the placebo effect's real. And we tell ourselves that they'll feel better anyhow, believing help's on the way, when, in fact, we're leaving them to die.

Doctors practice deception every day — on our patients, on their families. But the worst deception we practice is on ourselves. Which is why sometimes it takes us a while to realize that the truth has been in front of us the whole time.

Episodio 7x14 - Nota 8.5 2012-09-22 12:46:22

Eu amo muuuuuuito Lexie e Mark e torço pra eles ficarem juntos, porém achei fofo ela e o Jackson!

Episodio 7x14 - Nota 8.5 2013-12-03 20:55:44

ODEIO o Thatcher com todas as minhas forças, não esqueço NUNCA do tapa que ele deu na Meredith quando a Susan morreu. Logo, não me importo com os plots dele, apenas quero que ele suma...

Callie tá roubando a cena, né? Adorei esse final, com ela falando da “vagina’s vote” e decidindo que vai tomar café, e ainda pedindo pro Mark a massagem, hahaha.

Ai, Lexie <3
Adorei ela comendo e se abrindo pro Jackson e mais ainda com ele não contando as revelações pro Mark. Tadinha, deve se sentir um lixo nesse relacionamento, colocada nessa situação duas vezes. Mas sabe o que é pior e que eu fui reparar só agora? O Mark se preocupa, mas não corre atrás dela. Ele tinha que propor alguma coisa pra eles poderem ficar juntos sem que a criança fique entre o relacionamento... Mark é muito mole.

Meredith linda. Adorei a resposta pro Richard, “mas eu quero curar a doença dela”, muito bom. E o Derek anda tão sumido, né? Só reparei nele em duas cenas nesse episódio.

Alex acompanhando a cirurgia da paciente pela galeria <3

Episodio 7x14 - Nota 8.5 2013-12-03 20:56:22

One of the hardest lessons as a doctor is learning to prioritize. We're trained to do all we can to save life and limb, but, if cutting off a limb, means saving a life, we learn to do it without hesitation. It's not an easy lesson to learn, and it always comes down to one question, "what are the stakes?" What do we stand to gain or lose? At the end of the day, we're just gamblers trying not to bet the farm.

Surgery is a high stakes game. But no matter how high the stakes, sooner or later, you're just going to have to go with your gut, and, maybe just maybe, that'll take you right where you were meant to be in the first place.

Episodio 7x15 - Nota 10 2012-09-22 12:46:35

Morri com a Miranda e o enfermeiro no quarto e o Derek flagrando os dois KKKKKKKKKK Meredith com todos aqueles casos nas costas, meu Deus! E a Adele não falando coisa com coisa? Só falta ela estar com aquela maldita doença né? Enfim, episódio perfeito! ♥

Episodio 7x15 - Nota 10 2013-12-04 21:37:43

Paulo, eu tô revendo a série e sempre que vejo um comentário com spoilers sobre episódios e temporadas futuros, eu aviso a pessoa e a um administrador do site pra remover o comentário. Quando você ver, faça o mesmo também.

Honestamente não entendo a necessidade de vir gente num episódio da 7ª temporada falar de coisas que acontecem na 9ª, por exemplo. Um saco.

Episodio 7x15 - Nota 10 2013-12-04 21:38:54

Spoiler, Gláucia... Na parte do "Callie, Mark e Arizona".

Episodio 7x15 - Nota 10 2013-12-04 22:03:01

Muito bom esse destaque pra Meredith, e muita tensão por ela estar no comando da ER, com todos aqueles casos chegando a todo minuto. O episódio focou em apenas uma hora, imaginem como foram as outras...

Fiquei muito triste com a morte do paciente que a Mer e Teddy operaram... Ainda mais quando o filho ligou novamente pro pai pra saber o motivo da demora... Gente, que dor. A cara dela também destruiu, que situação delicada e complicada... E também fiquei agoniado com o menino com a perna quebrada sem atendimento. Tava até parecendo o SUS! hahaha

E ainda falando nela, aquela cena do elevador com o Derek é TÃO sugestiva. Eu nem lembrava mais que ele dava uma injeção nela, fiquei surpreso mais uma vez. Hahahaha
E a cena que ele flagra Bailey e Eli é DEMAIS! O grito dela é hilário.

Gente, sei lá... Da mesma forma que eu curtia o Alex com a Lexie, não tenho nada contra ela com o Jackson. Deve ser alguma coisa com a Lexie, acho que ela combina com todo mundo, não sei... Mas a alma gêmea dela é o Mark então torço pra reconciliação. POR FAVOR.

Alex deixando de ir ao jogo <3
E também gosto da idéia dele com a Lucy, ela é legalzinha e eu adoro a atriz.

E por fim: Richard. Ele é médico, a expressão dele no final deu a entender que ele sabe muito bem o que se passa com a Adele. Mas achei tosco o modo como ele falou com a Mer, que só estava tentando ajudar. Nada a ver ele dizer “você está vivendo Alzheimer 24 horas por dia”. Ele se esqueceu que a Ellis foi vítima da mesma doença, né? Não curti.

Episodio 7x15 - Nota 10 2013-12-04 22:03:45

How much can you actually accomplish in an hour? Run an errand maybe, sit in traffic, get an oil change. When you think about it an hour isn't very long. Sixty minutes. Thirty-six hundred seconds. That's it. In medicine, though, an hour is often everything. We call it the golden hour. That magical window of time that can determine whether a patient lives...Or dies.

An hour, one hour..can change everything forever. An hour can save your life. An hour can change your life. Sometimes an hour is a gift we give ourselves. For some, an hour can mean almost nothing. For others, an hour makes all the difference in the world. But in the end, it's still just an hour. One of many. Many more to come. Sixty minutes. Thirty-six hundred seconds. That's it. Then it starts all over again. And who knows what the next hour might hold.

Episodio 7x16 - Nota 8.5 2012-09-22 19:48:26

Sempre me perguntei quando eles estão jogando golfe no telhado, se as bolinhas não caem na cabeça de alguém e etc! hahaha Aaaai eu definitivamente quero Lexie e Mark juntos de novo, pra ontem. :(

Episodio 7x16 - Nota 8.5 2014-01-05 11:38:49

Tratando-se de Shonda Rhimes, a gente até estremece com a Meredith começando a perder a visão, afinal... TUDO PODE ACONTECER!

Eu gosto muito da atriz que interpreta Lucy e conseqüentemente adoro a personagem. Gosto da ideia dela com o Alex.

Coitada da April hahahahah
Stark é MUITO chato mesmo, mas até achei interessante ele mudando de ideia a respeito do Serviço Social porque ela conseguiu convencê-lo.

Lexie e Jackson... Começo a suspeitar que Lexie combina com todo mundo (menos com o George naquela época) porque gostei dela com o Alex e gosto dela com o Jackson. Mas a verdade é que a alma gêmea dela é o Mark e quero mais que tudo no mundo que eles voltem a ficar juntos, esses lindos.

Falando no Mark, que amor todo contente pelo bebê que está por vir, aw.
Arizona meio que me irrita um pouco com aquelas palavras pra Callie, sobre não ter escolhido uma vida com Mark e etc, mas não tiro a razão dela porque de fato é isso que está acontecendo.

E por fim... Owen e Cristina. Esse é o 3° ano que ele convive com ela, já deveria saber que ela não muda de ideia nem de opinião assim, ainda mais quanto a ter um bebê, que sempre deixou bem claro não fazer parte de seus planos. Vamos ver...

Peninha da Adele. :/

Episodio 7x16 - Nota 8.5 2014-01-05 11:39:35

Everyone figures doctors are the most responsible people they know. They hold lives in their hands. They're not flakes. They don't lose track of important details or make stunningly bad judgment calls. 'Cause that would be bad, right?

We are responsible with our patients. The problem is we blow it all out at work. In our own lives, we can't think things through. We don't make the sound choice. We did that all day at the hospital. When it comes to ourselves, we've got nothing left. And is it worth it—being responsible? Because if take your vitamins and pay your taxes and never cut the line, the universe still gives you people to love and then lets them slip through your fingers like water, and what've you got? Vitamins and nothing.

Episodio 7x16 - Nota 8.5 2017-08-12 20:45:42

KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK sim!!!

Episodio 7x17 - Nota 9 2012-09-22 19:48:46

CHOCANTE esse final, meu Deus. Mas eu já estava esperando que algo assim acontecesse. Só espero que ela não perca o bebê, tadinha. Cristina muito engraçada na cena final. "ISSO É ÓTIMO! Oh, espere. ISSO É PÉSSIMO!" hahaha ♥

Episodio 7x17 - Nota 9 2014-01-05 11:49:44

“Isso é ótimo! Oh, espere... ISSO É PÉSSIMO!” hahahaha eu adoro demais esse momento da Cristina nesse episódio, é muito engraçado o surto dela e a expressão do Owen comendo a pizza tranquilamente hahahahaha
Mas é verdade, Cristina não tem cara de residente-chefe porque a vida dela é dentro da OR, e sabemos que as funções desse cargo também incluem a organização... Enfim.

Odiei profundamente a cena do Eli enfrentando Bailey dentro da sala do paciente. Acho muito tosco essa “autoridade” que ele impôs a si próprio dentro do hospital porque “está lá há 12 anos” e porque “médicos tendem a esconder coisas dos pacientes”, ai por favor... É aqui que você nota uma mudança na Bailey, se fosse até a temporada passada ou algumas antes, ela teria feito a vida desse cara um inferno.

Henry se declarando pra Teddy e Cristina cobrindo os olhos com as mãos KKKKKKKKKK muito engraçado ela constrangida.
E gostei da declaração, bonitinho demais aw <3 E Teddy certamente está começando a se sentir da mesma forma, apenas tem dificuldades em aceitar.

Tenho tanta pena da Adele e essa condição horrível. A cena que ela chora nos braços do Richard dizendo que “não é justo” é de partir o coração, que coisa... :/
E falando no Richard... Sei lá, embora eu goste do personagem, tá na cara que o que deu o impulso de fazer a cirurgia sem a autorização foi colocar o Derek naquela posição também. Se fosse outra ocasião, ele talvez não teria autorizado...

E O FINAL! Caramba, já dava pra saber que algo ia acontecer. Primeiro aquela discussãozinha por causa do celular. Depois a Arizona SEM OLHAR PRA FRENTE! Vibrei com o pedido de casamento porque Calzona é vida mas PQP.

SHONDA, WHY SO EVIL??????

Episodio 7x17 - Nota 9 2014-01-05 11:50:18

Renegades, rule-breakers, gangsters with scalpels. This is the way we like to think of ourselves. It makes us feel badass, sexy. Problem is it's not exactly true. At heart, we're rule followers, sheep. We don't break protocol. We follow it to a "T." Because if we don't follow protocol, our patients die, and then we're no longer badass. We're just bad.

It's every doctor's dilemma. Do you play it safe and follow protocol? Or take a risk and invent a new one? There can be reward in risk. There can also be fallout. Still you need to book the system every once in a while. Bet big. And when you get the results you want, there's no better feeling in the world, but when you don't...

Episodio 7x18 - Nota 10 2012-09-22 19:49:25

Nossa que aparição pobre foi essa da Addison?! Queria que ela tivesse aparecido mais, amo ela! Enfim, adorei a temática desse episódio! Callie super linda cantando, e no final dizendo que aceita casar com Arizona! ♥

Episodio 7x18 - Nota 10 2014-01-06 10:34:33

Quando assisti pela primeira vez, lembro que estranhei bastante as músicas nos primeiros minutos. Mas logo as canções deixaram toda a situação da Callie ainda mais emocionante e temerosa e me apaixonei pela temática. Shonda foi muito ousada, mas a meu ver, foi algo que deu certo. Não achei arrastado e foi bom como qualquer outro episódio de outra temporada que tenha apresentado um evento traumático como esse.

Eu não curti muito o vocal da Lexie, mas eu amo Breathe e amei ainda mais vê-la cantando pro Mark. Meu, que lindos... O que esses dois esperam pra ficar juntos? O que Lexie faz com Jackson (mesmo eu os achando um casal bonitinho)?

Mas voltando no Mark, o momento “você não é nada” para Arizona foram um dos poucos que me deixaram desconfortável com ele. Arizona não é “nada”, muito pelo contrário. Ainda bem que ele se desculpou depois e de certa forma se uniram. Entendo o lado da Arizona quanto ao Mark, mas acho que dá pra eles se entenderem e viverem em paz.

Também é um dos poucos momentos da Teddy que me deixam com raiva. Não gosto dessa atitude de atendente de relevar sugestões importantes dos residentes só porque eles são residentes. Embora eu ache que Cristina sempre esteja querendo provar alguma coisa dentro da OR, foi bobinho a Teddy dizer que ela “se recusa a aprender e que não pode ensiná-la”. Por favor, Teddy... Cristina te ofereceu o Owen quando viu a possibilidade de te perder como professora.

Foi bom ver a Addison de volta, mas como comentei anteriormente: Foi uma participação bem pobre, só lembrava que ela estava no hospital quando aparecia por dois segundos. Podiam tê-la aproveitado um pouquinho mais.

Meredith chorando no elevador foi de partir o coração. OH GOD :(

Enfim, amei todas as músicas escolhidas e a maioria dos atores tem um bom vocal, principalmente a linda da Sara. <3 Amo demais esse episódio.

Episodio 7x18 - Nota 10 2014-01-06 10:35:39

The brain is the human body's most mysterious organ. It learns. It changes. It adapts. It tells us what we see, what we hear. It lets us feel love. I think it holds our soul. And no matter how much research we do, no one can really say how all that delicate grey matter inside our skull works. And, when it's hurt, when the human brain is traumatized, well, that's when it gets even more mysterious.

Episodio 7x19 - Nota 8.5 2012-09-23 10:34:21

Achei esse episódio muito fofo... Callie vendo a filha pela primeira vez... Alex trazendo aquelas criancinhas da África. Muito amorrr, adorei. E a Meredith, fazendo uma coisa louca porém muito justificável pela Adele, aw. Espero que o Alex não diga nada.

Episodio 7x19 - Nota 8.5 2014-03-03 21:07:35

Definitivamente um dos momentos mais lindos da série é esse primeiro encontro entre mãe e filha. Callie emocionada vendo a Sofia após tantas semanas acompanhando o desenvolvimento dela por fotos é muito amor. E mais ainda ver os residentes se juntando pra levá-la até a ala neonatal.
Achei hilário o Jackson indo distrair a Bailey. As respostas dela sempre são muito dignas hahahaha

A cena final, Callie se desesperando com a ideia de levar a filha pra casa e a Bailey tentando acalmá-la foi excelente. Amei ♥

Aquela paciente “bitch” do Alex era IMPAGÁVEL. Morri de dar risada todas as vezes que aparecia, as ofensas contra o Alex eram tão... HAHAHAHAHA

Falando no Alex, a ideia que teve de trazer crianças da África para importantes cirurgias foi simplesmente ESPETACULAR. Foi e mostrou pro Stark que ele é SIM uma das pessoas que poderia fazer isso e sambou.
E ele pedindo o dinheiro pra “bitch” também foi muito bom. Mostrando as fotos da crianças... E depois eu acho vi uma lágrima no olho dele quando recebeu o cheque de 200 MIL! Mas só acho HAHA

Esse plot da Meredith é um dos mais complicados da série e divide MUITAS opiniões. Tudo o que eu digo é: acho super compreensível, ela apenas teve a melhor das atitudes, mesmo que arriscando o próprio pescoço. Alzheimer é uma doença muito infeliz... Ela está apenas tentando evitar um sofrimento infernal.

E foi muito triste ver Adele confundindo a Mer com a Ellis por dois motivos: Primeiro, como já disse, maldita Alzheimer. E segundo, está estampado no rosto dela a dor, o sofrimento, a angústia e as desilusões que sofreu quando estava sendo traída pelo Richard. Complicado...

Stark mudou suas atitudes, realmente April conseguiu tocar no emocional. Mas não adiantou muita coisa, já que com ela continua sendo um asshole.

Por fim, fiquei até surpreso com a Teddy nesse episódio porque ela tá avulsa demais. Tanto que nem me lembrava disso... E eu gosto do Henry, quero os dois juntos haha

Episodio 7x19 - Nota 8.5 2014-03-03 21:10:08

After a trauma, your body is at its most vulnerable. Response time is critical. So you're suddenly surrounded by people — doctors, nurses, specialists, technicians — surgery is a team sport. Everyone pushing for the finish line. Putting you back together again. But surgery is a trauma in and of itself, and once it's over, the real healing begins. It's called recovery. Recovery is not a team sport. It's a solitary distance run. It's long. It's exhausting. And it's lonely as hell.

The length of your recovery is determined by the extent of your injuries. And it's not always successful. No matter how hard we work at it. Some wounds might never fully heal. You might have to adjust to a whole new way of living. Things may have changed too radically to ever go back to what they were. You might not even recognize yourself. It's like you haven't recovered anything at all. You're a whole new person with a whole new life.

Episodio 7x20 - Nota 10 2012-09-23 10:34:42

Que sensacional! Callie e Arizona, casal liiiiindo aw! E aquela mãe da Callie? Só não gostei disso. Era melhor nem ter vindo.... Derek decidindo adotar a Zola, muito amorrr! Enfim, perfeito demais! ♥

Episodio 7x20 - Nota 10 2014-03-04 20:53:40

Esse episódio é perfeito e realmente tem cara de season finale, tudo funcionou tão bem...

Começando por Meredith e Derek. Eu consigo morrer ainda mais de amores por esse casal quando aparece Derek segurando a Zola, pedindo pra Meredith segurá-la e mencionando a adoção. GENTE, QUE LINDOS.

Depois, em contraste com o casamento Calzona, eles vão e oficializam essa relação – detalhe que eu nem me lembrava que era assim –, ambos muito lindos. MerDer é um dos meus casais favoritos do mundo das séries e fico muito feliz por tudo de positivo que acontece entre os dois. É amor demais! ♥

Falando no casamento, esse momento Calzona é sensacional. Uma sensação tão boa vê-las entrando naquela “igreja”, sendo casadas pela Bailey, felizes... E mais ainda o pai retornando pra realizar o desejo de dançar com ela durante a festa. Foi demais.

Quanto à mãe dela, nem falo muita coisa. Só que: foi muito bom ela ter ido embora e não atrapalhado a felicidade das duas num dia tão especial. Ridículo ela nem ao menos querer segurar a própria neta, e chamá-la de “bastarda” por não ter sido concebida dentro de um casamento. Tem gente que exagera...

E sobre Arizona, acho muito tocante esse breve momento com o Mark no quarto, falando das palavras do irmão quando ela se assumiu. Até eu fiquei triste.

Sobre Meredith e Alex: Eu amo a amizade desses dois. Realmente, durante todos esses anos e ainda mais após a saída da Izzie, Mer foi a única que realmente esteve preocupada com ele, do lado dele, e etc. Essa cobrança por parte dele dá a impressão de que está com vontade de contar...
E quanto à atitude dela, é aquilo que comentei antes: Compreensível, vindo de uma pessoa que já teve que lidar com Alzheimer e sabe como essa doença é infeliz.

Stark é muito bipolar. Eu tava detestando o modo como estava tratando a April, sem necessidade, sem falar que desestabiliza emocionalmente qualquer um. Não é porque é um superior que deve falar assim com aqueles que estão ali pra chegar no mesmo lugar onde ele está. Mas aí ele fez a indicação pro Owen sobre residente-chefe e essa raiva cessou...

Teddy tá mesmo bem avulsa com esse namorado, mas a determinação de querer fazer a Cristina entender certas coisas tá interessante. E honestamente? Com essa coisa da Cristina ter tido apenas sorte, com grandes chances de matar a Callie durante o procedimento, eu fico do lado da Teddy...

Enfim, excelente episódio. É um dos meus preferidos <3

Episodio 7x20 - Nota 10 2014-03-04 20:57:03

Diseases. Toxins. Our bodies encounter dangers all the time. Just beneath the surface hidden. Whether you realize it or not, your body is constantly protecting itself. Every time you blink your eye, you wash away thousands of unwanted microbes. Breathe in too much unwanted pollen, and you sneeze. The body detects the invader. It releases its white blood cells, and it attacks.

Just when we think we figured things out, the universe throws us a curveball. So, we have to improvise. We find happiness in unexpected places. We find ourselves back to the things that matter the most. The universe is funny that way. Sometimes it just has a way of making sure we wind up exactly where we belong.

Episodio 7x21 - Nota 9 2012-09-23 10:35:03

PUTA QUE PARIU! Alex fazer isso LOGO com a Meredith? Afff era de se esperar porque afinal, o Alex é o Alex. Eu ainda amo o personagem mas nesse momento se uma bomba explodisse nele, eu não me importaria... PQP, estou revoltado! Nada a ver meu, querer ferrar a Mer por nada! Afffff

Episodio 7x21 - Nota 9 2014-03-05 20:57:01

Pois é, esse plot da Meredith com o Alex é o que mais divide opiniões. Talvez seja o mais complexo da série até hoje. Mas de verdade, eu fico do lado da Meredith. Primeiro que, o que ela fez não foi nada “EGOÍSTA” como algumas pessoas disseram. Óbvio que foi um erro fazer a troca, mas acho compreensível ela querer aliviar um pouco o sofrimento de alguém que está presente na vida dela de certa forma, que no caso é o Richard. Ela viveu o Alzheimer de perto, sabe muito bem como a doença é infeliz... COMPREENSÍVEL, não que justifique tal atitude.

Segundo, ela não fez nada com a intenção de prejudicar ninguém. Nem ela, nem Derek, nem o hospital, NINGUÉM. E muito menos o Alex!

Dito isso, esse segredo era dela, ELA tinha que contar. Como o Victor Lima comentou mais abaixo, como um bom amigo, ele deveria pressioná-la a dizer tudo pro Derek e ver como poderiam resolver tudo. Ele chegar e contar dessa forma pro Owen porque uma mulher que nada tem a ver com Meredith roubou o emprego dele é um ABSURDO, ainda mais por se tratar da AMIGA dele.

Sem falar que, como eu comentei logo acima, Alex não fez a denúncia porque era uma coisa ética e o certo a fazer. Foi simplesmente por não aceitar a POSSIBILIDADE, sem NENHUMA CERTEZA, de que ela poderia ser escolhida residente-chefe.

De verdade... Eu amo muito o Alex, amo muito a Meredith e adoro demais a amizade dos dois. É a minha segunda favorita depois de Mertina. Mas esse caso é um dos que me deixa com um ódio mortal dele. De todas as pessoas desse hospital, Meredith é a última a qual Alex deveria ferrar de alguma forma. Não se comportou como o amigo que deveria ser e fico muito decepcionado com isso.

E mudando rapidinho de assunto, mas ainda focando no Alex: Não lembrava que era dessa forma que a Lucy saía da série. E sério mesmo, QUE FILHA DA PUTA! Ele abriu mão do emprego porque viu nela um recomeço na vida amorosa e essa vadia faz isso... E a ironia no fim da conversa? Argh.

Zola é uma lindinha. Cada vez mais apaixonado por ela e por MerDer por quererem adotá-la. Eles estão fofos demais, é muito amor.

Também acho que a Cristina precisa de limites. Não gosto dessa imprudência com a Teddy, afinal ela foi a melhor mentora cardíaca que Cristina teve na série e que sempre acreditou no potencial dela, não abriu mão quando ela estava em depressão pelo tiroteio no hospital... Ela é uma brilhante cirurgiã sim, mas precisa entender que nem tudo está a seu alcance como acredita.
E já estava na hora da personagem perceber que residente-chefe não é um cargo pra ela. Demorou muito...

Não lembrava também que a Teddy é muito avulsa nesse plot de relacionamento amoroso e ela é muito burra por não perceber que o tipo de pessoa que ela procura está ali: É O MARIDO DELA!

Mark muito fofo com Sofia. Tá um amor só.
E Lexie, vamos logo voltar com ele, sim? Não dá pra ver vocês separados, mil beijos.

Adoro essa atitude do Jackson em relação ao estudo do Richard. Ele foi bem nobre.

E nossa, abertura de 2BG no início do episódio! HAHAHA

Episodio 7x21 - Nota 9 2014-03-05 20:57:54

We've all heard the saying. It's one of those things you learn in seventh grade science class. Adapt or die. Adapting isn't easy though. You have to fight your competition and off their attacks. And sometimes, you have to kill. You do what you need to do to survive.

Adapt or die. As many times as we've heard it, the lesson doesn't get easier. The problem is we're human. We want more than just to survive. We want love. We want success. We want to be the best that we can be. So, we fight like hell to get those things. Anything else feels like death.

Episodio 7x21 - Nota 9 2015-05-30 20:16:26

Obrigado, Ana!

Episodio 7x21 - Nota 9 2016-11-24 20:33:51

Exatamente, Luana!

Episodio 7x22 - Nota 10 2012-09-23 10:35:21

O Season Finale da 6ª é imbatível, não só em relação a Grey's, mas acho que bate todas as Finales que já vi. Esse aqui foi beeeem light mas não deixou de ser ótimo e de prender quem estava assistindo. Ainda tô com muita raiva do Alex... Eu no lugar da Meredith teria feito o mesmo. Colocou o emprego dela em risco só pra se sentir melhor, digamos. Derek realmente queria que Meredith fosse demitida. Entendo a raiva dele pois o estudo está comprometido, porém é totalmente compreensível o que a Meredith fez. Estou do lado dela nessa. Fiquei chocado com a revelação da Cristina! Ódio mortal do Owen por tê-la expulsado de casa. Ridículo! Enfim, mal posso esperar pra começar a oitava temporada, pra ver onde tudo isso vai dar... Meredith, Derek e Zona... Cristina e Own insuportável... Por mais que esteja com ódio do Alex, quero ver como a relação dele com Meredith vai ficar... E com os outros colegas também. :)

Episodio 7x22 - Nota 10 2014-03-06 21:01:38

Ainda falando sobre esse plot de deixar todo mundo do chão que é Meredith e Alex. Acho que em primeiro lugar, as pessoas tinham que deixar de lado seus desafetos por ambos os personagens e analisar a atitude AQUI.

Meredith fez merda sim. Isso é inegável. Mas não consigo concordar, nem ficar do lado do Alex, por ter contado pro Owen por todos os motivos que citei no episódio anterior: Não era um segredo DELE pra contar, e sim dela. Ele não contou porque era o certo a fazer, porque era ético, ele simplesmente não conseguiu aceitar a POSSIBILIDADE da Meredith ser nomeada residente-chefe, justamente após ter sido deixado de lado e perdido uma ótima oportunidade por uma pessoa que ele estava gostando.

Alex não é um vilão. Eu amo o personagem e ele estava visivelmente arrependido, deixou claro através das atitudes que abrir a boca foi consequência da bebida. Mas aí é como Cristina disse: Mer se importa demais com ele, sempre foi uma excelente amiga e nunca o deixou na mão. Ser apunhalada nas costas dessa forma por uma pessoa que deveria estar lá pra ela incentivando-a é bruto demais...

Mas de qualquer forma, eu adoro como esse plot é conduzido e como fã deles, torço muito pra que voltem a ser amigos o quanto antes. Parece até impossível devido às proporções que esse caso tomou e vai tomar, mas a esperança é a última que morre! Hahaha

Sobre Derek: Chegou a época que odeio muito o personagem. Lógico que ele tinha direito de estar com raiva porque o estudo foi comprometido, aparentemente destruído. Mas ela é esposa dele, eles acabaram de se casar. Não precisava falar daquela forma, praticamente torcer pra ela sair do hospital imediatamente...

E a Meredith com a Zola foi uma coisa linda de se ver... Mesmo que triste por Derek não estar lá e se recusar a atender as ligações. De qualquer forma, acho lindo esse passo que Mer está tomando, ela consegue ficar ainda mais fofa.

Lembro que fiquei boquiaberto com Cristina dizendo que está grávida. A briga com o Owen foi excelente, Sandra Oh mais uma vez mostrando seu grande potencial como atriz.
Agora em relação ao bebê em geral, não sei o que dizer. Ela sempre deixou muito claro, desde que chegou ao hospital, que não deseja ser mãe. O Owen dizendo que ele tinha metade da decisão me deixou confuso, porque como eles chegariam a um acordo se 50% diz sim e os outros 50 diz não?
Muito tenso esse de um querer o filho e outro não... Complicado! :/

NÃO MARK! Você não está autorizado a abrir mão da Lexie.
E não, Jackson! Por mais que você até funcione bem com Lexie, ela pertence do Mark e vice-versa. Desculpa. Chega desse lenga-lenga e vamos voltar Slexie por favor! Obrigado, de nada.

E acho que April mereceu sim o cargo. Tudo o que ela esteve fazendo nos últimos episódios provaram que ela era digna do cargo... E fiquei com pena dela quando os outros viram e reviraram os olhos e nem falaram com ela. Coitada :/

E eu concordo 100% que à primeira vista, essa finale não trouxe tragédias. Mas trouxe sim. Teve esse acidente de avião, que foi triste ao extremo com apenas uma paciente sobrevivendo e todas aquelas famílias recebendo notícias devastadoras... Me emocionei muito com a mãe do Matthew.

E existem as tragédias pessoais: Meredith correndo grandes riscos profissionais e pessoais. Cristina e o impasse com Owen. Alex e seu arrependimento... Enfim...

A temporada de modo geral foi bem mais light, verdade. Mas eu também não vi nenhum problema. Não achei cansativa e foi tão boa de acompanhar quanto as outras.

Grey’s Anatomy nunca me decepciona. <3

Episodio 7x22 - Nota 10 2014-03-06 21:04:42

I always said I would be happier alone, would have my job, my friends, but having somebody else in your life all the time? More problems than necessary. Apparently, I’ll have to get over it.

There’s a reason I said I’d be happy alone. It wasn’t ‘cause I thought I’d be happy alone. It was because I thought if I loved someone, and then it fell apart. I might not make it. It’s easier to be alone. Because what if you learn that you need love and then you don’t have it? What if you like it? And lean on it. What if you shape your life around it and then it falls apart? Can you even survive that kind of pain? Losing love is like organ damage.It’s like dying. The only difference is… death ends. This? It could go on forever.

Amo forte as citações. Forte mesmo <3

Episodio 7x22 - Nota 10 2016-11-24 20:35:36

Sim, Derek muitas vezes (quase sempre) é bastante cruel com as palavras. :(

Episodio 8x1 - Nota 10 2012-09-23 19:39:36

Adorei a Meredith comparando a mãe dela com a Cristina... Pior que eu nunca tinha parado pra pensar nessa semelhança. E tadinha da Meredith, meu Deus.... Sei lá, ainda sinto raiva do Alex mas dá pra perceber que ele tá meio que arrependido... E não gostei do modo como a Miranda tratou e falou com a Mer..

Episodio 8x1 - Nota 10 2014-03-07 20:30:56

Eu amo muito essa premiere. E a 8ª temporada é muito provavelmente a minha favorita de toda a série. Amo demais!

Mas seguindo... Não acho que exista maniqueísmo propriamente dito nessa relação atual entre Meredith e Alex. Como Cristina comentou, ela se arrependeu de ter destruído o ensaio, mas não de trocar o medicamento pra Adele. Nem vou mais comentar que acho compreensível a atitude pela por seu histórico com essa doença, mas enfim...

Alex, como eu disse antes, não é um vilão e se mostra cada vez mais arrependido. Não tem como não ficar com raiva dele, porque sua atitude não foi em base da ética e sim no fato de, no primeiro momento, se sentir melhor. De qualquer forma, tudo o que eu desejo é que eles se acertem porque amo os dois personagens e a relação amigável que eles tinham.

E nossa, eu não poderia concordar menos: Meredith pode ter feito MUITAS coisas erradas no decorrer da série e essa troca de medicamentos foi uma delas, mas NENHUMA dessas atitudes foi em benefício próprio – ela estava pensando nos outros!

E tô com muita pena dela vendo o mundo desabar assim sem poder fazer nada. Começando pelo Derek, que tá sendo um babaca com a esposa, por mais que tenha direito de estar com raiva. Poxa, eles estão PRÉ-selecionados pra adotarem a Zola, continuar sem dormir em casa é a atitude mais estúpida que ele poderia tomar. Depois, nos momentos finais, veio com aquela raiva quando disse que ele resolveria e que ela não deveria falar com ninguém... Achei tosco, ela não teve culpa. Estava tentando conversar com ele e não recebia duas palavras.

E sobre a Miranda, reintero minha raiva pela forma como tratou a Meredith. Sei lá, acho exagerado ela diminuir toda a carreira dela a um erro... Enfim...

Tadinha da April sem conseguir dar conta da ER. Realmente lembra a Callie quando ela teve o surto por tanto trabalho que tinha que fazer. Mas eu torço muito por April, espero que ela se adapte rapidamente e consiga fazer as coisas funcionarem do jeito certo...

Outro momento que eu adoro: Meredith dizendo pro Owen que Cristina é uma Ellis Grey da vida. Como disse no meu outro comentário, na época não tinha parado pra analisar o quanto essas duas são parecidas, mesmo que na época que a falecida ainda estava viva, esse mesmo tema tenha sido comentado certa vez. E olha, eu não poderia concordar menos. Triste ver a Cristina insegura por não receber apoio, e nem falo nada por ela continuar expulsa da casa. Odeio essa atitude do Owen, mas minha raiva mesmo por ele nessa temporada ainda está por vir...

Eu gosto desse caso da semana. Também lembro que fiquei me perguntando o motivo do destaque pro casal “Who” discutindo em casa e no carro, curti como tudo foi conduzido. E foi muito tendo o marido tendo que amputar a perna da mulher, eu tenho certeza que não conseguiria no lugar dele...

Meredith fugindo com a Zola... Oh Mer, o que você fez? :(

Episodio 8x1 - Nota 10 2014-03-07 20:40:49

Even good marriages fail. One minute you’re standing on solid ground, the next minute, you’re not. And there’re always two versions: yours and theirs. Both versions start the same way though. Both start with two people falling in love. Nobody gets married thinking it’s gonna fail. You think yours is the one that’s gonna make it. And so it always comes as a shock. The moment when you realize, it’s over. One minute you’re standing on solid ground. The next minute you’re not.

Do you have what it takes? If your marriage is in trouble, can you weather the storm? When the ground gives way and your world collapses, maybe you just need to have faith. And trust that you can survive this together. Maybe you just need to hold on tight. And no matter what, don’t let go.

Que amor ♥

Episodio 8x1 - Nota 10 2015-03-26 10:16:15

Sim!!!

Episodio 8x2 - Nota 10 2012-09-23 19:39:59

Por um momento eu pensei que Cristina fosse ficar com o bebê, mas.... Como eu já disse antes, estabeleço uma forte relação de amor e ódio com o Alex, porém desde o episódio anterior eu não estava sentindo tanta raiva assim e agora isso sumiu de vez. Achei muito lindo quando ele disse "Vocês são tudo o que eu tenho". Awwww. E ele abraçando a Meredith no final foi lindo também. Derek já me irritou MUITO, em diversos momentos durante essa série, mas nunca como agora... Meredith já fez tanta coisa pra ele e POR ele.. E quando ela mais precisa de apoio, é assim que ele retribui.

Episodio 8x2 - Nota 10 2014-03-08 20:13:20

“Vocês são tudo o que tenho”.
Que amor. Fiquei com o coração na mão quando ele foi espetado pela Cristina e teve aquela rápida parada cardíaca. Que horror. Mas já está na hora de perdoar, acho que de todos os lados foram erros “honestos”, sem fundo de maldade. E eles funcionam muito melhor assim, unidos.

Foi bonito a Cristina levando o Alex pra ajudar a Mer com o caso da Zola, e o abraço dos dois no final... Que continue assim! MAC é vida ♥

Eu também adoro o Richard assumindo a culpa pela Meredith. Sempre gostei muito desse personagem, inclusive fico sem entender quando alguns fãs da série dizem que ele é detestável. Só achei uma pena que apenas nessas circunstâncias ele finalmente consiga dar a Adele a atenção que ela, como esposa, merecia.

Foi bonito o Derek defendendo a Meredith pra assistente social no final, mas sério. Esse momento do personagem eu não suporto. É a coisa mais chata da temporada. Como eu disse antes, Mer já fez coisas pra ele e por ele, quando precisa do apoio do MARIDO ele praticamente dá às costas. Toda essa situação da Zola poderia muito bem ter sido evitada se ele não tivesse saído de casa. Acho um absurdo ele continuar fora sabendo que ela estava com o bebê que eles estavam tentando adotar. Mas enfim...

Falando na Zola, força para os dois. Por mais que esteja desgostando do Derek, eu amo MerDer e torço muito pela felicidade deles. Foi triste a despedida :(

Bonita atitude do Owen de apoiar a Cristina e segurar a mão dela nesse momento delicado. A gente vê que ela sofre por ter que interromper uma gravidez – já vi vídeos de computação na escola sobre isso e é uma coisa HORRÍVEL – mas fazer o que se ela não quer ter filhos?

A cirurgia do Gunther foi demais e eu adorei o Jackson ter conseguido liderar. Ele e a April merecem reconhecimento, considero-os tão bons cirurgiões quanto o trio original.

Calzona, Mark e Sofia é uma coisa tão linda que não tem como não ficar sorrindo que nem bobo. O final com eles indo acordar a bebê foi tão fofo, que vou te contar...

Lexie apagada ao EXTREMO no início dessa temporada. Ela nem sequer falou nesse episódio, só assentiu com a cabeça...

Enfim, eu amo essa temporada e esse episódio é incrível. ♥

Episodio 8x2 - Nota 10 2014-03-08 20:15:30

When my mother left my father, she didn’t tell him she was leaving him and taking me with her until we landed on the other side of the country. And those days, it was called family troubles. Today, it’d be called kidnapping.

You think that true love is the only thing that crush your heart. The thing that will take your life and light it out. Or destroy it. Then, you become a mother.

Episodio 8x3 - Nota 9 2012-09-23 19:40:25

Lexie que é bom..... Derek atingindo o ápice. Que coisa chata viu... A Meredith ama MUITO ele porque eu não sei se aguentaria esse tratamento por muito tempo. Afff ela faz tudo por ele e tudo o que ele faz é falar mal, dizer que não confia nela, que ela é louca, e etc... Não gostei do Owen chefe, mas notei mudanças no personagem... Ele tá mais suportável, antes eu não conseguia olhar pra cara dele.

Episodio 8x3 - Nota 9 2014-03-10 20:15:30

Esse momento da Cristina e Teddy sem saber como proceder na cirurgia foi muito engraçado, mas muito imprudente também! Pode até ser que seja um procedimento simples demais e que elas não o tenham realizado, mas no mínimo a Teddy, que estava auxiliando, devia ter entrado com o conhecimento necessário né...

E foi demais Cristina tentando entender através dos novos internos! A parte do “biiiii, ele está morto” com a menina fazendo cara de choro foi hilária! HAHA

Não curti a Arizona em cima do Jackson daquele jeito. E se ele fizesse algum erro enquanto ela estava tentando desencorajá-lo? Sei lá, ele já provou nessa temporada mesmo que é um cirurgião capaz e o trabalho dela é assisti-lo. Fiquei com pena por ele se ver obrigado a deixar o procedimento bem no meio.

Lembro que não tinha gostado do anúncio do Owen ser chefe, mas como agora eu já gosto do personagem, nem me senti muito incomodado. Dei risada com ele tentando uma “amizade” com a Bailey. E a expressão dela durante o anúncio foi DEMAIS! HAHAHAHA

O Owen sempre teve o “dom da liderança”, por assim dizer, mesmo que na maioria das vezes agisse de forma irritante... Mesmo considerando Richard Webber o CHEFE, ele tem tudo pra se dar bem no cargo.

Não consigo gostar do Derek nesse início de temporada. Concordo que é bonito, poético, ele dizer que continua amando-a mesmo estando odiando-a... Também entendo que é compreensível estar com raiva, afinal ele perdeu o estudo clínico e como o mesmo comentou, entrou pra lista negra da FDA... Mas sei lá, eu acho que Meredith já fez muitas coisas pra ele e por ele. Ela não tinha intenção de prejudicar ninguém... Derek podia tentar ao menos olhar pra ela... Enfim. Tudo o que quero é que eles voltem ao normal, por motivos de: MERDER É VIDA! ♥

E falando na Meredith, adorei ela na cirurgia. E gostei também quando enfrentou o Derek dizendo que estava certa e que foi bem-sucedida. Ela merece, assim como todos os outros colegas residentes.

LEXIE, WHERE ARE YOU?

Episodio 8x3 - Nota 9 2014-03-10 20:19:32

You work, you study, you prepare. Months and years leading to one day. The day when you step up. On that day, you have to be ready for everything. But there's one thing you can never quite prepare for: a day when you step down.

Sometimes, it happens in an instant. We step up. We become a leader. We see a path, and we take it. Even when we have no idea where we are going.

Episodio 8x4 - Nota 9 2012-09-24 18:16:16

Adorei a temática desse episódio... Foi bom terem focado só nos homens!

Episodio 8x4 - Nota 9 2014-03-11 20:52:26

Eu também gosto muito desse episódio. Legal mudarem vez ou outra a temática e a perspectiva em cima dos homens ficou ótima de acompanhar. Claro que as meninas fizeram muita falta, mas os plots desse episódio cobriu essa ausência muito bem.

Começando por Mark e Sofia que foi uma coisa muito linda. A carinha que ele fez quando viu que ela tinha rolado o sofá ♥
Depois todo preocupado porque ela não chorava. Hilário Alex beliscando só pra deixá-lo mais calmo HAHAHAHAHAHA E essa cena que ele exige que Jackson entre no carro é demais! Ele é uma excelente pessoa, acho que todo mundo adoraria ter alguém como Mark Sloan na vida... “Ninguém usa meu amigo” KKKKKK

Richard em um de seus melhores momentos. Adorei ele dançando com o Karev e pedindo a playlist de quando ele tá na OR hahahaha
E eu nem lembrava mais o que era a Mayfield 22, fiquei surpreso mais uma vez no final. Aliás, alguém notou o Jackson colocando o jaleco na cabeça pra sair despercebido do corredor? Eu dei risada! HAHAHAHA

Owen dando o soco naquele louco da ER foi digno de aplausos. Ele simplesmente deu um passo, aparentemente nem sabia bem o que estava acontecendo e BAM! Eu ri!

E eu também tô AMANDO a casa do Derek! HAHAHAHA

Episodio 8x4 - Nota 9 2014-03-11 20:52:53

There are distinct differences between male and female brains. Female brains have a larger Hippocampus. Which usually makes them better at attention and memory. Male brains have a bigger parietal cortex. Which helps when fending off an attack. Male brains confront challenges differently than female brains. Woman are hardwired to communicate with language, detail, empathy. Men, not so much. It doesn't mean that we're any less capable of emotion. We can talk about our feelings, it's just that… most of the time, we'd really rather not.

Be a man. People say it all the time. But what does that even mean? Is it about strength? Is it about sacrifice? Is it about winning? Maybe it's simpler than that. You have to know when not to man up. Sometimes it takes a real men to set his ego aside, admit defeat and start all over again.

Episodio 8x5 - Nota 9 2012-09-24 18:16:34

Adoooorei a mãe do Jackson, awwww! Tô ficando com muita raiva do Derek... TUDO ele culpa a Meredith, affff.

Episodio 8x5 - Nota 9 2013-10-05 21:18:50

Gláucia, olha o spoiler sobre a Arizona! Um amigo meu veio lamentar pois perdeu a surpresa ao ler o seu comentário :(

Episodio 8x5 - Nota 9 2014-03-12 20:40:12

A relação do Mark e Jackson é excelente nessa temporada. Quase chega aos pés da relação com o Derek, só não supera talvez pelo tempo de amizade e pelo monte de coisas que passaram juntos. Adoro essa cena que Jackson recebe o tapa na bunda HAHAHAHAHA Dá até pra shippar, se Mark não fosse da Lexie e tal...

Eu adoro muito a Dra. Avery. Ela é muito espontânea, só aparenta ser bastante rigorosa. Acho que prova disso foi ela dizendo pra April relaxar na cena do bar. Creio que outro cirurgião da vida estaria falando horrores do residente que cometeu o erro, mas enfim...

E eu acho esse caso do transplante de pênis um dos mais interessantes da série. Sem falar no tom cômico que toda situação levou, foi muito bom! HAHA

Vi comentarem que é inacreditável April continuar virgem trabalhando no SGMW e eu concordo plenamente! HAHAHAHAHA O que foi ela constrangida com a Dra. Avery falando sobre isso bem no meio da cirurgia? E adorei o “encontro armado” do final! <3

Tão lindo Meredith e Derek cantando pelo telefone pra Zola, aw. Muito amor.
E nem sei o que dizer da cena tensa que as portas do elevador se abrem e a assistente social encara MerDer e não diz nada... Meu, que coisa :/ Mas ao menos ela viu que eles estão juntos, Mer com a cabeça no ombro dele e etc ♥

Também DETESTO como a Bailey fica falando da Meredith. Entendo ela ter ficado chateada, mas nada a ver querer rebaixá-la e privá-la, diminuir a carreira dela por esse erro....... Menos Miranda, menos.
Agora vamos ver como as coisas vão ficar com o Ben! :D

Sobre Cristina cuidado da Zola e Owen na mesma cena, nem sei bem o que dizer. Ela realmente parece que seria uma excelente mãe, mas não esqueço da comparação que Meredith fez com a Ellis. É filho, obviamente ela iria amá-lo. Mas não tanto como uma mãe deveria. Acho que é melhor assim, se ela não quer...

Lexie, por favor, volte!

Essa temporada é só amor ♥♥♥

Episodio 8x5 - Nota 9 2014-03-12 20:45:25

A human body is designed to compensate for loss. It adapts, so it no longer needs the thing it can't have. But sometimes, the loss is too great, and the body can't compensate on its own. That's when surgeons get involved.

We're so hopeful at the beginning of things. But it seems like there is only a world to be gained. Not lost. They say inability to except loss is a for of insanity. It's probably true. But sometimes… it's the only way to stay alive.

Episodio 8x6 - Nota 9 2012-09-24 18:16:47

Eu gosto muito da April! Nunca tive nada contra ela... Mas ri muito com o Alex imitando ela! KKKKKKKKKK Miranda, apesar de ser uma das minhas personagens preferidas, anda me irritando muito com essas atitudes com a Meredith. Que saco!

Episodio 8x6 - Nota 9 2014-03-27 20:03:14

Eu adoro esse episódio. Ele é tão levinho – mesmo com todas as insinuações e tentativas de sexo hahaha – e passa voando, você nem sente!

Já estava na hora de vermos Meredith e Derek numa relação estável. Só fico com um pé atrás, ainda, pelo fato da Mer não poder mais atuar na área da neurologia. Derek podia perdoar ela no quesito profissional também, não só no pessoal, e deixá-la voltar a ajudá-lo. De qualquer forma, muito bom ter MerDer de volta! <3

Cristina e Owen estavam num fogo, que olha... Nunca tinha visto assim dentro da série HAHAHAHAHA só aquela parte da mensagem que Callie deu, já foi engraçado. Ri demais com eles sendo pegos pelo Richard, mais ainda quando ele apareceu no beliche de cima HAHAHA “É o meu”. E a risadinha da Cristina? Que amor.

Tem como não rir do modo como o Alex imitou a April? Como disse antes, gosto muito da personagem e adorei vê-la colocando ordem nos outros residentes. Bem chato mesmo o povo ficar rindo e dizendo que ninguém ouve o que ela diz e etc. Tava na hora de mostrar a autoridade que o cargo manda.

Também adorei a postura da Callie na OR com a Cristina, e mais ainda o que disse pra ela depois, sobre não deixar o quinto ano abalá-la. Foi o que aconteceu com o Alex, no fim perdeu a cirurgia...

Meredith muito amor fazendo a pesquisa e praticamente gritando com a Bailey, eu adorei HAHAHAHA Mas sério, comentei antes e repito: Dá muita raiva esse modo como Miranda rebaixa a Meredith... Tá na hora de parar!

Enfim, excelente episódio! <33

Episodio 8x6 - Nota 9 2014-03-27 20:03:35

As babies, we were easy. One cry meant you were hungry, another you were tired. It's only as adults that we become difficult. We start to hide our feelings, put up walls. It gets to the point when we never really know how anyone thinks or feels. Without meaning to, we become masters of disguise.

It's not always easy to speak your mind. Sometimes you need to be forced to do it. Sometimes it's better to just keep things to yourself though. Play dumb. Even when your whole body is aching to come clean. So you shut your mouth. Keep the secret. And find other ways to make yourself happy.

Episodio 8x7 - Nota 10 2012-09-25 10:08:22

Aleeeeeex ♥ E a Cristina rindo que nem louca quando a Lexie acertou a bola no peito da mulher? HAHAHAH Falando em Lexie, ainda não entendi porque ela não voltou pro Mark! Jackson é fofo e tals mas Lexie e Mark é VIDA!

Episodio 8x7 - Nota 10 2014-03-28 20:02:57

Eu amo esse episódio de uma forma que nem consigo descrever. À primeira vista ele parece ser pesado, pelos casos um tanto complicados que são apresentados, mas ao mesmo tempo é tão leve e bonito com esse jogo. Como não amar?

Eu ADORO essa cena da Lexie jogando a bola no peito daquela outra médica HAHAHAHAHAHA Slexie é vida, tá demorando demais pra eles voltarem a ficar juntos. Lexie já viu que o fato do Mark ter uma filha não é motivo pra atrapalhar a relação dos dois.

E como a maioria, nessa parte eu fico com muita pena do Jackson. Gosto demais do personagem e acho que ele combina com Lexie sim, mas né... Já sabemos a quem ela pertence e vice-versa. :)

Muito bom Meredith enfrentando a Miranda, tava demorando. O primeiro confronto no hospital foi muito engraçado. “São os diários da minha mãe” HAHAHA morro de rir com a expressão das duas. E depois tem esse momento ÉPICO no campo. Mer bêbada, Miranda batendo de frente. Realmente, só faltou as duas saírem no tapa! HAHAHAHA Muito bom o Richard intervindo e dando o jeito dele de fazer as coisas funcionarem entre as duas.
Miranda tem que deixar de lado esse rancor. Só ela persiste nisso...

A paciente do Derek é um caso muito tenso. Mas fico muito feliz por ter dado tudo certo, a felicidade da mãe é tão envolvente. E fica ainda mais interessante notar que ele tá ousando e alcançando excelentes resultados... Dá um orgulho!

Muito bom ver a Cristina pela primeira vez não ousando como sempre faz na OR e dando espaço pra April. Adorei a conversa com a Teddy, e ainda mais o presente que ela vai receber. “Nós terminamos, você está graduada”. AW.

Nem comento muito sobre o Alex. Apenas que essa atitude só me deixa mais orgulhoso dele. Muito bom vê-lo correndo e passando por cima da ética pra ajudar Mer, Derek e a Zola. Que amor! ♥

Outro bom momento foi a Callie arrasando na cirurgia com a mão daquele homem. Adorei a cara que ele fez quando acordou e viu que os dedos ainda estavam lá. Callie realmente foi uma heroína nessa, haha.

Essa cena final é uma das minhas preferidas. Eu ADORO quando os episódios fecham mostrando todos os personagens juntos, de forma descontraída, todos muito felizes – April animada demais haha.

Essa série é só elogios e só alegria pra mim.

Episodio 8x7 - Nota 10 2014-03-28 20:03:27

Surgeons can't be lazy. The risks are too great. The second we stop pushing ourselves, something terrible happens. Something we never see coming.

So we may not always be winners. But we're not lazy. We take chances, we go for broke, swing for the fences... And sometimes, yeah. We strike out. But sometimes, you get a home run.

<333333

Episodio 8x8 - Nota 9 2012-09-25 10:08:37

Meeeeu Deus, que saudades George e Izzie! Esse episódio foi maravilhoso, e lindo demais! Tanto as cenas com a Mãe O'Malley, como os outros plots... Gostei muito da Meredith e Miranda na cirurgia, ela falando que o George era seu favorito e por fim cedendo conselhos a Mer... E a Callie também. Aquela cena final das duas foi de matar! Episódio sensacional!

Episodio 8x8 - Nota 9 2014-03-29 20:02:55

Esse episódio é memorável. Assim como tantos outros da série e dessa temporada, fico sem palavras pra descrever o quanto gosto de assisti-lo.

Acho muito tocante a visita da Sra. O’Malley pro hospital. Traz lembranças demais e muitas saudades. George era provavelmente o personagem mais humano da série e teve uma morte horrível, trágica... Não merecia.
E a Izzie... Por mais rancor que tenha da Katherine Heigl por abandonar a série daquela forma, eu gosto muito da personagem e tinha muita esperança de vê-la de volta. Ela também faz muita falta, isso é inegável. Aquela meiguice... Ai :(

O momento final da Louise com a Callie é muito bonito. Uma das minhas cenas preferidas. Como conter as lágrimas com ela toda contente por Callie ter uma filha? Ainda mais por ela nem se importar com o fato do casamento ser com outra mulher. Tão fofa <3

Miranda e Meredith na OR também foi excelente, uma das melhores cenas. “He was my favorite. George O’Malley. He was”. Muito linda. E adoro ver ela se redimindo e dando conselhos pra Meredith conseguir dar a impressão certa pro tal juiz. Tava na hora de deixar de lado o que ocorreu com o estudo, afinal ela era a única que seguia com isso.

Eu adoro essa escritora, e como a Lexie se envolve com os personagens do livro. Também acho que Shonda colocou nela tudo o que os escritores realmente pensam quando se trata de suas obras e destinos de personagens. E eu adoro a atriz também.

Richard falando do Coração na Caixa e dando uma luz pra Cristina foi muito bom, ainda mais no final quando mostrou uma lista de cirurgias também HAHAHA eu adoro esse plot.

Eu amo demais essa amizade que Mark constrói com o Jackson. Muito engraçado Mark falando dele como se estivessem em um relacionamento amoroso, e o momento final entre os dois foi ótimo HAHAHA

Falando no Jackson, fez bem ele deixar a Lexie... Como já comentei antes, acho que os dois combinavam sim. Não via problema. Mas é aquela, né... Mark é da Lexie, e Lexie é do Mark. Então...

E agora vem essa bomba com o Henry vomitando sangue. A gente entra ainda mais em pânico quando vê a Teddy dizer: “você vai ficar bem”, e em seguida, no voice-over, a Meredith dizer: “nem sempre”. AI.

Enfim, episódio sensacional. Um dos melhores da série. <333

Episodio 8x8 - Nota 9 2014-03-29 20:03:14

Say you're in the OR. Repairing the Vena Cava. When suddenly, everything goes to hell. So, you cut this, suture that and soon, that crappy situation is a thing of the past. Too bad you can't meet all of life's challenges with a surgical scalpel. I mean... you could try. But I'm pretty sure that would be considered assault.

It's a little bit horrifying just how quickly everything can fall to crap. Sometimes, it takes a huge loss to remind you of what you care about the most. Sometimes, you find yourself becoming stronger as a result. Wiser, better equipped to deal with the next disaster that comes along. Sometimes... but not always.

Episodio 8x9 - Nota 10 2012-09-25 10:08:53

Ai meu Deus, tadinha da Teddy. Não esperava por essa morte, fui pego de surpresa! E quando a Cristina descobre que o Henry era o paciente?! Quase morro de aflição com Alex, Meredith e a criança dentro da ambulância, parecendo que eles estavam capotando. Por um momento, eu pensei que quando eles abrissem a porta, perceberiam que estavam na beira de um barranco... Porém fiquei chocado quando a cena se abriu e todas aquelas pessoas desmaiadas, ou mortas, no chão... E fiquei com muita pena da Meredith por causa da Zola. Pensei que o Derek, MAIS UMA VEZ, iria culpá-la.

Episodio 8x9 - Nota 10 2014-03-31 20:17:01

Mais um episódio fantástico pra uma temporada excepcional.

Começando por toda a situação do Henry com a Teddy. Os momentos de apreensão da cirurgia quase acabam comigo. Lembro que fiquei chocado com a morte dele, nunca esperei que fosse realmente acontecer. Daí vem aquela trilha sonora magnífica pra piorar tudo, depois a reação devastadora da Cristina ao saber quem era o paciente e, ainda por cima, Owen se vendo obrigado a mentir para a amiga sobre a morte do marido... Complicado e triste demais.

Daí depois disso, vem aquele acidente da ambulância que acaba por destruir tudo logo de uma vez. E mesmo que a gente esteja esperando que algo de ruim fosse acontecer – alô, é Shondanás –, ainda assim ficamos perplexos. A batida foi muito de repente e eu só imaginava que eles estariam à beira de um barranco na primeira vez que vi. Fiquei todo arrepiado mais uma vez quando a imagem vai se abrindo e mostrando todas aquelas pessoas estiradas pela estrada (notei um com a perna retorcida, inclusive). É uma das melhores cenas da série. E como não temer por Mer, Alex, até pela bebê que eles foram buscar? Ai que horror. Grey’s Anatomy e seu poder sobre mim...

Agora falando da Zola, parte meu coração a Mer dizendo pra Cristina no início que a Janet mandou eles “seguirem em frente”. Poxa. E repito meu comentário anterior: fico muito surpreso MESMO com Derek dizendo que Meredith irá culpá-lo, porque ela não queria filhos e tinha se apegado à Zola por causa dele... Já que, geralmente, tudo o que acontece ele joga a culpa nela.

Enfim, episódio com selo Shondanás de qualidade. Selo de morte, tensão, angústia também. Um dos melhores da série. <3

Episodio 8x9 - Nota 10 2014-03-31 20:17:20

I had a terrible day. We say it all the time. A fight with the boss, a stomach flu, traffic. That's what we describe as terrible. When nothing terrible is happening.

It seems quaint now, doesn't it? The flood in the kitchen, the poison oak, the fight that leaves you shaking with rage. Would it have helped if we could see what else was coming? Would we have known that those were the been the best moments of our lives?

Episodio 8x10 - Nota 10 2012-09-25 20:15:00

AWWW ZOLA IS BACK! Quase chorei de felicidade por Mer e Derek! awww! Que tristeza sem tamanho a Teddy recebendo a notícia da morte do Henry, nossa. :( E a menina que viu a Avó, a Mãe e o Pai falecerem no dia do aniversário? Meu Deus...

Episodio 8x10 - Nota 10 2014-04-01 21:02:24

Sem palavras pra carga dramática pesada que esse episódio apresenta.

Começando por Henry e Teddy, que tem esse desfecho tão triste e tão trágico. Nem sei o que dizer sobre Cristina ficar na OR com a Teddy, tentando aliviar sua própria tensão imitando a April – aliás, achei hilário, fez a voz igualzinho! – e depois naquele momento do “whoo”.

A cena que Cristina conta a verdade me destruiu. Sandra Oh em mais um de seus melhores momentos na série. Cristina tentando se comportar como uma médica profissional dando a notícia, e assim que fica sozinha, derruba aquelas lágrimas... Momento humano sensacional da personagem.

Sobre Teddy, fiquei no chão com a expressão dela. Na primeira vez que assisti, também esperei que ela fosse ficar possessa e dar um tapa na Cristina. Mas Grey’s nunca erra e acertou bonito no drama que a cena envolveu.

Ainda no mesmo episódio, temos aquele caso que é um dos mais tristes, trágicos e tocantes de toda a série. Primeiro a menina ouve dizer que o cérebro da avó está na estrada e que ela morreu. Depois, vê a mãe morrer. Em seguida, tem que permitir que desliguem os aparelhos do pai para que ele não sofra... E justo no dia do aniversário de 18 anos.

Fiquei muito emocionado com todas essas sequências, tanto do caso aleatório quanto da Teddy, e por isso considero esse um dos melhores episódios de toda a série.

Agora, sobre os plots mais levinhos... Alex cuidando da bebê foi muito amor, se impondo contra Arizona... Mas fiquei preocupado quando ele disse que se esqueceu de realizar um procedimento que já tinha realizado.

A médica namorada do Mark dizendo aquelas coisas pra Lexie no fim foi ótimo. E adorei-a em todas as cenas da cirurgia também. Lexie dizendo que “agora gosta dela” foi demais HAHAHAHA
Mas Mark Sloan, meu querido: ALÔ! Não tá vendo que Lex tá doida pra voltar pra você?!

E por fim, em meio a tantos momentos tristes e tragédias, me vem essa cena espetacular da Meredith sem palavras na porta, por ver a Zola de volta. Chorei de emoção, foi muito bonito. A reação dela, do Derek, até mesmo aquele sorrisinho da assistente social e o fato de vermos Zola de volta é demais pro meu coração. Também considero essa cena uma das melhores. Muito linda.

Episodio 8x10 - Nota 10 2014-04-01 21:02:53

Victims of a sudden impact are some of the hardest to treat. It's not just the collision that injures them. It's everything after. The centrifugal force keeps them moving, tossing them from vehicles, throwing them through windshields, slamming their internal organs into the skeleton. Their bodies are injured over and over again. So there's no way to know how much damage has actually been done. Until they stop.

You can't prepare for a sudden impact. You can't brace yourself. It just hits you. Out of nowhere. And suddenly, the life you knew before is over. Forever.

:/

Episodio 8x11 - Nota 9 2012-09-25 20:15:25

Amei Mer e Miranda na cirurgia! KKKKKKK Muito hilárias! Me irritei com a Teddy fazendo a Cristina repetir todo o procedimento, mas depois isso passou. :)

Episodio 8x11 - Nota 9 2014-04-02 20:24:11

Eu adoro essas cirurgias complicadas que reúnem todos os cirurgiões do hospital. As poucas vezes que presenciamos algo assim foram memoráveis. E é mais legal ainda ver os pais jovens preocupados com as filhas e se amando daquele jeito – até exageradamente, tadinha da Lexie! HAHA. Adoro essa participação da Holland ♥

Não entendo como tanta gente odeia a Arizona assim, nunca enxerguei toda essa chatice que as pessoas veem, mas devo concordar que nesse episódio ela passou um pouco dos limites. O Owen tinha que ter visto, em primeiro lugar, que todo aquele alarde iria fazer os cirurgiões ficarem pressionados demais e, consequentemente, desmotivados... Mas enfim...

Também acho sacanagem o que o Richard fez com o Alex. Mas eu gostei da “lição” que ele disse ter ensinado no final. Ao menos agora Alex vai ficar mais espero quando estiver em uma situação parecida. HAHA

Sobre a Teddy, fiquei com muita pena dela durante todo o episódio. Acho muito abusivo ela ficar pedindo toda hora pra Cristina repetir todo o procedimento, desde que entrou na OR até o momento que declarou a hora da morte, mas nem dá pra ficar com raiva dela porque estava apenas tentando entender tudo o que tinha acontecido. Esse final, com ela dizendo “you were me” e “he just died” foi de partir o coração. E as lágrimas nos olhos da Cristina? Triste!
Aliás, curti o momento que a April explodiu e pediu pra Teddy parar. Dose certa de drama, como sempre.

Adoro Bailey e Ben na cirurgia, ainda mais com a Meredith no meio tentando fugir do assunto “vida pessoal” dos dois HAHAHAHAHA.

E por fim, temos mais uma vez esses momentos sensacionais entre Meredith, Derek e nossa amada Zola. Eu já gostava muito de MerDer antes, mas agora eles embarcam em uma fase que é só amor, meu afeto por eles só cresce. Tão bonito ver como o relacionamento deles começou, e após tantos altos e baixos, estão aí, juntos, firmes e fortes, começando uma família com uma ação tão bonita. É amor demais!

Episodio 8x11 - Nota 9 2014-04-02 20:24:23

Have you ever the starring role in a play? A solo in a recital? All eyes on you. Waiting for you to do what they came to see. Feeling the incredible pressure to perform. There was a time when they used to call operating rooms an operating theatre. It still feels like one. Scores if people get ready for the show. The sets are arranged, there are costumes, masks, props. Everything has to be rehearsed, choreographed. All leading to the moment when the curtain goes up. You know what they say about the Carnegie Hall: there's only one way to get there.

If only life was just a dress rehearsal. And we had time for do-overs. We'd be able to practice and practice every morning, until we got it right. Unfortunately, every day in our lives is its own performance. It seems like even when we get a chance to rehearse, and prepare, and practice… we're still not quite ready for life's grand moments.

Episodio 8x12 - Nota 9 2012-09-25 20:15:44

Essa temporada tá superando tudooo! Coitada da Adele e Richard. E fiquei muito triste com a história do menininho. Eu SEMPRE odiei o Owen... Nessa temporada esse ódio tinha diminuído mas agora aumentou... Concordei com ele até certo ponto naquela discussão com a Cristina, mas quando ele disse: "YOU KILLED OUR BABY" eu quis entrar naquela cozinha e arrancar a língua dele fora. Maldito!

Episodio 8x12 - Nota 9 2014-04-03 20:28:19

Sobre o Owen, dá pra você concordar com ele até certo ponto. A Teddy e Cristina pegaram pesado desrespeitando o chefe de cirurgia e rindo da cara dele, verdade. Mas gente, depois ele colocou ali, no meio de uma festa de aniversário de criança, questões pessoais sobre o casamento deles. Eu nunca vou perdoar esse momento que ele grita pra quem quiser ouvir: “YOU KILLED OUR BABY!”. NÃO. Isso é INACEITÁVEL. Primeiro que essa discussão sobre ter filhos é VELHA. Cristina desde que entrou na série e desde que o conheceu, sempre deixou bem clara essa escolha. E segundo, quando ela ainda estava grávida, não conseguiu abortar enquanto não soubesse que ele estaria lá pra ela. E o que ele fez? ELE SEGUROU A MÃO DELA DURANTE O PROCEDIMENTO.

Então, eu acho “ok” vocês concordarem em relação à cirurgia que elas roubaram e fizeram pelas costas dele. Mas concordar com a questão SUPER pessoal que ele decidiu lavar ali, naquele momento, é INACEITÁVEL. Não tem como passar a mão na cabeça e “ficar do lado dele” depois dessa, acabou perdendo a razão. A expressão que Cristina fez... Fico sem palavras.

Agora falando de outros momentos: fico muito triste com o tumor do menino sendo inoperável. Ele dizendo pra mãe que vai encontrar com o pai no céu é de partir o coração. Fiquei emocionado. Não imagino a dor e o desespero dela sabendo que irá perdê-lo em tão pouco tempo...

Muito feliz pela cirurgia 10.000 do Richard. Gosto demais do personagem.
E acho muito triste quando a Adele aparece no hospital, depois na área que nunca lembro o nome onde eles assistem as cirurgias... O pior do Alzheimer dela, é que voltou a viver na época mais difícil da vida que foi a traição do Richard. Difícil pra ela e difícil pra ele também, que tem que viver com esse peso, mesmo tendo se arrependido e já estar há muitos anos no passado...

E pra quem não sabe, a atriz que faz a personagem, Loretta Devine, ganhou um Emmy de melhor atriz coadjuvante por essa temporada. Ela é espetacular.

Sobre Teddy, volto a falar: ok, foi errado elas roubarem a cirurgia do Alex e rirem da cara do Owen, mas de certa forma eu fico contente por vê-la sorrindo depois de todo o drama que viveu – e vive – pela morte do Henry.

Não lembrava o quanto essa namorada do Mark era legalzinha! HAHAHA
Mas NÉ: Mark e Lexie pra ONTEM, por favor. Agradeço desde já.

Zola muito linda na festa. Sofia também. Morro de amores por momentos descontraídos assim, onde eles todos se reúnem e passam um bom tempo juntos. Uma pena que o Owen tenha estragado tudo lavando roupa suja justo naquela hora.

Enfim, um dos melhores episódios da série. Temporada excepcional.

Episodio 8x12 - Nota 9 2014-04-03 20:28:46

“There’s nothing else we can do for you.” These are the last words a surgeon wants to tell a patient. Giving up doesn't come easy to us, so we do everything in our power not to. For surgeons, a lost cause just means – try a little harder.
When do you throw in the towel? Admit that a lost cause is something just that? There comes a point where it all becomes too much. When we get too tired to fight anymore. So we give up. That's when the real work begins. To find hope where there seems to be absolutely none at all.

Episodio 8x13 - Nota 9 2012-09-26 12:06:53

Ri muito com esse episódio! KKKKKKKK Mostrando todos eles sem se dar bem um com o outro como acontece na realidade e por fim todos se descobrem com ligações... Alex e Meredith noivos KKKKKKK Quando ela disse que tinha ficado noiva, eu pensei no Mark! E adorei o Richard como pai dela. Imaginem se fossem assim? A aparência da Cristina definitivamente fez jus a personalidade dela... Aquele cabelo lisinho e a cara fechada já mostram a personalidade que ela tem né! Enfim, MUITO bom! Bem light e satisfatório. E foi ÓTIMO ver a Addison de novo! ♥

Episodio 8x13 - Nota 9 2014-04-04 19:59:59

Eu amo demais esse episódio. Adoro quando as séries abordam um universo paralelo alguma vez em sua longevidade, e Grey’s fez isso muito bem. Como sempre faz.

Realmente, é interessante demais você observar atentamente todos os detalhes que os roteiristas e produtores incluíram aqui. Abro um sorriso de ponta a ponta quando começa a tocar a primeiríssima música a fazer parte da trilha da série. E aí começam as grandes surpresas...

Comentei antes que jurava que a Meredith estava noiva do Mark. Fiquei surpreso demais quando o Alex a beijou HAHAHAHAHAHA foi interessante, mas só em universo paralelo mesmo. Eles funcionam muito melhor como os BFF’s que são.

Acho a Bailey tão fofa com aquele cabelo. E fico com muita pena dela por no fim, acabar sendo demitida pelo Richard, que é forçado por Ellis... Ainda bem que a Bailey real é beeeem diferente. O diálogo que ela tem com o Alex no elevador é demais! Adoro.

Falando no Richard, é outra grande surpresa vê-lo como pai da Meredith né! E sei lá, eu curti a dinâmica entre os dois, assim mais próxima...

Odeio a April sendo a melhor amiga da Meredith e depois a traindo, indo pra cama com o Alex. Indigna! HAHAHAHAHA

E Alex, até no universo paralelo você tem que dar um jeito de se prejudicar, né? Mas como comentei, o diálogo final com a Bailey foi incrível. Foi bom vê-lo chorando e se dando conta que tinha tudo e perdido por bobagem... Pois é!

Acho que acertaram bonito na caracterização da Cristina nesse episódio, porque teve tudo a ver com o que ela representou aqui. Aquele corte de cabelo deu um tom bem mais frio e maldoso pra ela, ficou demais!

Amo as menções que fazem pra Izzie, pena ela ter sido dedurada pela Mer!
Felizmente o George não morreu nesse universo paralelo, mas uma pena que não tenha aparecido. Queria muito ver os dois novamente na série! :(

Addison com um destaque mil vezes superior aos das duas últimas temporadas... É sempre muito bom vê-la de volta a Seattle. Amo!

Fico chocado demais com a Lexie e com sua quase morte... Gente, já pensou?

E por fim, o Charles! Sempre rio e fico surpreso com o “shoot me now”. Muita maldade e muito irônico, coitado! HAHAHA

Enfim, muito interessante observar que, mesmo com TANTAS diferenças, o destino iria juntá-los de qualquer forma... Morro de amores por Meredith e Derek no final, falando sobre ser “um cara e uma garota no bar”. Meredith e Cristina se aproximando... Callie e Arizona também. Cristina e Owen, de certa forma... Bom, só amor! <3

Episodio 8x13 - Nota 9 2014-04-04 20:00:21

The baby you have is the baby you were destined to have. It was meant to be. That's what all the adoption people tell you. Anyway... I like to think it's true. But everything else in the worlds seems so completely random. What if one little thing I said or did could have made it all fall apart? What if I've chosen another life for myself? Or another person? We might have never found each other. What if I've been raised differently? What if my mother had never been sick? What if I've actually had a good father? What if?

Your life is a gift. Accept it. No matter how screwed up or painful it seems to be. Some things are going to work out as if they were destined to happen. As if they were just meant to be.

<333

Episodio 8x14 - Nota 8.5 2012-09-26 12:07:23

Alguém por favor dê um tiro no Owen?! Eu amo a Cristina e sei que ela consegue uma pessoa bem melhor que essa praga. Ainda não entendi porque ela o ama tanto! Super chato, super zzzZZZZzzz. Apoia ela nas decisões pra depois ficar jogando na cara? Vai pro inferno coisa ruim! Adorei o final, com Lexie, Mark e Jackson no apartamento, hahaha. Miranda e Ben é muito amorrrr! Enfim, AMEI o episódio! ♥

Episodio 8x14 - Nota 8.5 2014-04-05 20:13:56

Não é nenhum segredo que, pela primeira vez que assisti a série, odiava o Owen com todas as minhas forças. Ele só conseguiu conquistar meu respeito na 9ª temporada.

Assistindo a série pela segunda vez, minha raiva pelo personagem decidiu sumir da 5ª temporada até agora, com exceção de alguns poucos momentos. Mas sério, não entendo quem consegue apoiá-lo nessa fase da série, porque não dá. Ele evitando a Cristina é a pior coisa do mundo. Ele se mostra uma pessoa sem caráter, SEM PALAVRA, porque é tudo por causa do bebê que ela abortou, sendo que ele estava lá pra ela quando isso aconteceu.

Atualmente eu amo Crowen, eles já passaram por MUITA coisa e realmente é um casal bem intenso. Amo Cristina se declarando e pedindo pra ele não odiá-la. Mas esse afastamento, esse negócio de ir pra casa da mãe e etc, não dá. Só me deixa com o mesmo pensamento de antes: Yang, meu amor, você consegue homem melhor.

Porém, pra não dizer que a imagem dele tá bem ruim comigo nessa fase, fiquei com certa pena quando a Teddy disse que o “odeia com todas as células do corpo”, e que “preferia que ele tivesse morrido” e etc. Foi bem pesado! :(

Agora falando do episódio de modo geral, foi excelente. Adorei a toda a vibe do dia dos namorados. April enfeitando todo o hospital – adorei as caretas que ela fazia pro Owen por causa das flores.

Meredith e Derek tentando ficar sozinhos HAHAHAHA e por favor, como não amar a cena final deles, com todos os risinhos subindo correndo as escadas? MerDer é VIDA! ♥

Callie também uma fofa preparando a surpresa pra Arizona. “Eu sei que você odeia acampar!” AW. E quanto tempo o trailer não aparecia, né? Saudades.

Ben e Bailey é um amor só. Adoro a surpresa dele, e mais ainda a cara de feliz e sem graça que ela faz quando se senta à mesa.

Muita pena do Richard dizendo que a Adele não o reconheceu e que está se apaixonando por ele de novo... Acho essa situação uma das mais tristes da série. Maldita doença! Ele tendo que ficar no hospital após preparar uma noite com a esposa e não dar certo por isso... :/

Adoro o final com Lexie na presença do Mark e Jackson HAHAHA
Mas desejo do fundo do meu coração que Mark tivesse mandado o Jackson embora, pra Lexie dizer de uma vez tudo o que sente e eles voltarem a ficar juntos. PASSOU DO TEMPO!

Fico muito triste pelo casal namorando há 8 anos. Meu coração fica despedaçado quando Lex abre o colar e o pedido de casamento tá lá dentro. Difícil tentar imaginar a reação da mulher quando pegá-lo de volta e ver o que ele pretendia... Que horror. :(

Muito bonito o casal mirim e a carta que o menino deixa pra ela. HAHA

Enfim... Demais. Grey’s é Grey’s. <3

Episodio 8x14 - Nota 8.5 2014-04-05 20:14:13

There are times in our lives when love really does conquer all: exhaustion, sleep deprivation, anything. And then there are those times when it seems like love brings us nothing but pain.

We're always looking for ways to ease the pain. Sometimes we ease the pain by making the best of what we have. Sometimes is by losing ourselves in the moment. And sometimes all we need to do to ease the pain is call a simple truce.

Episodio 8x15 - Nota 8.5 2012-09-26 12:07:41

MORRE OWEN DESGRAÇADO! MORRE! Aplaudi de pé quando Cristina disse: "Você estava segurando minha mão quando tomei essa decisão". Ele merecia levar um tapa na cara por causa de tanta hipocrisia. E tô começando a encontrar MUITAS semelhanças nele com o Burke! O que a Cristina falou era verdade: Ele já conhecia ela muito bem quando se casaram e agora simplesmente quer que ela mude. INACEITÁVEL. Odeio os dois juntos e quero que eles sumam! E quero que a CRISTINA se separe dele, e não ele dela... Ele não merece ela, que é boa demais pra ele. Aquele começo com o Richard falando sobre a Mer com a Callie parecia cena de filme em que os vilões tramam contra os mocinhos! KKK

Episodio 8x15 - Nota 8.5 2014-04-07 20:59:32

Sabe o que é mais frustrante em toda a situação da Cristina e Owen? Ele EXIGIR que ela entenda o lado dele, mas não compreende o dela. Já comentei nos dois episódios anteriores e repito que não tem como, nem por um segundo, ficar ao lado dele em nenhum aspecto da discussão. Como comentei antes, ele sabia da decisão dela quanto aos filhos. Ele estava lá pra ela quando fez o aborto. E agora vem essa crise existencial e essa necessidade de provar que está certo, quando não está?

Quanto a parte que falam da Meredith: achei desnecessário ele jogar na cara a quantidade de tempo que passam juntas. ALÔ. Elas cresceram profissionalmente juntas. A amizade existe desde o primeiro ano como internas. Segundo, ele dizendo “be my person” não faz o mínimo sentido, quando ele que não está concordando em ser o “my person” dela. Cristina se declara, chora, diz que precisa dele, pede pra não ser abandonada, e tudo o que ele consegue enxergar é o aborto. Por isso que sempre vou dizer: nessa fase atual Crowen, é muito melhor a separação. Cristina merece ser compreendida. Logo, merece alguém melhor que ele.

Amo aquela cena inicial do Richard aparecendo no escuro falando sobre a Mer e sumindo. Como comentei antes, é a cara daqueles filmes em que vilões tramam contra os mocinhos! HAHAHA Só que aqui foi uma coisa boa.

Aliás, foi ótimo ver Callie e Meredith juntas. Esse método de ensino dela até que é bem eficiente. Adorei ela perguntando pra Mer se ela tinha certeza pra tudo o que fazia HAHAHA.
E o caso foi muito tenso. Fiquei agoniado com aqueles dedos. Se a Mer, que é cirurgiã, tava quase vomitando dentro da OR... – e o Alex apostando foi engraçado! HAHA.

Coisa rara de ver: Miranda Bailey sendo convidada a se retirar de uma OR. Mas fiquei totalmente do lado do Jackson e Mark. Ela não permitiria que ninguém ficasse nem por um segundo falando no ouvido dela durante uma cirurgia. Foi realmente bem antiética.

Gostei da participação da Amelie. Não teve todo aquele destaque e não prejudicou em nada o crossover com Private Practice. Tô até pensando em começar essa série HAHA.

Alex preocupado com a Morgan depois, que amor <333

Enfim, ótimo episódio.

Episodio 8x15 - Nota 8.5 2014-04-07 20:59:51

When you've tried everything, but that headache won't go away, you can't stop coughing, the swelling won't go down... That's when you turn to a professional. As surgeons, we spend years developing skills of perception that allow us to see exactly what the problem is. The trouble is, some times all that time spent developing those skills of perception can leave a person with an extremely narrow point of view. And how are you supposed to argue with someone who has science on their side?

Actually, finding out that you've been looking at things all wrong can be sort of liberating. And suddenly you see a new potential where you've never seen it before. And that's all fine when a hopeless situation suddenly looks good. Unfortunately, some time it goes the other way.

Episodio 8x16 - Nota 9 2012-09-26 18:19:03

Ai Owen, vai dar uma voltinha no inferno, por favor?! Fiquei com muita pena do Richard, tadinho, e mais ainda da Adele... Que situação! :(

Episodio 8x16 - Nota 9 2014-04-08 19:41:48

Não aguento a Adele desse jeito. É muito triste ver uma pessoa se deteriorar assim, sem ninguém poder fazer nada pra amenizar o sofrimento dela. A cena que ela quebra tudo na sala de jantar e diz que os pais estão chegando é muito triste. E mais ainda quando o Richard chora... Também foi triste ela dizendo que prefere ir pra clínica, e perguntando se tinha machucado a mão dele. :(

Sobre o Owen: Nem tenho muito a discutir. Nesse episódio felizmente a babaquice dele não teve um grande destaque. Fico triste só pela Cristina, que agora está com essas suspeitas de traição tudo porque ELE não quer se conectar com ela. Ridículo.

Meredith toda entusiasmada no início falando sobre a Callie foi engraçado!
E esse foi mais um caso interessante que elas pegaram. No fim fiquei com pena do cara por acreditar que tinha um relacionamento com a menina só porque ela sabia qual prato ele sempre iria pedir. Cristina dizendo que ele “tinha que parar”... Que pena! :/

Alex e Lexie na pediatria foi muito bom. Eles funcionam de qualquer forma juntos. Seja como casal ou como amigos. E adoro ele mostrando as fotos das crianças que nasceram prematuras, atualmente bem de saúde. Uma motivação e tanto pra cuidar daquelas que estão na mesma situação.
Arizona sorrindo <3333

Mark como sempre impagável. O diálogo com a April insinuando que ela devia transar com Jackson foi demais. A cara de assustada que ela fez KKKKKKKK

E por fim, Derek com Zola descabelada. Até eu fiquei meio WTF na primeira cena, com o cabelinho dela de qualquer jeito HAHAHAHA
Mas achei exagerado também aquela mulher ficar olhando com aquela expressão pra eles. Qualquer um pensaria que era racismo, né?

Enfim, ótimo episódio! <3

Episodio 8x16 - Nota 9 2014-04-08 19:42:07

As surgeons we're trained to consult with each other to get opposing views. We even encourage patients to seek second opinions. But why seek a second opinion when you know that you're right? Because if we're honest with ourselves, the surgeons are more like cowboys. We're more likely to go it alone.

You can seek the advice of others, surround yourself with trusted advisers. But in the end, the decision is always yours, and yours alone. And when it's time to act, you're all alone with your back against the wall. The only voice that matters is the one in your head. The one telling you what you probably already knew. The one that's almost always right.

Episodio 8x17 - Nota 9 2012-09-26 18:19:30

Meu ódio pelo Owen já era absurdo... Agora TRIPLICOU. FDP! Trair a Cristina meu...... affffff tô muito revoltado com essa situação. Ela simplesmente tem que mandar ele pra fora de casa. Meredith nem queria participar daquela cirurgia pra depois o Derek ficar com cara feia... Pelo menos ele não mandou ela sair do quarto!

Episodio 8x17 - Nota 9 2014-04-09 19:27:44

Owen se prova um personagem tão desprezível e ridículo nessa temporada, que dizer isso um milhão de vezes nunca vai ser o suficiente. Não acho que a Cristina seja uma barra dentro do casamento. Isso acontece no meio profissional. E nunca vou concordar com essa traição, ela não merece. Ainda mais se levarmos em conta que tudo o que ele diz, toda a indiferença, é em base no aborto que ela fez. Não dá pra aceitar, não dá pra entender.

Não me conformo com Cristina disposta a consertar as coisas, preocupada, achando que ele tá traindo... E ele lá, fazendo isso mesmo. Ele próprio cai em contradição, dizendo coisas como “be my person” se é isso que ela tá tentando fazer e ele tá afastando. Disse isso nos episódios anteriores: Nesse momento da série, tudo o que quero é o divórcio desses dois. Cristina não merece esse tratamento. Ele nem precisou dizer “eu te traí e a culpa é sua” pra sabermos que é exatamente isso que passa na cabeça dele. Lamentável!

E foi tenso Cristina acusando a Emily – que acho uma fofa – de estar fazendo sexo com o Owen, ein!

Fico com pena da Lexie chorando depois do erro que cometeram. Aqui fica bem claro que não dá mesmo pra Meredith voltar pra essa especialização e continuar bem com o Derek. Não tiro a razão dele de ficar com raiva, mas concordo plenamente que às vezes isso cansa. Ele não consegue odiá-la, mas acaba levando o problema profissional pra vida pessoal, deixa tudo ainda mais tenso. Mas o legal é notar que ele não é mais aquele bruto de antes, visto que não quis ficar sozinho no quarto. Ainda bem! <333

Eu adoro a Catherine e amei as cenas dela nesse episódio. Achei tão engraçado os momentos dela com a mulher da bexiga HAHA e as expressões da Bailey deixavam tudo ainda mais cômico.

A espiã também foi demais. Adorei o “surto” dela com o Jackson quando ele disse que não estava interessado. E no fim eles acabaram se pegando né HAHAHA

Também gosto muito da cena do Richard tentando se redimir por tudo o que fez a Adele passar. Bonito vê-lo ao lado dela nesses momentos tão difíceis, sem dar pra trás, abandoná-la... Mesmo ela não lembrando quem ele é, acho que merece depois de tanta conturbação no casamento.

Episodio 8x17 - Nota 9 2014-04-09 19:28:02

We're trained to be vigilant. To chase down the problem. To ask all the right questions. To find the root cause until we know exactly what it is. And we can confront it. It takes an extreme amount of caution. Or we can overstep ourselves. We can create problems where none exist.

Our intentions are always pure. We always want to do what's right. But we also have the drive to push boundaries. So, we're in danger with taking things too far. We're told to do no harm while we're trained to cut you open with the knife. So, we do things when we should have left well enough alone. Because it's hard to admit when there's no problem to treat. To let it alone. Before we make it so much worse. Before we cause such terrible damage.

Episodio 8x18 - Nota 9 2012-09-26 18:20:24

Cristina, sua linda, diante dessa situação, devia ter tacado a mesa e todos os móveis na cara do Owen, não só a tigela... Super engraçado que quando ela queria conversar, o Owen simplesmente deixava ela falando sozinha. Daí ele trai ela, assume isso, e quer que ela o aceite... Afffff meu Deus... Tiraram o George e a Izzie pra deixar um cara insuportável como ele. Que saia logo, por favor.

Episodio 8x18 - Nota 9 2014-04-10 19:55:46

Acho que Cristina jogar a tigela com o cereal na cara do Owen foi muito pouco pra o que ele realmente merece. Só quero deixar claro que não odeio (mais) o personagem, mas essas atitudes são desprezíveis demais. Cristina ser traída é um absurdo sem tamanho. Não suporto ele querer uma reaproximação com ela agora, após assumir uma traição, sendo que Cristina tentou por semanas conversar com ele e resolver todos os problemas que estavam enfrentando. Ele afastava, teve um episódio que mal a respondia nem olhava na cara.
“You did a terrible thing, it doesn’t mean you’re a terrible person”. Eu concordo plenamente, ele não é uma pessoa ruim. Mas não dá...

E eu adoro a cena da Meredith discutindo com ele sobre isso.

Eu gosto desse plot do leão. Quando vi pela primeira vez, lembro que achei muito WTF quando apareceu diante da Mer e Derek, mas o desenrolar do episódio trazendo consequências pras pessoas que viram foi excelente.

Começando pela dona, que realmente é MUITO LOUCA. Odeio ela com raiva do namorado porque o leão foi embora. O cara salva a vida dela, e no fim recebe um “e é culpa sua” ao invés de um “obrigada”? Fez bem ele terminar esse relacionamento, porque ela evidentemente tem sérios problemas mentais.

Morro de tristeza com esse casal de velhinhos. Foi tão de surpresa que considero um dos momento mais tristes da série envolvendo pacientes aleatórios. A reação do velinho ao saber o que houve é devastadora. Não tem como segurar a lágrimas, ainda mais vendo que nem a própria Teddy consegue se segurar. Já pensou?! :(

Gritei, pela segunda vez, pra Lexie deixar de ser boba e ir atrás do Mark, falar logo de uma vez tudo o que sente. Slexie é tão amor, fico puto da vida por eles não voltarem às boas e ao amor eterno por falta de coragem :(

Não acho que o Alex foi um “filho da puta” com a Morgan, muito pelo contrário. Ele se comportou como médico, como devia ter acontecido desde o início. A relação dos dois era bem bonitinha, mas é verdade que ele não é o pai da criança, e muito menos namorado dela. Não cabe a ele dar opinião pessoal sobre o tratamento do bebê.
Concordo plenamente com o que a Arizona diz pra ele no final.

E falando na Arizona, adoro essa coisa de ser uma Mark Sloan fêmea! HAHA
A Callie falando que não imaginava estar trabalhando “com o passado da Arizona” em todos os momentos foi engraçado. E o conselho do Mark, dando a si próprio como exemplo, foi ótimo. Adoro a relação dos três! <3

Meredith ameaçando o Derek, QUE AMOR! ♥♥♥
Zola linda! <333

Episodio 8x18 - Nota 9 2014-04-10 19:56:18

We have a phrase in the operating rooms: don't pet the lion. It means, no matter how nice the tumor looks, how small it is, how perfect its margins may be, it's still a tumor. It's still dangerous, and it can bite.

We've all heard the warnings and we've ignored them. We push our luck, we roll the dice, we play with fire. It's human nature, when we're told not to touch something, we usually do even if we know better. Maybe because deep down we're just asking for trouble.

Episodio 8x19 - Nota 9 2012-09-27 10:31:59

Não entendi o Derek dizendo que o Mark foi um bom chefe pro Owen, er... Amo o Mark, mas afffff ele jamais poderá ser chefe, por favor. Owen, mais ridículo impossível........ Foi apenas uma vez e sem significado mas não deixou de ser traição... Enquanto Cristina se esforçava pra salvar o casamento, ele tava lá com outra mulher. Muito complicada essa situação.

Episodio 8x19 - Nota 9 2014-04-11 20:30:13

Eu amo muito Mark Sloan, mas creio que meu problema com ele sendo chefe por um dia foi impondo pro Richard e companhia que não deviam fazer a cirurgia. Não entendi muito bem o motivo, já que eles queriam operar o doador pra ver o tipo de nódulo e só aí seguir com o transplante, achei meio desnecessário querer impedir. Concordo com o Richard dizendo que ele é um perfeccionista e tals...

Mas tirando essa parte, curti bem mais o plot dele agora, assistindo pela segunda vez. Jackson sendo o “chief’s bitch” foi ótimo. Adorei o “beef with the chief” também. E mais ainda saber, no final, que ele não tinha sido escolhido pra exercer a função HAHAHAHAHA Mark Sloan, insuperável <33

Mais um episódio digno de muitos prêmios, muito Emmy, pra Sandra Oh. Ela é sensacional. Concordo plenamente que consegue passar para o público toda a emoção e dor da personagem. Você fica à beira das lágrimas, penalizado, revoltado, tristonho... Nem dá pra descrever os sentimentos que se misturam com todo o drama dela. Todas as cenas foram fantásticas, memoráveis e certamente na lista de melhores de toda a série.

Sobre Owen: I can’t. Fiquei morrendo de ódio mais uma vez quando ele disse que o caso de uma noite ocorreu após desistirem da terapia... Teve um momento ou outro que até fiquei meio que penalizado por ele. Mas aí me lembro da Cristina chorando. Cristina tentando se reconectar com ele. Cristina sendo ignorada. Cristina tendo que ouvir que abortou o filho dele. Então o momento “fiquei penalizado pelo Owen” passa... A situação dos dois é muito complicada. :(

E como não amar Meredith preocupada? Meredith dizendo que está lá pra Cristina até ela querer desligar... Essas duas são tão.... Nem sei o que dizer!

Acho muito engraçado Lexie mal conseguindo andar depois de usar a memória fotográfica o dia todo HAHAHAHA e acho muito amor Meredith defendendo ela dos predadores! Mas também confesso que, se tivesse uma amiga assim e exames dessa importância estivessem se aproximando, provavelmente pediria o mesmo favor... :D

Adorei a bronca que Arizona deu na Bailey e Callie. E gosto muito da cena final, com Teddy chegando com os vinhos e filmes... Só fiquei com um pé atrás pela expressão delas quando Teddy fala dos filmes. Sei lá, é só uma noite, estão ajudando uma amiga que passa por um luto horrível... De qualquer forma, gosto muito da atitude delas. <3

Falando na Callie, também adoro a cena inicial com a Meredith, dizendo que ela está pronta e vai passar nos exames, muito amorzinho. Podiam ter dado um pouquinho mais de destaque pro método da Callie nos eps anteriores.

E a Meredith falando sobre o “Grey Method” e ajudando Alex, April e Jackson é muito amor. E a Cristina chegando pra participar <333

Excelente episódio!

Episodio 8x19 - Nota 9 2014-04-11 20:30:38

Every little kid knows the words to the song: the foot bone is connected to the leg bone, the leg bone is connected to the knee bone. In med school, you learn it's a little more complicated than that. But still, the song is not wrong. Everything is connected.

The human body is made up from systems that keep it alive. There's the one that keeps you breathing, and the one that keeps you standing, the one that makes you hungry, and the one that makes you happy. They're all connected. Take a piece out, and everything else falls apart. And it's only when our support systems look like they might fail us, that we realize how much we depended on the all along.

Episodio 8x20 - Nota 9 2012-09-27 10:32:36

Que episódio sensacional. Essa temporada tá se saindo a melhor, superando tudo o que eu imaginava! Caso super triste o daquela menina... Imaginem, que coisa horrível? Bailey entrando em desespero e mobilizando todos quando pensa que o filho desapareceu também foi uma cena sensacional. Nem tenho o que falar do Richard... Muito complicada a situação dele com Adele... Imaginem que horror. Ela está traindo ele mas ao mesmo tempo não está... Enfim, sensacional!

Episodio 8x20 - Nota 9 2014-04-13 11:26:59

Acho tão tenso esse caso da menina desaparecida. Mais tenso ainda quando ela diz que se sente estranha ao sentir-se triste por não estar com ele e sim no hospital... Ela dizendo sobre os abusos, o hálito de cigarro... Que horror.
Meredith realmente foi uma linda dando todo o apoio que ela precisava. Considero esse um dos melhores casos da série. Não que a série não apresente casos realistas, mas esse teve um toque a mais.

Cena da Bailey desesperada com o sumiço do Tucker dá uma aflição. Fiquei desesperado pela primeira vez e angustiado de novo. Chandra Wilson brilhou nessa cena. E caramba, tão bonito ver esse menino já daquele tamanho! Vimos o nascimento dele, né! <3

Concordo que Arizona foi mesmo egoísta, mas nem dá pra culpá-la por querer manter o Alex no hospital.

Teddy querendo que a Cristina fique foi muito bom também. Mas não gostei da forma como Owen falou com ela, acho que mais pela forma como ele se comportou com Cristina nos últimos episódios. Qualquer explosão que tiver vai me deixar contra ele, infelizmente.

Aliás, amo ver a Meredith pedindo pra todos eles desistirem de mudar. Deviam fazer isso mesmo, o SGMW é um ótimo hospital e tem um programa requisitado também, mesmo que existam melhores. Eles já estão acostumados, e há tanto tempo ali... Já formaram vínculos...
É estranho vê-los se preparando pra essas entrevistas com tantas possibilidades. Esse clima de despedida. :(

Sobre Richard: inimaginável o que está acontecendo com ele. Não tem possibilidade de ficar com raiva da Adele, porque: ela está traindo, só que não.
Foi triste vê-lo chegando ao quarto com flores e flagrando ela na cama com o outro cara que tem Alzheimer. Mas também gostei da decisão dele de deixar de visitá-la frequentemente. Ela está bem, em uma boa instituição e vivendo em um “universo diferente”. Maldita doença!

Episodio 8x20 - Nota 9 2014-04-13 11:27:12

When you're a kid, you always want things to stay the same. The same teacher, the same house, the same friends... Being a surgeon is no different. You get used to the same Attendings, same scrub nurses, the same hospital. Of course, that all changes the minute you're fifth year comes around. And you have to find a new job.

It's one of those things people say: you can't move on until you've let go of the past. Letting go is the easy part. It's the moving on that's painful. So sometimes we fight it, trying to keep things the same. Things can't stay the same though. At some point you just have to let go, move on. Because no matter how painful it is, it's the only way we grow.

Episodio 8x21 - Nota 9 2012-09-27 10:32:59

ADOREI o que a Bailey disse pra Teddy! Eu não gosto do Owen mas já tava achando demais o que ela estava fazendo com ele, só pra implicar mesmo... Sempre gostei muito da April, e adorei quando ela foi pra cima daquela anta no bar KKKKKKKKK Também gostei de Richard e Catherine juntos. Espero que isso signifique um papel fixo pra atriz! Alex LOUCO, não foi fazer o exame! Agora vou ficar tenso por causa dele! E não quero que eles se separem. :(

Episodio 8x21 - Nota 9 2014-04-14 19:32:51

Sobre Alex: como assim as pessoas estão chamando ele de inútil? Gente, por favor... Claro que dá pra ficar puto da vida por ele não estar lá esperando quando é chamado. Mas chamá-lo de INÚTIL? Será que o povo esqueceu o que ele estava fazendo em Seattle? Como a própria Arizona disse, ele nunca abriu mão de paciente nenhum – quem se lembra da mulher com um tumor gigantesco lá na 1ª temporada e ele, mesmo após ser dispensado do caso, ficou na sala pra assistir até a hora que ela veio a falecer? – mas enfim...

Eu gostava muito da April desde o início, e ela teve uma evolução muito boa ao longo dessas temporadas. É impossível não gostar dela a essa altura da série.
E olha só, primeiro beijo Japril <3 que amor! Até isso acontecer, acho que não tinha imaginado os dois em um relacionamento... E combinam TANTO!
Falando nela ainda: o que foi a cena da briga? HAHAHAHA demais!

Meredith doente foi tenso... Mas amei demais as cenas com a Cristina entre a porta. Ela pedindo pra colocar a mão por baixo e reconfortá-la é tão... Essa amizade das duas é simplesmente perfeita. É incrível a conexão que essas duas têm uma com a outra. Meu amor por MerTina só aumenta. ♥

E como não ficar penalizado, mais uma vez, com Cristina e toda sua situação com o Owen, ainda mais às vésperas do exame mais importante da vida?

Falando no Owen... Como comentei anteriormente, não curto muito o personagem nessa reta final da temporada, mas também estava achando abusivo a Teddy colocar a culpa da morte do Henry nele. Logo, o sermão da Bailey foi muito bem-vindo, completo e objetivo.
“Ele perdeu a amiga e está perdendo a esposa”. Pois é. :/

Gosto da Catherine e gostei dela com o Richard. Ele realmente estava precisando. Adele, mesmo que involuntariamente, está “seguindo em frente” e sendo feliz lá na instituição. Ele precisava fazer o mesmo, por mais doloroso que seja a situação dela.

Dá vontade de entrar na tela, dar um tapa no Mark e na Lexie e dizer eu mesmo o que eles não tem coragem de dizer um pro outro. As chances de reconciliação nesse episódio foram tão grandes que fico indignado que no fim, não deu em nada. Ainda mais por ver Lexie chorando por causa dele. PQP!
Quero Slexie juntos, será que é muito difícil? :(

Episodio 8x21 - Nota 9 2014-04-14 19:33:16

Picture this: you've spent the past five years at your residency training to become a surgeon. But those five years suddenly don't matter. The only thing that matters, the only thing between you and the rest of your career is a test, in a random hotel in a random city, with a random examiner asking you random questions. Nervous? You should be.

Kindergarten, high school, college, Med school, residency. Yet all leads to this moment. Some people can crack under the pressure. Others thrive. Either way, there's nothing left to do. No more studying, no more preparing. Like it or not, the moment has arrived. The only thing left for you to do is to show up.

Episodio 8x22 - Nota 9 2012-09-27 18:22:41

Fiquei com muita pena da April... Por um momento fiquei tenso pensando que o Alex não passaria, porém ela também não merecia. Lexie liiiiiiiiinda, dá pra ser mais fofa?!!

Episodio 8x22 - Nota 9 2014-04-15 19:35:13

April ficou descontrolada demais durante as duas primeiras sessões. Acho que o momento que ela ficou voltando no mesmo caso umas seis vezes foi o que mais a prejudicou. Muito persistente e revoltada. Legal ver ela mais controlada e focada na última sessão, mesmo com aquele rápido “devaneio” – depois da rapidinha no banheiro, né! HAHA – e fico com muita pena por não ter passado. De todos os residentes, ela estava mais focada e preocupada. Horrível que, quando chega a hora, você não consegue dar o melhor que tinha imaginado pra si. :/

Meredith vomitando na última sessão foi engraçado. Mas adorei muito que ela foi forte – como sempre é – e continuou até o fim, como se estivesse tudo bem. Adoro aquele diálogo com o Derek pelo telefone, e o contraste com a imagem deles. Esse casal é amor demais <3

Cristina realmente foi MUITO provocada e também temi que fosse reprovada pelo velho. Acho até engraçado a forma como ela responde, não é pra menos! HAHAHA mas felizmente deu tudo certo no final.

Alex foi muito guerreiro. Participou de apenas uma sessão, ainda enfrentou daquela forma – com razão – os examinadores e conseguiu a proeza de passar.

Dá muito orgulho de todos eles. Sinto a felicidade e comemoração quando conferem que passaram nos exames. Tão bonito ver que acompanhamos a vida desses personagens no hospital desde o exato primeiro dia de trabalho e agora estão aí, na porta dos atendentes. Só fico triste pela April :(

Agora falando nas cenas de Seattle: Fico com MUITA pena da Arizona por causa daquele amigo. Depois que ela descobre o quanto a doença dele está avançada, fico pensando: se demorou seis anos pra procurá-la, era melhor nem fazer isso de qualquer forma. Muito triste :/

E a Lexie partindo meu coração com a declaração pro Mark e a menina que nem lembro mais o nome aparecendo. Esse casal não consegue ter paz!

Enfim, um dos melhores episódios da temporada e da série. Roteiro incrível, muito bem desenvolvido. Grey’s sendo Grey’s.

Episodio 8x22 - Nota 9 2014-04-15 19:35:37

Carpe diem. How annoying is carpe diem? How are you supposed to plan a life? A career? A family? If you're always carpe-ing the diem? If we all seized every moment of every day, there wouldn't be doctors. Who would sit through Med school? We'd all be too busy, living in the now. Whatever that means.

I'll admit that the Romans had a point. You gotta live life. And living means that every morning, when you wake up, you have to choose. Between seizing what life offers in the moment, and forging ahead, no matter the weather. Or closing the curtains, and shutting out the day.

Episodio 8x23 - Nota 10 2012-09-27 18:23:09

OMFG QUE FINAL FOI ESSE? Que tensãaaaaao! Como pode uma série tão perfeita e maravilhosa como Grey's? Me expliquem!!! Ri muito com Cristina imitando a April! hahahah igualzinha! E não quero que eles se separem gente! :((( Agora é ver as consequências desse acidente!

Episodio 8x23 - Nota 10 2014-04-16 19:20:50

Dá tanto orgulho do Alex nesse episódio. Ele dizendo que “ninguém nunca o quis dessa forma” e Richard dizendo que ele acabou se saindo em primeiro lugar foi muito bom. Todo o destaque que deram pra ele foi excelente.
O tratamento pra April... “Apes” HAHAHAHA muito bom. O abraço que a Cristina deu nele foi muito, MUITO amor! Só faltou a Meredith também, mas só o fato de dizer que não estava surpresa foi perfeita. Sempre acreditando na capacidade dele. Essa amizade entre os três <333

Falando na April, apenas digo que fico com meu coração partido com toda a situação. Já era de se esperar que as ofertas que tinha recebido fossem retiradas. Mas não esperava que também perdesse o emprego no Seattle Grace. Esse final com o Jackson foi bem triste também, primeiro dizendo que ele se sente culpado pelo sexo e “rejeitando a piedade”. Ela não merecia :(
Só pra fechar sobre ela: Morro de rir com Cristina imitando-a. Incrível como ela e o Alex conseguiram fazer isso exatamente igual! HAHAHA

Muita pena da Arizona e desse amigo dela. Foi triste demais ele se culpando por não ter procurado médicos antes, poxa... E ela pedindo pra Callie prometer nunca deixá-la e ir embora foi muito heartbreaking também.
Daí depois ela descobre que o Alex também planeja “deixá-la”, por assim dizer, e tem todo aquele surto... E pensar que ela tomou o lugar dele naquele avião...

Ben pedindo Bailey em casamento foi ótimo. Ela usando fio dental e pedindo pra ele propor mais uma vez também. Fico triste por ele receber essa ótima proposta justamente quando ambos planejam dar um grande passo na vida...

E por fim, temos esse final... Chega a ser chocante você ver que eles sofreram um acidente grave depois de tantos momentos bonitos que tivemos aqui. Primeiro você sente uma dor enorme no coração com a possibilidade de se separarem ao sair de Seattle, e aí tudo muda e vem a angústia pra nos deixar desesperados com as consequências catastróficas dessa última cena.

O final dessa temporada é perfeito em termos de roteiro, direção, atuação... Grey’s mostrando o que tem de melhor. Mas é destrutivo de forma que nem consigo descrever... Não estou preparado pra assistir de novo! :(

Episodio 8x23 - Nota 10 2014-04-16 19:21:10

So, there's this bird. Some sort of swallow I think. Every September, thousands of them ditch rainy Seattle to winter in Mexico. These birds aren't dumb. And every year, rounds of people gather around in Seattle to drink beer and watch the flock take off. They call it the Great Migration.

I don't know how those birds do it. Travel thousands of miles without getting lost. Banging into windows, being eaten by cats. But every spring, they're always here. I guess they come back to what they know. People say it's pretty cool, watching them go. They say you can actually see the moment when, at some mysterious signal, all at once the birds decide to leave. Whatever... there's always next year.

Ai essa narração final..........

Episodio 8x23 - Nota 10 2014-04-21 22:14:17

DISSE TUDO!!

Episodio 8x24 - Nota 10 2012-09-27 18:24:33

Finale espetacular, tenso, em diversas formas. Chorei OCEANOS pela Lexie... Não queria que ela morresse. Como fica o Mark agora? Tadinho... Podia ter matado o Owen que eu não me importaria, mas a Lexie?! Enfim, acho que não supera o finale da sexta temporada, mas fiquei muito tenso e apreensivo durante cada segundo desse episódio. Esperando a nona hoje à noite: QUE VENHA COM TUDO, SÉRIE MARAVILHOSA!

Episodio 8x24 - Nota 10 2012-09-27 18:24:46

E espero que NINGUÉM mais morra por causa desse acidente! :(

Episodio 8x24 - Nota 10 2014-04-17 20:57:10

Definitivamente um dos episódios mais tensos, trágicos, angustiantes de toda a série. Ainda considero a finale da 6ª temporada a melhor da série até agora, mas essa aqui não fica muito atrás.

Lexie agonizando, dando seus últimos suspiros... Mark dizendo que a ama, que eles vão casar e ter filhos. Gente, será que teve alguém que não derrubou ao menos UMA lágrima com uma cena dessas? Porque eu, pelo menos, chorei um grande oceano que vou batizar de Lexífico.

Lexie teve uma evolução incrível e notável desde que entrou na 4ª temporada. Passou por muita coisa também. Lidou com a morte da mãe, com a “rejeição” da Meredith em seus primeiros dias de trabalho, com um pai que praticamente não a valorizava mais... Ela, assim como todos os outros personagens, sempre foi uma guerreira, independente de seu destaque. Eu honestamente acho que ela merecia um final melhor, mas quando se trata de Shondanás...
Foi como viver a morte do George O’Malley mais uma vez. Nunca consegui superar a partida dele e nunca irei superar a dela.

E aí você vê também o Mark quase indo também, ainda mai pálido que os outros... Dizendo coisas como “Lexie espera por mim” e entra ainda mais em desespero. Torci tanto, chorei tanto por Slexie desde que eles começaram até aqui. Fico indignado se paro pra pensar nas várias oportunidades que tiveram de se reconciliarem nessa temporada e nada deu certo... Eles eram tão lindos juntos, combinavam TANTO. Nasceram um pro outro.

Daí em seguida a morte dela, vemos a Meredith chorando daquela forma só pra te deixar completamente desidratado. Eu classifico o desespero dela como o meu. É irreal que a Lexie, nossa Lexie, Little Grey, Lexipedia, tenha partido dessa forma...

O Derek e a mão me deu uma agonia horrível. Primeiro lá no início do episódio, quando ele usa a pedra pra tentar se soltar. E depois quando mostram aquele buraco enorme no braço. PQP! E a dor que ele sente a ponto de desmaiar?
Meredith gritando “Por favor, desmaie!” também me deixa desesperado.

Cristina ainda protagonizou um momento bem cômico em meio a tanto desespero, que foi a busca pelo sapato. Acho que isso ocorre mais pelo choque. A mesma diz, não com essas palavras, que esse tipo de coisa parece típico de acontecer com eles. “Seattle Grace Mercy Death”. Fica pra sempre na minha cabeça. Porque é verdade.

Arizona gritando no início dá uma dor enorme. E depois quando mostram a situação da perna dela. PQP.
Fico com pena do piloto do avião também... Cristina já dizendo “sinto muito” pra ele foi triste. :(

Outro momento de desespero é quando passa um helicóptero e eles não conseguem chamar a atenção... Gente! Já pensou uma coisa dessas?!

Agora indo bem rapidamente pro núcleo do hospital: Fiquei com raiva do Owen na primeira vez que assisti pela Teddy, mas entendi o lado dele. E ela também, que aceita esse próximo passo e pede pra ele se cuidar. O Owen foi motivo de muita decepção pra mim nessa temporada, mas fico muito triste com essa despedida. Gostava muito da amizade deles... E Teddy vai fazer muita falta. Ela tinha um carisma incrível, um sorriso contagiante... A melhor chefe de cardiologia que o hospital já teve.

Alex ligando pra Arizona :(
April em seus últimos momentos como residente do hospital... Gosto da conversa dela com o Jackson também. Eles são fofíssimos juntos.
Zola aguardando os pais chegarem... Ai meu coração.

Enfim, como disse no episódio passado: é um episódio incrível. Gosto do roteiro, direção, e principalmente da atuação de todos os envolvidos no acidente.

Mas definitivamente é uma finale trágica, destrutiva e insuperável. Marcada pra sempre na história de Grey’s Anatomy.

Episodio 8x24 - Nota 10 2014-04-17 20:57:44

A month ago, you were in med school being taught by doctors. Today, you are the doctors. The seven years you spend here as a surgical resident will be the best and worst of your life. You will be pushed to the breaking point. Eight of you will switch to an easier specialty. Five of you will crack under the pressure. Two of you will be asked to leave. This is your starting line. This is your arena. How well you play? That’s up to you.

The years we spend as surgical residents will be the best and worst of our lives. We will be pushed to our breaking point. This is the starting line. This is our arena. How well we play, that’s up to us.

Episodio 8x24 - Nota 10 2014-08-24 20:37:31

Nem me fale! :(

Episodio 9x1 - Nota 10 2012-09-28 18:12:31

E mais uma vez fiquei todos os segundos super tenso, apreensivo... Esperando o próximo ataque de Shonda.... Como pode gente?! Os vídeos com o Mark foram SENSACIONAIS! Chorei oceanos por causa disso. O episódio inteiro também fiquei MORRENDO de medo da Arizona ter morrido... Ela não morreu mas a amputação da perna me pegou de surpresa. Estou num momento de paz com o Owen... Odiei ele por muito tempo, mas não como nas primeiras temporadas que ele participa... Porém queria que ele tivesse ido ver a Cristina. E gostei do convite dele pra April voltar pro SGMW. Meredith Medusa é muito amorrr e não gostei desses novos "internos" aí... Rex Van De Kamp exercendo sua profissão como médico antes de se casar com a Bree e mudar para Wisteria Lane, hahaha! Quero Cristina de volta junto com eles pra ontem! Alex ficou, muito amorrr ♥ Enfim, é perfeição demais pra um episódio só, e pra uma série só. Muita emoção!

Episodio 9x1 - Nota 10 2012-09-28 18:13:15

E agora ficamos sem Lexie e Mark, e com Arizona assim :(((((

Episodio 9x1 - Nota 10 2014-10-18 13:39:59

Definitivamente um dos episódios mais tristes da série.

O hospital com esse clima pesado, praticamente preto e branco. Atmosfera sufocante. Essa expectativa e tristeza conforme o relógio se aproximava das 17 horas. Nossa, nem sei o que dizer. Senti meu coração na mão, se partir em mil pedaços todas as vezes que aparecia o Mark respirando por aparelhos, inconsciente... Daí vem a Callie falar sobre os peitos, o Jackson contando sobre os pacientes e ele sem esboçar nenhuma reação, nossa...

Os vídeos vieram pra destruir tudo de uma vez. Foi muito difícil. Quando apareceu ele segurando a Sofia, não consegui mais segurar as lágrimas... Daí os batimentos desaparecem, Callie começa a chorar. Derek em completo estado de choque. Gente, como lidar com uma coisa dessas? O episódio passado já foi uma tortura psicológica absurda, ver a Lexie morrer, eles presos naquela floresta, Derek com a mão, Arizona e a fratura exposta. Daí em seguida vem isso. Difícil demais. Shonda é muito cruel. :(

Agora falando sobre os outros momentos: acho legal a Meredith sendo chamada de “medusa”, ela mesma esboçou um sorrisinho quando soube que era chamada disso. A cara dela na cirurgia, ouvindo os outros internos falando mal dela foi engraçada. HAHAHAHAHA.

Lembro que não gostei muito dos internos nesse início – na verdade, dois deles eu desprezo profundamente. Mas é legal ver a Jo realizando o exato mesmo procedimento que o George O’Malley realizou lá no piloto da série, com o Preston Burke. E acho que ela “falhou” no mesmo ponto que ele. Interessante!
E a Leah pegando o Alex, gente?! Não lembrava de jeito nenhum! HAHAHA

Mas ainda falando na Jo: fiquei até com pena por ela chorando no corredor, porque de uma forma ou de outra é uma situação constrangedora. Mas também gosto do Owen defendendo a Meredith e mandando ela se recompor. O que ela passou não é nada que a própria Mer, Alex, George, Cristina e Izzie não tenham passado quando eram internos.

Cristina em Minnesota é demais pro meu coração. Ela não podia ter saído do SGMW, mesmo com esse monte de tragédias acontecendo. Mas não dá pra culpá-la. De qualquer forma, dei risada com as cenas dela no novo hospital e o dilema com o médico mais velho. HAHAHAHA. E ela conversando com a Mer pelo tablet, gente que lindas. QUE LINDAS. <33

AINDA BEM que Alex desistiu de ir embora no último segundo. Adoro também essa cena que se junta a Meredith no bar. <3 BTW: tenso Mer se desesperando e desistindo de seguir viagem no avião.

Owen indo buscar a April <3. Engraçado ela com o porco! HAHA

Pra finalizar: lembro o quanto fiquei apreensivo nesse episódio, pensando que a Arizona tinha morrido. Tudo envolvendo a Callie dava pra entender que tinha acontecido. De qualquer forma, foi uma surpresa ver que tinha perdido a perna e que estava revoltada com a esposa por conta disso. Que barra, gente!

Enfim, episódio ótimo e triste. Mark Sloan e Lexie Grey sempre serão lembrados. Sempre vou sentir falta dos dois.

1968 – 2012. Descanse em paz, Mark!

Episodio 9x1 - Nota 10 2014-10-18 13:40:12

Dying changes everything. There is the emotional fall out, sure. But there's also the practical stuff. Who's going to do your job? Who's going to take care of your family? The only good thing for you is you don't have to worry about it. People you never knew would be living in your house, working your job... the world just keeps on going without you.

They say death is hardest on the living. It's tough to actually say goodbye. Sometimes it's impossible. You never really stop feeling the loss. It's what makes things so bittersweet. We leave little bits of ourselves behind, little reminders, a lifetime of memories, photos, trinkets, things to remember us by... even when we're gone.

Episodio 9x2 - Nota 10 2012-10-05 18:44:33

PQP, que episódio foi esse? Sem palavras. Sandra Oh não precisa de falas pra mostrar que é uma EXCELENTE atriz. Nem tenho o que dizer daquelas cenas dela em choque? E quando ela narra o TERROR vivido naquela floresta? Os animais brigando pela Lexie... Muito chocante. Me arrepiei DEMAIS. Como se já não bastasse o anterior, mais uma vez fico desidratado por causa do Mark. DETESTEI a Arizona culpando o Alex... Não é culpa dele como também não é culpa de NINGUÉM. É super compreensível a posição dela mas não justifica! Quis socar quando ela falou daquele jeito com ele... Meredith linda no final falando todas as coisas boas que o SGH trouxe pra ela, apesar de todas as ruins. Enfim, sem palavras. Simplesmente sensacional. Essa série ainda me mata de tanta emoção e TANTA tensão.

Episodio 9x2 - Nota 10 2014-10-19 12:29:25

Sandra Oh merecia um Emmy por sua atuação impecável em Grey’s Anatomy. Não consigo descrever em palavras tudo o que senti com os flashbacks dela em estado de choque. Os internos idiotas falando asneiras sobre ela, sem se importar se está ouvindo ou não... Levei até um susto quando pegou o vaso de flores e tacou na janela. Com razão.

Mas o choque mesmo vai pra narração de tudo o que aconteceu na floresta. Quão horrível é ouvir que os animais estavam BRIGANDO pra comer a Lexie, gente? Que tortura psicológica! Ainda teve “Mark não parava de morrer e era tão irritante”, e “Arizona bebeu o último gole de água, eu bebi uma coisa horrível, acho que era combustível do avião”. Fico até feliz pelas cenas no local do acidente nesse episódio serem apenas flashes bem rápidos. Porque conheço a Shonda e como ela é louca, e provavelmente não aguentaria presenciar todo esse sofrimento de uma semana pra essas pessoas...

Sem falar naqueles flashes do avião... Todos eles sedados enquanto são transportados. O saco preto contendo os restos da Lexie é doloroso DEMAIS. Tem também aquele momento do Richard e Bailey surgindo com a Zola. Meredith desesperada perguntando pela irmã o tempo todo. Não dá. NÃO. DÁ.

Pra completar tudo, ainda temos essas cenas do Mark. Meu coração simplesmente encolhe até desaparecer com ele acordado, bem. O Mark Sloan que conhecemos e amamos. Ao mesmo tempo em que vemos Derek, Richard, Jackson contentes e falando: “não, isso não é um surto de energia”. PQP. Não me aguento quando Jackson chega com Sofia bem na hora da parada cardíaca. Mark não conseguiu dar uma última olhada nela...

Eu ainda não consigo me conformar com a morte dele, com a morte da Lexie. Não gente, não. Ainda mais quando lembro a história dos dois na 8ª temporada. Eles ficaram separados, e tiveram mil e uma oportunidades de ficarem juntos de novo e não aconteceu. Tão triste, tão doloroso ver que a história de ambos termina assim...

A situação da Arizona com a perna também é muito triste. Ela estava com raiva no episódio passado e vimos nesse aqui – como se precisasse, né – que não foi à toa que teve o membro amputado. Ela estava morrendo! :(
Além disso, entendo muito o lado dela. Não consigo imaginar, e nem quero, o que ela passou naquela floresta. O pensamento constante que talvez não fosse mais ver a esposa e a filha. A fratura exposta! Os insetos na ferida! E também entendo ela ficar com raiva do Alex, embora tenha sido bem pesado o que falou. Ela entrou no avião por raiva. E mesmo depois do que tinha acontecido, ele ainda assim queria sair do SGMW. Poxa... Mas enfim.

Episódio triste, angustiante e pesado mesmo. Grey’s Anatomy sempre matando seus fãs, de diversas maneiras...

Episodio 9x2 - Nota 10 2014-10-19 12:29:53

I had this memory game when I was a kid. A bunch of cards, face down, in rows. Each card has a picture. You turn one over, look at it, then turn it back over. Then you have to try and remember where its matching card was. Sometimes you have no idea. And other times it shows us exactly what we need to see. The cards seem completely out of order and random. But you keep turning them over... and the more cards you see, you get a sense how everything fits together.

This is a place where horrible things happen. You were right to go. You're probably escaping disaster. Look at me. I practically grew up here, and you're right, it's hurt me in ways I'll probably never get over. I have a lot of memories of people. People I've lost forever. But I have a lot of other memories too. This is the place where I fell in love. The place where I found my family. This is where I learned to be a doctor. Where I learned how to take responsibility for someone else's life. And it's the place where I met you. So I figure this place has given me as much as it's taken away from me. I've lived here as much as I've survived here. It just depends on how I look at it. I'm gonna choose to look at it that way, and remember you that way. Hope you're good. Bye.

Episodio 9x3 - Nota 9 2012-10-20 11:59:23

É compreensível a Arizona estar chateada, com raiva, por ter perdido a perna, mas eu sinceramente já estava começando a ficar com raiva... Culpando a Callie toda hora... Poxa, ela tava MORRENDO. Ela achou mesmo que a Callie ia deixar ela morrer se havia essa opção para deixá-la viva? Aff. A cena delas no banheiro/chuveiro foi SENSACIONAL, valeu por todo o episódio.
Bailey tá light, hahaha. Adorei ela com "raiva" por dividir a sala com os novos atendentes...
Achei a Meredith um tanto apagadinha, e adorei a tensão sexual entre Jackson e April, hahaha.
Quero que a Cristina volte logo pro SGH, mas também acho que esse plot vá durar mais alguns episódios...
Enfim, mais um episódio INCRÍVEL de Grey's. Já estamos acostumados com a perfeição.

Episodio 9x3 - Nota 9 2014-10-21 11:13:23

Vocês que estão dizendo que “odeiam a Arizona ainda mais agora”, já perderam uma perna ou um membro importante do corpo e saíram dando risada em seguida? Pior: antes disso, vocês sofreram um trágico acidente de avião, que tirou a vida de duas pessoas conhecidas e amadas, tiveram uma fratura exposta horrível na perna e ficaram uma semana presos em uma floresta, sem comida, sem água, apenas esperando para morrer?

Arizona pode até parecer meio abusiva e incompreensível acusando a Callie o tempo todo, é verdade. Mas ALÔ! Ela perdeu um membro, uma PERNA! E de uma hora pra outra! Ela sofreu um acidente de avião! Cada um lida a sua maneira com a perda, com o luto e com um trauma dessa magnitude. Será que vocês que a “odeiam ainda mais” não conseguem se colocar no lugar da personagem nem por um segundo? Eu ein...

De qualquer forma, essa cena do chuveiro foi simplesmente uma das melhores envolvendo Calzona, de toda a série. Dá um aperto a Callie chorando e gritando que “essa é a vida dela agora”. Arizona calando-se por um segundo. Também é triste ela dizendo que está sentada na poça do próprio xixi... Que barra, gente!

O que foi a cara da Bailey quando ouviu a conversa do Jackson com a April? HAHAHAHAHA dei risada. Foi engraçado também ela com raiva por ter que dividir a sala com os outros atendentes, distribuindo avisos pra manter tudo limpo e organizado. O diálogo com o Richard mais perto do final, falando sobre como Tucker “soltou a mão dela e não olhou pra trás” foi ótimo. <3

A tensão sexual entre Jackson e April: MARAVILHOSA. Ai, como shippo esses dois e vibrei quando eles finalmente se pegaram! HAHAHA.
BTW, gostei da cena da Meredith falando com Jackson a respeito disso. Inclusive, acho que seria legal ver esses dois sendo mais amigos, mais próximos... Porque foi tão legal aquela rápida conversa...

E falando na April: é mesmo de questionar esse negócio dela voltar ao hospital como uma atendente, se tinha reprovado no exame que faz essa aprovação, né. Acho que isso foi uma espécie de furo ou simplesmente preguiça por parte dos roteiristas. Não custava colocá-la como residente e depois mostrar ela realizando o exame novamente e passando!

O Dr. Thomas é fofo demais. Adorei muito a cena dele com a Cristina no banco, lá no fim do episódio. Aliás, tô gostando desses momentos da Cristina nessa outra cidade, embora ela esteja consideravelmente apagada por conta disso. Quero que ela volte ao SGMW, mas quero ver mais interação com o Dr. Thomas também. Eles são engraçados, funcionam bem como colegas. <3

Alex constrangido com a Jo chorando foi ótimo, dei risada HAHAHAHAHA. Segunda vez que ela faz isso no hospital! Ela tem mais é que enfrentar, ainda mais se era a primeira da turma e essas coisas todas que falou. Mas enfim...

Derek vendo os destroços do avião foi muito doloroso. Ainda mais com aqueles flashes da Lexie cuspindo sangue e todo o horror que eles viveram... PQP.
Gostei da decisão de não aceitarem o acordo. Sara Ramirez mais uma vez reinou com o “você não é uma de nós”. E o discurso do Derek foi muito bonito também: eles precisam tentar impedir que esse tipo de evento traumático e trágico aconteça com outras pessoas. Ansioso pra ver como tudo vai se desenrolar.

Episodio 9x3 - Nota 9 2014-10-21 11:13:45

Surgeons don't compromise. We defy death, we exceed perfection. We operate for seventeen hours straight if we have to. We aren't built to settle, but that doesn't mean we won't.

When we follow our hearts, when we choose not to settle, it's funny. Isn't it? A weight lifts, the sun shines a little brighter, and for a brief moment, we find a little peace.

Episodio 9x4 - Nota 9 2012-10-27 11:50:43

O episódio foi bem leve comparado aos anteriores, mas excelente. Não ficou abaixo.

Apesar de compreensível a Arizona estar com raiva de Deus e o mundo por causa da perna, eu já estava seriamente me irritando com o modo que ela estava tratando a Callie. Mas ainda bem que isso está mudando! Espero ver a Arizona sorrindo muito em breve. Adorei a cena em que ela fica em pé. ♥
Meredith realizando aquele tumor "quase impossível" também foi ótimo. Derek querendo saber tudo no final é muito amorrr.
Cristina, volte logo pro SGH pfve! E leve o Thomas com você. Todos nós agradecemos!
E aqui estou finalmente simpatizando com o Owen... Ele nunca foi um personagem agradável no meu ponto de vista, mas....
Alex fofo. Jackson e April muito lindos hahahaha.

Episodio 9x4 - Nota 9 2014-10-22 11:13:44

Eu acho o plot da Arizona muito bem conduzido, e realmente é ótimo vê-la, aos poucos, se reerguer. Na primeira vez que assisti a temporada, comentei que entendia o lado dela, mas estava ficando irritado com seu modo de tratar a Callie. Agora, tais atitudes continuam sendo abusivas, fico com pena, mas já não me irrito. Porque é simples: ela sofreu um acidente de avião, e perdeu uma perna. É a maneira dela de lidar com esse trauma. Precisa de alguém pra fazer de saco de pancadas e infelizmente a Callie é a pessoa mais próxima a se enquadrar nesse cargo...

Enfim, gostei das cenas dela experimentando a prótese. Além disso, o efeito da amputação da perna está ótimo e convincente. Alex impedindo-a de cair <3 Foi bom eles terem uma conversa até que saudável, embora bem rápida. E o final com Arizona chamando a Callie pra assistir o programa com ela. Aw!

O Dr. Thomas é um fofo e fiquei com muita raiva daquele cirurgião (vulgo Rex Van De Kamp) com o plano idiota de fazê-lo se aposentar contra sua vontade. Essa amizade dele com a Cristina tá ótima de acompanhar e, acima de tudo, é uma surpresa. Já que a própria não queria saber nem de ficar perto dele e agora, no melhor sentido possível, o chama de “marco histórico”. Quero ela de volta ao SGMW, preciso dela interagindo pessoalmente com a Meredith, com o Alex... Com o Owen! Mas quero que o Thomas vá junto. <3

ACHO que essa temporada representa o melhor momento MerDer de toda a série – não que as outras não tenha sido ótimo. Conhecendo o Derek como conhecemos, é até uma surpresa ele descobrir que Meredith por fim ia realizar a operação do “tumor inoperável” e não ficar puto da vida. E acho que ela foi uma linda escondendo seus planos, só pra não deixá-lo pra baixo. Esses dois são incríveis juntos, só isso. <3
De qualquer forma, quero o Derek de volta à OR logo. Triste ver ele afastado com esse problema da mão, poxa! Justo o renomado Derek Sheperd!

Jackson estava ótimo nesse episódio. Embora ache que ele tenha exagerado um pouquinho com a conversa de “homem pra homem” no final – afinal, Catherine e Richard são adultos né –, toda a tensão por causa da relação desses dois foi ótima. Richard o mandando aproveitar a vista. KKKKKKK A cena na OR também foi muito boa! Dei risada! HAHAHAHAHAHA
Miranda tava engraçadinha com aquelas piadas, até.

E Japril!!! Também, né April... Quem consegue resistir a um Jackson Avery da vida, por favor? Só um louco mesmo...

Enfim, episódio ótimo. <3

Episodio 9x4 - Nota 9 2014-10-22 11:14:09

The clothes a surgeon wears help to present an image. The lab coats and badges and scrubs all work together to indicate a person of authority, someone you can trust. When the clothes come off, that's a different story. We're sensitive, lonely, human.

It might be hard for a surgeon to admit, but there's no shame in simply being human. It can be a relief to stop hiding, to accept who you really are. A little self awareness never hurt anyone. Because when you know who you are, it's easier to know what you're about, what you really need.

Episodio 9x4 - Nota 9 2016-10-13 10:30:41

MORTO!!! HAHAHAHAHA

Episodio 9x5 - Nota 10 2012-11-10 22:42:50

Nossa gente, que chocante esse episódio. Juro que nem por um momento passou pela minha cabeça que o Dr. Thomas fosse morar, e nem que isso seria o fator responsável pelo retorno da Cristina.
Mas falando do episódio em si: Sensacional! E não poderia ser menos né, ainda mais quando foi totalmente focado em Meredith e Cristina, e em seus problemas. Estou feliz demais por ela estar de volta! Ficou longe tempo demais <3
Morri rindo com a Meredith: "Dancem ou estão demitidos" e até a senhorinha dançou KKKKKKKKKKKKKKKKKK

"Everybody is dead."

Episodio 9x5 - Nota 10 2014-10-23 12:02:27

Maravilhoso esse episódio focado em Meredith e Cristina. Sempre que a atenção cai inteiramente nas duas, sai uma coisa linda dessas.

Gostei de todas as cenas que a tela ficava dividida, e víamo-las fazerem praticamente a mesma coisa. Como por exemplo, ao estarem tirando uma soneca e serem acordadas ao mesmo tempo. Sem falar o recurso do pensamento em off, pela primeira vez utilizado na série. Funcionou tão bem, e dei risada do que elas pensavam! HAHAHAHA

Bem tenso aquela menina com o carro por cima do corpo, no início. Muito bom Meredith tomando atitude pra salvar a vida dela desde o primeiro segundo. Fiquei muito feliz por ela ter, de fato, alcançado êxito na cirurgia no final. Richard incentivando-a, dando boa sorte, foi ótimo também. E o que dizer sobre o “dancem, ou estão demitidos” e todo mundo começando a dançar na OR? HAHAHAHAHAHAHA. Sempre excelente! <333

E a Zola é uma fofa, só precisa falar! HAHA. Também achei engraçada a menina pulando de mão em mão no hospital; a April sem saber explicar onde ela estava e tal. Mas o melhor mesmo foi a Bailey falando sobre o instinto da mulher de fazer alguma coisa quando houve uma criança chorando. E a lista de babás confiáveis no final. <33

Todas as cenas da Cristina também foram ótimas. Adorei como ela se impôs o tempo todo ao Rex Van De Kamp, pra defender o Dr. Thomas. Ótimo ficar ao lado dele, ótimo ela sendo treinada por ele, aprendendo com ele.

A morte do Dr. Thomas é horrível. Primeiro porque super inesperada, no meio de uma cirurgia. E segundo porque gente, olha como ele fica... Ele cai já sem vida, a boca aberta, os olhos sem nenhuma luz... Uma imagem horrível, ainda mais pra uma pessoa, que fugiu de um local por conta de tragédias inesperadas, estar assistindo ao vivo. A narração dele no final, com as imagens da Cristina caminhando pelo hospital, depois sentada, é espetacular.

E por fim, ela retorna a Seattle. <3 Senti falta dela interagindo pessoalmente com a Mer, e queria muito que voltasse com o Thomas, mas né... :/

Episódio EXCELENTE. Temporada impecável até agora.

Episodio 9x5 - Nota 10 2014-10-23 12:02:42

Sometimes, things are simply out of your control. You can't change them. You can't bend them to your will. It doesn't matter if you're already forty-five minutes late, your hair isn't brushed, you haven't fixed breakfast and you're hemorrhaging brain cells by the second while you sit here. Dying, dying inside.

Episodio 9x5 - Nota 10 2016-10-13 10:33:09

Também não me recordo, Karine! E eu amo esse episódio pelos mesmos motivos que você! hahaha

Episodio 9x6 - Nota 8.5 2012-11-20 10:24:23

Simplesmente sensacional como o drama da Arizona foi bem desenvolvido. O que nos foi apresentado nesse episódio foi maravilhoso, ela finalmente começando a superar o que aconteceu e seguindo em frente, digamos. Parabéns pra linda da Bailey, que soube exatamente o que fazer.
Cristina is back, bitches! "She's awesome!" "I love her!" e o sorrisinho dela foi muito fofoooo. Só amor com ela ♥
April: Pode parar com a frescura, sim? Já tá chato e não vejo motivo pra reclamar. Olha bem pra quem você tá pegando e vê se ele é digno de reclamações! hahahaha
Chocado com esse final! Agora quero saber como vão implicar o Owen como um culpado pelo acidente... Acho que já é meio que absurdo o suficiente quererem culpar o piloto, uma vez que o acidente pode ter sido falha (acho que isso ainda não foi explicado, né?).
E o Alex decidindo deixar a casa da Mer como tá também foi demais. Muito amorrr por ele. E agora Cristina morando junto então....... ♥
Mas enfim, eu gostei do episódio. :)

Episodio 9x6 - Nota 8.5 2012-11-20 10:25:33

E me deu uma saudade enorme da Izzie também, quando a Mer mencionou o crescimento deles naquela casa. :(((

Episodio 9x6 - Nota 8.5 2014-10-24 11:13:56

Já estava dando pra sentir falta de cenas da Meredith com o Alex assim. Excepcional mesmo como o episódio reforçou a amizade desses dois. E o dilema de reformar a casa ou não foi ótimo. Abri um sorriso bobo, e também senti um aperto no peito, quando Meredith falou o que as falhas que ele quer que sejam arrumadas, representam... As medidas do crescimento dela e da Zola. A árvore de Natal. A festa que a Izzie deu. <3 Que saudades, gente!

Essa casa é como um marco histórico pra nós. Tantas e tantas coisas aconteceram ali. George, a própria Izzie... E dá até um aperto saber que Meredith não será mais a proprietária, mesmo Alex sendo o melhor amigo dela, né. HAHA. Enfim, a carinha de irônico que o Alex fez no final, com Cristina pedindo ajuda, foi impagável! Ótimo que eles vão morar juntos! <3

Falando na Cristina: TÃO BOM VÊ-LA NO SGMW! E foi ótimo o esforço pra conseguir ultrapassar a Meredith na maldade. “Ela é pior que a Medusa!” *abre um sorrisinho satisfeito* HAHAHAHA. Sem falar os apelidos! Antes ela deu números para os internos. Agora é “feliz/dunga” e “acanhada”. KKKKKK

Esse plot da Bailey com Arizona foi um dos melhores. Realmente maravilhosa fazendo Arizona se esforçar, se mexer, ir até o hospital só pra ela mesma perceber que é capaz. Precisava de um impulso, e tá aí. Agora só resta se sentir segura o suficiente pra voltar ao trabalho. Fiquei contagiado com a alegria da Callie quando a viu, também. Gente, é amor demais <333

Eu adoro Japril. Eles combinam muito, tem uma química inegável... Eles funcionam. Jackson foi fofíssimo dizendo pra ela no final que tem sentimentos. Porém é chato mesmo eles ficarem transando, ela ficar dizendo pra ele que é uma delícia, que é maravilhoso, e depois ficar falando de sobremesa, de acidente de carro, que Jesus está decepcionado e blá blá blá. Resista à tentação então, ué. Não menospreze nem rebaixe o parceiro que não está te obrigando a fazer merda nenhuma!

Ah! Jackson falando sobre as mensagens que recebeu do Richard e da Catherine foi engraçadinho até! As caras que ele fazia HAHAHAHA. O melhor foi o Richard depois dizendo que ele estava feliz, porque Catherine encontrou um homem que a faz feliz! Poxa! HAHAHA.

Jo estava lindíssima. De todos os internos, ela é que mais se destaca. Tão legal ela deixando o “Papai Noel” no hospital e se esforçando pra descobrir o problema dele. No fim, o cara não queria “apenas drogas”, ele estava sentindo dor mesmo. Alex gênio também. <333

Pra finalizar: tava achando uma loucura o povo falando sobre ir atrás do piloto do avião para processos. Sabíamos que ele não estava bêbado, e alô! Ele ficou paraplégico! Mas essa de irem atrás do Owen é realmente uma surpresa. Lembram do que a mulher disse: “nós vamos procurar culpados dentro do próprio hospital”, ou algo assim. Implica no quê: o Seattle Grace Mercy West que contratou determinada companhia e determinada aeronave para levar os médicos ao outro hospital. Então, creio eu, dependendo da reputação da empresa, dos problemas que já tiver enfrentado e tal, vão jogar a culpa no Owen, porque ele é o chefe e ELE contratou os serviços. Pesado, e muita mancada! Mas creio que é assim...

Enfim, excelente episódio. Temporada ótima até agora.

Episodio 9x6 - Nota 8.5 2014-10-24 11:14:17

Doctors have never had all the answers. There was a time when you were sick, we'd just drain your blood like you were getting an oil change. We're constantly having to rethink what we thought was true and redefine it.

It can be scary to find out you've been wrong about something but we can't be afraid to change our minds, to accept that things are different, that they'll never be the same, for better or for worse. We have to be willing to give up what we used to believe. The more we're willing to accept what is and not what we thought, we'll find ourselves exactly where we belong.

Episodio 9x7 - Nota 9 2012-12-02 11:25:58

Eu particularmente não fiquei triste pelo possível fim do relacionamento de Cristina e Owen. Nunca gostei dele, e esse ódio aumentou ainda mais com a traição na temporada passada. Ela consegue alguém melhor, que realmente a valorize.

April, por que tão irritante? Gosto muito do Jackson, não merece ficar ouvindo essas coisas. Ela praticamente o humilha, digamos. Ele é outro que consegue uma pessoa melhor. Muito tonta. Tem um partido desse nas mãos e fica tratando ele desse jeito.

Felicidade extrema com Arizona de volta, e sem dramas! Finalmente deu a volta por cima e aceitou a condição. Não poderia estar mais feliz. <3

Que liiiiindo o que o senhor do transplante falou. Adorei esse caso! :')

E por fim, a gravidez da Meredith. Ai comecei a pular quando ela pediu pra ele ver a camiseta! KKKKKKKKKKKKKKK
Eu realmente espero que a Shonda não mate esse bebê, que não venham mais tragédias (IMPOSSÍVEL).

Episodio 9x7 - Nota 9 2014-10-25 11:04:00

Japril me faz sofrer tanto! Primeiro, fico com um sorriso bobo no rosto com aquela declaração maravilhosa que o Jackson faz. Está EXPLÍCITO que propõe o casamento não só por causa da criança, mas sim pelos sentimentos que passou a nutrir por ela. E tenho certeza que a April enxergou isso também. Mas aí ela recebe o teste de gravidez, negativo, e fala todas aquelas besteiras. Nossa, me sentir constrangido e com muita vergonha alheia. Além de sentir pena do Jackson, né. Ela não mede as palavras, fala sem pensar. Aparentemente não se importa se aquilo vai magoar ou não o cara que, até agora, só foi compreensivo e extremamente amoroso com ela...

Como não ficar contente com a Arizona nesse episódio? Mal pude conter minha felicidade por ela voltar ao hospital. Ainda com algumas dificuldades – vide a cena que não chega a tempo na sala onde o menino “atropelado” por um cavalo estava sendo atendido –, mas aos poucos superando sua nova condição. Estremeci quando ela caiu na OR, por um momento pensei que ela estava chorando... E foi ótimo o Alex exigindo que todos deixassem a sala. Mas aí ela vira dando risada, o faz dar risada também... Fofura! <33 HAHAHA
O final com a Callie e a Sofia foi maravilhoso. Como essa menina tá linda, gente. Mark ficaria orgulhoso. <33

Jo se destaca entre os internos. E foi legal aquele caso que ela pegou com a Meredith. Ainda bem que o tumor do cara era operável e foi transferido pra realizar a cirurgia. Mas dei risada com ele pegando na bunda e no seio da Mer! HAHAHAHA a cara de assustada e constrangida que ela fazia. <33

O caso daquele senhor com problemas no rim foi triste também. A fala dele no final, ao descobrir que tinha só mais uma semana de vida, foi tão bonita e ao mesmo tempo tão triste. Poxa... BTW: Shane Ross chorando!!!

Antes eu detestava Crowen, e hoje em dia eu os shippo tanto. A cara da Cristina quando ele pediu o divórcio me despedaçou. Mas deu pra ver que ele tomou essa decisão por conta do processo do acidente de avião. Pelo que entendi, por eles serem casados, a perícia (?) não vai avaliar como negligência e aí, não vai ter como ir atrás de culpados no hospital. Talvez, os sobreviventes não recebam indenização. E Owen não quer isso... Pelo menos vi assim. Vamos aguardar os próximos pra entender essa questão melhor.

Pra finalizar: quão maravilhoso é ver Meredith grávida novamente? Fiquei todo arrepiado quando Derek mostrou a roupinha com o “world’s best big sister”. Eles estão em um momento tão perfeito, esse bebê não poderia vir em melhor hora. É muito amor! <3

Episodio 9x7 - Nota 9 2014-10-25 11:04:21

Can two people really be meant to be? MFEO. Soulmates. It would be nice if it's true. That we all have someone out there waiting for us. Us waiting for them. I'm just not sure I believe it.

Maybe I do believe it, all this "meant to be" stuff. Why not believe it, really? Who doesn't want more romance in their life? Maybe it's just up to us to make it happen. To show up and be meant for each other. At least that way you'll find out for sure. If you're meant to be or not.

Episodio 9x8 - Nota 9 2012-12-12 09:03:23

Teve alguns momentos engraçados e AMEI a participação da minha linda Neve Campbell, porém não amei o episódio.

Acho que esse tipo de competição, animação, empolgação entre os internos quando se trata de cirurgias já foi apresentado com muita maestria através dos nossos protagonistas, não precisava ter um episódio inteiramente focado nisso.

Mas foi interessante a Brooks toda louca falando com as irmãs do Derek, e a Mer nem aí hahaha

O cúmulo do absurdo foi as duas internas quase matando a paciente por causa de competição, adorei o Owen as proibindo de entrar na SO até ele dizer que podem.

Mas é isso, foi muito desnecessário e o mais fraquinho até agora.

Episodio 9x8 - Nota 9 2014-10-26 11:13:17

Gostei desse episódio bem mais agora do que pela primeira vez que assisti. Os internos estavam legais, dei risada com todos em vários momentos. E tudo funcionou muito bem.

A Heather é um amor. Um tanto lesadinha, mas ótima! Gostei da interação dela com a Meredith nesse episódio. Dei muita risada na cena que atendeu um monte de ligações de uma vez! HAHAHAHAHAH E o final enfrentando Derek e Mer foi MUITO BOM! “Estou sabendo coisas de vocês dois que eu não gostaria de saber” HAHAHAHAHAHAHA.

Shane também ótimo com a April. Foi tão legal ele indo ajudá-la a fazer esse tal de “trabalho rebaixado”, só pelo prazer de ajudar. A carinha da April de satisfeita e orgulhosa foi um amor só. Ela precisa fazer o exame de novo, e logo, pra pararem de dizer que é um “fracasso”. Tadinha!
Aliás, ótimo o Shane tratando o Derek como paciente também. Tão legal!

Leah é a única que não dá uma boa impressão nesse episódio. Acho que ELA exagerou e aí a Stephanie também acabou se ferrando. A competição existe, como a própria Cristina comentou – e ela que o diga! – mas né... Quase mataram a mulher, foi o cúmulo do absurdo. Owen ordenando que nenhuma das duas tinha permissão para entrar na OR até segunda ordem foi ótimo!

E a Jo é de longe a mais carismática. Foi ótimo quando gritou “pare de me chamar de princesa!” e contou toda a história sofrida dela. Aliás, quem poderia imaginar? E já dá pra shippá-la com o Alex, viu!

Tenho que comentar sobre aquele caso dos bebês, que foi bem tocante. Fiquei com certa raiva daquela mulher quando disse que “não conseguia ficar feliz por ele”. Dá pra entender a frustração, claro, mas não é como se ele tivesse entrado na OR e ROUBADO o coração pra dar pro filho dele, né. Felizmente a mulher caiu por si no final. Foi lindo.

Pra finalizar: eu amo demais a Neve Campbell e essa participação como uma das irmãs do Derek é só amor. ADORO! <333

Enfim, ótimo episódio!

Episodio 9x8 - Nota 9 2014-10-26 11:13:50

Most people hate hospitals. But not the interns. For them, a hospital is a magical place. It's poetic, the rhythm of the machines, the crackle on the trauma gown, it's a place full of promise, excitement, surprises. It's a place where dreams can come true.

There don't have to be harps playing, or birds singing, or rose petals falling from the sky. And there are definitely days when the romance is dead… but if you look around, things are pretty amazing. So stop for a second, enjoy the beauty, feel the magic, drink it in because it won't last forever. The romance will fade, things will happen, people will change, love will die but maybe not today.

Episodio 9x9 - Nota 10 2012-12-15 12:32:29

Neve Campbell, por que tão perfeita? PQP!
Quero Lizzie em mais episódios, adoraria que a família do Derek fosse mais presente, já pensou? hahaha

Adorei a "bronca" que Callie deu em Arizona. Tava precisando mesmo, apesar de achar que a personagem evoluiu e se aceitou muito nos últimos episódios em relação a isso.

CRISTINA: WHAT THE HELL? TRY AGAIN?
Afffffff vomitando horrores com o beijo deles. Eu pensando que finalmente Cristina ia ficar livre desse desgraçado, e ela faz isso.....

Chocado com Bailey nesse final. Mas é como disseram, foi a Bailey sendo a Bailey, haha.

Coitada da Adele viu.

Episodio 9x9 - Nota 10 2012-12-15 17:22:19

Super verdade, a Bailey estava sendo a Bailey porém podia ter ligado SIM pra avisar.
Basta saber se Ben irá entender a situação.

Episodio 9x9 - Nota 10 2014-10-28 12:11:12

Não consigo descrever o quanto eu amo a participação da Neve Campbell como a Lizzie. Eu adoro demais a atriz, daí vem interpretar uma irmã do Derek na minha série preferida, é impossível não morrer de amores. <3

E gostei muito da determinação dela de querer doar os nervos pro Derek recuperar 100% a mão. Isso que é irmã, e isso que é família. Não hesitou nem por um segundo. Além disso, achei muito bonito ela enfrentando a Meredith naquela sala de espera (?). Entendi também a frustração, afinal ter um novo membro na família, Zola, e só poder vê-la em fotos enviadas por email...

Mas enfim, fiquei muito feliz pela Mer contando sobre a gravidez pra ela no final. “Vamos ter um bebê!” que linda. Queria muito que ela aparecesse mais!

Aquela cena da Callie desabafando também foi uma das melhores. A expressão de assustada da Arizona: impagável. Mas olha aí, serviu pra motivá-la. Ela colocando a sapatilha e decidindo ir ao casamento. <3 Aos poucos Arizona está aceitando e lidando melhor com sua nova condição. Como a Callie disse: ela ainda é ela, só que menos uma perna. E a vida continua...

Cristina decepcionada pelo motivo do pedido do divórcio do Owen... Como hoje eu dia eu adoro muito o casal, fiquei em êxtase pela cena do beijo. Achei bonito Cris pedindo pra tentar de novo. Mas né, por mais que eles se amem e tentem, sempre vai ter um abismo enooooorme entre os dois, que é a velha história de ter filhos. O sonho do Owen é construir uma família e sabemos que isso nem passa pela cabeça da Cristina. Não tem como fazer funcionar um casal com ideias tão diferentes... O que é uma grande pena! :(

A cena do Jackson e Alex se arrumando pro casamento. Foi demais. Adorei a música. Stephanie ficou IRRECONHECÍVEL toda arrumada. E concordo: April foi muito burra querendo arrumar acompanhante. Se eles terminaram, foi por culpa dela própria. Stephanie já se mostrou atraída pelo Jackson e não há dúvidas de que possam se relacionar. Ele é livre!

Alex e Jo tá um amor só. Dei risada com a reação dos dois quando viram que seriam acompanhantes. E depois, no casamento, eles olhando fixamente pra frente sem trocar uma palavra HAHAHAHAHA.

Por fim: acho engraçado Bailey toda em pânico pelo casamento. Sabemos que ela não queria uma grande festa e tal, compreensível ficar nervosa e o próprio Ben entendeu isso. Já no final, nem sei o que dizer... Eu vejo a situação assim: “ela não é a Adele. Ela é a esposa do meu marido e eu sou a melhor chance, no momento, de salvá-la”. Bailey estava nervosa e deixar compromissos importantes de lado em nome de uma vida é a cara dela. Mas acho que é meio evidente que ama o Ben e não iria deixá-lo plantado.

O único problema mesmo é que não pediu pra ninguém avisar. E ele ainda ouviu a Callie falando sobre ela “fugir” e que estava nervosa... Poxa!

Aliás: fico com o coração apertado com a Adele cuspindo sangue. :(

Episodio 9x9 - Nota 10 2014-10-28 12:11:33

The adrenal system reacts to stress by releasing hormones that make us alert and reactive. The problem is, the adrenal system can't tell what's a regular case of nerves, and what's real impending disaster.

The body doesn't know the difference between nerves and excitement, panic and doubt, the beginning and the end. The body just tells you to get the hell out. Sometimes you ignore it… That's the reasonable thing to do. But sometimes you listen; you're supposed to trust your gut. Right? When the body says run… Run!

Episodio 9x10 - Nota 9 2013-01-12 23:58:12

Achei incrível como as coisas se encaixaram nesse episódio, tudo tão lindo!

A começar pelos casais... O que foi Alex com a Jo?? Nunca pensei que gostaria de vê-lo com alguém além da Izzie! Muito lindos.
Devo ressaltar a atuação do Justin Chambers nesse episódio: Sensacional! A cara dele quando Jo parou de fingir o choro e começou a rir foi ótima!

Gostei do Jackson com a interna lá, mas não vejo nenhum futuro pra eles... Apesar de ter achado bem chato todo o drama da April por fazer sexo com ele, prefiro eles dois juntos.

Gostei também do plot dos motoqueiros! Morri de rir quando Cristina leu e pronunciou o nome "Gasoline", daquele jeito dela. ♥

Calzona, muito amor também! Amo Callie sendo tão compreensiva.

Ainda não sei o que sinto em relação ao divórcio de Cristina e Owen, pois não sei qual o nível de ódio que sinto por ele no momento. Owen alterna muito!

E por fim, Adeleeeeee! :( Richard chorando e o flashback foram de matar!

PS: Adorei a forma como informaram a morte da Adele. :(((

Episodio 9x10 - Nota 9 2014-10-29 12:14:55

Episódio bem triste, ein? Quando, aparentemente, até os três minutos finais, não parecia que ia ser. Poxa!

Eu também gostava da Adele. Adorava as participações dela nas primeiras temporadas e fiquei devastado quando foi diagnosticada com a maldita Alzheimer. Deixou mesmo de aparecer desde a temporada passada, mas acho impossível não admirá-la. Essa mulher passou por muita coisa, e nos ataques da perda de memória, víamos muito bem todo o sofrimento que viveu com o próprio Richard. Ela foi traída tantas e tantas vezes, e ainda assim perdoou o marido e continuou a viver com ele...

A forma como a notícia foi dada pelo Richard foi destrutiva. Meredith vendo pelo olhar... “Não! Quando?!” e depois com os olhos marejados. E o Richard mesmo derramando lágrimas, não pude me segurar. Pra completar tudo, ainda veio aquele flash dos dois dançando, ela vestida de noiva, pra destruir todo mundo logo de uma vez. Que tristeza!

O diálogo entre Bailey e Ben antes da tão esperada cena do casamento foi maravilhoso. Achei bonito ela assumindo ter esquecido tudo por 20 minutos, e ele dizendo que seria estranho se não esquecesse... E o que ele disse é verdade: além de se amarem, Ben também tem uma rotina médica. Era enfermeiro e agora está estudando pra ser cirurgião. Divergências, brigas por horários ocupados clinicamente não devem acontecer. E achei tão bonito o “I do” pra em seguida eles estarem se beijando na frente de todos. Lindos! Todas essas cenas envolvendo o casamento, desde o episódio passado, foram muito boas. Gostei bastante.

Alex e Jo com uma interação INVEJÁVEL nesse episódio. Amei todas as expressões dele quando era enganado pela Jo. Aquela cena que ela chora e ele fica “você não é uma comedora de lixo!” foi muito boa. Sem falar o espetáculo na recepção pra conseguir roubar a chave de um quarto do hotel. Depois a Jo jogando comida no verdadeiro hóspede HAHAHAHA.
Eles têm química. E é a primeira vez mesmo que dá pra enxergar uma pessoa com o Alex depois da Izzie – mesmo eu tendo gostado do relacionamento dele com a Lexie, por exemplo. E convenhamos que Alex precisa se estabilizar amorosamente. Jo é a candidata perfeita.

Sobre Jackson: no episódio passado já teve indícios de que ele ia acabar se pegando com a Stephanie. E não gosto nada disso. Eles não combinam em nada e, né: ele pertence à April. Mas vamos ver como vai ser, como April vai reagir e tal.

Aliás, dei muita risada com a cara da April no final! Shane falando sobre ela querer dormir com ele HAHAHAHAHAHAHAHA. Impagável!

CROWEN!!! Mais uma cena que fez água cair em meus olhos... Eles assinando o divórcio. Ambos querendo chorar e dando aquele beijo... Não há coração de shipper que aguente. Minha nossa...

Callie sendo compreensível com Arizona é tão amor. Adorei elas duas na cama, comendo aquele macarrão em forma de bolinho e assistindo TV. <3

Enfim, episódio ótimo! Bonito e triste também. :(

Episodio 9x10 - Nota 9 2014-10-29 12:15:16

“In order to properly treat a problem, a surgeon needs as much information as she can get. So we ask questions. Things like when did the pain begin? Have you experienced these symptoms before? Do you have a family history? Are you currently sexually active? Have you recently undergone surgery? If you're unwilling or unable to answer these and other questions, we’re forced to rely on tests for insight. Until those test results come back, there’s nothing we can do but wait.

The next time you're in your doctors office, remember she's not asking all those questions for her health. She's asking them for yours. Tell her everything. The small details aren't trivial. They actually make the story. There's no rush, take all the time you need, start at the beginning.”

Episodio 9x10 - Nota 9 2014-12-12 10:02:26

Pois é viu. Forçadíssimo esses dois.

Episodio 9x10 - Nota 9 2015-07-11 13:07:50

Se não me engano ele é anestesista mesmo, mas que eu me lembre à essa altura ele tá estudando pra ser médico...

Episodio 9x11 - Nota 10 2013-01-19 11:15:11

Que episódio fantástico. Que lindo. Que triste. Que tudo!

Nossa, que história é essa que o hospital vai fechar? Gente como assim!
Eu já estava pensando que o drama acerca do acidente de avião estivesse rumando para o fim, e agora vem essa bomba! E justo quando eles estavam tão lindos, fofos, FELIZES no restaurante, ai. :(

Definitivamente comecei a shipar Alex e Jo. Como eu disse no episódio anterior, não conseguia vê-lo com ninguém mais além da Izzie... Porém estão conduzindo e desenvolvendo a amizade dele com a Jo tão brilhantemente que é impossível não amá-los.

Fiquei com pena da April... Mas quem mandou fazer todo aquele drama toda vez que dava pro Jackson? Agora perdeu...
Ah, detestei o modo como o Jackson falou com a Arizona no início do episódio...

Esse episódio me fez pensar em tanta coisa da série. Tanta coisa que a gente já viu. Já passou junto com eles.
Quando Grey's acabar, literalmente vai ser o meu fim. Espero que dure mais umas 10 temporadas HAHAHAHAHAHA

Episodio 9x11 - Nota 10 2014-10-30 12:15:31

Roteiristas estão simplesmente arrasando na construção do relacionamento de Alex e Jo. Meu, que química. Eles funcionam tão bem em cena que nem sei explicar. A competição e torcida por Shane e Derek foi engraçada de acompanhar. E fiquei até surpreso por Alex aceitar a aposta de MIL DÓLARES e entregar assim tão facilmente! HAHAHAHA Conhecendo-o como o conhecemos, pensei que tentaria burlar ou algo do tipo. De qualquer forma, achei fofíssimo ela comprando um sofá com o dinheiro. Já podem começar a se pegar pra valer se quiserem, viu? I don’t mind. <333

A expressão da April quando Jackson contou que estava dormindo com a Stephanie, partiu meu coração. Ela com lágrimas nos olhos... Poxa, é demais pra mim. Porém, como comentei anteriormente: a culpa é dela própria. Eles terminaram porque ela, tecnicamente, não o valorizou. Poxa, um homem tão carinhoso, propondo casar e tudo se ela quisesse, e acabou sendo menosprezado daquela forma – mesmo que intencionalmente. E ainda incentivou esse negócio de levar acompanhante pro casamento da Bailey... Poxa! Quero os dois juntos, pra já.

Falando no Jackson: as menções que ele e o paciente fizeram ao Mark me destruíram. Tá tão recente! Mas enfim, gostei dele assumindo o caso. Gostei dos pais chamando-o de “pupila do Mark”. Só não gostei muito da forma como ele falou com a Arizona no início, mas enfim... Felizmente o procedimento deu certo. <3

AH! Derek jogando ping pong foi ÓTIMO! HAHAHAHA Shane se revelando, chamando ele de “bitch” e outras coisas KKKKKKKKKKKKK.

Cristina sabendo da gravidez da Mer sem ela contar foi tão amor. Elas de fato são a “person” uma da outra. E poxa, como não abrir um sorriso enorme quando Mer anuncia pra todos durante o jantar! Awww! <3

Aliás, adorei todo o discurso da Callie. Dava pra estranhar mesmo ela ficar toda contente pela decisão do juiz e tal, porque afinal, duas pessoas não conseguiram sair daquela floresta com vida. Mas no fim tudo teve um significado. “Vamos brindar porque vocês estão aqui.” Linda.

Inclusive, amei muito o Derek ligando pro Owen, decidindo deixar esse “rancor” de lado. Ainda bem que caiu por si. Ficar com raiva não ia fazer mal só pra ele, mas pro próprio Owen, né. Não é como se ele soubesse que o avião fosse acabar caindo...

E esse final é tão chocante. O hospital tendo que declarar falência pra pagar a indenização dos sobreviventes... Quero só ver quando cada um deles perceber que essa é a consequência pra receber TANTO dinheiro. Poxa, eles todos felizes no restaurante... É até de partir o coração!

Enfim, episódio MUITO bom mesmo. Amo!

Episodio 9x11 - Nota 10 2014-10-30 12:17:43

"The big day is here. The day you're gonna hear the news, the test result. Is the biopsy malignant or benign? Am I gonna live or die? You just want to know even if the news is scary because then you can move on. Whatever that means."

"They say ignorance is bliss because once you know about the tumor or the prognosis, you can’t go back. Will you be strong or will you fall apart? It's hard to predict so don’t worry about it. Enjoy the time you have before the news comes. Yep, ignorance is bliss."

Episodio 9x12 - Nota 8.5 2013-01-27 21:50:12

Eles realmente precisam se juntar e doar o dinheiro que o hospital precisa... E não gostei do modo como a Bailey falou com o Derek, apesar de concordar com o que ela disse....

Achei tão lindo a Meredith conseguindo entrar no avião, perdendo o medo. E ao mesmo tempo o Derek operando de novo. Enfim temos o fim do plot em torno da mão dele.
E temos a Arizona superando mais um de seus problemas... Aw. ♥

Cristina tava MUITO apagada nesse episódio, mas adorei ela defendendo o programa hahaha

Episodio 9x12 - Nota 8.5 2013-01-28 00:35:33

Alexandre, eu também achei. Tanto que quando o vi, reparei que o Alex também estava meio apagadinho no episódio!

Episodio 9x12 - Nota 8.5 2014-10-31 13:05:13

Esse plot da Arizona foi uma agonia sem limites. Inimaginável essa dor fantasma que ela estava sentindo. Fiquei bem perplexo e tenso mesmo, especialmente com o sonho que teve na OR. A perna toda rasgada; Alex e Cristina olhando sem falar nada; e a própria tentando amputar... De qualquer forma, foi ótimo Owen ajudando-a. Adorei o negócio do espelho, a parte das ondas e o incentivo que deu quando ela passou mão no meio da cirurgia. Dei risada até quando gritou “isso é uma ordem!” pro Alex enfiar o bisturi no pé falso!

Meredith estava engraçada chorando por tudo: raiva e felicidade HAHAHAHA. Dei risada da forma como tratou o Shane. Esse aí parece ser bem lesado, apesar de prestativo. De qualquer forma, fiquei muito contente quando ela entrou no avião e respirou fundo quando o mesmo decolou. Tão bonito enfrentando esse medo, deixando o receio pra trás. Maravilhosa. E por favor, quem não está amando ela grávida? HAHAHAHA Parece um sonho! <3

Derek maravilhoso também na OR. Fiquei com receio de que a primeira cirurgia dele após o acidente, após o conserto da mão, fosse acabar com consequências para o paciente. Mas ainda bem que deu tudo certo. Inclusive, adorei o paciente. Fiquei contagiado com a alegria dele e da irmã no final.

Matthew! <3 Adoro ele chamando a April pra sair, que fofinho. Já que Jackson seguiu em frente, April deve fazê-lo também. Mas também adoraria que rolasse ciúmes nessa situação toda! HAHAHAHA Já pensou Jackson com ciúmes?
E falando nisso: gostei também da April ensinando a Stephanie. Em algums momentos dava pra ver que ela fazia meio que com raiva, mas no fim o saldo de ensinamento foi positivo! <333

Não gostei muito dessa nova profissional que veio analisar os programas que o hospital oferece. Mas entendo que essa rigorosidade vem com o serviço geral. Vamos ver no que vai dar...

Sobre a Bailey: o que ela disse não foi errado. O hospital está em uma crise e cortes precisam ser feitos. Se forem protestar por tudo o que essa mulher quiser fechar, as coisas não vão funcionar. NO ENTANTO, fiquei com raiva dela também. Porque Bailey falou de uma forma que dava pra entender perfeitamente isso: “Derek, cale a boca. Se o hospital está em crise, é por culpa sua e dos outros aí. Então escuta e não protesta”. E ora, não é como se Derek ou qualquer outro tivesse pedido pro avião cair. Acho que ela foi muito insensível na forma como falou. Mark e Lexie MORRERAM nesse acidente, for God’s sake. Que tom mais infeliz...

Cristina e Alex apagadinhos. Mas gostei dela se interessando pelo programa, e a defesa no final foi ótima HAHAHAHA.

Episodio 9x12 - Nota 8.5 2014-10-31 13:05:56

Patients who undergo an amputation often feel a sensation where the missing limb was as if it's still there. The syndrome is called phantom limb. It's as if the body can't accept that a terrible trauma has occurred. The mind is trying to make the body complete again. Patients who experience phantom limb report many different sensations but by far the most common is pain.

The body can be stubborn when it comes to accepting change. The mind holds out hope that the body can be whole again and the mind will always fight for hope, tooth and nail. Until it finds a way of understanding its new reality and accepts that what is gone is gone forever.

Episodio 9x13 - Nota 8.5 2013-02-02 11:38:00

"Tributes, may the odds be ever in your favor!" Bailey <3 hahaha

Eu gostei de abordarem o tema Testemunha de Jeová... É interessante observar religiões que não concordam com certas coisas... Acho que apresentaram bem esse plot. Infelizmente o rapaz morreu né... ://

O que foi a Arizona toda revoltada com a menina? KKKKKKKKKKKK Mas ao menos serviu pra ela se levantar e perceber que nem tudo acabou, né?

Mais um episódio que acho o Alex bem apagadinho... Quase não apareceu! :(

Cristina interagindo com o Big Brother também foi engraçado! hahaha

Ai o que foi a Meredith sentindo o bebê chutar????? Fiquei sorrindo por um tempão, especialmente no final com o Dere esperando o chute. Awwww espero que a louca da Shonda não faça nada com essa criança!

Episodio 9x13 - Nota 8.5 2014-11-01 11:26:55

“My tributes, may the odds be ever in your favor!” HAHAHAHA Bailey me orgulhando sendo fã de Jogos Vorazes <333

Mas enfim, uma loucura esse negócio do Bob/câmeras por todo o hospital. Realmente de se questionar o SGMW estando em crise desse jeito e colocando câmeras em todos os leitos/quartos só pra supervisionar as decisões dos médicos pelos pacientes. BTW: ótima a cena inicial com Cristina e Meredith descobrindo as câmeras. HAHA

Falando nisso: adorei a abordagem da religião Testemunha de Jeová nesse episódio. Creio que senti um pouco da Cristina e da Leah. Cristina porque, embora não concorde, entende e aceita a decisão da família. E um pouco da Leah porque, como a própria disse: o rapaz tinha chances de ser salvo. Mas né, não estamos aqui pra discutir religião. Cada um com sua crença e seus valores. Mas fiquei com muita pena do rapaz. Muita mesmo. :(
PS: Leah LOUCA querendo fazer transfusão sem autorização, ein!

Meredith quase me matou de susto quando saiu da sala parecendo que estava passando mal, depois dizendo pra Bailey que sabia que tinha uma coisa errada. Mas ao mesmo tempo abri um sorriso enorme quando ela falou que o bebê estava chutando. Gente, que amor. A expressão dela foi uma maravilha só. É impossível não se contagiar com isso. O Derek no final, na expectativa de sentir os chutes, foi uma fofura também. MerDer em seu melhor momento disparado. Esses dois <333

O plot Alex/Callie/Arizona com aquela paciente revoltada foi ótimo também. A menina me deixou com raiva, mas ao mesmo tempo tocado pelas coisas que queria fazer e achava que não conseguiria mais. Dei risada com Arizona revoltada forçando-a a levantar da cama. Fiquei contente pela menina ter dado esse passo, e até esboçou um sorriso quando rumou à porta. Adoro finais felizes para os pacientes. Sempre me deixam contente.

Fiquei triste pelo esforço que Derek e April tiveram pra salvar o ER, e no fim foi tudo em vão. Acho que aquela profissional deu mancada. Podia ter deixado claro desde o início que estava preparando o hospital pra ser VENDIDO, já que em seu ponto de vista não existe salvação de forma alguma.

E é tão estranho ver o ER fechado. Foi triste Owen apagando as luzes e fechando as portas com aquele aviso... Realmente, o ER é a alma, o coração do SGMW. Grande parte das cirurgias e dos casos que acompanhamos em todos os episódios partem do que acontece ali. :(

Mas enfim, episódio ótimo. Temporada maravilhosa. <3

Episodio 9x13 - Nota 8.5 2014-11-01 11:27:49

We've all heard the buzz words, streamline, optimize integrate, adapt. Everyday someone comes up with a new strategy or tool or technology to increase our efficiency. The idea is to make our lives easier but the question is, does it?

To really be efficient, you have to eliminate what doesn’t work. You have to figure out what is important and hold on tight to the things that matter most.

Episodio 9x14 - Nota 9 2013-02-09 21:42:42

Callie e Julio Plantain ♥ HAHAHAHA

Que lindo episódio. Mais uma vez Grey's surpreende, jamais deixa a desejar.
Muito lindo todos eles se juntando e trabalhando juntos, tudo por um bem maior: A vida!
Foi até hilário no início o Jackson dizer que NINGUÉM ia saber e no fim, todos estavam envolvidos.

ATÉ QUE ENFIM surge a ideia de comprar o hospital! Se não fosse a Callie, talvez os outros nem chegassem a essa conclusão...

Alex narrando ♥
Tô DETESTANDO o Jackson com aquela interna lá... Acho que isso tem que acabar logo porque eles não tem química nenhuma, é muito feio! hahaha

Ainda não sei bem o que dizer de Alex e Jo... Acho essa amizade deles muito bonitinha, não sei se quero algo mais que isso.

Mas enfim... EXCELENTE! :)

Episodio 9x14 - Nota 9 2014-11-02 15:59:39

O episódio já começa muito bem com a narração do Alex e as caras e bocas dele tentando forçar um sorriso para as fotografias HAHAHAHAHA. Aliás, eu amei toda a situação envolvendo esse negócio do “novo rosto do hospital”. Jackson posando para as fotos foi ótimo. E as cenas da Callie com o Richard tentando descobrir como funciona a administração do hospital comprado por aquela empresa foram ótimas! Dei risada com o sobrenome Plantain! HAHA

E no fim, Derek foi o rosto do Seattle Grace. Nem cogitamos o personagem porque não o vimos tirar as fotos. Mas sei lá, se a situação não fosse tão “desnecessária”, combinaria. Falando nisso, graças a Deus Callie surgiu com essa ideia de que eles mesmos podem se juntar pra comprar o hospital. É um plot interessante, promissor. Fico até arrepiado só de pensar que eles podem se tornar donos do lugar onde passam grande parte da rotina.

Sobre Jo e Alex: tá cada vez mais legal de acompanhar. E aos poucos a gente percebe o Alex meio sem jeito, com um sorrisinho torto quando estão ao lado dela. Nunca pensei que conseguiria enxergá-lo com alguém da mesma forma que o vi com Izzie, mas isso tá acontecendo agora. Jo é carismática e combina demais com ele. Ambos têm uma química notável e funcionam. Resta saber como vão desenvolver para os dois ficarem juntos, já que até agora foi tudo uma coisa bem amigável mesmo e muito gostosa de acompanhar. <33
BTW: fiquei até tenso na cena das rosquinhas, esperando rolar algo mais! HAHA

Jackson com Stephanie é bizarro porque eles não têm química. Até o momento essa personagem não me irritou – mas dando um pequeno e mínimo spoiler: esperem até a 10ª temporada! –, só que sei lá, não dá. De qualquer forma, ele demonstrando uma pontinha de ciúmes quando viu o beijo da April no Matthew já deixou meu coração disparado! HAHAHAHA Torço tanto, TANTO pros dois. Às vezes esse tempo separados, e esses namoros com outras pessoas, os faça compreender que devem ficar juntos. E ponto.

Essas cenas dos médicos atendentes unidos pra salvar o menino atropelado foi boa demais, e muito tensa também. Quando aquela profissional que nunca lembro o nome se aproximou da sala, estremeci. Até o Derek ficou sem saber pra onde correr! Ainda bem que eles foram mais rápidos e espertos. E mais importante: conseguiram salvar a vida dele. Não poderia ficar mais feliz. <3
PS: quão triste é ver o ER do SGMW daquele jeito? Sem os leitos, sem nada? Apagado, esquecido? Poxa! :(

Gostei do caso dos transexuais também. Especialmente quando aquela menina que não lembro o nome revela que mandou o email pro pai do Brian. Pena que o pai não ficou lá pra ver o filho quando ele acordasse... Mesmo sendo uma coisa repentina. :/

Enfim, episódio muito bom mesmo! Amei tudo!

Episodio 9x14 - Nota 9 2014-11-02 16:01:24

Change is a funny thing and not everyone can handle it. It can sneak up on you. Things aren't what they used to be. Your whole world has transformed. You realize the ground beneath you has shifted. Things are uncertain and there's no turning back. The world around you is different now, unrecognizable, and there's nothing you can do about it. You're stuck. Your future is staring you in the face and you’re not sure you like what you see. Like I said, I'm not big into change.

Episodio 9x15 - Nota 9 2013-02-16 11:26:55

Acho que eu nunca fiquei com tanta raiva da Arizona como no início desse episódio. Ficava pensando: "A única solução pra Arizona estar se comportando desse jeito é porque enlouqueceu", porque o argumento dela, ao meu ver, não era bem um argumento.
Ainda bem que Bailey apareceu pra falar aquelas verdades e fazê-la acordar.

O que foi a Callie se assustando na van? KKKKKKKKKKKKKKK ri demais!

Derek sentindo enjôo por conta das fotos espalhadas por todos os lugares também foi engraçado. Adorei ele pedindo pro Ross riscar tudo. Eu faria o mesmo, credo.

Fiquei com pena do Owen no final, quando todos pedem demissão... E conhecendo-o como conhecemos, creio que ele ficará com muita raiva quando revelarem a verdade. E não vai querer perdoá-los e etc. Vamos ver...

Torcendo muito pra que eles consigam comprar o hospital. Que consigam a tempo, por favor!

E de modo geral, que episódio incrível! Lindo! Definitivamente o melhor da temporada (que está sensacional) e certamente um dos melhores da série.

Episodio 9x15 - Nota 9 2014-11-04 11:28:40

Derek estava simplesmente sensacional no episódio. É preciso aplaudi-lo por todas as decisões e atitudes que tomou. Essa liderança, essa motivação pra fazer os outros companheiros comprar o hospital, foi impecável! E dei muita risada quando mostrou que ele pediu pro Ross riscar todos os cartazes com seu rosto no hospital! HAHAHAHAHAHAHA Eu faria o mesmo. Já pensou, você pensa que tá concordando com uma coisa e de repente se depara com cartazes enormes com suas fotos espalhadas no seu local de trabalho?

Mas enfim, no início fiquei com muita raiva da Arizona. Não consegui enxergar o ponto dela de não querer arriscar comprar o hospital, já que todos os outros usaram argumentos plausíveis pra fazê-lo. Ainda bem que Bailey deu aquele choque de realidade nela, pra fazê-la mudar de ideia.

Gostei de todas as cenas dos encontros dos envolvidos! E ri demais da Callie quando tomou aquele susto na van! HAHAHAHAHAHA

Meu coração fica despedaçado por essa cena do Owen encarando os atendentes enquanto eles pedem demissão. Entendo que é pro bem dele, mas coitado, não merecia. Ficou com a impressão de que foi traído na última hora pelos próprios amigos... Como ele tem um gênio bem difícil, é provável que fique com raiva mesmo após descobrir a boa intenção que todos tiveram ao pedir demissão. O que é uma pena, já que Crowen estava em um lugar bonito, agradável e interessante agora.

Falando na Bailey: preciso ressaltar que ela foi maravilhosa quando incentivou o pai daquele menino a procurar ajuda em outro lugar. E corajosa. De que adianta deixar o menino em um lugar que não tem como oferecer o procedimento que ele precisa pra permanecer vivo? Deu pena, até...

Matthew realmente foi um amor. No entanto, acho que April não devia ter mentido. Na cabeça dele, ela já não era mais virgem e podia ter deixado assim mesmo. Ela se mostrava compreensiva com a decisão e eles seguiam em um relacionamento honesto. Mas né... Só espero que isso não reflita em brigas mais pra frente, embora eu queira mais que tudo que ela fique com o Jackson. Engraçado que Matthew é tão fofinho que exerce esse efeito em mim. Já a Stephanie é absolutamente o contrário.

E olha só, o Marcel de The Originals interpretando o namorado da Jo!!
Mas enfim, muita pena do Alex quando o viu, no final. POXA! É verdade que eles não tinham nada além de amizade, mas as coisas estavam sendo desenvolvidas tão bem entre os dois que é impossível não ficar meio triste. A carinha dele. :(

Enfim, episódio MUITO bom!

Episodio 9x15 - Nota 9 2014-11-04 11:29:45

They say there's one sure sign of a successful negotiation. It's that when the parties leave the table, they feel like they have been screwed. The goal is a compromise, a situation where everybody wins.

They say that negotiation is an art form. Yet, when we negotiate, we have a strategy. We use tactics. Strategy and tactics aren'“I could marry you again right now. You’re so hot when you’re nefarious.”t words we use for compromise. These are words for going to war.

Episodio 9x16 - Nota 10 2013-02-23 12:02:54

O nível de Grey's nunca oscilou na minha opinião. Sempre se mantém e essa última sequência de episódios está sensacional! Tô adorando e me apaixonando CADA VEZ MAIS pela série (se é que isso é possível haha).

No começo eu jurava que eles iam conseguir comprar, mas aí o investidor negou né... Daí foram buscar o Richard e Owen ficou sabendo de tudo (aliás, pensei que ele não fosse aceitar isso muito bem; o personagem evoluiu demais!), e voltei a ter esperanças mas vai e dá errado... :(

Eu gosto do Jackson, mas não me senti confortável com a mãe comprando o hospital pra ele. Não acho que ele mereça mais do que os que já estavam tentando comprar.
E deu pra perceber que os outros também não se sentiram confortáveis com isso, né?

Bailey ♥

Continuo neutro em relação a Alex e Jo... Acho a amizade deles tão bonitinha, não sei se vai ser legal eles num relacionamento amoroso... Sei lá.

Enfim, excelente episódio! Do jeito que a gente gosta! :D

Episodio 9x16 - Nota 10 2014-11-05 10:57:10

Olha, essa sequência de episódios envolvendo a adrenalina pela compra do SGMW foi sensacional, ein? Uma das melhores situações da série, na minha humilde opinião.

Derek mais uma vez foda e impecável nas três apresentações que fez junto dos outros. Gostei muito das decisões e dessa atitude de líder que ele tomou nos últimos episódios, pelo bem de todos. Cresceu ainda mais no meu conceito, porque deu um show. Daí eu tava acreditando que ia dar certo, afinal eles tinham conseguido passar por duas fases antes de chegar ao investidor realmente... E o cara diz que “não sente firmeza”.

Aí tiveram a ideia de colocar o Richard e minha esperança voltou. Pensei: agora sim vai dar certo, esse cara não vai ter como negar. A sequência que os levou ao helicóptero e ao aeroporto foi SENSACIONAL, btw. Mas aí o cara mantém a resposta idiota de “não estar sentindo firmeza”.

E então minhas esperanças se esvaíram. Como iam fazer pra conseguir 175 milhões, quando não tinham nem a metade desse dinheiro? Fiquei despedaçado pelo Owen, a cara de tristeza dele quando Cristina contou que eles tinham fracassado... Aliás, é de ficar surpreso com a reação dele ao descobrir a verdade, o que mostra o quanto ele evoluiu.

Agora nunca nem cogitei a Fundação Harper Avery como investidor. Fiquei feliz, especialmente pela alegria que os outros médicos demonstraram quando Catherine anunciou a participação da Fundação nessa compra. Só não fiquei muito confortável com esse negócio do Jackson ter mais que os outros e tal. Eu adoro muito o personagem, mas também sou desses que preferia que apenas os que estavam tentando comprar, tivessem um tipo de “controle”. Mas enfim...

Rapidinhas: deu pra entender, mas também ficar com raiva dos internos nesse episódio. Ross foi ridículo dizendo pro Owen que ele era um mentiroso quando, mesmo usando máscara cirúrgica, era nítido que não sabia o “plano” da Cahill de acabar com o hospital de vez. Depois, achei a Stephanie muito idiota querendo se jogar nas costas do Jackson por emprego. Querida, vá à luta. Como comentaram: don’t be that kind of girl! A única que não me irritou mesmo foi a Heather <3 e a Leah.

E a Jo! Aliás, adorei muito a cena dela dizendo que não vai encontrar outro programa como o do SGMW, e um professor como o Alex. AI MEU CORE.
BTW: adorei o caso que eles pegaram nesse episódio. Tão legal Alex falando do tumor da criança como se fosse um homem dentro dele. HAHA <33

Enfim, episódio sensacional!

Episodio 9x17 - Nota 9 2013-03-15 22:41:40

Grey Sloan Memorial Hospital <3

Esse final foi tão sensacional que nem tenho palavras para descrevê-lo... As expressões de todos os presentes ao anúncio do nome diz tudo, apenas.

No episódio passado não me senti tão confortável com o Avery sendo o "rei" do hospital mas aparentemente todos eles irão definitivamente trabalhar em equipe MESMO, então fiquei contente haha

O caso do paciente ELA foi muito triste... A cena final, com a mãe encarando a realidade, se deparando com o filho sem vida... Foi de partir o coração! :(
Acho que foi uma das cenas de casos aleatórios mais tristes que a série apresentou, de verdade. Fiquei bastante comovido.

Espero que o Alex supere esse sentimento que tem pela Jo... Agora vejo que prefiro mil vezes eles dois como amigos do que num relacionamento amoroso...

Enfim, excelente episódio!
Grey's nunca decepciona, como sempre! :)

Episodio 9x17 - Nota 9 2014-11-06 12:09:54

De início, como todos os outros envolvidos, fiquei meio irritado com o Jackson – e olha que gosto do personagem. Ele ditando as regras da Fundação e tal me deixou incomodado. Até porque o plano dos médicos era comprar o hospital pra fugir desse tipo de “ditadura”. Mas ao mesmo tempo eu também fiquei com pena dele. Porque não deve ser fácil ficar sendo taxado de “filhinho da mamãe” como aconteceu aqui, o tempo todo. E como o Richard sabiamente comentou: se ele fracassasse, ia refletir na carreira dele. E acima de tudo, ele não pediu o cargo, e não pediu por nada daquilo. Ele nem ao menos estava por dentro do plano para comprar o hospital e ficou por dentro somente quando a mãe anunciou-o como chefe majoritário. Então, né, vamos dar um desconto...

De qualquer forma, também senti firmeza dele naquele rápido conflito pela OR entre Cristina e Alex – embora seja estranho vê-lo dando ordens daquela forma. Por fim, gostei que ele decidiu agradar todo mundo falando sobre as decisões que o conselho vai fazer e depois repassar pra Fundação, ao invés do contrário.

E por fim, fico arrepiadíssimo quando ele anuncia Grey Sloan Memorial como o novo nome do hospital. Realmente, as expressões dos outros personagens nesse momento diz tudo o que eu senti. Uma homenagem e tanto, mais do que merecida pra esses dois personagens inesquecíveis. <33

Owen foi muito bobo no início, quando discutiu com o Derek. Foi compreensível com Cristina no episódio passado, e nesse jogou na cara do Derek sobre a demissão coletiva, mesmo sabendo que a finalidade era a melhor possível. Acho que diante de um momento daqueles, eu também falaria o que Derek falou, porque né: frustrante. Mas enfim, dei risada com Derek indo atrás dele com o carro e o Owen gritando, correndo, que não queria falar nada com ele HAHAHAHAHA. Que bom que vai recuperar o emprego e gostei que fizeram as pazes. Chega dessas desavenças!

Adoro o Alex, muito mesmo. Mas não achei legal a Meredith pedir desculpas por terem comprado o hospital. Como a própria disse, fez isso por todo mundo, inclusive por ele. Ele tinha que entender o motivo de guardarem segredo. Mas dei risada quando ela chegou na OR e ele cobrou o órgão de uma vez! HAHA

E os ciúmes que estava sentindo da Jo? Ai meu Deus! HAHAHAHA Dei risada no final com o “vai pra lá”, pro namorado dela, no bar. Esses dois <333
BTW: gostei também da forma como ele lidou com a crise da paciente que ia receber o transplante, quando se trancou no banheiro.

Esse caso do paciente com ELA foi de longe um dos mais tristes da série até hoje. Já comecei a me emocionar mesmo quando April falou sobre as pessoas que iriam receber os órgãos dele. Daí quando ele falece e a mãe encara a realidade, se abraça ao corpo do filho e chora daquela forma dolorosa, não consigo mais segurar minhas lágrimas. Fiquei realmente muito tocado.

Enfim, episódio maravilhoso. Essa temporada vem apresentando uma sequência magistral. Tô amando tudo!

Episodio 9x17 - Nota 9 2014-11-06 12:10:27

To a critically ill patient an organ transplant means a new start, a second chance. But the body is designed to fight off any outside invader. Even the one that's trying to save it. Because the transplant doesn't guarantee that it's an easier life. There's a threat that the body will reject the organ outright.

A patient goes from worrying about getting an organ to worrying if the organ would be rejected. The anxiety continues until they can finally open their eyes after surgery and see that their gift has been accepted.

Episodio 9x18 - Nota 9 2013-03-22 22:24:41

9 temporadas, 190 episódios e Greys ainda consegue nos proporcionar um episódio delicioso como esse. [2]

Não tem como realmente odiar Shonda Rhimes..... Ela é muito louca, mas tem uma mente brilhante...

Esse "turbilhão" de emoções presente em um episódio só é muito amor. Das lágrimas em uma cena vamos ao riso feliz, alegre, comovente, na cena seguinte...

Essa temporada tá apresentando uns casos aleatórios que estão superando todos os anteriores, ein?
Esse caso da professora foi tão triste... Simplesmente não tem como não chorar. Não precisou daquele dramalhão, de lágrimas de personagens... O silêncio e as expressões da professora diziam tudo. :(

JENNY TALIA morri rindo KKKKKKKKKKKKKKKKK
Mas e a patada monstra que o Karev levou no final?! Doeu até em mim hahahaha

Meredith e seus dilemas em relação ao bebê... Achei tão bonito. Muito bem executado.
IT'S A BOY ♥

Calzona é muito amor, pqp. E eu tô adorando as duas se "reencontrando" depois desse acidente... Tava na hora.

Não me canso de dizer: O nível de Grey's nunca oscila. A série em momento algum decepciona. :')

Episodio 9x18 - Nota 9 2014-11-07 12:19:55

Mais um episódio incrível, excelente, tocante e divertido dessa temporada maravilhosa. Nunca me canso de dizer que o nível de Grey’s Anatomy, a meu ver, jamais oscila. Como comentei anteriormente: é de aplaudir um episódio fazer a gente chorar, ficar extremamente tocado com uma situação complicada em uma cena, pra na seguinte nos fazer abrir um sorriso enorme e até chorar de emoção com uma situação mais feliz.

Como foi o caso dessa professora. Sério, me destruiu. Comecei a chorar quando ela disse: “ontem eu estava em casa assistindo televisão, feliz por ter uma folga da escola, e hoje descubro que posso não chegar às provas finais dos alunos? Isso é uma droga”. Fiquei emocionado mesmo, muito tocado. Especialmente quando as crianças apareceram no final e ela tecnicamente confirmou que não vai poder mais dar aula. Nem precisou falar muito. Só o silêncio e os olhos marejados já disseram TUDO.

Daí praticamente em seguida, temos essa cena maravilhosa da Meredith fazendo ultrassom do bebê e descobrindo: it’s a boy <3
BTW: eu dei risada com as especulações sobre a saúde do filho. Esse negócio de ter “duas cabeças”, “onze dedos”, HAHAHAHAHA. Mas ao mesmo tempo ela estava com uma preocupação real, mesmo que um tanto exagerada. Afinal, quantas tragédias essa família Grey, esse hospital, não vivenciou? De qualquer forma, eu tô muito feliz mesmo por MerDer. Eles estão em um momento maravilhoso da vida de casados, o melhor momento. E foi ótimo Cristina conversando o bebê. Bailey falando sobre seu estudo, e o Derek conversando também. Só a voz dele o acalma. <333

Eu fico despedaçado toda vez que mostram uma criança com câncer terminal. Não aguento, sério. Mas que bom que nesse episódio apelaram mais pro lado cômico da coisa, do que para o drama. Dei muita risada com o menino e o Alex sacaneando aquele médico idiota. O negócio do JENNY TALIA foi o melhor e quase morri rindo quando ele colocou o pote com urina do lado da Bailey HAHAHAHAHAHA. Ousado dizendo pro Alex que vai estar “pegando a Jo no banheiro do bar”. Mas ainda bem que Alex relevou. Não vale a pena.
PS: Richard embarcando na brincadeira e abandonando o Alex quando foram descobertos também foi ótimo, dei risada HAHA.

Tô satisfeito com o plot Calzona. Arizona passou por um trauma muito grande e acho que trabalharam isso muito bem. Aos poucos, elas estão conseguindo se reencontrar e acho que a execução está na medida certa. Consigo amar as duas como casal cada vez mais, felizmente. <3

Rapidinhas: Cristina usando seu poder como dona do hospital pra entrar no estudo daquele cirurgião foi muito bom. Dei risada com a forma como ela saiu andando após dizer que ao invés de aumentar o orçamento, ia cortar alguns gastos dele HAHAHAHAHAHAHA. E o plot da Bailey foi legal também, ela se esforçando pra falar com todos os membros do conselho <33 Fiquei feliz porque conseguiu o que queria.

Pra finalizar: esse negócio do LODOX foi ÓTIMO! Owen quase não conseguia se conter de ansiedade e animação pra usar logo o “novo brinquedo”. Dei risada quando ele e Jackson se aproximaram da Meredith pra fazer da paciente dela a primeira pessoa a usar a máquina! HAHA e a felicidade da Brooks quando ele decidiu procurar a bolinha de gude? Ri muito!!

Enfim, EXCELENTE episódio.

Episodio 9x18 - Nota 9 2014-11-07 12:20:13

Work keeps our mind active. It keeps us out of trouble. When we're not working our hands are idol and the devil will find work for idol hands and when you have an idol mind, that’s the devil’s playground too.

At first, idleness can seem like a welcome distraction, the trouble making, the fun. Everyone needs some idol times to focus on something other than work. Even if it means focusing on something that’s a little bit scary. Stepping back from work is the only way to get perspective and it’s only when we have everything in perspective, that we remember where our hands truly belong.

Episodio 9x19 - Nota 8.5 2013-03-30 20:26:17

Simplesmente não estou conseguindo dar menos que 10 pros episódios desde o 14........

Não sei se vocês chegaram a ver no twitter a Shonda comentando sobre os fãs de Grey's que falam um monte pra ela sobre os trágicos acontecimentos que envolvem os personagens... Ela disse que nós sobrevivemos ao tiroteio e ao acidente de avião e sobreviveremos a qualquer coisa que vier na série, e ainda nos lembrou: "é uma série!". Que medo, de verdade...

Quero me agarrar àquela esperança que Meredith não vai ter chances de ter alzheimer, de verdade. Não é possível. Shonda simplesmente não pode fazer isso!
E também estou com medo pela criança que vai nascer... Podemos esperar tudo. T U D O!

A participação da Sarah Chalke foi bela, pois a personagem foi emocionante, humana... Achei um dos casos mais bonitos apresentados nessa temporada. Não desistiu do filho e provou-se por estar certa.
E fiquei com raiva da Jo por chamar um psiquiatra pra avaliar a condição da mãe... Muito escroto da parte dela.

Falando na Jo, já não suporto mais aquele namoradinho de merda dela viu... Muito folgado, não a merece.

Fiquei muito tocado com a April também... Aliás, estou amando a personagem como nunca nessa temporada! haha

Grey's sendo Grey's! [2] :)))

Episodio 9x19 - Nota 8.5 2013-03-30 20:26:47

E Zola: why so fofa??????

Episodio 9x19 - Nota 8.5 2014-11-08 09:40:50

Que situação mais tensa essa explosão de caminhão de gás em Seattle. E nossa, não sei nem o que senti daquele cara que apareceu em chamas do lado de fora do ER. Acho que acima de tudo: pena e agonia. Porque né, ele estava com o corpo em chamas! Mas também dá vontade de chegar nele e dizer: I told you so. Caramba! Os médicos falaram pro cara que ele estava coberto de gasolina e que não poderia fumar. Ainda assim vai e provoca uma tragédia daquelas. Deus me livre...

Mas enfim. Creio que meu plot preferido vai pra Meredith e a personagem da Sarah Chalke. Um exemplo de mãe, uma prova de amor ao filho. Fiquei muito tocado quando ela começou a falar todas as coisas que o menino adorava fazer e que há semanas já não desempenhava por conta dessa doença. Maravilhoso ela não ter um pingo de vergonha ao dizer todos os hospitais e postos de saúde em que esteve em busca de uma solução. E foi muito lindo Meredith acreditando nela e decidindo interná-lo. Instinto materno <3 Também persistiu com ele até descobrirem que não era o tal vírus que todos os médicos estavam dizendo que era. Não merece só Palmas, essa Meredith.
PS: acho que foi a primeira vez que senti certa raiva mesmo da Jo. A mãe estava frenética, verdade, mas achei extremamente desnecessário Jo chamar um PSIQUIATRA pra avaliar a condição mental da mulher, quando o filho dela estava no leito completamente abatido e sem forças. Eu ein...

Ainda sobre Meredith: senti um medo anormal quando ela diz pra Bailey, no final, que deseja saber se tem Alzheimer. E o pior é que essa possibilidade existe e nunca paramos, de fato, pra perceber. Já fico com aquele medo adiantado. E espero que dê negativo. Meredith já passou por TANTAS coisas nessa vida, não merece mais esse fardo, essa doença HORRÍVEL.

Japril <3 Meu coração disparou com aquela cena dos dois abraçados, ela chorando. Esperei um beijo porque shippo demais esse casal. Mas aí não seria justo com o Matthew, que foi um fofo com ela até agora. Ai, eu odeio quando criam esses triângulos amorosos e colocam um terceiro personagem que realmente nos fazem importar com ele. Que coisa! HAHAHAHA

Me pergunto o que a Jo faz com aquele médico obstetra. O cara é um palhaço, um panaca, e não a merece. Foi tão idiota saindo fora da obrigação de contar ao pai daquela bebê que a esposa não tinha resistido, que nem sei. Jo já pode terminar com ele, grato.

Owen e essa atitude paternal com aquele menininho foi muito bom. E fiquei com pena da criança, quando entrou no quarto da mãe e ela não conseguiu reconhecê-lo. Gente, que coisa mais horrível. :(
BTW: Owen dormindo no colo da Cristina conforme ela conversa <333 HAHA

Enfim, episódio ótimo!

Episodio 9x19 - Nota 8.5 2014-11-08 09:41:28

Let's say you're standing in an OR staring at an aneurysm that's embedded deep into a patient’s frontal lobe. There are three things you'll need to remove it: You'll need confidence. You'll need an eleven blade. And some really good instincts.

There are some feelings that refuse to go away. They're little distractions, whispering in your ear. Some things just get under your skin. Try as you might, you can't ignore your instincts. It's like they say: always follow your intuition.

Episodio 9x20 - Nota 8.5 2013-04-07 10:19:16

Ai Shonda, não faltava mais nada né?
Primeiro deixa claro que Meredith pode, no futuro, ser mais uma portadora de Alzheimer... Isso já me deixou sem chão, de verdade... Ainda mais ao ver toda a preocupação da Mer acerca dos filhos no futuro...
E agora vem essa coisa que pode acabar com a carreira da Bailey, como assim!!!!
Shonda, why SO mean?

Mas falando do caso da Bailey... Em momento algum eu cogitei a interna como a culpada... São 9 temporadas e mais de 190 episódios, era óbvio que a culpa ia cair em cima da Bailey e somente nela, por mais que eu quisesse acreditar que isso não iria acontecer.
A cena final foi muitooooooo tensa. Fiquei morrendo de pena dela, tadinha... E o pior de tudo é que uma das pacientes ainda morreu, né! Ai :(

Amizade de Cristina e Mer é tudo na vida gente. Muito lindas, muito amor, muito tudo...

Acho que April vai se ferrar bonito por dar todos aqueles equipamentos... :/

Eu acho o Ross o interno mais chato de todos os tempos.... A única que se salva é a Jo e talvez seja por causa da amizade bonitinha que ela tem com o Alex (que teve destaque 0 nesse ep, ein!), de resto...
Me senti completamente realizado com o Derek falando logo de uma vez aquelas coisas pro Ross... E o pior foi a cara de bosta que ele fez.

Essa temporada de Grey's tá tão sensacional.... Tô amando cada episódio incondicionalmente.

Episodio 9x20 - Nota 8.5 2014-11-09 10:12:28

Não consigo lidar com a preocupação da Meredith com os filhos no futuro, em base de uma doença que ela pode desenvolver. Não consigo lidar com ela dizendo que quer morrer quando começar a apresentar os sintomas. Shonda Rhimes é muito má e essa possibilidade do Alzheimer me deixa realmente assustado. Mesmo que leve uma década, duas, três, quatro, pra doença aparecer – se aparecer –, ainda assim eu fico aflito. Meredith já passou por tanta coisa nessa vida, não merecia mais essa...

De qualquer forma: achei até engraçadinho quando Derek mostrou os testes dele e apareceu todas aquelas possibilidades de doenças! HAHAHAHAHA

E as cenas Mertina foram um amor só. Dei risada com Cristina dizendo que pega as crianças durante três semanas do ano pra viajar e etc. HAHAHAHAHA ela seria uma PÉSSIMA tia. Mas seria um prazer tê-la como tal, porque né. É a Cristina Yang. <3333

Tenso demais esses casos de infecções pós-operatórias. Mas logo de cara dava pra ver que a Bailey seria a culpada direta e não a Leah. Inclusive, no final quando ela revela aos membros do conselho que uma das pacientes faleceu, e quase voa no pescoço da Leah, foi até constrangedor. Dando tiros na interna sendo que a mesma não tinha culpa de nada. Só sei que fiquei bem tenso com essa cena final, Owen “ordenando” que Bailey se sentasse. Jackson contatando o jurídico do hospital... E curioso pra saber o que causou essas infecções. Agora é ficar na torcida pra que o destino dos pacientes que retornaram não seja o mesmo. E pra que Bailey não se ferre.

Gostei desse plot dos médicos da guerra vindo aprender a realizar procedimentos com escassez de equipamentos. Achei uma coisa pra refletir mesmo, como naquele momento que ele diz pra Callie que tentará realizar aquele procedimento tentando segurar o paciente, que não estará sedado e sentindo muita dor. Que tenso! Mas adorei April entregando vários equipamentos pra eles no final. Uma atitude bonita, bem digna mesmo. <3

Falando na April: como falei no episódio da mentira, ela devia ter sido sincera. Matthew, naquele momento, não esperava que ela ainda fosse virgem, e sim que entendesse a decisão dele de esperar até o casamento. Como ele é fofo e tudo, espero que perdoe ela pela mentira. Embora, é claro, eu prefira April com o Jackson! HAHAHAHA tá uma loucura esse “triângulo”.

Ross começou essa temporada bem. Me fez dar risada, tinha um certo carisma. Mas nos últimos episódios está mostrando uma face que não está me deixando nem um pouco feliz. PORRA, ele ouviu da boca do Derek que ele precisa estudar e aprender outras especialidades além da neuro. Ele sabe que essa é a política do hospital antes dos internos/residentes se tornarem atendentes e se especializarem em alguma coisa. Acho o cúmulo da infantilidade ele ficar de cara feia pra Heather, que não fala uma única coisa ruim sobre ele. Tá na hora de crescer. Vontade de socar aquela cara de BOSTA que ele fez no final.

Mas enfim, episódio muito bom! Temporada, como de costume, impecável.

Episodio 9x20 - Nota 8.5 2014-11-09 10:12:50

Patients say it all the time. Tell me straight up. I just want to know what’s going on. Tell me. I can handle it. We don't dodge your questions cause we're mean. We do it because when you say you want the truth, you have no idea what you're talking about.

They say the truth will set you free. What the hell do they know? The truth is horrible, frightening. The truth is more than you can bare. We're supposed to be straight with you so be careful what you ask for when you walk into a hospital. Because when you find out what is really going on, you may never recover.

Episodio 9x21 - Nota 9 2013-04-28 12:20:17

Odiei o tratamento que a Jo deu no Alex no fim do episódio......... Tava mais que na cara que o Alex está apaixonado por ela e ela SABE! Por qual outro motivo ele ia ficar falando mal do namorado dela pra ela mesma? Ai :(
Gosto dela, mas ainda assim não consigo ver o Alex com outra pessoa além da Izzie... E essa amizade entre ele e Jo era tão bonitinha :((((

Bailey realmente merecia um destaque AINDA MAIOR, afinal o caso dela é importante e ela foi a narradora, né!
Fiquei com o coração na mão com ela chorando no final, e falando aquelas coisas pro Richard... Aliás, concordei com ela. Sempre deu apoio pra ele, sempre o defendeu, sempre o colocou em um trono...
E como se trata de uma série de Shonda Rhimes, podemos esperar por tudo. Então tô morrendo de medo do que pode acontecer com ela ou a algum outro personagem até o fim dessa temporada...

Eu gosto da April, mas gente? Já chega dessa crise! Se ela tá se sentindo tão culpada por ter dado pro Avery, é só procurar a cirurgia de reconstituição do hímen e pronto (hahahahaha).

Episodio 9x21 - Nota 9 2014-11-11 10:43:56

Excelente a condução desse arco da Bailey. Embora ache que ela podia ter recebido um destaque um pouquinho maior, fiquei satisfeito. Adorei a cena da entrevista, mesmo que muito tensa pra ela. Os flashbacks da cirurgia também foram ótimos. De início, fiquei com uma pontinha de raiva por ela estar sendo excluída de tudo, não poder checar os próprios pacientes. Muita gente destilando ódio contra Avery. Mas essa sempre foi a política do hospital. Bailey está afastada. Todo mundo lembra aquele episódio, no fim da 7ª/começo da 8ª, quando Meredith foi demitida por sabotar o estudo do Derek, correu pra ajudar um paciente e a Bailey, ríspida, jogou ela pro canto, certo? Então...

Mas enfim... Dá pra você ficar aliviado por constatar que a culpa das infecções terem sido passadas aos pacientes é da empresa que fabricou as luvas ruins. Porém ainda assim fica tenso, triste e chocado com a Bailey chorando daquela forma nos momentos finais. Porque de um jeito ou de outro: a infecção estava nela. É óbvio que ia se sentir culpada. Fiquei com pena do Richard porque aquilo que ele disse pra família do paciente não foi realmente o que ele pensava. Porém concordei com a Bailey. Ela faz tudo, tudo por ele. Sempre fez. Sempre foi o braço direito. Ele poderia ter dado mais apoio.

Sobre April: gosto da personagem. Mas nossa, se a Shonda tivesse colocado um grave acidente nesse episódio e April fosse envolvida como vítima, eu não ia me importar. Primeiro: Jackson não obrigou ela a mentir sobre a virgindade. Ela o fez porque quis. Ninguém colocou uma arma na cabeça dela pra fazê-lo. E segundo: CHEGA! Chega desse mimimi eterno de que não é mais virgem por causa do Jackson. Ele também não obrigou ela a fazer porra nenhuma. Deu pra ele porque quis e NÃO FOI UMA ÚNICA vez! Então, April, STOP THE DRAMA!
BTW: Matthew mostrando que é mesmo um fofo com essa cena no final. Lindinho! HAHAHAHA

Sobre Jo: absolutamente ignorante no final. Não deixou o Alex falar nem por um segundo. Já concluiu que ele andava contando segredos sobre ela pra todo mundo e ficou por isso mesmo. Desnecessário, até porque tá na cara dele que está gostando dela e tenho certeza que ela enxerga isso.
De qualquer forma, Alex indo conversar com Cristina no final foi um amor só. Ele admitindo o que sente <3333 Seria tão legal ver esses dois com essa proximidade mais vezes. Eu ia amar muito. HAHA

Crowen: adoro os dois e vão acabar me destruindo também. Mas é aquela, né gente. Já sabemos que ambas as perspectivas para o futuro são completamente contrárias. Owen quer uma família e Cristina nem ao menos cogita essa possibilidade. Como fazer funcionar um casal assim? :(

Falando nisso: adorando o Owen com essa atitude paterna com o Ethan. E fiquei TÃO triste com a morte da mãe do menino, e daquela forma. Ele viu ela doente, depois viu ela se recuperar pra de repente isso acontecer... PQP.

PS: Que agonia aquela família com os dedos cortados! Mas entendi o lado do Tio Al. E achei bonito o esforço dele pra manter todo mundo reunido.

Episodio 9x21 - Nota 9 2014-11-11 10:44:17

Infections are like sleeping monsters. You can't see them. You can't feel them. But you must do everything in your power to contain them, because when the monsters wake up, they're out of control.

All that time you spent convincing yourself the sleeping monster isn't real… It was gathering strength. The infection was spreading. The monster is awake now, and there is nothing you can do about it.

Episodio 9x22 - Nota 8.5 2013-05-05 11:08:19

O que foi essa participação da linda da Hilarie Burton???
Eu amo demais Calzona porém não me sinto culpado por ter amado a Lauren! Afinal, como disseram aí embaixo: Quem não se encantaria por ela? Linda e super simpática!
E espero que ela se torne ao menos uma personagem recorrente na próxima temporada, ein! :))

A Jo estava me irritando com esse negócio de brigar com o Alex, mandando ele parar de cuidar da vida dela quando era justamente isso que ele estava tentando fazer. Porém imaginem minha REVOLTA quando ela apareceu toda roxa nesse final! Como assim!
Eu quero muito que o Alex dê uma boa surra no Jenny Talia (hahahaha), porém tô com muito medo do que pode acontecer depois que ele fizer isso. Shondanás, why SO evil??????
Ao menos a Jo descobriu (mesmo que seja da pior maneira possível) a verdadeira índole do namorado tão perfeito dela, né?

Owen certamente vai querer adotar o Ethan (aliás, que plot longo, ein!), porém eu não sei se a Cristina vai aceitar. Já vivemos situação parecida duas vezes e a opinião dela é irrevogável... A única justificativa seria mesmo o medo de perder o Owen, mas sei lá. Vamos acompanhar.

Eu gosto demais de April e Jackson, gente. Mas tô começando a odiá-los.
Jackson é MUITO sem sal com aquela interna (aliás, que foi aquele espetáculo que ela fez no bar? Querida, ele DIRIGE o hospital, um beijo!). Acho que ele tinha que voltar logo com a April e ela devia MESMO parar com essa crise existencial. Um beijo pra ela também.

Bailey :((
Eu tô gostando dessa carga emocional envolvendo a personagem agora. Realmente fazia tempo que não colocavam a Bailey em situações tão relevantes, né?
Fiquei com o coração na mão por ela.

Enfim, pequena frase habitual que precisa ser dita: GREY'S SENDO GREY'S ♥

E ps: QUE MEDO HORRENDO PELA SEASON FINALE!!!!! Acabei de ver o promo do penúltimo episódio e tô dscontrolado. Shoindanás é MUITO, MUITO evil! :(

Episodio 9x22 - Nota 8.5 2014-11-12 12:51:58

Primeira vez em muito tempo que Bailey recebe um plot relevante e interessante, mas as pessoas cismam em querer chamar de “mimimi”. Aliás, não encontrei o MIMIMI na situação dela. Porque, convenhamos: já é ruim pra um médico quando ocorre uma complicação em uma cirurgia e eles acabam por perder o paciente. Já vimos isso deixar alguns cirurgiões devastados – como Derek, ele mesmo lembrou-se da situação nesse episódio – porque, de um jeito ou de outro, não é fácil.

Agora imaginem: Bailey realizou a cirurgia e tudo correu perfeitamente bem, não havia risco fatal para nenhum dos pacientes. Então, de repente, eles surgem no hospital com uma infecção na cirurgia e ela descobre que esse vírus partiu das mãos dela. Ou seja: não foi uma complicação, de fato. Mesmo ela desconhecendo estar portando um vírus, foi a partir do corpo dela que os pacientes contraíram e agora estão todos mortos. Vocês queriam que ela estivesse dando ordens nos internos, dando risadas à toa pelos corredores e operando em outros pacientes normalmente? Gente, por favor. A primeira sinopse divulgada de Grey’s, lá na 1ª temporada, era algo assim: “os internos lutam para se tornarem médicos, e os médicos lutam para permaneceram HUMANOS”. Que tipo de humano seria Bailey se não ficasse chocada e não decidisse se afastar depois do que aconteceu? Eu ein...

Enfim: Eu AMO a Hilarie Burton e particularmente acho impossível ninguém se encantar por ela. Linda, simpática, um sorriso maravilhoso. A própria Callie disse que se encantou. Só não é legal essa tensão que surgiu entre ela e Arizona, porque NÉ! Calzona na veia! Mas afff, linda demais.

Jo tá muito “princesinha”, como Alex a chamava, nesses dois últimos episódios. No 9x21, ela berrou pra quem quisesse ouvir que não era mais pro Alex falar com ela. E foi isso que ele fez. Nesse episódio, ela foi cobrar que eles podiam se falar e depois grita de novo mandando-o ficar fora da vida dela, que, mais uma vez, era o que ele estava tentando fazer. Ué?

De qualquer forma, essa cena final é sempre um choque. Ela está praticamente desfigurada! E a expressão do Alex também foi meio assustadora. Ele certamente vai atrás do infeliz e dar uma surra nele. O problema é o que isso pode implicar pro próprio Alex, né. Ai meu Deus...
PS: eu achei ele lindíssimo na cena “dark” do elevador com a Cristina. E dei risada com ela tirando uma com a cara dele pela música! HAHAHA

Nem sei o que dizer sobre a situação do Ethan. A mãe faleceu. O pai está em um quadro aparentemente irreversível. E a avó, já de certa idade, não acredita que possa ter forças para cuidar de uma criança. Sem falar que essa tensão toda acerca do menino ter ingerido alguns comprimidos demais pra dormir foi muito tensa. Como Owen já criou um vínculo emocional com a criança, nãoé de surpreender que apareça com a ideia de adotá-lo. Mas sabemos que isso só vai afastá-lo ainda mais da Cristina, que não quer cuidar de crianças de forma alguma. Crown sofre demais e nos destrói a cada episódio. I can’t.

Jackson, já pode terminar com a Stephanie, tá? Vocês não combinam, casal sem-sal e sem criatividade. Fiquei com vontade de dar umas bolachas na cara dela naquele espetáculo no Joe’s. Sério mesmo, vadia?! SÉRIO MESMO?!

Por fim: QUE CENA FINAL MARAVILHOSA COM DEREK E MEREDITH. Ai meu Deus, ele de princesinha foi o fim! Imaginem quando chegar o bebê nascer! Vai ser tão legal que mal consigo me conter HAHAHAHAHA.

Episodio 9x22 - Nota 8.5 2014-11-12 12:52:52

There's no such thing as magic, as far as we know. And while as surgeons we study the secrets behind the human body's intricate network of cells, tissues and organs, when things go wrong, horribly wrong – there are only so many tricks we have up our sleeves to put a body back together. But there is a kind of power, more of a spell really. And when we get it right, it can be pretty damn magical.

As surgeons, we are no stranger to the breaks and tears in the human body. In fact, we sacrifice the better part of our twenties learning every possible way to make it whole again. But there are some wounds a surgeon can't repair. Not on our own. It takes a kind of power we just don't have. But there is magic in knowing while everything can't be repaired, almost everything can be survived.

Episodio 9x23 - Nota 10 2013-05-12 11:54:53

Arizona, sério mesmo? Sério mesmo que você vai trair a Callie depois de tudo o que ela fez por você? Depois de toda a sua revolta com tudo e todos quando perdeu a perna?
Nossa, inacreditável. A Callie não merecia isso de forma alguma. Coitada, faz de tudo por todos aqueles que ama e é assim que eles retribuem: Foi assim com George, lembram? Que revolta.
Tudo bem que achei a Lauren super simpática (sem falar na beleza) mas NÉ................. Oi!?!?!

Anyway... Acho que todo mundo teve um ataque quando a Mer caiu das escadas, né? PQP!
AINDA BEM que fomos trollados com o promo do episódio e nada aconteceu: Já pensou se ela tem complicações com o bebê?

O flashmob foi A CARA da April com o Matthew mesmo!
E a reação dos médicos? Morri com a cara da Cristina! KKKKKK
Porém, sei lá... Achei muito fofo todo o espetáculo, ainda mais a April dizendo sim... Porém quando ela olha pro Jackson e tal, sei lá. Ainda vejo esses dois juntos no futuro.

Muito bom o plot da Bailey terminar agora. Não é bom ficar alongando um drama por tantos episódios. E simplesmente não combina com ela ficar emburrada daquele jeito, né? Convenhamos.....

Quando o Jenny Talia apareceu pela primeira vez no hospital, óbvio que eu imaginei que tivesse sido mesmo o Alex e morri de medo pelas consequências da surra. Mas quando revelou que a Jo foi a autora de todos aqueles machucados, fiquei chocado! Como assim, gente???
E o Alex tem razão: Ele só gosta das loucas. Porém são umas loucas muito fofas que não tem como não amá-las hahaha (vulgo Izzie, saudades saudades).

E finalmente o pai do moleque acordou: Agora dá pra finalizar esse plot interminável.
Por um momento, pensei que o cara fosse morrer e o Owen ia enlouquecer querendo adotá-lo, abrindo guerra contra Cristina e etc...
Aliás, quando o Derek deixou a cirurgia, eu quase morro de dar risada com a reação da Cristina batendo no vidro: Não! Frágil, não!!!! KKKKKKKKKKKKKK

E o Baby McDreamy vem aí! Aguenta coração!!!

Iniciar preparação psicológica pra season finale desde já. [2]

Episodio 9x23 - Nota 10 2014-11-13 11:23:26

Penso assim: mesmo que algumas pessoas prefiram Arizona à Callie, é IMPOSSÍVEL ficar do lado dela a partir desse episódio. Gente, por favor. Essa temporada foi como um “jogo”, um “teste” para Calzona. Callie sofreu nas mãos da esposa durante os primeiros episódios, por ser ACUSADA de amputar a perna da Arizona quando ela não tinha permitido isso. Aos poucos e com muito esforço, Arizona voltou a ser aquela personagem que eu tanto gosto. Continuou com alguns dilemas, incertezas, inseguranças... E quem estava lá pra ela, o tempo todo? Sem tentar pressionar, nem nada? CALLIOPE TORRES.

Por isso, acho incompreensível e injustificável Arizona ir pra cama com a Dra. Lauren nesse final. Não acuso de se encantar, de sentir atração, até porque Lauren é linda, simpática... Mas nossa, não podia se controlar?! Callie não merecia um tratamento desses. Falta de respeito e consideração.

Mas enfim: achei tenso as cenas iniciais com Alex e Jo. Shonda conseguiu enganar muito bem, pois acreditei que ele tinha espancado o Jason mesmo. Inclusive, acho que a preocupação de querer mantê-lo vivo só contribuiu, porque se morresse em decorrência das pancadas, Alex seria preso. Por isso foi uma surpresa ver que Jo o espancou daquela forma. E quem diria, ein? Mas olha, não dá pra culpá-la. Quando diz “a última vez que um homem me segurou daquela forma, eu jurei a mim mesma que nenhum outro faria aquilo”, a gente já compreende suas razões.

E o Alex tá se mostrando cada vez mais fofo. Se a Jo não consegue enxergar os sentimentos dele, é porque é bem burrinha mesmo. Afinal, só tá faltando ele gritar de vez “EU TE AMO!”. BTW: quão maravilhosa foi a cena da Meredith dizendo “I like you, but I love Alex”? AI MEU CORE. <333

Falando na Meredith: senti meu coração parar por uns segundos quando caiu da escada. Gente, que aflição e que agonia. Ainda mais pela expressão de dor e choro que ela fez em seguida. PQP. Mas ainda bem que não aconteceu nada demais. Shonda trollando demais nesses eventos pré-tempestade, dá pra sentir um arrepio na espinha pelo que pode acontecer no próximo.

“Quem diria que April ia encontrar um cara tão bobo quanto ela?” HAHAHA
Pior que é verdade. Esse plano LINDO do Matthew realmente foi a cara dele com a April. Fiquei tão contente com o pedido de casamento que nem sei. Matthew é fofo e eles combinam muito. Porém, ao mesmo tempo que fico contente, também fico: JACKSON, SE MEXE! Meu coração Japril ainda prevalece sobre Mapril, de certa forma. O que é uma loucura! Acho que nunca, em triângulos amorosos, shippei tanto a personagem dividida com os outros dois interesses.

Não lembrava que o pai do Ethan acordava. E poxa, Owen ficou feliz e ao mesmo tempo, evidentemente decepcionado. Já estava tão apegado ao menino, já estava se agarrando à esperança de que poderia adotá-lo. Deu pra entender bem porque exigiu a transferência dos dois rapidamente.
E o que a Mer disse pra Cristina é verdade: nesse caso, não tem absolutamente nada que ela pudesse fazer.

Pra finalizar: gostei demais do Richard dando aquela bronca na Bailey. E mais ainda que ela finalmente resolveu acordar. Não a culpo por querer ficar afastada da cirurgia, mas enfim...

Tentando me preparar psicologicamente pra season finale.

Episodio 9x23 - Nota 10 2014-11-13 11:23:53

They hit you out of nowhere. When bad things come, they come suddenly, without warning. We rarely get to see the catastrophe coming, no matter how well we try to prepare for it.

We do our very best, but sometimes it's just not good enough. We buckle our seatbelts, we wear a helmet, we stick to the lighted paths, we try to be safe. We try so hard to protect ourselves, but it doesn't make a damn bit of difference. Cause when the bad things come, they come out of nowhere. The bad things come suddenly, with no warning. But we forget that sometimes that's how the good things come too.

Episodio 9x24 - Nota 10 2013-05-19 11:57:20

Ainda sem processar os eventos apresentados nesse episódio, mas vamos lá...

Eu TENHO que começar registrando minha revolta contra esse ser chamado Arizona. Esse negócio de ficar "culpando" a Callie por perder a perna e etc, tá. Já deu o que tinha que dar, mas tá: É um trauma que ela provavelmente não vai superar.
Porém, convenhamos que o pior de tudo foi ela usar isso pra JUSTIFICAR a traição! Ela usar isso pra jogar a culpa de tudo em cima da Callie. Gente, como assim?
Essa vagabundazinha tinha que ver TUDO o que a Callie já fez por ela desde que ficaram juntas. PQP, estou muito revoltado.
É claro que não dá pra comparar o sofrimento da Arizona naquela mata, naquela queda, com o da Callie... Arizona sofreu fisicamente, viu Lexie morrer. Presenciou o sofrimento do Mark. Congelou de frio.
Porém dá pra entender o lado da Callie nessa história. Ela também sofreu baixas por esse acidente...
Enfim, acabou o encanto Calzona pra mim. Arizona foi egoísta demais, foi muito infanti... Não consigo mais vê-las juntas: não quero que fiquem juntas. Callie definitivamente merece uma pessoa que lhe dê o devido valor.

Fiquei tenso o tempo inteiro com o parto e cirurgia da Meredith. O que foi ela perdendo a consciência e não conseguindo falar o nome da criança? Gente!
Pelo fato dela ser protagonista, muita gente diz que é óbvio que ela não iria morrer. Mas eu já não penso assim... Já vi em outras séries personagens importantes serem mortos, então.....
Ao menos ela ficou bem, a criança também... :D

E o medo do Jackson ter morrido naquela explosão, gente?! Nossa, que aflição!
E a reação da April?
Ai espero muito que na próxima temporada ele dê um "motivo" pra ela não se casar... Esses dois merecem ficar juntos! ♥

Bailey finalmente voltando a operar, essa linda. ♥
Ela precisava se encontrar em uma situação complicada dessa em relação a Meredith pra fazer a coisa certa, adorei.

E aliás, o Richard simplesmente não pode morrer!
Ai, tava tudo correndo bem demais pra ser verdade, né?
Já pensou ele morre? É aí que Bailey vai entrar em depressão profunda mesmo.

Enfim, estou mais feliz do que nunca com a renovação. Contando os dias pra Setembro. ♥

Grey's é amor.

Episodio 9x24 - Nota 10 2014-11-14 12:13:08

Meredith Grey fez parecer que eu estava sentindo dores de parto nesse episódio. Porque meu, que agonia, que tensão e que desespero foi toda essa situação dela. Shonda Rhimes ADORA fazer essa protagonista sofrer, como pode? Faz ela começar as contrações no meio de uma tempestade. Faz a energia do hospital acabar e coloca como melhor opção uma cesária que terá de ser realizada no escuro. Daí por um momento, todo mundo morre porque a criança nasce sem chorar. Em seguida, abre um sorriso e até fica com os olhos marejados quando vemos o bebê e Meredith ri e chora ao mesmo tempo. E então começamos a ficar tensos de novo com essa hemorragia que ficou escondida pelo parto. Que tensão Mer perdendo a consciência e passando as coordenadas da cirurgia pro Shane. PQP. Nunca na vida cogitei que ela fosse passar por uma coisa dessas... Shonda, WHY SO EVIL?! Mas graças a Deus que no fim, tudo deu certo pra família Grey-Shepherd.

BTW: Cristina me tocou de diversas formas nesse episódio, especialmente no diálogo com o Derek durante a cirurgia da Mer. Maravilhosa. <3

E também devo comentar sobre a Bailey reinando: achei ótima a cena que destrói aquela máquina que contém os remédios. E arrasou demais na cirurgia. Era exatamente desse tipo de impulso que ela precisava pra perder esse medo que vem assombrando-a. Homenagem merecida MerDer colocar o nome do bebê de Bailey. REIS <3

Nunca, desde que Arizona surgiu pela primeiríssima vez em Grey’s Anatomy, eu fiquei tão decepcionado e tão revoltado com essa personagem, a ponto de desejar que ela morresse por algum motivo nessa tempestade, porque não ia me importar nem um pouco.

Como falei anteriormente: não podemos julgá-la pelo trauma dos momentos da floresta. Muito menos, por ter perdido a perna em decorrência desse acidente. Mas assim: já deu. Ela já está melhor, consegue andar como se não usasse uma prótese, não usa mais bengalas, não precisa que ninguém mais fique de olho, pronto pra correr com uma cadeira caso ela precisa. Ela superou, mas ao mesmo tempo finge que não! O pior de todo esse lance da traição não foi nem trair – que, né, já é ruim o bastante –, mas sim praticamente gritar que fez isso por causa da perna. Foi algo como: “Ei, Callie! Você cortou a minha perna, e então eu traí você com outra médica pra puni-la”. Gente? Arizona é cirurgiã também, será difícil entender que ela MORRERIA se não amputassem a perna? Olha, inacreditável.

Ainda sobre o plot, devo ressaltar também: não discordo da Arizona em relação ao sofrimento que viveu na floresta ser diferente do que a Callie passou. Óbvio que existe uma diferença enorme. Ela estava com uma fratura exposta. Viu a Lexie morrer. Viu o Mark gritar de dor e agonia. Arizona sofreu física e psicologicamente. Mas Callie também teve sofrimento psicológico! Foi uma semana que ela ficou sem notícias da esposa, podendo considerar o pior. E com uma filha dentro de casa. No fim, perdeu o Mark e teve que lidar com uma Arizona à beira da morte! Por que é tão difícil Robbins entender isso? Ela foi egoísta e INFANTIL. Callie merece uma pessoa que lhe dê o devido respeito e que enxergue seus sacrifícios também. Ponto.

Aquela situação do ônibus também foi muito tensa e horrível. Posso dizer, também, que senti o mesmo desespero da April quando explodiu, e aquele alívio quando Jackson apareceu com a menina no colo. Gente!
Agora o que dizer sobre a declaração dela no final? AI MEU DEUS. Eu amo Japril com todas as minhas forças, esse sentimento prevalece à Mapril. Porém, Matthew é tão fofo, fez um pedido de casamento tão legal, que chega a ser um crime torcer contra ele. SOCORRO, COMO LIDAR?

O que posso dizer sobre Jolex é: FINALMENTE. Ai que lindos naquele diálogo que antecedeu o primeiro beijo. Gente, esse casal é um amor só e também torço muito por eles. Alex merece um pouquinho de felicidade em relação a amores nessa vida. Dá até pena quando ele diz que todo mundo com quem se relaciona fica louco, tem câncer ou vai embora. Poxa! Mas agora vai dar tudo certo, assim esperamos.

Pra finalizar: mesmo com tanta tensão, tanto perigo e tanta agonia, as coisas estavam sendo concluídas bem demais pra ser verdade. Tadinho do Richard, não devia ter ido mexer com esse negócio da energia sozinho! E o pior é que a Bailey tava querendo se desculpar. Quando descobrir o que aconteceu, vai carregar mais culpa ainda! I CAN’T :(

Enfim, meu comentário foi bem longo mesmo HAHAHAHA. Gosto de comentar sobre todos os plots, um “pouco”.

A temporada de modo geral foi MARAVILHOSA. Agora vou rever a décima. <3

Episodio 9x24 - Nota 10 2014-11-14 12:13:33

I had this badass professor in med school. She seemed invincible. And then, one day, she needed her gallblader out. And the surgery killed her. Her platelets stopped clotting. She bled out on the table. Everything that could have gone wrong – did go wrong. The surgeons have a name for it. We call it a perfect storm. Funny, I never thought it would happen to me.

There's an end to every storm. Once all the trees have been uprooted, once all the houses have been ripped apart, the wind will hush. The clouds will part. The rain will stop. The sky will clear in an instant. And only then, in those quiet moments after the storm, do we learn who was strong enough to survive it.

Episodio 9x24 - Nota 10 2014-12-16 01:05:16

Fico muito feliz, e agradeço pelo comentário! Hahahaha <3

Episodio 9x24 - Nota 10 2014-12-28 18:51:00

Eu criei um há um tempinho, inclusive postei algumas reviews dos primeiros episódios da 10ª temporada de Grey's. Mas fiquei sem tempo de atualizar e acabei abandonando. :(

Episodio 10x1 - Nota 10 2013-09-26 10:24:45

QUE EMOÇÃO VER ESSA SÉRIE NAS ATRASADAS ♥♥♥

Episodio 10x1 - Nota 10 2013-09-28 11:57:34

Nunca vou me cansar de dizer que felizmente, “Grey’s Anatomy” está na sua 10ª temporada com o maior nível de qualidade que poderia ter. Não é fácil atingir esse número de temporadas sem a série se repetir.

Vou começar falando da Callie e Arizona. O que foi ela dizendo pra todos que Arizona tinha dormido com a outra doutora?
Arizona tava merecendo levar uns bons tapas na cara, isso sim. Ela vai ter que sambar muito pra conseguir o meu perdão nessa temporada, viu. Não bastou trair, teve que humilhar a Callie como fez na season finale e ainda culpá-la pelo que fez.

Se existisse alguma chance de algum dia eu vir a gostar desse interno Ross, a chance foi por água abaixo. Que nojo. Que cara mais ridículo. Não exatamente por ele querer roubar o paciente da Heather, até porque vimos muito isso entre Alex, Izzie, Cristina... Mas sim porque ele demonstrava raiva, ciúmes, inveja. Heather foi vítima do ego desse nojento. Apenas espero que seja o próximo na lista de Shondanás. E não me importo se a Leah for também.

E não é que eu curti Alex e Jo? Não tô shippando os dois 100% porque ainda acho que os dois funcionariam melhor como amigos. Adoro aquela amizade deles. Mas por outro lado o Alex merece muito alguém como a Jo pra ser sua companheira.

Apenas apaixonado ainda mais por Derek, Meredith, e agora seus dois filhos. Aw gente, que lindos. É amor demais pra esse casal.
Falando na Meredith, adorei muito que o Richard a colocou como sua guardiã médica. Se for parar pra pensar, ele não tem mais ninguém além da Dra. Avery... E realmente, Meredith é a pessoa mais próxima que se encaixa na palavra “família” pra ele.

E nem preciso comentar o quanto estou apreensivo pelo Richard, né? Que situação mais complicada e desesperadora pra eles e pra nós!

Cristina enfrentando Bailey jogando na cara que o hospital é dela, chocado!
Aliás, essas cenas dela com a Meredith estão me matando aos pouquinhos. Não dá pra imaginar essa série sem Cristina Yang. IMPOSSÍVEL.

Episodio 10x1 - Nota 10 2013-09-28 12:27:43

When you become an intern, there’s a ceremony where you get your white coat. Like magic, you’re a doctor. My parents came to my white coat ceremony. I can still picture them. So happy, so proud. They say your life flashes before your eyes right before you die. The important moments. The moments that tested you. The moments that made you who you are. I don’t know about my life flashing before me. I was thinking about my white coat and how I’m glad I have it on me right now. It’s the moment my life started. Seems fitting it should be on me when it ends.

We’re all gonna die. We don’t get much say over how or when. But we do get to decide how we’re gonna live. So do it. Decide. Is this the life you wanna live? Is this the person you wanna love? Is this the best you can be? Can you be stronger? Kinder? More compassionate? Decide. Breathe in. Breathe out. And decide.

Episodio 10x1 - Nota 10 2013-09-28 16:56:16

Obrigado! :DD

Episodio 10x1 - Nota 10 2014-11-15 13:41:41

Com exceção da Jo, Heather foi a única interna na última temporada que conseguiu fisgar minha atenção e afeto logo de primeira, digamos. No começo achava ela “lesada”, mas adorava esse jeitinho meigo, cativante. Sempre levando as coisas na brincadeira, na medida do possível.

Por isso, fico com um ódio mortal mesmo do Shane Ross nesse episódio. Essa competição que ele criou com ela não foi aquela coisa saudável que acompanhamos com MAGIC quando eram internos/residentes. Ele se comportou de forma maldosa. Fez ameaças. Sentia inveja. Ciúmes. O pior é que ela não se esforçou pra “roubar” o lugar dele. Foi uma ordem direta do hospital pra que todos esses internos atuassem em todas as especialidades. Ainda assim, ele não quis entender. E agora tivemos o resultado: Heather Brooks, vítima do egoísmo e da inveja do Shane Ross. Triste saber que, SE ela sobreviver, vai ficar com danos irreversíveis. Poxa!

Alex e Jo em poucos momentos juntos, mas maravilhosos. Jo é exatamente o que Alex precisa pra vida. Já estava na hora de arrumarem alguém à altura pra ele, depois da Izzie. <33 E amei demais a cena da Mer pedindo pro Alex segurar o Derek Bailey, só pra acalmá-lo.

Falando na Meredith e o bebê: AI QUE AMOR. Família linda, dá uma emoção constatar que acompanhamos todo o desenvolvimento de MerDer como casal e agora eles estão com DOIS filhos! <333

Situação do Richard bem complicada e tensa também. Essas quatro paradas cardíacas me deixaram tão apreensivo, que nem sei. As olhadas do Alex enquanto Bailey tentava trazê-lo de volta... Mas enfim, é uma surpresa ver que ele colocou Meredith como sua “guardiã médica”. Mas como comentei anteriormente: dentro do hospital, ela de fato é a única pessoa que mais se aproxima de família pra ele. Se bem que Bailey também se enquadra. Apenas quero que ele fique bem, porque gosto do personagem.

Por fim: Cristina enfrentando a Bailey sobre ser dona do hospital é um choque, uma surpresa! E nem sei de qual lado ficar nesse dilema de “precisamos operar”, “não podemos operar”. Já que de qualquer forma, Richard estava apresentando riscos...

Enfim, episódio SENSACIONAL. Uma das melhores premieres da série!

Episodio 10x1 - Nota 10 2014-11-15 13:41:57

We’re all gonna die. We don’t get much say over how or when. But we do get to decide how we’re gonna live. So do it. Decide. Is this the life you wanna live? Is this the person you wanna love? Is this the best you can be? Can you be stronger? Kinder? More compassionate? Decide. Breathe in. Breathe out. And decide.

Essa citação é maravilhosa. <3

Episodio 10x2 - Nota 10 2013-09-27 10:45:42

Ela vai ficar. Ela só quis dizer que gravou essa tal cena quando ninguém no set sabia da decisão dela.

Episodio 10x2 - Nota 10 2013-09-28 12:24:32

Realmente muito complicado você carregar a morte de uma pessoa na consciência... Ainda mais a Heather que foi vítima do egocentrismo do Ross. Mas não consegui sentir pena dele, acho que ele deve sofrer mais. Quero que ele conte logo que Heather tomar aquele choque foi consequência da inveja dele, só pra ver o que os outros vão dizer. Muito ridículo.
O pior de tudo foi a mãe dela pensando que a filha era próxima dele. Que raiva! Até mesmo na cena que ele mente pra Heather sobre procurar o Richard, ela chega perto dele falando na boa, sorrindo... E ele sempre com aquele sorriso cínico, ar de superior. Que nojo.

Eu tô no chão com esse sofrimento da Callie gente. Não consigo vê-la desse jeito porque ela definitivamente não merece isso. Primeiro foi com o George (adorei todas as menções a ele nesse episódio, que saudades!) que ela tanto gostava. Agora Arizona, que ainda alegou um motivo tão fútil.
Porém, confesso que a cena final, com Arizona e Sofia, me tocou... E é como eu disse no episódio anterior: Arizona vai ter que sambar muito pra conquistar o MEU perdão nessa temporada, por destruir Calzona assim...

Alex fazendo caretas pro bebê Bailey ♥ que amor!
E quero muitas, muitas cenas entre ele, Cristina e Meredith nessa temporada. Quero que a relação dos três fique ainda mais fortificada.
E acho que não tem nenhum lugar desse hospital onde o Alex não tenha feito sexo, né? Hahahaha
Acredito que ele e Jo vão acabar tendo a primeira vez lá na casa dele.

Aquela cena da Cristina abraçada com o Owen, chorando e afirmando que “sair não é fácil pra ela”. DEUS. Cena destruidora. A impressão é que escreveram aquele diálogo pros fãs mesmo. A própria Sandra disse que foi muito difícil gravar porque o pessoal do set ainda não sabia da decisão dela. :(

Jackson e April pra ontem, por favor. Mais um casal que me destroça... Mesmo tendo verdade naquele fora que ele deu nela, torço demais pra que eles se acertem e fiquem juntos de vez.

Não gostei nada da Catherine nesse episódio, muito menos na cena em que ela diz que levará o Richard pra outro hospital, como se os médicos do Grey Sloan Memorial fossem todos irresponsáveis. Que absurdo. Adorei a Meredith no final se impondo e dizendo que ela é a família dele. E em seguida Richard abrindo os olhos e ouvindo tudo. Que lindo. Todos choram!

Essa premiere foi uma das melhores da série, de longe.

Episodio 10x2 - Nota 10 2013-09-28 12:28:53

The waiting can kill you. You make a decision, and then the world has to turn. The consequences unfold out of your hands. There is only one thing that seems clear, and those quiet moments while you wait – whatever you chose was wrong.

We just want to survive the storm. We pray, “please God, just get me to the other side.” We never imagine what it will be like until we get there. What if when the storm passes, nothing’s left? I always said I could handle anything. I was wrong, but I was right about one thing. I was right about this.

Episodio 10x2 - Nota 10 2014-01-16 10:23:14

Hahahahaha muito obrigado!

Episodio 10x2 - Nota 10 2014-11-16 11:06:05

Não adianta. Shane Ross pode chorar um novo oceano. Pode embarcar em missões suicidas de guerra. Pode fazer o que for. Nunca vai amenizar e nunca vai me fazer perdoá-lo por seu egocentrismo, inveja e MALDADE sem limites.

Como comentei no episódio passado: eu adorava mesmo a Heather e fiquei muito triste com a morte dela. Não consigo me conformar que ela foi vítima indireta desse cara, por nada. Já tinha dito antes, inclusive, sobre a última cena da personagem antes do choque, que é quando Shane a encontra e mente dizendo sobre ir procurar o Richard. Ela tava na boa, respondendo ele com um sorriso no rosto. E ele abrindo sorrisinho de superioridade. NOJENTO. Tinha que ter ficado longe da mãe da Heather, porque a mulher não precisava “saber” que o cara era “próximo” da filha. Que raiva.

E aliás, vendo esse episódio, é importante notar uma coisa: esses internos não se conhecem em praticamente nada! Eles convivem juntos, Leah e Heather dividiam uma casa, mas são desconhecidos. E estão há um ano no hospital. Decorrido um ano do início do estágio pra MAGIC, o quanto que eles já não se conheciam, ein?! Meredith e Cristina, inclusive, já eram a “person” uma da outra...

Mas enfim, começou de novo minha sessão de sofrimento por Japril. Porque eu não sei lidar. O pior é que as coisas que o Jackson disse pra ela no final, é a mais pura verdade. Quando ele estava lá, disposto a ficar com ela, a casar, ela o menosprezou – mesmo que não fosse sua real intenção. Torço pelos dois, muito mesmo, mas April precisa correr um pouquinho atrás também. E pelo visto, vai demorar a acontecer, já que firmou seu compromisso com Matthew.
BTW: Quão mau eu sou por amar Mapril também, mas querer que ela termine com ele pra ficar com Jackson? HAHAHAHAHAHA

Catherine Avery desconhece da palavra LIMITES, não é mesmo? Porque olha, tava insuportável nesse episódio. Achei um ABSURDO sem tamanho a cena que grita naquela sala pra assistir a cirurgia, pra fecharem o Richard. PORRA, ELES ESTÃO NO MEIO DE UM PROCEDIMENTO! Sem falar nessa ideia louca de querer transferi-lo de hospital. Ainda bem que Bailey calou a boca dessa mula, estando certa. E o curto, mas magnífico samba da Meredith na cena final foi muito bem-vindo também. Aliás, que emoção Richard abrindo os olhos no momento que ela diz “eu sou família”.

Calie mencionando o George deu tanta saudades dele, que nem sei. Mas nossa, é triste vê-la sofrendo dessa forma. Porque é fato que não merecia uma traição dessas, e nem a justificativa PODRE que Arizona deu. “Cortou minha perna? Te traí. Estamos quites.” Será que Arizona pensou que Callie ia descobrir e elas iam continuar a vida normalmente?! Eu ein... De qualquer forma, achei triste a cena que ela fica com Sofia na varanda...

Menção honrosa: Alex fazendo caretas pro Derek Bailey <33 HAHAHA
E ai, tá demais as conversas dele com a Jo, agora que estão em um relacionamento diferente. Que amor!

Episodio 10x2 - Nota 10 2014-11-16 11:07:24

We just want to survive the storm. We pray, please God, just get me to the other side. We never imagine what it will be like until we get there. What if when the storm passes, nothing's left? I always said I could handle anything. I was wrong, but I was right about one thing. I was right about this.

YES INDEED, RICHARD.

Episodio 10x3 - Nota 8.5 2013-10-03 22:11:36

Ainda não...

Episodio 10x3 - Nota 8.5 2013-10-03 23:11:51

Acho que isso não... Lá no site de Grey's pelo portal deles tem umas notícias sobre a 10ª temporada, falando sobre o 200° episódio e se a Izzie poderia voltar... Deve começar nas próximas semanas!

Episodio 10x3 - Nota 8.5 2013-10-05 12:39:40

Callie certíssima mandando a Arizona fazer a terapia sozinha. Tem que fazer mesmo, o que ela fez não tem justificativa. Eu amo a Arizona, mas não consigo perdoar o que ela fez, assim como demorei a perdoar outras traições da série. Minha maior raiva nesse caso é o fato dela usar a Callie amputando a perna dela pra mantê-la viva como desculpa pra ter traído. Inaceitável!
Porém confesso que senti muita pena dela na cena final em que ela conversa com a Callie, e ela chora. Shondanás, why so evil? :(

Cenas entre Alex e Cristina: QUE AMOR! ♥
Quero muito mais no decorrer da temporada, por favor... E com a Meredith inclusa, nós precisamos disso!
Ela tirando uma com a cara do Alex porque ele não fez sexo com a Jo, HAHAHAHAHA

E tô tão feliz, mas tão feliz pelo Alex! Porque ele tá feliz, e não vemos o personagem com esse tipo de felicidade desde a saída da Izzie. Só espero que a Jo seja muito boa pra ele nesse relacionamento porque ele merece muito. Tô adorando os dois juntos <3

Crowen é de longe a maior incógnita dessa série. Eu gosto tanto dos dois juntos, não é legal vê-los lutando contra os impulsos... Mas acho que pelo menos por enquanto é melhor assim. Desse modo eles começam a perceber o quanto se amam e que precisam trabalhar em todos aqueles problemas que os fizeram se separar em primeiro lugar. E rápido!
PS: Vai ser muito estranho ver a Cristina com outro homem, se isso realmente for acontecer.

Meredith dormindo enquanto fala com Cristina ♥
Derek dormindo no estacionamento do mercado ♥
Meu amor por MerDer tá conseguindo ficar ainda maior nessa temporada. É tão lindo ver os dois com um bebezinho e ficando loucos lidando com a maternidade. A cara de sono do Derek é a melhor! Hahahaha

Achei tão estranha aquela cena do Jackson com a April, acho que porque eu quero logo os dois juntos.
E fiquei com uma dúvida enorme: A April tinha falhado no primeiro exame pra se tornar atendente, mas na temporada passada voltou ao hospital como uma. Mas como, se ela só realizou o exame agora? Ela não devia ter sido residente pelo ano passado, de novo? Enfim...

E por fim tem o Richard. Fiquei perplexo com as palavras dele pra Meredith.
Eu que tinha comentado no episódio anterior que de todos naquele hospital, a Meredith se encaixava mais na palavra “família” pra ele. Que decepção. Meredith toda preocupada, já não podendo dormir por causa do bebê e agora por ele, e ele vai e faz aquilo... Desnecessário demais.
Gosto muito do personagem, mas nunca esperei uma atitude assim. Me pegou de surpresa MESMO. E a Meredith não merece!

Sobre os casos da semana, fiquei com muita pena do menino que vai precisar de novo transplante... Acho que ele deve voltar nos próximos episódios e torço pra que tudo dê certo.
E fez bem a Callie desistir de fazer a Murphy contar pro marido que a esposa o traiu com o irmão dele. A mulher estava arrependida, caso contrário não teria feito aquele pedido, né. Melhor mesmo deixar as coisas como estão, e a Callie mais do que ninguém sabe os efeitos psicológicos de uma traição, então...

Episodio 10x3 - Nota 8.5 2013-10-05 12:41:36

There’s this playground game that kids play. They lock hands and on the count of three they try to snap each others fingers off. You hold off as long as you can, or at least longer than the other guy. The game doesn’t end until someone says “stop”, gives up, cries mercy. It isn’t a fun game. In the game of mercy when one kid cries out, the other one listens and the pain stops. Don’t you wish it was that easy now? It’s not a game anymore and we’re not kids. You can cry mercy all you want, but nobody is listening. It’s just you screaming into a void.

Essas narrações <3
O que seria de mim sem Grey’s?

Episodio 10x3 - Nota 8.5 2014-11-18 11:29:43

Arizona ainda vai sambar muito, muito mesmo, pra conseguir o meu perdão nessa situação da traição. Porém, não vou negar que fiquei bem tocado com a cena dela e Callie na recepção do local da terapia. Claro que cortar o cabelo e colocar um vestido bonito não vai amenizar as coisas. Porém senti o desespero e a necessidade de ser ouvida. Senti que ela realmente quer reparar as coisas e isso já é um passo enorme.

Mas é aquela, né: concordei com a Callie, de qualquer forma. Porque Arizona não tinha a mínima necessidade de ir pra cama com uma doutora que mal conhecia – não devia ter ido nem se fossem grandes “amigas” –, muito menos justificar usando a amputação, como se fosse uma punição... Enfim...

Será que tem alguém nessa temporada não gostando de MerDer? Porque olha, pra mim tá difícil impedir meu amor por esses dois parar de crescer. Sempre gostei do casal, mas na última temporada e nessa, até agora, acredito que eles estão no melhor momento da vida de casados. Acho tão fofo os dois morrendo de sono por conta da maternidade, que nem consigo descrever! Meredith dormindo com o chuveiro ligado e falando no celular. Derek dormindo por uma hora e meia no estacionamento do shopping... HAHAHAHAHA.

Minhas estruturas estão cedendo aos pouquinhos com Crowen. Fiquei desolado com essa nova ideia da Cristina de que eles devem sair com outras pessoas pra poderem controlar a tentação. Não dá pra imaginar ela com outro homem. E ele com outra mulher. Mesmo a gente tendo a certeza de que não existe futuro para os dois, por suas ideias e perspectivas completamente diferentes... Infelizmente nessa relação, o amor que eles sentem não basta. O Owen pode abrir mão de querer filhos, mas isso sempre vai ser um “peso” pra ele. E Cristina nunca vai concordar em tê-los. Lembram-se do inferno que os dois viveram na 8ª temporada, quando ele decidiu jogar na cara dela que tinha abortado o filho dele – sendo que estava segurando a mão dela no momento? É disso que eu tô falando...

Falando na Cristina: as cenas dela com o Alex foram MARAVILHOSAS. Pra tudo ficar melhor ainda, só faltou a Meredith inclusa. ELES PRECISAM contracenar daquela forma mais vezes! E dei muita risada. Não entendo que não leva as coisas que a Cris diz na brincadeira, porque ela SEMPRE foi de pegar no pé não só do Alex, mas de todos os outros amigos no hospital.

E meu, Alex está em um excelente momento também. Achei tão bonitinho ele pegando a Jo no colo e subindo pro quarto no final, que nem sei HAHAHAHA. Ele merece felicidade e já estava mais que na hora disso acontecer. Que Jo se prove digna, por favor! :)

Agora o Richard no final é realmente uma RUIM surpresa. E não dá pra entender: na narração em off do episódio passado, ele disse: “eu estava certo sobre isso”, conforme abre os olhos, ouve Meredith dizer que é a família dele e a vê sentada a seu lado. Eu fiquei PUTO da vida com esse discurso desnecessário pra ela no final. De certa forma, lembrei-me daquela cena tristíssima da 3ª temporada, quando Meredith foi toda contente conversar com a Ellis, que estava lúcida, e foi humilhada por ela. Lembram? Meredith não merece levar esses “chega pra lá” das pessoas as quais ela se importa e que, inclusive, consegue enxergar como figura paterna. Não mesmo.

Pra finalizar: April passando no teste é ótimo, mas ao mesmo tempo uma loucura, já que nunca ficou muito claro o papel que ela desempenhou no hospital na última temporada: atendente ou residente se passando por atendente? Porque né. Mas enfim, a cena só serviu pra me fazer desejar mais e mais que ela fique com o Jackson.

E os casos da semana foram ótimos. Com destaque pra mulher traíra! HAHA Callie se pôs no lugar do rapaz. Fez bem guardar o segredo.

Episodio 10x3 - Nota 8.5 2014-11-18 11:30:22

"In the game of mercy when one kid cries out, the other one listens and the pain stops. Don't you wish it was that easy now? It’s not a game anymore and we're not kids. You can cry mercy all you want, but nobody is listening. It’s just you screaming into a void."

AI AMOOOO <3

Episodio 10x4 - Nota 9 2013-10-10 02:41:07

Nem acredito que já são 200 episódios! A série é tão incrível que nem parece que estamos nesse número! <3

Episodio 10x4 - Nota 9 2013-10-10 12:08:25

Queria que a Addison aparecesse nesse episódio, ia ser um show à parte!

Episodio 10x4 - Nota 9 2013-10-10 21:35:14

Quase na hora ♥♥♥

Episodio 10x4 - Nota 9 2013-10-10 23:07:29

Não dá pra ver o Alex assim! :((

Episodio 10x4 - Nota 9 2013-10-12 11:38:06

A expctativa acerca do episódio 200 era imensa. Acho que todo mundo tava esperando uma tragédia ou alguma coisa que nos deixasse totalmente sem fôlego durante os 42 minutos. Não aconteceu. Mas quem disse que Grey’s tem que apresentar episódios super agitados pra ser uma nota 10?
E esse episódio foi lindo.

Começando por Derek e Meredith, que me deixam ainda mais apaixonado a cada minuto de cada episódio. Como pode um casal tão lindo, gente? Eles já eram, mas com a chegada do McBaby as coisas ficaram ainda mais fofas. Fico tão contente quando vejo eles segurando o bebê, nossa. Essa “competição” entre os dois foi muito boa. E a cena que eles relembram os acontecimentos da season finale da 2ª temporada? MEU DEUS, QUE AMOR. Amo demais aquele episódio por 1001 motivos.
Meredith indo operar, Derek se intrometendo sendo que nem era a especialidade dele. “Venha sujar suas mãos de sangue!” HAHAHAHA, é amor demais e só cresce. Definitivamente meu casal favorito da TV ♥

Bailey em situações complicadíssimas, coitada. Primeiro com o Gene e aqueles comentários altamente ofensivos. Daí vem o Richard com toda aquela rebeldia a ponto de empurrá-la com força contra a parede. Que é isso? Bailey pagou seus pecados nessa noite, ein? As cenas que ela levantou a voz com o Gene foram excelentes! Atuação da Chandra Wilson impecável!
Mas muito bom ela colocando um cara que vai morrer, mas quer lutar pra sobreviver, do lado de um que pode sobreviver mas tá querendo morrer. Assim ele aprende.

O que foi a Callie dizendo pras pessoas que a Arizona tinha morrido? Que horror! Porém foi engraçado, principalmente quando a velha veio dizer sobre o marido que morreu há anos mas ela ainda ouve a voz dele. HAHAHAHAHA Até eu me senti mal junto da Callie, porque né! E por um lado até que ela tá sabendo lidar bem com essa traição, mesmo com todo o sarcasmo... O que é um ponto positivo!

Falando em Arizona, AMEI DEMAIS as cenas dela com April naquela sala do hospital. Tô apaixonado pela risada da Jessica, gente. Que linda ♥
Eu acho válido ela ter que ralar um pouquinho pra conquistar o perdão da Callie e o meu, por destruir um dos meus shipps favoritos... Mas tá bem visível o quanto está arrependida e em certos momentos dá até dó dela... Mas vamos lá. Espero que até o final da metade dessa temporada ela tenha sambado muito pelo perdão de todos nós e tenha conseguido, porque quero muito vê-las juntas novamente e isso NÃO PODE acontecer só na finale. É MUITO TEMPO! :(

Cristina tava tão linda e com a língua mais afiada possível. Esse sarcasmo dela é o melhor, não consigo imaginar Grey’s sem isso. Ela relembrando pro Alex o tempo que eram internos e o quanto eram competitivos, que amor. O melhor mesmo foi o final, ela aceitando o cheque salgado do rapaz e dando o fora.
“Você poderia dormir comigo de graça!”
“HAHAHAHAHA”
Ri demais nessa cena! Sandra Oh é simplesmente incrível, merece todos os prêmios de atuação. Os episódios estão passando e eu ainda não consigo acreditar que ela vai sair. Não tô preparado pra isso e nunca vou estar. Vai ser um dos meus maiores sofrimentos em série quando isso acontecer, independente de como for a saída dela.

Mas confesso que foi muito estranho vê-la flertando com outro homem, né? Nós só a vimos na série com dois homens, gente! Burke e Owen!

Sofrendo com o Alex, não consigo vê-lo assim. Não conhecemos muito bem o passado dele, só às vezes que ele comentou uma coisa ou outra como “eu tive que me tornar o homem da casa aos 7 anos”, e também teve aquele episódio tenso que o irmão fez uma visita... Mas tá bem claro que ele nunca teve uma relação boa com o pai e vê-lo novamente, nas condições de um bêbado drogado deve ser muito difícil frustrante. Quero só ver o que vai acontecer nesse plot, se ele vai revelar pro velho Karev que é filho dele, e etc. Vai ser muito explorarem o passado dele, aprofundando ainda mais os motivos dele ficar tão na defensiva e ser tão fechado em relação aos sentimentos durante as primeiras temporadas, principalmente.

Ai, eu tava esperando que o Jackson fosse terminar tudo com a Stephanie. Uma pena que ele acabou relevando, viu. Não acho que esse casal tenha química, eles não combinam em nada. Ele e a April ficam bem mais lindos juntos e quero muito que se resolvam, mas acho que isso não vai acontecer tão cedo. SE for acontecer, podemos esperar tudo!
Essa temporada só tá boa mesmo pros shippers de MerDer, porque de resto...

Aliás, fiquei de boca aberta com o beijo do Ross ridículo na Stephanie! Nossa! KKKKK
Quanto aos internos, eu ainda não sou aquele fã deles. Só gosto da Jo porque ela tá sendo linda com o Alex, tenho uma simpatia pela Stephanie mas não é essas coisas... Odeio muito o Ross, espero que ele esteja na lista de próximas vítimas da Shonda, e a Leah é super indiferente. Porém não entendi uma coisa: No final ela comentou que ia fazer a prova dos internos e ia pro 2° ano de Residência? É isso? Mas como SEGUNDO ano?

Enfim... Grey’s sendo Grey’s.

Episodio 10x4 - Nota 9 2013-10-12 11:52:47

As anyone who’s ever had their tonsils out can tell you, surgery isn’t cheap. It takes a lot of money to keep a hospital’s door open. And when the funds run out, it’s on us to get out there and raise some more. Which means… It’s time to put on makeup. It’s time to dress up right. It’s time to get things started on “The Muppet Show” to… Crap. Sorry. I’ve been watching a lot of children’s television lately. But you get the idea.

Overture, curtain, lights. This is it, the night of nights. No more rehearsing and nursing apart. We know every part by heart. Tonight, what heights we’ll hit. On with the show. This is it.

Fofíssima essa Meredith ♥

Episodio 10x4 - Nota 9 2014-11-19 10:45:49

Realmente, se for comparar esse 200° episódio com o 100°, ele foi fraquíssimo. Mas no entanto, eu gosto bastante. Vejo essa festa a qual eles tentam arrecadar fundos como uma comemoração indireta dos personagens por atingirem essa marca! HAHAHAH. Afinal, não é qualquer série hoje em dia que consegue chegar na 10ª temporada e atingir 200 episódios, não é gente?

Enfim... Começando pela Callie: entendo as razões pra ela estar puta da vida com Arizona. Mas foi realmente muito exagerado dizer pra todo mundo que ela morreu no acidente... Poxa. Callie antes de tudo tinha que imaginar como seria a vida dela se Arizona de fato não tivesse sobrevivido à queda antes de inventar essas mentiras absurdas, né. E além disso, é bem nítido que Arizona está realmente arrependida pelo que fez – embora, é claro, não devesse ter feito em primeiro lugar. Ela só precisa se esforçar um pouquinho mais pra conseguir o perdão e quero isso acontecendo pra ONTEM!

Além disso, Arizona protagonizou um dos momentos mais divertidos, que foi ela e a April bêbadas no hospital! HAHAHAHAHA. ÓTIMO! “Posso experimentar a sua perna?” HAHAHAHA.

MerDer, parem de me fazer amá-los mais a cada episódio! Estavam incrivelmente lindos e ainda tiveram essas cenas maravilhosas. A competição durante a festa foi muito boa. E depois eles “sujando a mão de sangue” <333
E eu amo incondicionalmente todas as cenas que o bebê Bailey aparece. Ainda fico bobo olhando pra essa família linda que eles construíram.

Cristina IMPAGÁVEL. Foi muito engraçado ela flertando com aquele homem, mesmo que pelo dinheiro, mas ao mesmo tempo tão estranho... Porque, como comentei anteriormente: nós nunca a vimos com ninguém além do Burke, e depois o Owen. Mas de qualquer forma, ela estava ácida no ponto certo! Dei muita risada com o “HAHAHAHA” pro homem quando ele disse “você poderia dormir comigo de graça”. KKKKKKKKKKKKKKKK MARAVILHOSA!
E agora parece que Owen vai mesmo seguir nessa de sair com outras pessoas. Ai meu coração Crowen simplesmente não aguenta isso. I CAN’T.

Sobre Alex: apenas não sei o que dizer, só sentir. Esse retorno do pai abre umas portas para o personagem, assim iremos poder conhecê-lo melhor. Afinal, o que sabemos sobre seu passado é que teve que se tornar o homem da casa ainda criança e nunca teve uma relação boa com ninguém da família. Se a aparição do pai significa um aprofundamento desse passado, eu vou adorar. Porém, é impossível não ficar com o coração na mão pela frustração dele no final. É fato que o velho não foi um bom pai. E reencontrá-lo, já velho, ainda bêbado e drogado... Deve ser um baque daqueles.

Bailey reinou e, mais uma vez, fiquei puto com o Richard quando empurrou-a com aquela violência. Acho incompreensível um médico como ele, com tantos anos de experiência, se recusar a entender qual o melhor tratamento pro próprio estado clínico. Mas Bailey foi esperta, dei risada quando trouxe o Gene pro quarto. HAHAHAHAHA. Aliás, ele me deu raiva no começo, mas depois fiquei tão tocado com a situação que nem sei. “Eu não tenho ninguém, não quero ficar sozinho.” Poxa meu, que triste. :(

Por fim: Stephanie me irritou profundamente nesse episódio, ODEIO com todas as minhas forças a relação dela com o Jackson e preferia mil vezes que ele terminasse. Shane, nem se fala. É um assassino indireto e já não mostra o mínimo peso na consciência por ter tornado a Heather Brooks uma vítima de seu ego, por ser um “tubarão”. Será que ele não conseguiu enxergar isso?

E ODEIO esse FURO do final. Leah dizendo pra Arizona que vai fazer os exames dos internos, pra se tornar uma RESIDENTE DO 2° ANO. Primeiro que não passou dois anos desde que eles entraram no hospital pra fazer esse exame. E segundo, como ela deixa de ser interna e já vai ser residente do SEGUNDO ANO? E o PRIMEIRO, não tem mais?

Episodio 10x4 - Nota 9 2014-11-19 10:46:17

As anyone who's ever had their tonsils out can tell you, surgery isn't cheap. It takes a lot of money to keep a hospital's doors open. And when the funds run out, it's on us to get out there and raise some more, which means… It's time to put on makeup. It's time to dress up right. It's time to get things started on "The Muppet Show" to… Crap. Sorry. I've been watching a lot of children's television lately. But you get the idea.

Overture, curtain, lights. This is it… the night of nights. No more rehearsing and nursing a part. We know every part by heart. Tonight, what heights we'll hit. On with the show. This is it.

Episodio 10x4 - Nota 9 2014-12-09 23:34:52

Não acho que seja, porque a própria série explica isso. A 1ª e a 2ª temporada representam um único ano na vida dos personagens. A 3ª, outro ano. No fim da 3ª, eles realizam a prova para se tornarem residentes, o que indica que a posição como "interno" dura dois anos. Todos eles - menos o George - iniciam a 4ªT como residentes, ganham os próprios internos e tal. E lembro que na 5ª temporada, em um dos episódios, o Richard reclama de um deles (acho que da Meredith), dizendo que um "residente do 2° ano" já deveria saber realizar um determinado procedimento e a pessoa não sabia. Então daí você tira: 4ª temporada: 1° ano como residente; 5ª temporada: 2° ano, e assim vai. A residência dura 5 anos (até o fim da 8ª temporada) e na 9ª eles se tornam atendentes.

Então, pode ser que eu esteja errado. Mas reunindo essas informações de dentro da própria série, esses "novos" personagens deixarem de ser internos para serem "residentes do SEGUNDO ANO", pulando o primeiro, é um furo sim.

Episodio 10x5 - Nota 8.5 2013-10-17 19:09:53

O pior não é nem quem marcou como visto... É quem deu essa nota 7.5 sem assistir.

Episodio 10x5 - Nota 8.5 2013-10-20 11:47:29

Só porque é a última temporada da Cristina, os roteiristas tinham que introduzir uma briga tão desnecessária assim? Não curti porque sou Mertina até o fim. Amo a amizade das duas e simplesmente odeio quando elas brigam. Foi uma tortura lá na 5ª temporada quando elas passaram uns três episódios sem olhar na cara uma da outra...

A Cristina não precisava dizer que a Meredith não é uma médica tão boa e qualificada como ela. Bastava falar da maternidade porque tá na cara da Meredith que é difícil de equilibrar e a própria está com medo de se tornar a Ellis Grey. Mas poxa, fiquei chateado.
Quando a Bailey teve o Little Tucker, o Richard também não queria ela no hospital e ainda assim ela tava lá, e de nada afetou em seu desempenho médico. Sério mesmo, não precisava...

Eu gosto muito da Jo, mas devo confessar que ela me irritou nesse episódio. Ela conhece a história familiar do Alex apenas por alto porque ele nunca realmente entra nesse assunto. Mas já deixou bem claro que a relação entre eles era bem complicada... Não gostei dela tentando fazê-los se aproximar. Alex já disse que precisou virar o homem da casa aos 7 anos, certamente ele é ressentido e só porque a Jo não tem pai, não lhe dá o direito de interferir na vida alheia.
E daí que o pai do Alex tá vivo? De que adianta se ele nunca se comportou como tal?
Mas é certeza que o velho vai voltar... Deve ter alguma complicação de saúde, algo assim... E aí vamos ver como vai ser a reação dele quando souber quem é o Alex, como o próprio Alex vai reagir diante desse momento emocional e tenso, e etc.

Shondanás não estava brincando quando disse que nessa temporada, os personagens encontrariam novos interesses amorosos, né? Tá difícil pra todos os shippers e mais difícil ainda pra quem gosta de TODOS os casais.

Jackson e Stephanie é tão sem sal... Não sei por que raios quiseram dar justo ela como interesse amoroso pro Jackson, os dois simplesmente não combinam. E me parece que vamos ter aturá-los juntos por mais um tempo, já que ela começou a se aproximar da Katherine nesse final.

Ainda bem que Arizona não teve nada demais com a Leah. E não gostei nada do fato das duas poderem se aproximar amorosamente. Não pode! Arizona tem que ficar sozinha até voltar com a Callie, nada de sair com outra pessoa.

Aliás, a minha maior queixa dessa temporada até agora são esses internos. A única que se salva é a Jo, não gosto dos outros. Não precisa do destaque, pra que isso? Bastava deixar como tava na temporada passada e pronto. I can’t com o Ross aparecendo toda hora com aquela cara nojenta de assassino intencional. Já nem lembra mais da Heather, né? Engraçado.

E aquela cena de briga entre MerDer? Ai meu coração! Não basta Mertina, agora eles também? Mas por outro lado o Derek não estava errado. Porque se ele já estava realizando a cirurgia, como ia atender o celular?
Porém, enfim... Não quero os dois brigando. Quero os dois felizes com o McBaby tentando equilibrar a vida doméstica com a profissional. A série não precisa de mais brigas, por favor!

Callie lindíssima. Adorei a cena que a Mer dá um selinho nela. E ainda mais o final, com ela dançando só de calcinha. Que nostalgia. Aquela cena que ela dança no hospital de óculos escuros e o Richard a encontra é tão engraçada, simplesmente adoro!
Bom ver a personagem começando a pensar em si mesma. Concordo com o que ela disse... Aturou um monte da Arizona (que eu até entendo por conta da perna) durante o último ano e ainda foi traída. Precisa dar a volta por cima, não ficar se lamentando.

E falando no Richard, interessante ver que ele finalmente está avançando e menos rabugento. Eu honestamente gosto muito do personagem, ele deu um monte de ensinamentos legais durante esses 10 anos e ia ser muito triste se viesse a morrer. Só não tava gostando das atitudes e daquelas coisas horríveis que ele disse pra Meredith. Mas enfim... As coisas estão voltando aos eixos.

Só espero que no próximo episódio Cristina e Meredith se acertem porque a amizade delas precisa ficar muito mais fortificada agora, não fragilizada. E cadê mais cenas entre elas e o Alex? A gente precisa já que é o último ano com o trio... E pensar que esse grupo já foi um quinteto! :(

Episodio 10x5 - Nota 8.5 2013-10-20 11:50:12

Here’s what I learnt the first day at medical school: think long and hard before choosing to become a surgeon. It takes 100 percent commitment. You have to be on your A game every time you walk into that OR. When patients are lying on your table, completely at your mercy, they need to know that when you make that first cut, you know what you’re doing. No other specialty requires the time, the focus, the complete dedication, except maybe being a mom.

What if your focus splits? What if you can’t be all in? Are you left with nothing at all? Maybe you just need to find a different path. Here’s what’s horrifying: what if you can’t give a hundred percent? Maybe you just need to go back to the beginning and start all over again.

Episodio 10x5 - Nota 8.5 2013-10-20 22:21:47

Só faltou os óculos escuros na Callie pra cena da dança de calcinha ficar AINDA MELHOR! ♥

Episodio 10x5 - Nota 8.5 2014-11-20 13:30:04

Segunda vez que assisto essa temporada: segunda vez que fico frustrado e com uma raiva da Cristina que eu nunca senti antes. Só pra ressaltar: eu realmente amo demais a personagem, mas não consigo concordar com as coisas ABSURDAS que ela diz pra Meredith nesse episódio.

Gente, como assim Meredith “não é” uma cirurgiã tão competente quanto Cristina? Caramba, não precisava apunhalar desse jeito. Como comentei anteriormente: tá estampado na cara da Mer que ela está mesmo tendo dificuldades em conciliar trabalho com a maternidade, mas nossa. “Estamos em lugares diferentes agora”. Ué, Bailey também é mãe, teve filho nesse hospital e olha como ela está hoje. Aliás, olha como ela ficou assim que teve o Baby Tucker, temporadas atrás... Bastava Cristina dizer que entendia o que Mer tá passando agora e acabou. Rebaixá-la dessa forma só porque ela tem um recém-nascido em casa foi golpe duro, e baixo!

Daí além da briga Mertina, veio essa discussão MerDer no final: NÃO PODE! Eles estão TÃO bem como casal, como família. Não é possível que vão permitir que o trabalho acabe se metendo nisso tudo. No entanto, eu tenho que concordar com a Meredith. Entendo que o Derek estava em uma grande cirurgia, e certamente não poderia sair. Mas nossa, ele nem ao menos ficou sabendo direito o que tinha acontecido com a Zola!! Além disso, eles de fato precisam procurar uma maneira de conciliar isso tudo. Pra já!

De novo fiquei com certa raiva da Jo também. Não acho que só pelo fato dela não ter tido pai e o Alex sim, ela tenha que se meter na história. Ela não conhece, não sabe de nada. Se ele não gosta de falar, é porque as coisas foram sérias. Existe um motivo pro Alex querer esse afastamento e ela devia entender isso. Comparar a situação dela, com a dele, pra querer mostrar que tem razão quando não tem, foi errado e bobo da parte dela. Esperava um pouco mais. Mas de qualquer forma, é certeza que o velho vai acabar voltando. Duvido que as coisas fiquem por isso mesmo. Vamos ver como Karev vai reagir quando isso acontecer...

Callie dançando no final é um amor só <333
Eu amo essa “libertação” que ela decide fazer na própria vida. Depois de um ano cuidando da Arizona, e tendo ainda por cima uma traição como “payback”, tava mais que na hora mesmo de começar a pensar em si mesma. <3

Durmo com Stephanie e Jackson: tá pra nascer casal mais sem sal. Mas de qualquer forma, dei muita risada com as indiretas da Katherine durante o episódio! E Steph idiota falando as coisas sem pensar, com duplo sentido HAHAHAHAHAHA. Esse final me desanima porque ela ficando próxima da mãe Avery pode significar uma extensão desse relacionamento com o Jackson, que eu ODEIO com todas as minhas forças. Podem terminar.

Sobre os outros internos: ARIZONA!!! Por Deus, não se atreva a se envolver com essa Leah aí!!!! E Shane: pode morrer, tá? Já esqueceu da Heather, nem por um segundo mostra peso na consciência pelo que fez com ela. Então...

Episodio 10x5 - Nota 8.5 2014-11-20 13:31:57

Here's what I learned my first day at medical school. Think long and hard before choosing to become a surgeon. It takes 100% commitment. You have to be on your A game every single time you walk into that OR. When patients are lying on your table, completely at your mercy, they need to know that when you make that first cut you know what you're doing. No other specialty requires the time, the focus, the complete dedication... Except maybe being a mom.

What if your focus splits? What if you can't be all in? Are you left with nothing at all? Maybe you just need to find a different path. Here's what's horrifying, what if you can't give 100%? Maybe you just need to go back to the beginning and start all over again.

Episodio 10x5 - Nota 8.5 2014-12-24 10:30:22

Sim!!!! A Cristina é uma decepção só nesse quesito, fico muito triste com a atitude dela porque é absolutamente desnecessária. Ainda mais sendo contra a melhor amiga dela, né... :/

Episodio 10x6 - Nota 8.5 2013-10-28 10:10:12

Foi ironia, justamente por ela não falar absolutamente nada, nunca! haha

Episodio 10x6 - Nota 8.5 2013-10-28 10:41:04

Essa temporada tá uma confusão quanto a cronologia, né?
Porque na temporada passada e até o episódio passado, esses internos eram INTERNOS. Daí hoje magicamente eles já são internos do SEGUNDO ANO. Mas como? Pularam o primeiro? Lembro muito bem durante a 5ª temporada da série o Richard dando uma bronca na Meredith porque ela já estava no 2° ano de residência e não sabia fazer uma coisa sozinha, ou algo assim. Sendo que o 1° ano ocorreu na 4ª temporada. Tá tudo errado.
Sem falar que o primeiro ano como atendente da Mer, Cristina e Alex foi na 9ª, eles já estão no 2° ano. E a Bailey disse que eles ainda estavam no primeiro... Vai entender!

Mas a verdade é que, falando desses internos, promover esses atores foi um dos maiores erros que essa série já cometeu... Já dá pra perceber que as aparições e plots deles estão tendo até mais destaque que os plots dos personagens principais, e isso é muito triste. Eles não merecem o destaque, são muito chatos, bobos.
Por isso, por mais que me doa dizer, Grey’s devia terminar nessa temporada. Não dá pra imaginar nem assistir a série sem a presença da Cristina, e ver esses internos/residentes do 2° ano tomando a frente é simplesmente lastimável.

Plot da Leah um horror. NADA A VER justo a Arizona conseguir uma pretendente quando é a Callie que tem que encontrar alguém... Foi traída e fica lá, procurando um propósito na vida quando a traíra é só sorrisos e cheia de pretendentes. POR FAVOR.

Enfim... Tô morto com Cristina e Meredith. Não consigo acreditar que estão colocando um abismo entre as duas justo nessa temporada, onde as coisas tinham que correr bem... Mas Meredith estava certa em dizer aquelas coisas. Eu amo muito as duas mas Cristina foi muito ríspida no episódio passado, não precisava daquilo. Ela tem quebrar que a Mer “is her person”.

Na contramão, tô adorando o plot do Alex... O passado dele nunca foi explorado e tem uma mitologia interessante, pra explicar aquela barreira protetora que ele tinha nas primeiras temporadas. E fiquei com o coração na mão quando o pai revelou que o filho que ele tanto estava comentando não era ele, e sim já de outra família. Affff. Mas parece que ele percebeu que o rapaz é o Alex, filho dele... Então vamos ver onde vai dar.
E Alex, não fique assim pois você nos destrói junto! Mais cenas entre ele, Meredith e Cristina amiguinhos, por favor.

MerDer é cada vez mais amor. AIND BEM que aquela briga no episódio passado foi coisa do momento, pois eu não ia suportar mais um atrito. E a decisão dele foi ótima, justíssima. Vamos ver a luta da Meredith agora pra não se tornar a nova Ellis Grey, no sentido ruim do nome.

Enfim, a temporada tá bem levinha comparado ao que estava esperando por ser despedida da Cristina, e esses internos estão enchendo muito o saco e tirando mérito do episódio pelo destaque. E pelo visto vai continuar assim...

Episodio 10x6 - Nota 8.5 2013-10-28 11:01:08

Narração do Derek ♥

Researchers are currently working on a map of the human brain. It may be the most complex map ever created. Billions of neurons making trillions of connections. At first glance, they seem completely random. But there's nothing random about them. All these connections have to happen in a specific pattern. It is designed for a function. These connections determine everything about us: what we love, what we hate, what we say, what we do.

We know that every connection matters. Every connection is crucial and when one is broken, it usually means that the damage has been done. This system of connection compels us to act, choose and behave... sometimes seemingly against our own will, but it is not random at all. It is the map of who we are. We will work to understand ourselves... solve the puzzle of how all the connections work and how all the pieces fit.

Episodio 10x6 - Nota 8.5 2013-10-28 11:05:07

Eu me confundi lá em cima, mas tem uma coisa errada sim...

Porque não tem como eles serem residentes do 2° ano... Primeiro porque se me lembro bem, esses internos só entraram na temporada passada. São dois anos como internos, então tinha que ser até o fim dessa temporada. Daí ano que vem, passando na prova, eles iriam para o PRIMEIRO ano de residência.

Dá até pra relevar caso os roteiristas tenham dado espaço pra eles ano passado já no último ano como internos, mas achei nada a ver eles fazerem a prova e já serem residentes do 2° ano. Tem alguma coisa errada porque é um erro muito grotesco pros roteiristas deixarem passar em branco assim. Mas whatever. Menos a Jo, todos são chatos e todos tem que sair. ESPECIALMENTE O ROSS!

Episodio 10x6 - Nota 8.5 2014-11-21 11:22:48

De quem foi a ideia de dar destaque para esses internos na 10ª temporada? Porque nossa, PQP. Começando pelo Ross: HAHAHAHAHAHAHAHA. Então ele se sente culpado no dia da morte da Heather, depois volta a ser o insuportável de sempre e aí vê um jaleco com o nome dela e tenta nos convencer de que está mal? Vadia, por favor. Menos aí, sim?

E Leah... Eu tive que dar uma gargalhada bem alta quando a Arizona falou sobre não significar nada e ela sair correndo. KKKKKKKKK Risada de frustração também. Porque além da Leah ser uma paspalha dependente de todo mundo que esboçar ao menos um sorriso, a Arizona é uma traíra dupla. PUTA QUE PARIU! Tá aí, vimos a Callie nesse episódio em um dilema enorme por culpa da Arizona, tá agora tentando se encontrar e lidar da melhor forma possível com a traição que sofreu. E enquanto isso a esposa manda mensagens para os interesses amorosos. Ou seja: pra Arizona só valeu uma tentativa de reconquistar a Callie, que foi aquela terapia. Pra mim, ela praticamente gritou: “ela não vale o esforço” com a mensagem que enviou pra Leah no final. Eu tô revoltado MESMO. Se tem alguém que merecia ficar sozinha após isso tudo, é a Robbins. Não a Calliope.

Eu até fiquei com pena da Cristina nesse episódio, mais precisamente pela cena final com a Meredith, com ela falando sobre o dia que teve e tal. No entanto, será que ela pensou mesmo que ia rebaixar a Meredith daquela forma e as coisas iam ficar normais, do jeito que sempre foram? Eu amo a amizade das duas, mas apoio totalmente a Mer. O que ela disse foi a mais pura verdade e Cristina foi muito ríspida ao dizer que elas estavam “em lugares diferentes agora”, só por causa da maternidade. E Mer, de fato, SEMPRE esteve lá pra Cris quando ela precisou. Um absurdo que esta última não soube dar o mesmo apoio que a amiga precisava...

E falando na Meredith: achei tão legal a decisão que Derek tomou pra ajudá-la. Volto a repetir que eles definitivamente estão em um momento maravilhoso como casal. Agora resta saber como Mer vai fazer pra conciliar, porque de uma forma ou de outra, Zola e o bebê Bailey vão precisar dela, né.
BTW, pra quem tá dizendo que Mer já se tornou a Ellis Grey: será que vocês não lembram como ela era, quando estava viva? Nem pelos flashbacks que já tivemos da Mer criança? Ela não tinha tempo pra filha, mas também a desprezava. Lembro de um flash do Thatcher levando Mer ao hospital e Ellis ficando REVOLTADA por conta disso. Meredith não é assim, tá longe de ser. Então, menos gente.

Sobre Alex: acho que senti a mesma frustração que ele quando o velho mostrou a foto da criança que hoje tem 12 anos, sendo já outra família que ele construiu. PQP, que baque! Mas eu gosto do plot, acho legal explorarem dessa forma o passado do Alex que conhecemos só por alto mesmo.
Aliás: eu amo Jolex, mas achei BEM FEITO a bronca que a Jo levou no final e espero que fique se sentindo mal mesmo. Ela que ficou pressionando com essa desculpinha de “Alex, você tem pai e eu não tenho” sendo que ambas as situações são completamente diferentes. Enfim...

Só pra ressaltar mais uma vez esse furo GROTESCO dos internos. Não falo nada sobre eles já prestarem os exames pra se tornarem residentes, sendo que normalmente isso teria que ocorrer só no fim dessa temporada. Eu só acho um insulto eles dizerem que são residentes do SEGUNDO ANO, se acabaram de realizar o exame e foram promovidos. Eles são do PRIMEIRO!!!

Ah, pra finalizar: pra quem acha que essa 10ª tá fraca – nesses últimos dois episódios, esteve mesmo –, melhora muito na 10B, começando definitivamente no 10x13. :)

Episodio 10x6 - Nota 8.5 2014-11-21 11:23:29

Researchers are currently working on a map of the human brain. It may be the most complex map ever created. Billions of neurons making trillions of connections. At first glance, they seem completely random. But there's nothing random about them. All these connections have to happen in a specific pattern. It is designed for a function. These connections determine everything about us: what we love, what we hate, what we say, what we do.

We know that every connection matters. Every connection is crucial and when one is broken, it usually means that the damage has been done. This system of connection compels us to act, choose and behave... sometimes seemingly against our own will, but it is not random at all. It is the map of who we are. We will work to understand ourselves... solve the puzzle of how all the connections work and how all the pieces fit.

Episodio 10x6 - Nota 8.5 2014-12-26 14:55:08

Sim, é o pai dele. A Jo fez um exame de DNA e confirmou o parentesco. Acho que foi no 10x04.

Episodio 10x7 - Nota 8.5 2013-10-31 10:38:39

Episódio especial de Halloween <3

Episodio 10x7 - Nota 8.5 2013-11-02 12:17:48

Mas aparentemente o personagem do ator que faz o Ben morreu em Witches...

Episodio 10x7 - Nota 8.5 2013-11-02 12:26:06

MEU, SÉRIO MESMO? ARIZONA E LEAH TÁ ROLANDO MESMO?
PQP SHONDA, que decepção. Não me conformo com esse plot e não me conformo com a ARIZONA indo pra cama com outras pessoas... Affffffff. Ainda mais essa sem sal da Leah, argh.

Daí além de tudo no final eles meio que mostram que Cristina pode “seguir em frente” com SHANE. WHAT. I MEAN. REALLY. WHAT????
Cristina e Shane é o maior pecado do mundo, simplesmente não existe!
Em vez desses internos/residentes do 2° ano tentarem me conquistar, eles afundam em chatice e se tornam cada vez mais detestáveis. Izzie e George como casal vai se tornar bonitinho se comparado com Cristina e Shane, PQP.

Ainda falando na Cristina: I CAN’T com ela indo pra festa, deixando os cupcakes e indo embora... WHYYYY. Sério mesmo gente, eu não tô gostando nada dos rumos que estão dando pra ela nessa primeira metade da temporada. Espero que na 10B ela e Meredith se acertem e reforcem AINDA mais a amizade. Não creio que Cristina deixará o Grey Sloan Memorial por morte, então seria interessante de vez em quando mostrarem a Meredith conversando com ela por telefone. Do jeito que as coisas estão andando isso não vai acontecer. Tô com medo.

Alex fingindo que não estava em casa pro Halloween <3 que amorzinho.
E super entendi o lado dele em relação aquele pai no hospital... Tudo bem que ele deixou o emocional influenciar no tratamento profissional que ele tinha que ter com família, mas o pai parecia mesmo preocupado, ainda mais quando a menina sumiu.
E a Jo vestida de Tinker Bell no final? Tava linda, amei. E gostei dela se desculpando com ele por incentivá-lo a ir atrás do pai, tinha que fazer mesmo.

FINALMENTE Richard se desculpou com a Meredith pelas duras palavras, né! Tava na hora...E até entendo o lado dele de querer ensinar os internos. Afinal, eles de repente passaram a ser residentes do 2° ano.

Essa mudança continua não me descendo, jogaram de qualquer jeito só pra ajudar o roteiro. Esses personagens como internos não poderiam “voar solo” (como Mer, Cristina, Alex, Izzie e George diziam) em cirurgias... O primeiro residente que ganhou esse privilégio foi o Alex na 5ª temporada, coincidentemente o 2° ano de sua residência. Tá bem claro que esses internos realizarem a prova e já se tornarem residentes do 2° ano pra criar esse plot que envolvesse a todos... Mas enfim, acho um erro grotesco e desnecessário. E já comentei mas ressalto novamente que promover esses atores pro elenco principal foi um dos maiores erros da série... ODEIO esse destaque.

E a temática do episódio foi bem legal, bem diferente. Interessante a cena da menina indo pedir doces naquela área “abandonada” do hospital e levando susto com a senhora cega de um olho.
Aliás, o fato da Heather tratar essa paciente escondido lembrou MUITO mesmo a Izzie, inclusive aquele caso no 2° ou 3° episódio da série, que ela sai do hospital pra tratar um ferimento de uma moça que não tinha o Green Card. Saudades daquela época, aw. ♥

Episodio 10x7 - Nota 8.5 2013-11-02 12:28:34

Every Halloween we make a choice about what kind of costume we're going to wear. Something sexy, maybe we'll be someone scary, or you could be a superhero, which is what I'm trying to be this year...

Halloween is not for the faint of heart. There's a surprise around every corner. Some of the surprises are good. And some of the surprises are bad. What's important is that you can't let the fear of the surprise stop you from getting dressed up… And wandering up to a stranger's house to ask the question. So what'll it be... trick… or treat?

Episodio 10x7 - Nota 8.5 2013-11-03 13:31:58

AI MEU DEUS DESCULPA. Meu, desculpa mesmo! Pensei que você já tivesse assistido, tô me sentindo super mal agora, ai que horror :(((

Episodio 10x7 - Nota 8.5 2014-11-22 13:04:22

Ainda bem que Jo conseguiu se redimir comigo logo agora, porque ela tinha me deixado extremamente irritado incentivando o Alex a ir atrás do pai sem saber um terço da história deles. E poxa, tava linda como Tinker Bell. Amei!

Sobre o Alex: como comentei anteriormente, devido à raiva e decepção que ele havia se submetido no encontro com o pai no bar, deu pra entender bem a frustração com o pai da menina que estava mais preocupado em falar ao telefone do que cuidar dela. Mas de uma forma ou de outra, quando a mesma sumiu, o cara mostrou estar aflito, pelo menos. ALIÁS: a cena da menina andando pelo corredor escuro e encontrando aquela velha foi muito boa! A trilha sonora de suspense HAHAHAHAHA.

Ai, Cristina... Eu fico com o coração na mão por ela não ficar na festinha de Halloween das crianças. Seria a oportunidade perfeita pra se redimir e se desculpar com a Meredith, inclusive. De qualquer forma, o rumo da personagem nessa 10A está MUITO ABAIXO das minhas expectativas. Esperava um tratamento melhor. Daí pra piorar tudo de uma vez, ainda colocam o SHANE ROSS como interesse amoroso pra ela. Olha, é o fim do mundo mesmo. Não faltava mais nada: Cristina dormindo com esse assassino indireto! PQP!

Mas falando no Shane: ao menos ele continuou fazendo com a senhora, o que a Heather fazia, né. Só não curti o “não sou melhor que ela, mas vou ser”. Porque não, nunca vai ser. Ele é incapaz. Invejoso. Ambicioso. Destruidor. Ela estava apenas seguindo com o programa. Ele queria intriga. Isso diz muito sobre o caráter de ambos. BTW: mais uma vez, lembrei da Izzie com esse negócio de tratar a mulher escondido dos outros. Ai, que saudades! <3

Richard finalmente tá mais agradável. E demorou muito pra se desculpar com a Meredith, finalmente o fez. Ela nunca mereceu ouvir aquelas palavras de desprezo só por se considerar família dele. E tô gostando também do treinamento que dá dando aos internos, especialmente a Jo. <333

Sobre Leah e Arizona: eu DISPENSO comentários. Só ressalto que é uma das minhas maiores decepções na série. Desnecessário. Arizona tinha que estar jogada no chão pensando numa maneira de compensar a Callie pela covardia que fez, e não dormindo com outras mulheres. Por favor, vadia.

Enfim, episódio de Halloween bem divertido! Curti bastante. <3

Episodio 10x7 - Nota 8.5 2014-11-22 13:04:45

Every Halloween we make a choice about what kind of costume we're going to wear. Something sexy, maybe we'll be someone scary, or you could be a superhero, which is what I'm trying to be this year.

Halloween is not for the faint of heart. There's a surprise around every corner. Some of the surprises are good. And some of the surprises are bad. What's important is that you can't let the fear of the surprise stop you from getting dressed up… And wandering up to a stranger's house to ask the question. So what'll it be - trick… or treat?

Episodio 10x8 - Nota 8.5 2013-11-07 09:34:24

Aquele momento em que você já morre por saber que a coisa entre Cristina e Meredith vai ficar ainda mais feia :(

Episodio 10x8 - Nota 8.5 2013-11-09 22:04:27

Eu juro pra vocês que estou à beira das lágrimas com essa situação entre Cristina e Meredith e com esse final. Gente, de verdade: Simplesmente não consigo acreditar que a essa altura da temporada, já no 8° episódio, as coisas estão assim. A princípio, estou do lado dela nessa guerra com Cristina. Naquela discussão entre as duas, Cristina pegou pesado demais. Podia apenas dizer que Mer não estava pronta, que tinha muita coisa na cabeça. Ela rebaixou a Meredith de forma inacreditável, deixando bem claro que elas estavam “em lugares diferentes”. Não precisava.
E acho que esse episódio foi o primeiro, nos mais de 200, que fiquei completamente contra a Meredith. Tô contente pela pesquisa, por ela estar se tornando alguém além de “cirurgiã”, mas realmente... Não precisava ficar dizendo “eu estou no comando” e insinuando que é a deusa da medicina.
Pra completar tudo, ainda colocaram o Alex pra brigar com ela também (mesmo ele estando certíssimo)... Muito desnecessário. Ainda mais o Alex, que ao longo desses anos construiu uma amizade bonita e digna com a Mer. Ai...

E o Shane conseguiu superar meu ódio. MATAR ESSES MALDITOS PERSONAGENS NOJENTOS, ARROGANTES, A SHONDA NÃO QUER, NÉ.
Meu, que nojo eu fiquei desse cara persuadindo a Cristina o episódio todo. Meu, PQP.
Acho que a Meredith podia ter liberado a máquina sim. E Cristina podia ter ido atrás da aprovação (?) na primeira oportunidade. Fiquei besta que ela acabou traindo-a dessa forma. O que será de Mertina de agora em diante?

Tô super preocupado com a Bailey. Esse movimento com as mãos me deixa com a conclusão que aquele trauma que ela sofreu com a contaminação das luvas está de volta. GOD, why? Bailey não merece :/

Richard aos poucos recuperando meu respeito após as patadas que deu na Mer. Ele estava engraçado nesse episódio, compartilhando histórias. Gostei hahaha

Por fim ainda existe esse plot de Arizona com Leah, mesmo que não tenham dado destaque nesse episódio. WHY? Por que a Arizona tem que encontrar pretendente e ser feliz seguindo em frente quando ela é a culpada pelo término de Calzona? Nossa...

Não é só por Mertina, mas essas tramas envolvendo os personagens centrais não estão legais, e eu não tô gostando NADA dos rumos dessa temporada. E acreditem que é doloroso dizer isso porque Grey’s é a série da vida.
Shonda disse anteriormente que a season seria dividida em duas e torço pra que a 10B traga mais alegria e rumos decentes até a finale, porque sério... Inacreditável que isso esteja mesmo acontecendo.

WHY SHONDA, WHYYYY?

Episodio 10x8 - Nota 8.5 2013-11-09 22:06:23

Glioma, fibroma, blastoma. Whatever the tumor, people assume you approach it the same way. You find its hiding place in the body, then open the patient up, and you cut it the hell out. But, you're not just fighting the one tumor. You're actually in a war with a billion cells...

So, how do you beat the odds when it's one against a billion? You're just outnumbered. You stand strong, keep pushing yourself past all rational limits, and never let yourself give up. But the truth of the matter is despite how hard you try and fight to stay in control, when it's all set and done, sometimes you're just outnumbered.

Episodio 10x8 - Nota 8.5 2014-11-23 10:08:21

Não entendi o motivo da maioria das pessoas assistindo a série, dizendo que a Meredith tá insuportável essa temporada toda. Porque nossa: que mentira.

Nesse episódio eu concordo plenamente que ela se excedeu. Como comentei anteriormente: deve ter sido o primeiro que ela me deixou bem puto da vida mesmo, 100% irritado. Meredith tem uma loooonga trajetória envolvendo muitas tragédias diretas e, por conta disso, eu tô contente por ela estar fazendo essa pesquisa, estar dando esse novo passo, de modo geral. Eu sempre gostei muito da personagem e sempre fico do lado dela. Porém: não há razão pra querer se colocar acima dos outros e querer tratamento de deusa da medicina. Não. Ficou nítido que suas atitudes nesse episódio foram pra provar pra Cristina que ela é uma cirurgiã competente sim – e convenhamos que foi uma atitude compreensível –, mas só não queria que ela exagerasse como fez: a vida de uma pessoa estava naquela mesa. Ficou feio, e de fato foi uma “médica ruim”. Alex falou pouco, mas bonito. Só não quero que os dois fiquem brigados também, porque I can’t.

Sobre a Cristina: ainda estou esperando ela pedir PERDÃO pra Meredith por tê-la rebaixado de forma tão desnecessária e sem consideração. Mas olha, eu fico com o coração partido por ver essas duas numa situação dessas. Cristina não estava errada em querer usar a impressora, se existe mesmo uma grande chance de salvar a vida do bebê. Mas acho que podia ter feito como Mer mandou: falasse com a diretoria e todas essas coisas. INVADIR a sala, retirar o que Meredith estava imprimindo sem ela saber foi uma traição horrível que doeu até em mim. Esperava mais da Cristina no quesito AMIGA nesse momento.

Além disso: tem como ficar com mais raiva do Shane Ross? Pois é, tem sim. Manipulou de uma forma incrível Cristina o tempo todo, começando pela história de que “a impressora não é da Meredith, e sim do hospital”, sendo que a própria tinha dito que a verba tinha sido DELA. Aliás: vocês já repararam o quanto ele fica irritado quando alguém o contradiz? Essa é a segunda vez que eu noto isso nessa temporada. A primeira foi no episódio 200, o 10x04, e agora de novo. Vamos lembrar, também, que sua arrogância e ambição sem limites acabou culminando na morte de uma pessoa inocente, vítima de seu ego.

No momento, não estou odiando tanto a Leah como eu odiava na primeira vez que assisti a temporada. Porém, não posso dizer o mesmo sobre o relacionamento dela com Arizona, porque não me conformo. Mesmo não recebendo destaque, me dá vontade de vomitar. Arizona provando ser escrotíssima. Não tinha que estar saindo com NINGUÉM, porque elas não estão divorciadas.

Mas enfim, eu adorei a interação do Jackson com o Derek nesse episódio. Dei risada com os xingamentos na OR e concordei com Shepherd em relação ao ensinamento que os internos precisam receber.

Sobre April e Matthew: fofinhos, lindinhos, mas acho que essa discussão sobre virgindade já deu o que tinha que dar. Desde o final da 8ª temporada, de 10 palavras que saem da boca da April, 9 são sobre virgindade! Já deu, fofa!!

Richard ÓTIMO nesse episódio e adorei a alegria dele no final, contando sobre o salvamento da CJ. HAHAHAHAHA. Espero que ele se recupere e volte à ativa logo. <3

O que dizer sobre Bailey? Apenas que já estou com muita pena por ela estar desenvolvendo TOC, por causa do trauma que sofreu com as luvas, isso tá bem nítido. Fiquei bem tenso nas cenas da OR, porque já pensou se surge alguma complicação no paciente por causa dessa neurose que ela apresentou? Aí sim ela fica louca de vez. Poxa :/

Enfim, por conta dos rumos nada atrativos que estão dando para os personagens principais, e pelo destaque que dão aos internos chatos, essa primeira parte da 10ª temporada tá mesmo um tanto abaixo do esperado. Mas calma, gente: melhora. Muito!

Episodio 10x8 - Nota 8.5 2014-11-23 10:08:39

Glioma, fibroma, blastoma. Whatever the tumor, people assume you approach it the same way. You find its hiding place in the body, then open the patient up, and you cut it the hell out. But, you're not just fighting the one tumor. You're actually in a war with a billion cells.

So, how do you beat the odds when it's one against a billion? You're just outnumbered. You stand strong, keep pushing yourself past all rational limits, and never let yourself give up. But the truth of the matter is despite how hard you try and fight to stay in control, when it's all set and done, sometimes you're just outnumbered.

Amoooo <333

Episodio 10x9 - Nota 9 2013-11-14 09:53:10

As fotos promocionais também estão tensas. Callie :(((

Episodio 10x9 - Nota 9 2013-11-17 15:54:12

O episódio foi excelente por si só, mas realmente a situação do bebê da Arizona foi muito desconexa. Não que eu não tenha gostado do plot, pois achei o máximo. Foi excelente rever Calzona em seus dias de glória, ainda mais com essa notícia linda. Callie beijando a barriga, elas indo visitar uma casa maior. Tudo muito amor. PORÉM foi um acontecimento muito importante na vida de ambas, que teve lugar há pouquíssimo tempo, pra ser apresentado por meio de flashbacks.

E honestamente? Eu adoro muito a Arizona, e gosto da idéia do relacionamento delas ainda poder se reerguer. Só que acho que Arizona devia ter sambado um pouquinho mais pra conseguir o perdão da Callie, não? Independente dela ter não ter pensado duas vezes pra mandar a Leah embora, ela embarcou num relacionamento com ela mesmo sendo a errada na questão da separação. Enfim...

Muito tenso todas as cenas no julgamento e os flashbacks do paciente no hospital. Também acho que o caso podia ter sido apresentado alguns episódios atrás, pra aprofundar o público de modo geral. Mas tudo foi muito satisfatório, não tenho queixas.
E aquele advogado de defesa era um pé no saco, não deixava ninguém falar mas queria que ouvissem as histórias pessoais super irrelevantes. Afff poupe-me.

Agora é voltar pra realidade no próximo episódio com Cristina e Mer brigadas e toda aquela coisa do estudo... Ai :( Fiquei até com o coração na mão com aquela cena no começo, Mer ainda grávida e amiguinha pra sempre da Cristina. WHY SHONDA, WHY.

E episódios sem a presença daqueles malditos internos sempre vai ser um episódio superior.

Episodio 10x9 - Nota 9 2013-11-17 15:55:51

Doctors never mean to screw up. They make a bad call and they don’t think of what happens. It’s not like we do it on purpose, it’s not like we want to hurt anyone. But sometimes we do. Sometimes we make mistakes. And when we blow it, we’re sorry. Not that being sorry really matters, not anymore.

There’s no apology in the world that matters now......We've all done things we aren't proud of. I understand that. I know nobody's perfect. But how do you live with it? How do you get up every morning and face the world, knowing you could've done better? That you should've done better? Is being sorry enough? Can an apology actually heal our wounds? Ease our pain? Can it undo the hurt that we've caused?

Episodio 10x9 - Nota 9 2014-11-25 10:39:23

Episódio focado em Calzona, funcionou tão bem! Desde as cenas atuais até os flashbacks, foi tudo muito bom de acompanhar, mesmo que tenso em vários momentos.

Fiquei sem respirar em vários momentos nas cenas do julgamento. Acho que você precisa ter muito controle, caso esteja sendo acusado de algo, pra não levantar e se defender. Fiquei com TANTA raiva daquele advogado de defesa, que nem sei. Ele levantando já com aquele sorrisinho bobo no rosto: nossa, que raiva! Muito fácil exigir que testemunhas respondam só com “sim” ou “não”, sem dar a chance de explicar. Pra prejudicar a ré. Como quando a Jo diz “sim” para a pergunta que Callie sabia sobre a esponja. ARGH!

Sobre o caso: achei bem triste. Fiquei com pena do rapaz por perder as duas pernas assim. E claro, deu pra entender bem o motivo de querer processá-la. Só fiquei um tanto “revoltado” com ele querendo usar o “I’m sorry” dela como uma confissão de culpa. Porque se for assim, não consigo imaginar quantos médicos são culpados pelo câncer, ao entregarem o diagnóstico para pacientes e dizerem o “I’m sorry” em seguida. E pelo flashback, em momento algum ela falou que era a culpada. Só disse que se ele tinha que ficar com raiva de alguém, era dela e não da namorada (?).

Sobre os flashbacks Calzona: acho que esse negócio da gravidez da Arizona, ela ter perdido o bebê e tal, foi uma coisa muito grande na vida das duas pra ser tratada apenas em flashbacks, mas eu gostei mesmo assim. Foi bom vê-las nos dias de glória como casal. Fiquei tão contente quando Callie beijou a barriga dela, quando foram procurar uma casa maior. Poxa!

Dei risada com a cara que o pai da Callie fez pra Arizona quando a encontrou HAHAHAHAHAH Lembro quando ele tentou dar uma surra no George quando ele acabou traindo também. Mas enfim, eu adorei o incentivo que deu pra filha. Esse cara sim é digno de respeito, não abandonou a Callie por motivo nenhum. Já a mãe é uma nojenta...

Agora, sobre o momento atual: eu quero, sim, que Calzona se acerte. No entanto, Arizona não se esforçou NADA pra conseguir o perdão da Callie. Praticamente não correu atrás e foi pra cama com outra mulher, quando devia estar procurando uma maneira de se redimir. Pouco me importa se mandou Leah embora assim que ouviu da Callie que elas podem voltar a ficar juntas. Leah não era pra ter entrado no quarto da Arizona em primeiro lugar.

Mas enfim, episódio muito bom!

Episodio 10x9 - Nota 9 2014-11-25 10:39:43

Doctors never mean to screw up. You make a bad call and the unthinkable happens. It's not like we do it on purpose. It’s not like we want to hurt anyone. But sometimes we do, sometimes we make mistakes. And when we blow it, we're sorry. Not that being sorry really matters, not anymore. No apology in the world matters now.

We've all done things we aren’t proud of. I understand that. I know nobody’s perfect but how do you live with it? How do you get up every morning and face the world knowing you could've done better, that you should've done better. Is sorry enough? Can an apology actually heal our wounds? Ease our pain? Can it undone the hurt we've caused?

Episodio 10x10 - Nota 8.5 2013-11-21 15:37:10

Já vi Cristina e Meredith conversando na foto promocional e já estou temendo. DE NOVO.
Shondanás mexe muito com nosso psicológico.

Episodio 10x10 - Nota 8.5 2013-11-22 10:49:24

Eu simplesmente não acredito que a Cristina beijou o Ross logo após GRITAR com a Meredith daquela forma. Minha nossa Shondanás, o que você está tentando fazer com os fãs da série, da Cristina e Mertina? PQP.

Episodio 10x10 - Nota 8.5 2013-11-23 19:32:51

Ingenuidade a minha: Pensei que a Cristina fosse virar pro Ross e repreendê-lo por gritar daquela forma com uma superiora, sem mencionar a amiga que esteve ao lado dela durante todos esses anos. Mas aí o que a Cristina faz? Dá um beijo nele, apoiando a atitude. Mais uma vez eu fico à beira das lágrimas com essa situação. Eu amo a Cristina, quero deixar bem claro, tô devastado com a saída da Sandra, mas não consigo ficar do lado dela. Tudo bem que a Meredith estava mesmo muito “mandona” dois episódios atrás, mas agora o estudo dela estava mesmo comprometido. Sem falar que por mais que toda essa briga Mertina seja pessoal, a Meredith não foi a única que levou pra esse lado, tudo vai de volta ao “estamos em lugares diferentes agora”, porque Cristina rebaixou a Mer SIM dizendo que não era tão competente como ela.

E mais uma vez no meio dessa briga (por mais que esteja do lado da Mer nessa), o certo é o Alex, tentando colocar na cabeça da Cristina que pode dar errado e que eles podem manter o menino vivo por mais alguns anos, assim o novo “experimento” pode funcionar sem grandes riscos. Acho que tô prevendo o que vai acontecer: Não vai dar certo, o menino vai morrer e a Meredith vai perder o estudo. Querem apostar?

E também gostaria de deixar claro o nojo que estou sentindo pelo Ross. No meio de tantos personagens chatos que essa série apresentou como Erica Hahn, Preston Burke, Owen Hunt em suas primeiras temporadas, de longe esse assassino intencional se destaca. Quase vomitei com ele dizendo pra Cristina que estava “disponível”. George morreu. Izzie foi embora. Teddy foi embora. Por que diabos essa merda do Ross deve permanecer na série? ARGH.

Triste pela Bailey e esse novo problema. E tô temendo muito por Benley, não quero que eles se separem. Vamos ver agora como ele e a própria Bailey vão lidar com esse problema, ainda mais agora que ela tá com raiva por ter sido denunciada, por assim dizer...

Tô feliz por Calzona porque elas são um dos meus casais favoritos ever. Gostei da reação da Callie quando descobriu sobre as “mais de 10 vezes” com outras pessoas. Podem me apedrejar, mas não aceito esse relacionamento da Arizona de forma alguma. Mas tudo bem, o importante é eles rumarem pra reconciliação.
Ah, e a Leah pode morrer também. Obrigado, de nada.

Eu tô tão feliz, mas tão feliz pelo Alex e Jo. “Não vou se você não for”, que fofura.

Stephanie não é TÃO irritante, mas não combina de jeito nenhum com o Jackson, não gosto deles como casal e já podem terminar. E gente, eu gosto muito dele com a April, mas também gosto do Matthew. Tô vivendo um dilema!

Richard é louco né? Olha só o que foi provocar. Agora vai passar um tempo extra no hospital...

Episodio 10x10 - Nota 8.5 2014-11-26 12:01:42

Mais uma vez fiquei decepcionado, à beira das lágrimas, com a situação Mertina se complicando ainda mais nesse episódio. E não aceito, ou consigo perdoar jamais a atitude de apoio da Cristina ao Ross nesse final. Como comentei anteriormente: quem esse FILHO DE UMA PUTA ASSASSINO pensa que é pra falar daquela forma com uma superiora, uma das donas do hospital que pode muito bem mandá-lo embora? Mas nossa, Cristina, nunca pensei... Meredith sempre esteve do seu lado, em todos os momentos! Quando você foi abandonada no altar pelo Preston Burke, quem estava lá pra você? Quem viajou com você naquela que deveria ser sua lua de mel? Na casa de quem você casou com o Owen? E tantas outras coisas que já passaram juntas?

Olha, a briga é uma coisa bem pessoal sim, mas não fico NUNCA contra a Meredith nessa situação. Quem começou tudo foi a Cristina quando, sem necessidade nenhuma, decidiu rebaixá-la só porque agora tinha um recém-nascido em casa. Ela deve pedir desculpas, perdão, por ser tão desnecessária. É muita falta de consideração e não dar uma bronca no Ross pela forma como falou com Mer é uma coisa que eu NUNCA na vida esperei ver.

E mais uma vez falando sobre o Ross: HAHAHAHAHAHAHA pra cena que se oferece pra satisfazer a Cristina. Porque sério: é rir pra não chorar de um verme desses. Lá na 9ª temporada, ele ficou todo desconfortável quando PENSOU que a April tava dando em cima dele, criou uma situação constrangedora dizendo que o trabalho era importante, que ele não podia se comprometer com superioras. Mas as coisas mudam, né? Matou indiretamente a Heather Brooks por inveja e agora já se oferece como um prostituto. Lixo!

Falando sobre outro interno: Leah, você também é muito desnecessária. Deu pra rir, mais uma vez, quando ela acusou a Arizona de ter contado pra Callie sobre o relacionamento das duas. A meu ver, ela fez de propósito. Vocês repararam que ela errou o procedimento, mas o que a Callie fez? Mandou ela respirar fundo, se recompor, e reverter aquele instrumento cirúrgico. Mas ainda assim, Leah se viu “obrigada” a virar pra Arizona pra mandar ela fazer alguma coisa. HAHAHAHAHA Ela pensava o quê? Que Callie era idiota? Estúpida.

Agora sobre Calzona: é aquela, eu quero as duas juntas, fico feliz que estejam tentando. Mas fiquei com raiva da Arizona mais uma vez, quando falou sobre as duas dividirem culpa, e sobre Callie ficar dando uma de vítima. GENTE? Callie foi traída, ouviu um “você cortou minha perna!” como justificativa pelo ato covarde da esposa e ainda é taxada de “fica se fazendo de vítima”? Ai Arizona, é melhor você ficar calada e compensar a merda que fez. Grato.

Meu coração tá na mão pela Bailey. Mas Ben fez o certo mesmo. Essa neurose dela pode muito bem colocar a vida dos pacientes em risco e precisava ser afastada. É de surpreender que ela própria não esteja vendo que tem um problema, já que não conseguiu dar às costas pra cadeira que a própria tinha derrubado em um momento de fúria. Poxa...

Pra finalizar: eu não tô odiando tanto a Stephanie como quando assisti a temporada pela primeira vez. Mas minha opinião sobre o relacionamento com Jackson não muda: eles não têm química e foi uma das piores decisões que os roteiristas tomaram. Aliás: eu adoro o Matthew, mesmo. Mas Japril é vida e torço mais do que nunca pra que eles se acertem antes desse casamento. POR FAVOR!!!

Episodio 10x10 - Nota 8.5 2014-11-26 12:02:09

The body is an infinitely complex mass of interacting systems. People like to think doctors see it all clearly. But it's not always obvious what's a hiccup in the system and what's full-on medical disaster. We figure that out in our first year of residency. We spend the rest of our careers lying about it.

It's just a cold. Muscle through it. It'll pass. Nothing's really wrong. We're doctors. We'd know if something was really wrong.

Episodio 10x10 - Nota 8.5 2016-02-23 12:33:01

Eu disse que ele era chato nas primeiras temporadas em que surgiu. Nessa época eu já gostava dele. Mas antes, era insuportável.

Episodio 10x11 - Nota 8.5 2013-12-07 19:34:31

QUERIDA SHONDA RHIMES, TORÇA PRA NUNCA ME ENCONTRAR CAMINHANDO PELA RUA PORQUE: VOCÊ VAI APANHAR!

Episodio 10x11 - Nota 8.5 2013-12-07 19:45:55

Você começa a assistir o episódio na maior empolgação já que não teve ep novo em duas semanas... Daí uma das primeiras cenas é: CRISTINA E ROSS NA CAMA. Imaginem só a minha cara de decepção.
Agora mais que nunca tá mais que visível que Shonda tá punindo a Sandra e fazendo os fãs odiarem a personagem. Não duvido que no fim a Cristina morra, levando em conta tudo isso. Gente, cadê a CRISTINA YANG? Porque eu não conheço essa mulher dessa temporada se passando por ela. Se rebaixar ao Ross e ser MANIPULADA por ele? Onde que isso é personalidade de CRISTINA YANG? Eu amo a personagem, de verdade... Mas a Shonda tá conseguindo alcançar o objetivo e após mais de 200 episódios, pela primeira vez, eu tô torcendo MUITO pra Cristina quebrar a cara, se ferrar lindamente. De verdade. Aquela cena dela brigando com a Meredith pra justificar as atitudes porcas do Ross foi o cúmulo do absurdo.

Aliás, falando nesse Assassino Intencional... MEREDITH, VOCÊ FAZ PARTE DO CONSELHO DO HOSPITAL! Que absurdo o modo como ele tá tratando ela, gente. Isso não existe. Meredith tinha que no mínimo suspendê-lo pra aprender a respeitar seus superiores. E devo ressaltar que NUNCA odiei e desejei a morte de um personagem como eu faço com o Assassino. Espero que ele voe no final da temporada.

ALEX <3
Eu tô gostando dessa carga dramática em cima dele, essa “exploração” a mais do passado, mas não tem como não ficar com o coração na mão por ele diante dessa situação. Fiquei com pena da Jo também quando praticamente foi agredida pelo Jimmy... Mas sei lá, eu acho que ele tá mesmo querendo a rendição.
“Eu separo brigas desde meus 6 anos. É como andar de bicicleta.” :(

CALZONA!!!
Nem vou mais comentar sobre Arizona não ter ralado pelo perdão como eu esperava, mas eu amo as duas e tô saltitando com a reconciliação. SUAS LINDAS.
E Leah, por favor: EXPLODA antes de desejar que elas terminem novamente.

Adorei Meredith, Stephanie e a ovelha. Pela primeira vez essa interna não me deixou irritado. Ri com a dancinha dela pra câmera e aquele sorrisinho da Mer. ♥

E a paciente do Derek e Callie me rendeu uma lágrima por conseguir tocar no marido. Que amor.

Por fim adorei o destaque pra April e o show dela com as irmãs no final. Eu achei elas um tanto engraçadas, mas muito sufocantes.

Chandra Wilson é um amor só. Tô gostando do plot da Bailey e da negação em tomar os remédios, e gostei do Richard incentivando-a a ficar melhor.

Tirando Cristina (infelizmente, nem creio estar dizendo isso. Me perdoe verdadeira Cristina Yang) e Ross, o episódio foi ótimo.

Episodio 10x11 - Nota 8.5 2014-11-27 10:20:22

Se tinha alguém que duvidava do mau caráter do Shane Ross, acho que teve a certeza nesse episódio. Eu sempre comento sobre como Heather Brooks se tornou vítima fatal do ego e da inveja desse infeliz e agora ele tá fazendo tudo de novo. Exemplo vivo e nítido disso é aquela cena do elevador, quando Meredith entra e, sem nenhum ressentimento pelas coisas absurdas e desnecessárias que ele disse no fim do episódio passado, pergunta se o procedimento clínico da Cristina está indo bem. E o que ele diz: Que ela não precisa se gabar, e que ela “ganhou”. Mas gente: entendo e é óbvio que a briga Mertina atingiu pontos pessoais por culpa da Yang, porém desde quando ambas estavam competindo pra ver qual o procedimento que se sairia melhor com a impressora 3D? Mais uma vez, Ross aparece com sua inveja e ambição sem limites. Meredith podia muito bem ser a próxima vítima do ego dele. Aliás, o lixo merecia, NO MÍNIMO, levar uma suspensão pela forma desrespeitosa a qual se voltou pra Mer, a dona e uma das ocupantes de cadeiras do conselho.

Sobre a Cristina: é um desgosto começar o episódio com certa empolgação e a primeira cena dela ser na cama com esse assassino intencional nojento. Daí em seguida, ela decepciona mais ainda quando defende as atitudes absurdas do Ross, quando Meredith afirma que ele está diferente. Até ela notou isso mesmo, ele já não tem nada a ver com aquele cara bobinho de grande parte da 9ª temporada. Então é isso. Eu amo muito Mertina, e espero que as coisas entre elas se resolvam logo. Mas é IMPOSSÍVEL você ficar ao lado da Cristina nessa situação toda. Ela que começou tudo e suas atitudes desde então só me deram o mais profundo desgosto. Esperava mais, bem mais dela.
PS: não achei engraçada, não esbocei sorriso nenhum pela dancinha da vitória que ela teve com o Ross. Fico feliz pelo bebê. Só.

Sobre o Alex: meu coração ficou na mão por ele. Pelas coisas que o Jimmy disse em alucinações, ele completando a frase no final, com o “eu vou fazer vocês dois chorarem”, aquele “separo brigas desde meus 6 anos, é como andar de bicicleta”. Gosto desse aprofundamento no passado do personagem, acho que estávamos precisando conhecer um pouquinho mais. Além disso, eu fico com pena do Jimmy também. Acredito que ele esteja tentando ficar sóbrio sim e, quem sabe, buscando a redenção.
BTW: tomei até um susto quando Jimmy jogou a Jo com força contra a parede! Já pensou se ela fica mesmo machucada? Nem sei o que Alex faria... :/

Leah é outro peso morto, assim como Ross. Que vontade fiquei de entrar na tela e encher essa mula de tapas, na cena que diz: “é, foi intenso, será que elas vão terminar?”. PORRA! VAI À MERDA!

Daí em momentos como esse, por mais que eu esteja gostando muito da reconciliação Calzona, eu não consigo deixar de sentir raiva da Arizona. Porque jamais deveria ter ido pra cama com outra pessoa, ainda mais essa Leah psicótica aí.

Não acho o plot da Bailey insuportável. Gostei das cenas que a envolveram nesse episódio e gostei da médica que estava acompanhando-a. Melhor ainda foi o Richard dando o incentivo pra ela aceitar a doença e tomar o medicamento. Parece que é mal de médico não querer aceitar quando um problema de saúde surge, né?

Derek e Callie também ótimos. Adorei o plot deles e fiquei contente pela mulher ter conseguido mover a mão mecânica e tocar no marido. <3

Pra finalizar: as cenas da April com as irmãs foram ÓTIMAS, dei risada especialmente com o surto dela no final. O embate entre Jackson e Matthew também foi meio intenso. Quero só ver como vai ser esse casamento. AGUENTA CORAÇÃO!

Episodio 10x11 - Nota 8.5 2014-11-27 10:20:57

Every doctor has a dirty little secret. We're all competitive science nerds. In grade school, we made the biggest and best volcanoes which erupted actual fake molten lava. In junior high, we spent hours laboring over our rat mazes. So that one day, we’d be the person who changed the face of medicine forever.

Sometimes, the key to making progress is to recognize how to take that very first step. Then you start your journey. You hope for the best and you stick with it, day in and day out. Even if you're tired, even if you want to walk away. You don’t. Because you are a pioneer. But nobody ever said it'd be easy.

Episodio 10x12 - Nota 10 2013-12-12 14:59:56

Todo mundo já muito tenso com os planos diabólicos de Shondanás pra essa winter finale. Let's just stay strong!

Episodio 10x12 - Nota 10 2013-12-15 11:58:59

Mais uma vez Mertina me deixa à beira das lágrimas, naquela cena que elas provam o vestido e praticamente saem no tapa pela ferocidade a qual discutiam. Mas de verdade, eu gostei da forma como ambas “desabafaram” uma com a outra e tudo o que eu quero é que elas se resolvam, ao que parece isso já começou a acontecer, e que elas estejam inseparáveis na 2ª parte da temporada. E quando o assassino intencional apareceu e falou que Cristina seria considerada pra ganhar o Harper Avery, lembrei da teoria de uma pessoa lá na premiere dessa temporada, que ela ganharia o prêmio e sairia da série magistralmente. Será que vai ser assim mesmo?

Agora que eu já falei do assassino intencional, o pai do Alex é um forte candidato a ser mais uma vítima do egoísmo doentio do Shane Ross. Incrivelmente com esse episódio eu consegui ficar com mais nojo dele do que fiquei a temporada inteira. Ele persuadindo a enfermeira, dizendo que ela seria a culpada se o paciente morresse, e depois agindo como um louco desequilibrado na OR, mandando a Leah se afastar, fazendo aquelas caras e olhares doentios. GENTE? Isso é atitude de um MÉDICO? Ainda mais um residente? Que absurdo.
Na hora que ele estava parado sem fazer nada com o corpo do pai do Alex aberto, eu não me senti penalizado. De fato, lembrei muito do motivo da Izzie ter sido demitida do hospital e torço pra que aconteça o mesmo com esse verme. No fim a Meredith falou a verdade pra Cristina: ele está usando ela pra conseguir as coisas mais altas. Ridículo. Mas e agora? E se o pai do Alex morrer? Tudo o que eu quero nesse plot é ver o Shane se ferrando MUITO.

Agora falando dos destaques do episódio: April linda. Eu concordo que o único momento dela na série que a odiei profundamente foi na época que ficava correndo atrás do Derek como uma cachorrinha... Mas relevando esse plot, ela sempre foi muito engraçada e querida.
E GENTE, O FINAL! Me senti a Cristina na 2ª temporada, com o “SOMEBODY SEDATE ME!” porque foi muito de uma vez. JACKSON, SEU LINDO ♥
Senti pena da Stephanie, mesmo detestando eles como casal. Ele podia ter terminado com ela antes de fazer isso. E gosto do Matthew, peninha dele também. Mas por favor, EU QUERO JACKSON E APRIL! E ela tem que dizer SIM no próximo episódio. Não aceito NÃO como resposta.

Jolex ♥♥ Amorzinho a cena que o Alex diz que vai ser um ótimo pai, que lindo.

CALZONA ♥♥
Eu amo muito esse casal, gente. Odiei muito a Arizona por ter traído e, como comentei antes, tava achando que ela não correu atrás da Callie o suficiente pra merecer o perdão, mesmo estando feliz com elas reatando. E esse episódio meio que apagou esse “rancor”. Eu só espero que nada interfira fortemente nesse relacionamento das duas e que sejam felizes, por favor. E que Arizona diga pra Callie as mesmas palavras que disse pra April.

E por fim: Derek recebendo a ligação do presidente! Eu também fiquei imaginando o Fitz do outro lado da linha hahahaha
Mas ao mesmo tempo que a gente fica contente pelo Derek aparentemente receber um plot grandioso, a gente teme. Momentos antes disso acontecer, a Mer agradece por ele estar dando espaço pra ela e seu estudo clínico. E agora isso... O jeito é torcer pra nada afetá-los.

Incrível como eu tento ao máximo escrever comentários pequenos mas nunca consigo porque tenho que comentar sobre tudo. E COMO FICA ATÉ FEVEREIRO?

Episodio 10x12 - Nota 10 2014-11-28 10:09:10

Primeiro foi a Heather Brooks. E agora, o Jimmy “Karev” é um forte candidato a ser a segunda vítima do egoísmo e da ambição desse ser desprezível chamado Shane Ross. Nossa, é de surpreender o quanto esse cara mudou da 9ª temporada pra cá: nem parece o mesmo personagem. E nesse episódio, meu ódio, meu nojo por esse cara só conseguiu aumentar.

Já começa me deixando com um pé atrás quando revela que sabe alterar o banco de horas semanais trabalhadas, porque todos sabemos que um médico cansado usando de energéticos pra se manter frenético, é um risco para a vida dos pacientes. Depois veio esse absurdo com o Jimmy. PORRA, custava chamar um atendente? CUSTAVA? Senti meu sangue ferver quando mais uma vez usou de manipulação pra conseguir o que queria, já querendo colocar a morte do paciente nas costas da enfermeira que tentou impedi-lo. Mas o pior de tudo foi sua atitude DURANTE a cirurgia. Onde já se viu um médico gritar com outro daquele jeito, mandando se afastar, dizendo que pode cuidar daquilo sendo que visivelmente tá enfrentando vários problemas? E aqueles olhares furiosos que ele dava pra ela? Gente?

Como comentei anteriormente: fiquei com muito nojo desse cara, quando Richard entrou na OR e o viu parado diante do corpo aberto do pai do Alex, com sangue por todo o avental. Não deu pena porque ele fez porque quis. No mínimo, merece ser demitido e não quero nem pensar se o Jimmy morrer, o que pode acontecer. Aliás: engraçado que a consciência do Shane só pesa quando outra vida fica em risco pelas mãos dele, né? Além da premiere e daquele episódio de Halloween, me digam qual foi o episódio que ele demonstrou estar penalizado com o que tinha feito com a Heather? Pois é, nenhum. Porque nos outros ele estava manipulando atendentes como Cristina pra conseguir as melhores coisas, estava gritando com outros superiores por conta dessas coisas e ficou por isso mesmo. É sempre o ego e a ambição que falam por si só. Independente do que aconteça com Jimmy, no próximo episódio Ross já deve ter esquecido. Porque ele é assim.

April estava MARAVILHOSA de noiva. Fiquei tão feliz quando Owen disse: “você é muito querida”, por praticamente todo o hospital estar esperando ela entrar na igreja. Fofa demais. Mas nossa, o que me destruiu de vez mesmo foi o Jackson. Fiquei tão arrepiado, até a alma, que pensei que fosse desmaiar – e olha que tô vendo o episódio pela segunda vez. DEMOROU MUITO, MAS FINALMENTE! Lembro da espera de três meses pra saber a escolha da April, foi uma tortura. Mas tá quase aí, gente! HAHAHAHAHAHA

De qualquer forma, eu ainda consigo sentir um pouquinho de pena da Stephanie. Não gostava dos dois como casal, mas eles estavam juntos há, o que? Um ano? Merecia mais do que um “I’m sorry” antes de ser trocada na frente de todo mundo. E o Matthew eu digo a mesma coisa, mesmo sendo completamente inesperado o Jackson fazer isso. Ele é tão fofinho, que chega a ser crime fazer isso. Mas eu quero JAPRIL mesmo, então... Paciência! :/

Arizona conseguiu amenizar um pouco minha raiva com a conversa que teve com April, falando sobre Callie querer consertá-la e a outra médica ter se atraído por ela após a amputação da perna. Mesmo assim, não acho certo ela ter traído a esposa por uma coisa tão boba. Se Callie esteve tentando “consertá-la”, é porque a própria Arizona sempre deixou bem claro que agora estava “defeituosa”, “imperfeita”, e sempre a culpou por isso. De qualquer forma, eu espero que nessa 10B elas possam encontrar aquela “chama” de volta, como casal. Porque eu adoro as duas e elas estão precisando. <3

Todo mundo fica decepcionado quando o Presidente liga pro Derek e não é o Fitz, né? HAHAHAHAHA seria tão legal se Scandal e Grey’s fizessem parte de um mesmo universo. Mas enfim, é uma coisa grandiosa o que tá acontecendo com Derek, mas ao mesmo tempo dá pra temer. Porque Meredith falou que precisa de um tempinho a mais, agradeceu pelo apoio e tal. E essa nova porta aberta pra ele pode mudar isso. Sem falar que eles estão TÃO BEM como casal, como nunca vimos antes, que dá mais medo ainda... Vamos ver.

Pra finalizar: Mertina. Fiquei arrepiado, de novo, com a cena das duas batendo boca na prova do vestido. Estremeci quando Cristina mandou Mer ir pro inferno, quando falou que ela se tornou “aquilo que nós ríamos sobre”. Mas felizmente ela foi sincera no final e espero que a partir de agora, as coisas voltem a ser como antes. Tudo o que eu quero!
Mas só pra ressaltar mesmo: Cristina não disse “você é uma péssima médica” com essas exatas mesmas palavras. Porém “não, você não é uma médica tão qualificada e eficiente como eu”, e “estamos em lugares diferentes agora”, é bem subentendido, concordam? :)

Episodio 10x12 - Nota 10 2014-11-28 10:10:53

Failure is an invevitability. Every scientist was told so. Over and over. The ones we remember, the ones who changed our lives. They are the ones who wouldn't take no for an answer.

Failure is inevitable. Unavoidable. But failure should never get the last word. You have to hold on to what you want. You have to not take "no" for an answer, and take what's coming to you. Never give in. Never give up. Stand up. Stand up, and take it.

Episodio 10x13 - Nota 9 2014-02-27 08:16:03

Ai, me sinto muito culpado por querer que a April #ChooseJackson, porque eu gosto muito do Matthew também e a atriz tem uma ótima química com os dois!

Mas sei lá... com Jackson ela já tem uma história tão bonitinha, mesmo com os altos e baixos, que está presente há tanto tempo. Ele demorou demais pra dizer o que sentia...

Quero só ver. É bom Shondanás nos entregar uma 10B nota 1000, ainda mais por se tratar dos 12 episódios finais de Cristina Yang :(

Episodio 10x13 - Nota 9 2014-03-01 10:30:18

Eu amei o retorno. Tô colocando toda a minha fé nessa 10B e sei que a Shonda não vai me decepcionar, porque a 10A não foi aquilo que eu estava esperando para o nível Grey’s Anatomy da vida.

Fiquei rindo que nem bobo na cena final. Fiquei com pena do Matthew, mas como não amar Japril, gente? Ainda mais com Jackson dizendo que quer ter tudo com April e que quer casar, meu, é amor demais.
Realmente foi uma trollada bonita da Shonda e de quem escreveu durante a execução desse episódio... Eu já estava xingando muito, dizendo que não tinha sentido a April abandonar tudo no altar, praticamente, pra depois nem ao menos ficar com o Jackson. Ainda bem que foi diferente, e foi lindo. Uma das melhores cenas da série, de longe.

Outro momento sorriso bobo de ponta a ponta: MERTINA AMIGAS DE NOVO. Verdade que a cena da Cristina convidando Mer pra cirurgia foi um tanto receosa, mas foi ótimo vê-las na OR conversando novamente, tava com saudades disso. Elas são lindas demais ♥
E gente, desde o anúncio da Sandra eu tô me sentindo muito mal em relação a saída da Cristina... E acho que, por estarmos mais próximos dessa despedida, tô começando a ficar desesperado. Cada cena que tivemos com ela senti meu coração na mão... Não quero que ela saia :(

E teve ainda momentos Calzona que foram excelentes ♥

Mais um momento coração na mão: Alex durante TODO o episódio e mais ainda quando o pai dele morreu, e ele ficou com os olhos cheios de lágrimas... “You son of a bitch”. É muito triste vê-lo assim, não merece... E agora, será que ele fica deprimido ou vai ser uma coisa passageira?
E caramba, fiquei muito surpreso quando ele apresentou a Jo como noiva!!! Mas será que vai pra frente? Será que ela aceita?!

Sobre o Shane: Eu odeio muito esse personagem, talvez seja o mais insuportável que a série já recebeu – e olha que já recebeu muitos chatos que felizmente evaporaram – e acho que ele devia morrer ou sair do hospital.
PORÉM, por algum motivo, talvez por eu ser contra humilhações em ambiente de trabalho, escolar, etc, cheguei a ficar com “raiva” do Owen, acho que foi desnecessário a forma como ele falou. Não se comportou como um Chief, mesmo o rapaz estando lá contra sua vontade. Acho que castigo maior é a indiferença.

Mas como odeio o Shane, me senti completamente realizando com a surra que o Alex deu nele. Foi merecida. Ainda não esqueci o nojo que senti desse personagem durante as cenas da cirurgia do James... Foi até assustador. Agora podem matá-lo.

Sem paciência pra mimimi da Stephanie, sem paciência pra Murphy usando Arizona como exemplo por ter sido deixada, e ainda por cima indo tirar satisfações com o Jackson no meio de uma cirurgia... E mais mimimi ainda com essa queixa que foram prestar, aff me poupe. Esses superiores podem ter se relacionado com esses INTERNOS – e todos eles foram burros, diga-se de passagem – ma ninguém os forçou a NADA. Nenhum deles chegou e disse: “sou seu chefe, agora você vai sair comigo”, porque foi basicamente isso que foram dizer na reclamação...

De qualquer forma, foi um ótimo episódio!

Episodio 10x13 - Nota 9 2014-03-01 10:31:39

Every day a surgeon makes decisions that can go one of two ways: either very good, or very, very, very bad. The problem is that the ethically great decisions and the ethically bad ones look exactly the same when you're making them.

Looking back, it's easy to see when a mistake has been made... to regret a choice that seemed like a decent idea at the time, but if we used our best judgment and listened to our hearts, we are more likely to see that we chose wisely and avoided the deepest most pain regret of them all - the regret from letting something amazing pass you by.

Eu amo as narraçõe de Grey’s Anatomy. De verdade ♥♥

Episodio 10x13 - Nota 9 2014-03-01 12:53:26

Exatamente! Esses internos são todos muito zzzzzzzzz
Só a Jo salva!

Episodio 10x13 - Nota 9 2014-03-03 19:56:54

Exatamenteeeeee! Fiquei com muita raiva disso. Internos imprestáveis, todos devem sair da série.

Episodio 10x13 - Nota 9 2014-11-29 20:26:08

Trollada maldita essa de quem escreveu o episódio, fazendo a gente acreditar que a fuga da April tinha acarretado em todo mundo ficar sozinho. Mas nossa, quando mostram a April abraçando o Jackson por trás no final, fiquei todo arrepiado e com um sorriso bobo, de ponta a ponta no rosto. Melhor ainda de tudo isso é que eles, de fato, se casaram! Espero que eles assumam logo, já que passou muito tempo desde os eventos do casamento. Não tem motivo pra ficar escondendo.

Sobre Stephanie: fiquei com pena porque eles estavam juntos há muito tempo e tal. Mas fiquei com raiva também quando chamou a April de vadia, já que foi o Jackson que parou o casamento, não é como se April tivesse interrompido pra se declarar pra ele. Além disso, mesmo que Kepner não tivesse fugido, será que Steph ia ficar com Avery mesmo assim? Não, né? Enfim...

Só acho que vou ficar com muito mais raiva desses internos agora. Leah me irritou muito quando enfrentou Jackson no meio da cirurgia e achei o CÚMULO quando falou pra Steph que ela “deveria fazer alguma coisa”. Além disso, o que ela viveu com Arizona não tem absolutamente nada a ver com o desfecho que Steph teve com Avery. Logo, me deu “sono” quando Owen apresentou a queixa para os membros do conselho, sobre “ambiente de trabalho hostil”. Afff. Até parece que os superiores chegaram nos internos apontando armas e dizendo que eles deveriam ser seus brinquedos sexuais, né? NINGUÉM foi forçado a nada. Leah se envolveu porque quis. Se não consegue lidar com um término de namoro, que vá pro inferno de uma vez.

Eu ODEIO o Shane, ele se transformou em um ridículo ambicioso e egocêntrico e não me importo se ele morrer nos próximos episódios. No entanto, mesmo com o erro absurdo que ele cometeu, não concordo nunca com a forma como Owen estava o tratando durante os procedimentos cirúrgicos. Fico com o Richard nessa. Acho feio, ridículo e desnecessário um superior rebaixar uma pessoa assim, que ainda está aprendendo, na frente de outras pessoas. Péssimo método de ensino, que só prejudica o hospital.

E a surra que Shane levou do Alex valeu por TUDO o que ele já fez. Mas podia ter levado um socos a mais.

Falando no Alex: poxa, fiquei tão triste por ele nesse episódio, que nem sei descrever. “You son of a bitch”, tadinho. O pai apareceu por pouco na vida dele após o abandono e já conseguiu deixá-lo abalado dessa forma. Fiquei triste também com a mulher indo embora com o violão sem pensar duas vezes. Alex mentindo, dizendo que eles estavam no avião, que iam chegar logo. E depois dizendo “pode ir, eles sabem que você os ama”. Poxa...
Só acho que ele não devia ter dito que a Jo era noiva assim, sem ter feito a proposta. Entendi ela ficar balançada, afinal foi muito repentino mesmo.

Enfim, episódio ótimo!

Episodio 10x13 - Nota 9 2014-11-29 20:28:21

Every day a surgeon makes decisions that can go one of two ways: either very good, or very very very bad. The problem is that the ethically great decisions and the ethically bad ones look exactly the same when you're making them.

Looking back, it's easy to see when a mistake has been made... to regret a choice that seemed like a decent idea at the time, but if we used our best judgment and listened to our hearts, we are more likely to see that we chose wisely and avoided the deepest most pain regret of them all - the regret from letting something amazing pass you by.

Episodio 10x14 - Nota 8.5 2014-03-08 15:19:07

Se eu tivesse na sala no momento que a Murphy deu uma de coitada dizendo que deveria ter assinado o nome dela na denúncia ao invés de deixar anônima, provavelmente teria voado no pescoço dela e ela teria ficado internada por estar muito machucada, de verdade...

Eu concordo que os membros do conselho estão sendo hipócritas sim por quererem privar outros relacionamentos quando os deles mesmos foram construídos DENTRO do hospital, mas minha raiva maior é pra essa interna recalcada, que fez uma denúncia em base de uma mentira. Porque, como foi dito no episódio passado, dava a impressão que tinham denunciado assim: “Sou uma residente, e os atendentes chegaram na gente e disseram que, ou iríamos para a cama com eles, ou não chegaríamos a lugar nenhum profissionalmente”. E convenhamos que isso NUNCA aconteceu.
É ridículo ver a Murphy “magoada” por levar um fora da Arizona. RIDÍCULO.

E sobre a Stephanie, eu nem digo nada... Por favor, Lexie teve um relacionamento mais profundo com Jackson do que ela, esse mimimi de “what? :(” ao descobrir que Japril estão juntos... Não aguento.

Sobre o Shane: Esse foi o PRIMEIRO episódio dessa temporada que não fiquei com raiva desse personagem. A bronca dele nos colegas sobre estar desperdiçando oportunidade foi muito bem-vinda e super coerente. Também acho que ele pode mudar e deixar de ser detestável.

Agora falando nos personagens que realmente importam: JAPRIL <3
Não sei se deixei passar algo no episódio passado, mas não esperava que eles tivessem casados. Pensei que ia ter uma preparação pra isso e tal, mas curti muito. Eles são tão lindos juntos, nem sei explicar.

Jolex também é um amor que só. Por um momento pensei que eles realmente tivessem brigado na frente de todo o hospital... Eles me enganaram direitinho!
A explosão do Alex diante do conselho foi excelente e não acho que a Jo vai ser castigada, porque vai ser o cúmulo se acontecer.

E ainda falando no Alex, não sei explicar bem o que senti na cena que ele sai do elevador com o Richard. O momento foi triste – queria tanto que a menina sobrevivesse – mas foi tão bom vê-lo no exato mesmo nível de Richard Webber. Tão bom perceber que você acompanhou a evolução não só dele, mas de TODOS os personagens da série. Só orgulho pra definir.

Meredith e Cristina representaram o momento que fiquei com um sorriso muito bobo no rosto. Estava com muitas saudades da interação amigável entre essas duas. E ao mesmo tempo em que fico contente, me dá um aperto no coração por saber que a saída da Cristina está cada vez mais próxima. Não vou conseguir lidar com isso... Já tô entrando em depressão.

Não podia deixar de comentar também sobre os momentos Calzona, que foram lindos. O sorriso da Callie é tão contagioso. O momento do anel foi demais! ♥

Eu shippo Crowen e fiquei contente por eles terem se pegado de novo. Mas diante da saída da Cristina e da permanência do Owen, não sei o que pensar dos dois. Sem falar que fiquei com raivinha do Owen sim nesse final, porque é fato que ele TRAIU a Cristina, ainda jogando na cara dela, que tinha o feito por ela não querer ter filhos nem família, e terminar com a Emma por QUERER essas coisas foi tão.... Podia ter dado outro motivo.

E por fim MerDer, que mesmo nesses conflitos continuam sendo uns fofos e me fazendo amá-los cada vez mais. E o que esperar desse novo passo do Derek?!

Muita felicidade nesse episódio, não poderia ter sido melhor. Mas conhecemos a Shonda, já fico com medo do que pode acontecer nos próximos episódios... Prevejo tragédias :(

Episodio 10x14 - Nota 8.5 2014-03-08 15:21:01

Cancer is a biological bully, always picking a fight, and it will sneak up on you. It’ll wait until the body feels safe, until it feels healthy and strong... That’s when cancer will move on in and get bigger and bigger. The body never even sees it coming... Because cancer is the master of surprises.

You can try to hide from a bully. But hiding won’t work for long. There’s really only one way to win. You have to fight back. And if you’re lucky enough to get out alive, take just a moment to celebrate... Before you put your guard back up, ready to fight the next one.

<33333

Episodio 10x14 - Nota 8.5 2014-03-08 19:43:10

Ahhhhhh verdade!!! Eu revi a cena agora que você comentou HAHAHAHAHA é que eu fiquei tão extasiado pelos dois que deixei passar esses detalhes.

Obrigado por me lembrar! :D

Episodio 10x14 - Nota 8.5 2014-03-10 19:49:38

Verdade... O Shane faltou com respeito com a Meredith, fez aquele espetáculo com o pai do Alex... Provocou a morte da Brooks. Vai ser difícil aceitá-lo. Tudo o que eu quero é que o destaque suma, porque nem ele e nenhum dos outros residentes - com exceção da Jo - merecem tanto tempo de tela. Esse foi o maior erro que Grey's já cometeu.

E eu também adoro seus comentários! Muito obrigado! :D

Episodio 10x14 - Nota 8.5 2014-11-30 11:54:07

E pela segunda vez, eu morri de ódio e nojo da Leah nesse episódio. Aquela cena que assume que foi ela quem fez a denúncia anônima deixa meu sangue fervendo. Acho tão ridículo ela não aceitar, não conseguir lidar que levou um fora da Arizona, que nem sei o que dizer. Fez essa denúncia em base de mentiras, porque nenhum interno nunca foi obrigado a nada. Leah ficou em cima da Arizona e Stephanie tinha se mostrado bastante atraída pelo Jackson quando eles começaram. Dizer que o ambiente de trabalho é hostil e que isso está interferindo no aprendizado deles, quando ELES é que estão se remoendo por causa de término de namoro, é o cúmulo do absurdo.

Eu ainda tenho certa pena da Stephanie, porque o modo como as coisas terminaram pra ela não foi nada legal. Porém, a carinha triste, de chocada, quando descobriu sobre Japril estar junto, me deixou revoltado também. Ah, meu! Ela queria o que? Voltar pra ele? Get over it, bitch.

E por fim: Shane falou bonito naquele discurso sobre o estágio no hospital ser uma dádiva que eles estão desperdiçando. Foi a primeira vez que não fiquei com raiva desse personagem na temporada. Porém, deu vontade de rir quando falou que se “distraiu com Yang”. Porque, convenhamos, foi ELE quem ofereceu seus “serviços” pra ela, sendo o intrometido que é. Então...

Alex também me representou quando explodiu na frente do conselho. Também deu pra dar risada dos membros dizendo que ele deveria “manter o relacionamento profissional” dentro do hospital, quando CADA UM DELES construiu seus casamentos na on-call room, como ele mesmo falou. Então, gente, menos. E falando em Jolex, que trollada magnífica foi aquela briga que eles tiveram no início? Lembro que fiquei perplexo e chateado por eles terem terminado, só pra um segundo depois mostrarem que era tudo uma pegadinha! HAHAHAHAHAHAHA. Mas enfim, espero que Jo não seja castigada, porque é muita hipocrisia desse pessoal. Vamos acompanhar...

Meredith e Cristina ficando bêbadas, ai que amor. Que bom que as coisas finalmente voltaram aos eixos para as duas. Não ia aguentar mais elas trocando farpas o tempo inteiro. Que continue assim, e que elas se fortaleçam cada vez mais. <3

Agora sobre Crowen: eu gosto dos dois e não nego ter ficado feliz quando eles se pegaram de novo. HAHAHAHAHA. Mas como comentei anteriormente: é um absurdo Owen dizer pra Emma que quer terminar por ela não ser completamente comprometida à cirurgia, por ser capaz de abandonar tudo pra ser mãe, pela família... Sendo que lá na 8ª temporada, ele TRAIU a Cristina usando como justificativa o fato dela não querer filhos. Inclusive, gritou numa festa na casa da Mer que ela tinha matado o filho dele ao fazer o aborto e etc. Será possível que Owen é bipolar e não sabe?

Enfim, excelente episódio!

Episodio 10x14 - Nota 8.5 2014-11-30 11:55:16

Cancer is a biological bully, always picking a fight, and it will sneak up on you. It'll wait until the body feels safe, until it feels healthy and strong... That's when cancer will move on in and get bigger and bigger. The body never even sees it coming... Because cancer is the master of surprises.

You can try to hide from a bully. But hiding won't work for long. There's really only one way to win. You have to fight back. And if you're lucky enough to get out alive, take just a moment to celebrate... Before you put your guard back up, ready to fight the next one.

Episodio 10x15 - Nota 9 2014-03-15 16:06:28

Comecei a literalmente dar risada quando a Arizona disse que a queixa da Leah era contra Callie. Gente, inacreditável. E aquela justificativa de que foi porque Callie se recusou a ensiná-la foi só pra não ser escrota e dizer: "foi porque ela decidiu retomar o casamento com minha namorada". PQP.
E pensar que Cristina está com os dias contados no GSMH e esses malditos internos vão continuar...

Stephanie já me cansou de uma forma, que olha... Mas gostei quando ela disse que Jackson apenas iria "existir" pra ela. Que assim seja, e que pare de irritar!

Ridículo o castigo pro Alex, PQP. Pensei que eles fosse relevar, mas não... Ao menos a Meredith surgiu com aquele documento pra oficializá-los como casal e se livrarem dessa perseguição. Em momentos como esse, minha raiva pela Leah Recalcada Murphy só aumenta.

Cada louco que aparece, o que dizer daquele Thom exigindo receber o rim doado de volta? KKKKKKKKKK Não sei como a April não ficou extremamente irritada, que ideia absurda.

Calzona é um amor só. Esse final com Arizona voltando a andar nos patins com a ajuda da Callie foi tão lindo que nem sei explicar... <3

Tadinho do bebê abandonado no lixo. Fico com o coração na mão quando escuto qualquer coisa envolvendo abandono de incapaz, ainda mais de bebês. É triste demais...

De novo, não sei bem o que pensar sobre Crowen... Acho que deviam deixá-los apenas como amigos, já que sabemos que eles efetivamente vão se separar...

Enfim, foi um ótimo episódio. Tô amando essa 10B incondicionalmente.

Episodio 10x15 - Nota 9 2014-12-02 11:26:58

Acho que a Arizona é louca, porque a justificativa que Leah deu pela queixa contra Callie foi uma mentira deslavada. E Arizona sabe disso. Ora, se me lembro bem – e lembro –, aconteceu assim: Callie estava ensinando Leah na boa a realizar um procedimento que consistia na perfuração de determinada parte da perna de um paciente. Leah se excedeu, atravessou a perna e perfurou a mesa. O que a Callie fez? Mandou Leah respirar fundo, ficar calma, reverter alguma coisa no instrumento cirúrgico e continuar o procedimento normalmente. Mas o que Leah fez? Ficou dizendo o tempo todo “não consigo” e, em seguida, virou pra Arizona e falou: “VOCÊ NÃO PODE FAZER ALGUMA COISA?”, obviamente querendo usar a relação que elas tiveram como uma forma de intervenção contra aquilo que ela não estava conseguindo fazer.

Sabemos que Arizona NÃO CONTOU pra Callie que tinha transado com Leah. Foi essa MULA que deixou claro quando pediu a intervenção. E esse negócio que a Callie se recusou a ensiná-la é mentira, porque a idiota é que estava gritando que não conseguia fazer, mesmo com Calliope pedindo pra ela se acalmar e se recompor. Ou seja, é nítido que a queixa foi SIM por Calzona ter retomado a relação e Murphy ter ficado de lado, o que aumenta ainda mais o meu ódio contra ela. Desnecessária. Agora Callie vai ficar com essa ocorrência registrada pra sempre. E não merecia isso, de fato. Ela tá sofrendo demais ultimamente por conta das escolhas da Arizona. Não merecia essas coisas como agradecimento, de jeito nenhum. Mas olha, gostei muito da cena final das duas, mais especificamente do momento dos patins. <333

Ainda sobre os internos: Stephanie continua me irritando muito, mas gostei demais do “discurso” dela pro Jackson no final. É bom mesmo que comece a agir como se ele só “existisse” e pare de ficar revirando os olhos, chamando April de vadia ou coisas do tipo, porque não sou obrigado. Como comentei antes: entendo a raiva dela, porque foi de fato humilhada. Mas pronto, já passou. O relacionamento que teve com Avery nunca foi realmente profundo, então chega de se lamentar. Grato!

Fiquei REVOLTADO com o Owen em cima do Alex o tempo todo. Caramba, eles realmente foram a fundo nisso. Quanta hipocrisia! E isso porque Alex e Jo não fizeram NADA naquele armário, só entraram pra conversar! Mas espero que ele assine o documento e que Jo não enxergue problemas, assim ficarão livres de serem suspensos o tempo todo. E minha raiva pela Leah Murphy só aumenta em momentos como esse. Recalcada maldita.

O bebê abandonado na caixa me partiu o coração. Fico tão triste quando vejo essas coisas, que nem sei. :(

Mas